1. Spirit Fanfics >
  2. Três malucos e um bebê >
  3. Esse cara é Harry Potter

História Três malucos e um bebê - Capítulo 70


Escrita por:


Capítulo 70 - Esse cara é Harry Potter


—Devo supor que você já tem planos para o almoço de hoje? –Daphne perguntou divertida enquanto encarava a amiga

—Vou almoçar com Harry,você sabe disso –Pansy respondeu

—Sei que vocês andam passando muito tempo juntos –Daphne insinuou

—Como amigos.

—Nós duas sabemos que isso esta alem de amizade,querida –Daphne sorriu marota –Você sabe que pode mentir para mim,mas não pra si própria.

—Você esta um saco hoje –Pansy reclamou –Não tem planos para hoje?

—Infelizmente não –Daphne deu de ombros –Meu plano é ficar aqui e esperar você voltar do seu almoço para me contar tudinho.

—Como se fosse acontecer muitas coisas num almoço –Pansy respondeu

—Pansy,Pansy –Daphne estralou a língua e fitou a amiga –Sabemos que muitas coisas podem acontecer num almoço.

—Meu deus,o que há com você hoje?

—Comigo nada,você que esta tensa –Daphne respondeu –Precisa transar.

—AHA –Pansy exclamou –Eu sabia que ia tocar nesse assunto. Eu não vou transar com o Harry.

—Por que não? Ele é bonito, tem uma bunda linda e aquele ar de herói com causa.. é atraente.

—Por deus,faz parte do fã-clube Potter agora?

—Você faz? –Daphne respondeu

—Juro por Merlin que eu vou azarar você –Pansy ameaçou,porém isso só fez a amiga rir

—Eu não sei do que tem tanto medo,Pansy. Você era a mulher mais forte e independente que eu conheci,deixava todos os caras tremendo na base e agora.. –Daphne ficou séria –O que houve?

—Você sabe o que houve.

—Caleb?

—Ele me quebrou,ok? Eu te contei resumidamente o que ele fez. Mais tem mais,ele disse coisas..coisas que me feriram e nunca cicatrizou direito. E eu não vou deixar que outro cara faça isso comigo.

—Sabemos bem que Harry Potter jamais seria como Caleb Witther –Daphne respondeu –Ele parece gostar de você,de verdade.

—Eu não quero isso. Eu não posso me deixar levar por isso.

A morena se levantou da mesa e seguiu para o quarto,deitando na cama,não demorou muito para que Daphne também deita-se ali com ela. As duas ficaram em silencio,como sempre ficavam quando estavam em Hogwatrs e só precisavam do apoio silencioso uma da outra.

—Pansy,como sua amiga,sua melhor amiga,acho que tenho o direito de dizer algumas coisas. Eu sei que o Caleb te machucou,e muito,e que você amou ele. Mas,por mais que você tente,não vai conseguir se fechar para o amor. Isso é impossível. Alguma hora você vai conhecer um cara que vai saber tudo sobre você,que sabe quando te abraçar e quando recuar,que vai saber diferenciar seus sorrisos. . Alguma hora você vai conhecer um cara que vai virar seu mundo de cabeça para baixo,que vai fazer as borboletas no estomago ficarem hiperativas,que vai fazer seu coração disparar a cada sorriso. Alguma hora você vai conhecer um cara que não vai recuar,não importa o quanto você dificulte as coisas,o quanto você o afaste ou o quanto você fuja. Alguma hora você vai conhecer um cara que vai quebrar essa muralha que você construiu ao redor do seu coração. E sabemos que esse cara é Harry Potter.

—Ele não gosta de mim.

—Pansy,ele te manda corujas o tempo todo. Cozinha para você. Te deu a chave da casa dele. Eu não sei o que mais você esta esperando. Ou que tipo de sinal você quer.

—Um mais obvio talvez –Pansy respondeu –Que tal: “Pansy,eu gosto de você”.

—Por que não o obriga a dizer?

—Não quero colocá-lo contra a parede. Se ele gosta mesmo de mim,ele tem que dizer.

—Por deus,Pansy,você esta agindo feito uma lufana. Você é uma sonserina,haja feito uma sonserina!

Pansy bufou e virou de costas para a amiga,apenas para tê-la se jogando contra si logo depois.

—Sai encosto –Pansy ordenou rindo

—Ou vai fazer o que,lufana?

—Eu vou te mostrar que é a lufana aqui –Pansy se virou tentando empurrar a amiga para fora da cama

As duas riram e Pansy ficou imensamente feliz por ter Daphne em sua vida. Ela sabia que podia contar com a outra,sempre. Daphne sempre segurou sua mão,em todos os momentos difíceis: Quando ela descobriu que Draco nunca a amaria,como ela queria. Quando foi obrigada a se tornar comensal. Quando se viu perdendo os pais. Quando fugiu de Londres. E agora que voltou,ela ainda podia se apoiar na Greengrass.

—Eu preciso me arrumar –Pansy murmurou ao checar o horário

—Não sei por que,ta querendo impressionar o Harry? Amigos não precisam disso.

— Eu vou azarar você –Pansy garantiu

—Ok,parei –Daphne ergueu as mãos

Pansy abriu o guarda-roupas e o observou. Ela não tinha trazido tanta roupa, pois não pensou que ficaria tanto tempo. Mais desde que tinha decidido permanecer ali,ela havia comprado algumas roupas que já nem cabia no armário –por isso o ampliou magicamente. Sua busca por uma casa estava indo lentamente,nenhuma lhe agradava.

Depois de algum tempo procurando pela roupa ideia,com Daphne debochando,ela finalmente encontrou e correu para se arrumar. Não queria se atrasar. Quando estava pronta se despediu de Daphne e aparatou antes que a amiga insistisse naquela historia de que Harry era o cara certo.

Pansy não queria pensar nisso. Ela não queria estragar o que tinha com o Potter. Não queria bagunçar tudo com sentimentos descontrolados. Pegando a chave,que Harry havia lhe dado a algum tempo,ela entrou na casa dos Black. Quando esteve ali pela primeira vez,estranhou,mais quanto mais frequentava o lugar mais gostava dele.

—Harry? –Pansy chamou deixando a bolsa no aparador e indo em direção a cozinha de onde vinha um cheiro maravilhoso

A cozinha estava vazia,Pansy se aproximou do fogão e com uma colher experimentou o que o Potter cozinhava.

—Devia esperar ficar pronto,intrometida –Harry brincou entrando na cozinha com Thor

—Não me culpe,fui atraída pelo cheiro –Pansy se defendeu –Esta muito bom.

—Eu já disse,sou ótimo cozinheiro –Harry lhe de um chega para lá e mexeu nas panelas –Você esta bonita.

—Eu sou bonita –Pansy rebateu brincalhona e pegou uma cerveja amanteigada na geladeira –Você também esta bonito.

—Eu sei –O moreno piscou

Ele tinha acabado de sair do banho,seu cabelo ainda estava úmido e como sempre: Bagunçado. A morena sentou-se e tentou não pensar no que Daphne disse ou em como queria passar a mão pelo cabelo bagunçado dele,ou lhe dar um tapa na bunda –Daphne tinha razão: Harry tinha uma bunda linda.

—Gina esteve aqui mais cedo –Harry comentou

—É? –Pansy engoliu em seco temendo saber o que a ruiva queria

—Ela esta grávida.

—Como? –Pansy exclamou um pouco alto –Grávida?

—É,e vai se casar.

—Como o Theo? Quer dizer,o bebê é do Theo?

—Obvio,de quem mais séria?

—Nossa... –Pansy murmurou surpresa –E como você esta?

—Bem –Harry respondeu sem entender a pergunta

—Estou me referindo ao saber que a sua ex esta grávida e vai casar com outro cara.

—Ah,estou bem com isso também –Harry deu de ombros –Gina sempre vai ser minha amiga,mesmo que já fomos namorado,ela sabe disso. Eu sempre vou querer o melhor para ela. E fico feliz por ela.

—Eu acho que não levaria numa boa se fosse você –Pansy murmurou

—Gina e eu terminamos amigavelmente. Não ficou nenhum ponto para trás,nenhuma magoa ou desentendimento –Harry explicou –Diferente de você e do Caleb.

—Magoas é o que define nosso relacionamento –Pansy murmurou amarga –E culpa.

—Pansy,nada do que aconteceu com vocês foi sua culpa,ele que não te mereceu –Harry afirmou sentando-se ao lado dela

—É que..ele me quebrou. E eu deixei. A culpa é minha. Eu o trouxe para minha vida,eu deixei que ele se aproximasse e me conquistasse,deixei que ele me amasse e me magoa-se. Então sim,eu tenho culpa.

—Mais não precisa ter. Você tem que aprender a seguir em frente,Pansy. Deixe tudo de ruim no passado e construa uma nova vida,uma nova Pansy. Faça tudo diferente,e apaixone-se novamente. Dessa vez por alguém que valha a pena.

—Mas,e se eu não for digna de amar?

—Não diga besteira –Harry rebateu –Você é sim digna de amar e ser amada,Pansy. Você merece todo o amor do mundo,merece que te coloque em primeiro lugar,merece que te comprem rosas e segurem sua mão em publico. Merece até mesmo as estrelas.

—Como pode ter tanta certeza?

—Por que eu amo você. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...