1. Spirit Fanfics >
  2. 'Tu é gay, mano? >
  3. Ei mano, 'tu é?; único

História 'Tu é gay, mano? - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


sim eu estou inspirada

Capítulo 1 - Ei mano, 'tu é?; único


Kou ainda perguntava-se por quê era amigo de Mitsuba, sendo que a única coisa que ele fazia era se gabar por ser bonito e dizer que o motivo de Kou não olhá-lo, é por ser bonito demais a ponto de o deixar intimidado.

– Vamos, Kou, pode dizer que a minha beleza te deixa constrangido. Estou acostumado com isso.

Ambos sentados no telhado da escola, assistindo ao pôr-do-sol. Ao menos a bela vista fazia Kou se controlar para não estrangular o amigo fantasma.

Vendo que não teria sucesso em tentar conseguir a atenção de Kou para si, Mitsuba ocupou-se em fotografar o céu, o pôr-do-sol e…

O Minamoto.

Embora não admitisse em voz alta, Mitsuba também considerava o amigo bonito. Muito, por sinal. Kou notou o sorrisinho no rosto bonito e convencido do amigo.

– Tirou foto de algo bonito? — indagou, cheio de curiosidade.

— Tirei, sim… — exibiu a foto na câmera, fazendo Kou fechar a cara. — Tirei uma foto de mim mesmo!

Mitsuba era mesmo incorrigível, mas era isso que Kou tanto gostava no rosado: sua pureza e simplicidade. Mesmo que ele o tirasse do sério, às vezes.

– É, realmente é bonito.

Tanto as bochechas do jovem fantasma quanto as do jovem exorcista ganharam um tom vermelho vivo, ambos direcionando seus olhares para lados opostos enquanto o silêncio incômodo dava as caras ali. A brisa aconchegante beijava a pele leitosa de Mitsuba, e bagunçava os fios rebeldes do Minamoto.

– Kou… — sussurrou, tendo o olhar do citado sobre si. Virou a cara para ele, e então completou. — ‘Tu é gay, mano?

A boca de Kou fez um “O” perfeito, Mitsuba estava o irritando mais uma vez!

Porém, logo pensou numa resposta e deu um meio sorriso, o olhando, agora, com uma falsa malícia.

– Eu não, mano, ‘tu que deixa.

Agora era Mitsuba quem estava chocado e mais vermelho que um pimentão. O pôr-do-sol foi testemunha de mais uma das briguinhas dos jovens amigos, enquanto Mitsuba o chamava de “brinco de guarda de trânsito brega” e o chutava o máximo que conseguia, enquanto Kou ria alto sem sentir dor alguma, exceto a dor de tanto rir.

No fim das contas, não importava o quanto implicassem um com o outro, continuariam sendo sempre amigos — na vida, e na morte.


Notas Finais


i don't care i shipping

sigam-me no twitter: @vileeer
sigam-me no wattpad: @vileeer


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...