1. Spirit Fanfics >
  2. Trauma - jeongcheol. >
  3. Prólogo.

História Trauma - jeongcheol. - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


i'm back



.

Capítulo 1 - Prólogo.


          Okay, sábado.

Logo seria domingo, dia de missa na igreja católica que Francine frequenta e leva junto eu e meus irmãos, mesmo a gente não gostando muito, mas não podíamos a contradizer não é mesmo?

Okay, Setembro.

Logo chegaria Outubro, mês em que as aulas voltariam. Só de pensar em vestir aquela saia tão ridiculamente feia já me da ânsia, preferia me vestir como os seniors, ou até o uniforme masculino, bem menos ridículo. Porém, Francine nunca o compraria para mim, já que pra ela garotas usam saia e vestido. Nada de calças, nada de tons muito escuros na vestimenta. Mesmo minha cor favorita sendo azul marinho e que eu prefira muito mais um tênis confortável a um saltinho ridículo de boneca.

Okay, dia dezenove.

Logo seria dia vinte, domingo e também dia em que papai tirará folga e irá conosco para a missa. Dona Abigail, mãe de Francine, também iria se não estivesse doente, será que deveria rezar por ela? acho que isso seria bom, mesmo eu não acreditando muito que apenas uma reza a cure.

Azul, essa é a cor que vem à minha cabeça quando me lembro da minha "família".

Azul pode significar muitas coisas como: tranquilidade, serenidade e harmonia, o que eu acho que descreve bastante a relação que nós temos - às vezes.

Mas azul também pode significar coisas como frieza, monotonia e tristeza. Coisas que eu tenho visto bastante na minha casa.

Papai e Francine não estão se tratando como antes, calorosos e apaixonados, eles estão frios um com o outro, meus irmãos não percebem mas eu sim. E isso também me deixa um pouco feliz, nunca gostei de Francine, ela nunca será minha mãe e nem nada minha. Mas também me preocupo, pois se ela e meu pai se separarem, como Dylan e Dener ficam com a separação de seus pais?

E nossa casa tem ganhado um ritmo monótono, parece que uma semana imita a outra e por aí vai, eu e Francine discutimos quase todo dia, parece que tudo o que eu faço está errado, e papai têm trabalhado muito e chegado bem tarde e cansado em casa, são raros os dias em que o vejo quieto descansando. Estou assustada, será que nossa relação familiar está adoecendo?

Dona Abigail também não está nada bem, não tem comido ou cuidado de suas amadas tulipas no jardim dos fundos de casa e muito menos lido Peter Pan para meus irmãos mais novos como sempre fazia e gostava. Ela está doente, sim nós já sabemos, mas será se é a doença que pensamos que seja?

Talvez eu esteja pensando demais, ou talvez apenas tenhamos caído na rotina depois de uns anos.

Sim, é isso, apenas caímos na rotina. Acontece com todo mundo. Não é nada de mais.

Acho que daqui a pouco tudo volta ao normal.



Notas Finais


então...
sei que devo muitas e muitas desculpas por dar um fim em internet boy ainda no começo e tals... mas é que a minha insegurança se juntou com a minha procrastinação e perfeccionismo e deu no que deu, me desculpem por isso.

mas agora eu to aqui tentando fazer algo que eu realmente to investindo e planejando a um belo tempo e pretendo fazer o máximo pra não foder com tudo, espero que gostem...

até o próximo cap 💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...