1. Spirit Fanfics >
  2. Trilogia guerreiros livro 2: o arqueiro (Finalizado) >
  3. Prólogo

História Trilogia guerreiros livro 2: o arqueiro (Finalizado) - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Trilogia guerreiros livro 2: o arqueiro (Finalizado) - Capítulo 1 - Prólogo

Sinto um cheiro de lavanda vinda dos cabelos da humana assim que ela começa a se mexer com dificuldade. Ela está ferida, há uma flecha no meio de suas costas e ainda sangra, quando se levanta de um jeito desajeitado posso ver seus olhos ainda mais escuros que sua pele. A moça me olhava de uma maneira estranha, porém não focava sua visão e antes que ela caia do cavalo eu a pego nos braços. Ela é tão leve e pequena, não pesa quase nada... Eu precisava tirar a flecha, ela havia atravessado, o que era bom, pois tudo que precisava era quebrar a ponta e tirar as duas partes da flecha.

  Eu a levei junto com seu cavalo para um lugar seguro, e lá retiro a flecha de suas costas, ela estremece e por fim acaba adormecendo devido a dor.

   Eu a observo dormir num sono agitado, que pesadelos se passam nesta cabeça tão jovem? Ela se debate sem parar. Do nada ela acorda toda suada, ao invés de medo vejo determinação em seus olhos negros como as asas de um corvo.

- Quem é você? Como ousou me tocar, homem imundo? Como teve a coragem e a petulância de me tocar? Você é amigo ou inimigo? Vamos, responda - me agora! - Ela estreita seus olhos de falcão; onde estou? O que houve comigo? O ataque... A minha família... Eu preciso voltar agora mesmo...

- Nessas condições duvido que consiga chegar a algum lugar, mas se quiser eu não vou lhe impedir, sinta - se livre e a vontade para partir quando quiser, sua humana tola e insignificante...

- Quem é você? Você ainda não me disse; com dificuldade pega a gola de meu capuz com a pouca força que lhe restava - Você trabalha para os centauros? Diga!

- É assim que você agradece quem salvou sua vida? - me solto com cuidado para não machuca - lá; Típico dos humanos... E caso esteja curiosa me chamo Mason, e não trabalho para os centauros... E creio que isso seja o suficiente senhorita nervosinha.

- Não sou uma humana qualquer, sou Gabrielle... A futura... Rainha das amazonas.

  Depois de me dizer seu nome desmaia mais uma vez, isso explica a presença do cavalo e suas vestes de guerreira. Mas quem teria coragem de atacar guerreiras tão hábeis no manejo das armas? Obviamente os centauros, lutando por território, mas isso não era da minha conta, eu a ajudaria a se recuperar e quando ela estivesse melhor simplesmente seguiria meu próprio caminho sem olhar para trás, por que humanos só trazem problemas.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...