História Trabalho em Dupla - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Personagens Midoriya Izuku (Deku), Momo Yaoyorozu
Tags Dekumomo, Hentai, Nudez, One-shot, Romance, Sexo
Visualizações 277
Palavras 2.846
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá meus queridos leitores e leitoras, aqui esta mais um fic minha One-shot dessa vez sobre Boku no Hero.

Bom como eu estou de férias eu resolvi fazer uma One-shot sobre esse anime que eu acompanho já faz tempo, e um dos casais que mais acho interessante Midoriya e Momo.

Provavelmente eu farei outras One-shots sobre esse e outros animes, assim como cartoons então se você tem alguma dica de casal que gostaria de ver e só deixar nos comentários que eu posso acabar fazendo mais para frente.

Então espero que gostem da fic e comente o que acharam.

Capítulo 1 - Trabalho em Dupla


Fanfic / Fanfiction Trabalho em Dupla - Capítulo 1 - Trabalho em Dupla

Trabalho em dupla

Já era final da tarde na U. A. com isso maioria dos jovens heróis estavam terminando seus treinamentos e indo para seus dormitórios, para descansar e se prepararam para mais um dia de treino.

Porem um deles não estava indo para seu quarto, Midoriya estava um pouco nervoso como se estivesse indo para algum julgamento.

-Fique calma é só um trabalho em dupla, nada de mais apenas relaxe. Midoriya estava repetindo isso varias vezes em sua mente.

Midoriya chegou enfrente a quarto de sua parceira de trabalho e quando ele ia bater na porta ele começou a ficar mais nervoso e inseguro.

-Vamos..i..isso não e tão difícil.. mas e se ela estiver ocupada ....o que.eu faço...Midoriya ficou completamente com gelado ate que a porta acabou se abrindo ele ficou surpreso.

-Quem é..Midoriya você finalmente chegou. Momo um pouco surpresa e leve mente corada.

-O..o..ooo. Olá Momo, eu não estou atrapalhando?

-Claro que não Midoriya, eu te disse que eu estava livre hoje para fazermos o nosso trabalho.

-Eu consigo combater vilões psicóticos, mas não consigo fazer um trabalho em dupla com a Momo, apenas relaxe. Midoriya pensamentos.

Midoriya então respirou fundo e ficou um pouco mais calmo, Momo então chamou Midoriya para entrar em seu quarto.

-Não repare eu estava terminado de arrumar o meu quarto. Um pouco tímida.

Midoriya já tinha visto o quarto de Momo, mas mesmo assim não deixava de se surpreender com a enorme cama da garota, que ocupava uma boa área do quarto, além de outros objetos como livros, algumas joias que pareciam ser bem caras.

-Bom como vamos fazer o trabalho?

O trabalho em questão era pesquisar algumas estratégias de resgate em situações de desastres naturais ou provocados por vilões, algo simples que podia ser feito individual ou em dupla, mas o que o deixou surpreso foi Momo querer fazer dupla com Midoriya, ele não estava esperando por algo assim.

Ele imaginou que ela fosse fazer dupla com o Todoroki, não com ele.

-O Midoriya realmente esta aqui sozinho comigo, eu não posso deixar meu nervosismo estragar esse momento. Momo pensando com ela mesma.

-Bom eu já andei dando uma olhada em algumas coisas do trabalho no meu notebook.

-Eu também tenho algumas anotações que eu fazia nos meus cadernos antigos.

Tanto Midoriya quanto Momo estava um pouco envergonhados, o que era bastante irônico pois normalmente na sala de aula ou na presença dos seus outros amigos eles não ficavam assim.

-Não a motivo para eu ficar assim eu o Midoriya, o bondoso, determinado e forte Midoriya de novo não eu tenho que me controlar lembre-se das aulas de etiqueta que eu tive. Momo ficando levemente corada.

-Relaxe.. quantas vezes eu já disse ou pensei isso hoje, eu só estou no quarto da Momo, que e a garota mais inteligente, focada e bonita da sala, ou ate mesmo da U.A. Midoriya também estava começando a ficar vermelho.

-Bom que tal nos...você quer dizer algo ...digo. Os dois disseram isso ao mesmo tem e acabaram ficando muito mais vermelhos.

-Se você tem alguma ideia pode falar Momo, afinal eu e você só uma dupla, se trabalharmos juntos tenho certeza que nosso trabalho será o melhor da sala. O rapaz de cabelos verdes disse isso um pouco corado, mas era possível ver sua determinação.

-Bom eu pensei nessa estratégia de distração onde um herói chama atenção todo para se enquanto os outros resgatam as pessoas e planejam um contra ataque. Momo.

-De falto isso e algo muito eficiente pois assim diminuem os riscos de alguém se machucar além de...Midoriya então começou a ficar falando em voz alta o que poderia acontecer nesse tipo de situação.

Momo acabou rindo um pouco.

Momo pensamentos.

Midoriya você realmente um herói diferente, mesmo tendo uma individualidade que te torna tão forte, você ainda usa muito sua cabeça para conseguir bolar estratégia que te fazer ter o controle da situação ou permitam explorar o máximo do seu potencial e dos seus aliados.

Desde o festival da U.A. eu venho pensando em você de forma diferente, mas do que só um colega de classe que também quer se tornar um herói, eu realmente estou começando a sentir algo mais que companheirismo e amizade.

Mas como eu faço para dizer isso a ele, droga eu estou muito envergonhada, e isso não hora para esses pensamentos eu tenho que terminar esse trabalho.

-Miidoriya em pensei que tal..

Momo acabou ficando empolgada de mais, quando foi mostrar algo em seu notebook para Midoriya que quando levantou um pouco sua cabaça para dar atenção a jovem, e com isso os dois acabaram se beijando mesmo que fosse só por alguns segundos antes de se separaram.

Momo estava muito corada e envergonhada, enquanto Midoriya estava também corado só que com os olhos arregalados e completamente paralisado, como se ele ainda não tivesse conseguido entender o que havia acabado de acontecer.

-Midoriya..me desculpe eu não queria fazer isso..foi sem querer.  Momo estava tampando seu rosto com suas mãos por esta envergonhada.

Mas ela logo percebeu que Midoriya ainda estava distraído e logo começou a balança-lo violentamente.

-Midoriya acorda.

-A..aa.aaoo..o que..o que ...foi voltei...Momo para com isso. Midoriya ficou um pouco tonto mais logo voltou ao normal.

-Me desculpe por esse beijo sem querer.

-Não precisa se desculpar, foi um pequeno acidente.

-Eu sei mas...

-Momo você quer me dizer algo, pode falar eu não ficarei bravo.

-Bom... por mais que tenha sido um pequeno acidente, eu já queria ter feito isso a muito tempo. Momo estava ficando envergonhada novamente.

Com isso tanto Momo e Midoriya voltaram a ficar corados.

-Isso desde o festival da U.A., quando você começou a se destacar eu logo vi que você não era como os outros garotos, você e muito inteligente e esforçado e sempre consegue criar formas criativas e inovadoras para usar seus poderes mesmo sobre pressão diferente de mim.

Nessa hora Midoriya acabou colocando sua mão no rosto dela que ficou ainda mais corada.

-Momo eu vi como você se saiu durante o teste em dupla contra o Aizawa-sensei e você consegui lidar muito bem naquela situação, e graça a você que conseguimos achar o Ka-chan, se você não fosse rápida para fazer aquele rastreador e colocado ele naquele Nomu.

Nessa hora que Midoriya reparou que estava com a mão no rosto de Momo e acabou ficando novamente corado e sem graça.

-Então o que eu quero dizer e que você e uma heroína incrível. Midoriya tentou tirar sua mão do rosto de Momo, mas ela acabou segurando sua mão.

-Obrigada Midoriya.

Momo então voltou a beijar Midoriya, mas dessa vez não foi mais longo e os dois puderam aproveitar ainda mais os lábios um do outro, Midoriya não podia acreditar que havia mesmo beijado Momo.

Os dois se separaram quando ficaram sem ar, quando os dois se separaram um olhou para outro ainda um pouco corados.

-Momo depois desse trabalho você gostaria de ir comigo dar uma volta pela escola.

-Claro, nos ate poderíamos pegar algo no refeitório.

-Então vamos terminar logo esse trabalho.

Os dois então deram um breve sorriso, depois que terminara seu trabalho eles foram para o seu passeio que de certa forma foi o seu primeiro encontro, onde os dois ficaram conversando sobre vários assuntos, como exemplo como eles despertaram suas individualidades, como era sua vida antes de estar na U.A. entre outros assuntos.

Após esse dia os dois começaram a ficar cada vez mais próximos, porem eles ainda não tinha contado para ninguém sobre seu relacionamento, ate por que eles só estavam tendo pequenos encontros.

Mas com o passar do tempo quanto mais eles se encontravam, mais sua relação ia crescendo e mais ia nutrindo e desenvolvendo desejos cada vez maiores um pelo outro, e eles queria contar para seus amigos que eles estavam namorando.

Ate que Momo mandou um pequeno bilhete para Midoriya encontrar com ela em seu quarto um dia depois da meia noite.

Quando foi meia noite Midoriya estava na frente do quarto de Momo, ele sabia que se fosse pego uma hora dessas lá com certeza ele teria muitos problemas.

-Momo sou eu Midoriya. O rapaz bateu algumas vezes na porta que se abriu e logo Momo o puxou para dentro de seu quarto e trancou a porta.

-Que bom que você pode vir meu querido Midoriya.

-Eu.... Midoriya ficou mudo ao ver Momo.

Momo estava com seu cabelo solto, e ela estava usando ma meia calça preta que ia ate a metade de suas coxas, e calcinha e sutiã também pretos.

Midoriya logo acabou corando com a visão de sua namorada.

Os dois já tinham tidos alguns beijos e caricias um pouco mais pervertidas, mas sempre que estavam se aproximando da melhor parte algo acontecia e eles tinha que parar o que estavam fazendo, e isso estava deixando os dois muito frustrados e seus desejos sexuais só estavam aumentando.

-Você esta deslumbrante Momo. Midoriya muito corado.

-Bom Midoriya eu estava pensando já que vamos oficializar o nosso namoro, por que não fazemos algo especial essa noite. Momo corada.

-Mas não e perigoso que os outros escutem?

-Eu já pensei nisso por isso usei minhas habilidades para criar um material aprova de som e coloquei nas paredes para evitar mais problemas.

-Você realmente esta um passo a minha frente minha querida.

Os dois então se beijaram de uma forma bem mais intensa e cheia de desejo, após os dois começaram a passar as mãos um pelo corpo do outro, Midoriya estava passando suas mãos pelas curvas das coxas, barriga e seios.

Já Momo tirou a camisa de Midoriya para ela poder ver seus músculos definidos devido ao seu treinamento, mas conforme passava suas mãos por eles, ela acabou vendo as varias cicatrizes que Midoriya tinha em seu braço direito e suas mãos, aquilo sempre a deixava preocupada com Midoriya que notou isso.

-Essa noite e para ser especial minha querida, não precisa ficar preocupada comigo, você sabe que eu sei me cuidar.

-É bom mesmo, se não eu que irei acabar com você e não os vilões. Momo acabou limpando uma pequena lagrima em seu rosto.

Midoriya então começou a beijar e dar alguns chupões no pescoço de Momo enquanto massageava os grandes e macios seios da garota que já começava há gemer um pouco.

-Aaahh...aaah..você tem uma pegada bem firme Midoriya. Momo gemendo um pouco.

Midoriya então pegou Momo no colo e a levou ate a cama onde ele a deitou com um pouco de cuidado, depois ele tirou o resto de suas roupas e depois o sutiã de Momo e logo começou a massagear e apertar com um pouco de força os seios dela que logo voltou a gemer, Midoriya também estava dando chupões na barriga de Momo.

-Midoriya..você...aaahh...você esta um pouco mais vorás que normalmente.

-Eu quero te dar o máximo de prazer possível.

-Então por que você não chupa os meus seios, você sabe que eles são meus pontos fracos. Momo levemente corada.

Midoriya então ficou de frente para os seios de Momo e começou a apertá-los novamente, ele então se aproximou e começou a chupar a ponta do seio direito de Momo que já estava durinho enquanto ele massageava e apertava a parte que ele não conseguia colocar na boca.

Alem disso Midoriya estava massageando o outro seio de Momo com sua esquerda.

-Aaa.ahh..isso..da forma como eu imaginei..Midoriya..me de.mais prazer meu querido...Momo estava sentindo muita excitação com tudo aquilo.

Ela mordia os lábios para tentar conter seu tesão mais não estava adiantando, ela então começou a se masturbar usando sua mão esquerda ela arredou sua calcinha e usando seus poderes para fazer um pequeno vibrador para estimular sua buceta, enquanto Midoriya estava concentrado em seus seios.

Depois de alguns minutos Midoriya de chupar os seios de Momo e foi ate sua buceta e começou a lamber entorno dela enquanto ela usava seu pequeno vibrador.

-Eu vou..aaahh..aaahhh..hiih.enlouquecer desse jeito.

-Midoriya agora e a minha vez de te dar prazer.

Momo então se levantou e Midoriya ficou sentado na lateral da cama, Momo então se ajoelhou enfrente Midoriya e acabou fazendo um frasco de lubrificante, ela então colocou o membro de Midoriya entre seus seios e começou a deixar um pouco do lubrificante cair em seus seios e no membro de Midoriya.

Ela então logo começou a movimentar seus seios e com isso ela estava fazendo uma espanhola em Midoriya que também não segurava alguns gemidos.

-Momo..aah..isso..e delicioso.

-Eu vi isso em alguns livros que eu andei lendo sobre sexo.

Momo então continuou movimentando seus seios ate que o membro Midoriya estava totalmente lubrificado, ela então parou sua espanhola, se levantou e deu um beijo de língua em Midoriya para demonstrar toda a sua luxuria.

-Midoriya agora vamos logo para a parte principal dessa nossa noite.

Momo então se deitou na cama, ela então tirou sua calcinha que estava um pouco molhada, ela então deixou suas pernas um pouco abertas.

Midoriya então se aproximou de Momo e começou a passar sua mão pela cintura dela e indo ate suas coxas, o rapaz então colocou seu membro próximo à entrada da buceta de Momo.

-Esta pronta?

-Sim, vamos logo Midoriya, nos já esperamos de mais.

Midoriya então começou a introduzir seu membro dentro da buceta de Momo que ia gemendo conforme ia sentindo o interior de sua buceta dilatava pelo membro de Midoriya.

Quando ele percebeu que estava se aproximando do hímen dela, Midoriya a beijou bem apaixonadamente, ele então desferiu um estocada que conseguiu romper a hímen de Momo que sentiu um pouco de dor enquanto um pouco de sangue escoria de sua buceta.

-Você esta bem, que esperar um pouco? Midoriya um pouco preocupado.

-Não se preocupe..Midoriya não viemos tão longe para parar justo agora. Momo um pouco corada.

Midoriya então começou a dar algumas estocadas, como era a primeira vez dele e Momo fazendo sexo os dois ainda estava pegando o jeito, mas Midoriya estava num ritmo um mediano onde suas estocadas iam bem fundo no útero de Momo alem de serem um pouco fortes.

-Aaaahhh..como isso..e divertido e.eeeaaahh..prazeroso. Momo.

Midoriya então começou a chupar novamente os seios de Momo que ficou ainda mais excitada e estava dando alguns gritos de prazer e gemia bem alto, Momo também passou suas pernas entorno da cintura de Midoriya.

Não demorou muito e Momo acabou tento um orgasmo enquanto Midoriya acabou gozando pela primeira vez e encheu o útero dela com seu sêmen.

-AAAAAHH..AAAHII..AAI..Midoriya..eu ainda quero mais, eu ainda não estou satisfeita. Momo com a voz cheia de luxuria.

-A nossa diversão só esta começando.

Midoriya então começou a segurar as coxas de Momo e deixou suas pernas bem abertas e começou a dar suas estocadas novamente, ele ainda estava em um ritmo mediando, mas dessa vez suas estocadas iam mais fundo na bucetinha de Momo.

Depois que os dois gozaram novamente ele mudaram de posição onde, Momo ficou de quatro, e Midoriya estava segurando seus pulsos enquanto desferias suas estocadas na buceta de Momo, os seios da garota balançavam freneticamente devido as estocadas.

-Midoriya eu já estou chegando ao meu limite vamos gozar juntos novamente.

-Eu também já estou ficando cansado, vamos terminar isso.

Midoriya então começou a dar estocadas mais rápidas e com isso ele acabou gozando ao mesmo tempo que Momo que também estava tendo um orgasmo.

Após isso os dois estavam exaustos, suados e muito ofegantes.

Os dois então se abraçaram.

-Eu te amo Midoriya. Momo um pouco corada.

-Eu te amo também Momo. Midoriya os dois então se beijaram profundamente antes de adormecerem.

No dia seguinte Midoriya voltou para seu quarto antes do café da manhã, para ninguém desconfiar.

Quando todos da sala estavam reunidos para tomar café.

-Pessoal nos dois temos algo importante para dizer. Momo e Midoriya.

-Vai me dizer que vocês estão namorando. Mineta sendo irônico.

-Na verdade estamos sim. Midoriya.

Nessa hora todos pararam o que estavam fazendo.

-O QUE!!!!! Todos.

-Midoriya seu miserável, você fingia ser lerdo esse tempo todo só para pegar as garota. Mineta furioso.

-Fique quieto Mineta. Tsuyu então o acertou com sua língua.

-Midoriya você não e tão ingênuo como eu pensava em. Kirishima.

-Parem com isso os dois só estão namorando. Iida.

-Eu não acredito que esse idiota conseguiu uma namorada. Bakugou.

-Parece que o Midoriya passou na sua frente Todoroki. Ashido.

-Mas do que você esta falando. Todoroki.

-Mais o que esta acontecendo aqui. Aizawa.

-O Midoriya e a Momo estão namorando. Uraraka com uma cara de surpresa.

Aizawa quase engasgou com seu café, Mineta se levantou e foi ate os dois.

-Então você dois já fizeram sex...Mineta nem terminou de falar quando levou um soco na cara de Momo que o jogou alguns metros de distancia.

-Isso e ao que diz respeito só a mim e ao Midoriya. Momo envergonhada.

-Mineta você realmente não tem limites. Midoriya.

Todos ou estava com vergonha ou indignados com a pergunta de Mineta.

-Eu só estava curioso. Mineta inconsciente.

Todos então decidiram voltar a tomar café da manha enquanto perguntavam algumas coisa para o novo casal de heróis.

FIM


Notas Finais


Espero que tenha gostado.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...