1. Spirit Fanfics >
  2. Tudo Isso Não É Uma Coincidência(Taekook vkook) >
  3. Minha vida é uma merda

História Tudo Isso Não É Uma Coincidência(Taekook vkook) - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Oii gente meu nome é Alessandra tou criando essa fanfinc pra contar um pouco da minha história e dos personagens vai falar sobre depressão e ansiedade que é um assunto muito importante nos dias de hoje eu espero que vocês gostem e que vocês se divirtam vocês vão sorrir vão chorar nessa fanfinc e vocês estão preparados para sofrer com essa fanfinc??? eu não rsrsrs bjs amo vcs

Capítulo 1 - Minha vida é uma merda


Fanfic / Fanfiction Tudo Isso Não É Uma Coincidência(Taekook vkook) - Capítulo 1 - Minha vida é uma merda

Olá prazer me chamo Kim taehyung tenho 18 anos e moro com a minha mãe eu não conheço o meu pai ele me abandou quando eu era pequeno e minha mãe não gosta muito de tocar nesse assunto infelizmente não tenho irmãos nem amigos eu sofro com depressão e ansiedade e isso faz com que eu me afaste das pessoas eu sofro todos os dias talvez isso não tenha cura e eu vou continuar sofrendo ninguém pode me ajudar nem a minha mãe e nem ninguém.

Acordei com o maldito dispertador tocando levantei e fui em frente ao espelho como de costume infelizmente eu só via uma pessoa fraca e despedaçada porque eu não sou normal igual as outras pessoas ?, Fui no banheiro fazer minhas higiene matinal e troquei de roupa coloquei meu lindo uniforme sério eu amo esse uniforme desci correndo e vir minha mãe na mesa já me esperando com o café da manhã

-Bom dia mamãe,falei

-Bom dia meu príncipe já se arrumou ?

-Sim, hoje eu vou passar lá no parque eu gosto de ficar no meu cantinho

-Tudo bem meu filho mas tome cuidado

-Ok vou tomar, engraçado que as vezes os pais da gente nem pergunta como a gente se sente infelizmente é a realidade de muitos pais

-Bom meu filho eu tenho que ir trabalhar quer uma carona ?

-Sim mamãe

Então fomos para minha escola confesso que as vezes eu odeio a escola mas as vezes eu amo tenho meu lugar preferido lá é uma árvore que fica bem ao lado da escola que ninguém ia só eu era tranquilo ninguém me incomodava, chegando na escola já comecei a ouvir zoações

-Chegou o estraninho

-Veio de carro com a mamãe rsrsrs

As pessoas nem percebem mais as vezes certos comentários pode acabar com a vida da gente.

Entrei na sala e não vir ninguém provavelmente fui o primeiro a chegar da turma se passou 1 minuto quando chegou park jimin um menino que é muito tímido não fala com quase ninguém da turma mas era muito inteligente e educado ele se sentou um pouco mas atrás de mim a sala ficou silênciosa por alguns instantes até ele me chamar

-Ei,falou o loiro

Olhei para trás devagar

-Oi

-Você é o Kim taehyung não é ?

-Sim sou eu mesmo

-Hum legal você gosta de ficar sozinho igual eu não é ?

-Sim eu amo

-Eu também é bem melhor do que ter muitas pessoas em cima da gente

-Verdade rsrs

Ficamos trocando algumas palavras mas logo a turma começou a chegar e o professor também com um garoto que eu não conhecia

-Bom dia turma hoje chegou um aluno novo na turma de vocês esse é o jeon Jungkook quero que ele seja bem respeitado na turma entenderam ?

-Sim,disse a turma

-Ok agora pode se sentar senhor jeon

O menino se sentou num lugar bem na frente ele era muito lindo mas provavelmente seria um play boy assim com vários meninos do colégio

-Agora vou passar uma lição quero que todos venham aqui na frente e fale um pouco da sua vida e depois faça um relatório é para um novo projeto da escola vamos começar

O professor primeiro chamou hoseok o aluno mais extrovertido da turma as vezes aquele menino me fazia rir muito com suas palhaçadas na turma ele contou tanta coisa que eu pensei que ele ia fazer um livro depois que ele acabou o professor olhou pra turma e chamou o jeon Jungkook o novato eu prestei bem atenção nele era como se ele prende-se minha atenção nele tudo nele era perfeito

-Bom me chamo jeon Jungkook tenho 19 anos moro com o meu pai a minha mãe faleceu no meu parto eu tenho um irmão mas velho e tenho uma tia que eu considero uma segunda mãe pra mim eu nasci no estado unidos mas me mudei para a Coreia porque meu pai queria vim morar aqui e é isso que eu tenho pra falar para vocês.

Todos aplaudiram foi uma bela história a vida dele deve ser perfeita e a minha uma merda

-Bom agora vamos lá, olhou pra mim, senhor Kim

-E-Eu, gaguejei

-Sim venha

Me levantei lentamente da cadeira e toda a turma ficou me olhando até o novato de repente tudo passou pela minha cabeça todo o sofrimento que eu passei todas as humilhações todas as criticas me deu uma vontade de chorar e dizer pra todos parar de repente eu sair correndo da sala chorando fui para o meu lugarzinho que me fazia sentir melhor

-Porque meu deus ? Porque só comigo ? É castigo ? Porque tanto sofrimento o que eu fiz pra merecer ? Eu quero morrer, falei chorando

-Não diga isso, falou uma voz estranha que eu já havia ouvido antes virei e vi o novato atrás de mim .

-Sai daqui você não sabe nada da minha vida me deixa em paz,disse

-Porque você tá sofrendo ?

Não respondi a pergunta dele e sai correndo para o portão da escola e vir algumas meninas conversando e quando me viram começaram a rir e isso fez eu me sentir ainda mas mal do que já tava sai correndo e fui em direção ao parque o único lugar que eu me sentia bem e mais tranquilo cheguei lá e me sentei de frente para o Rio

-Porque a depressão não tem cura ? Porque minha vida não tem sentido ? Eu sofro desde quando eu nasci minha vida não serve pra nada eu sou um fracassado eu não quero mas viver as minhas únicas companheiras são as lâminas e o travesseiro que carrega cada lágrima minha, a minha mãe não pergunta como eu estou ela não me fala quem é o meu pai eu não tenho amigos ninguém gosta de mim eu acho que nem deus gosta de mim


-Você está enganado.


Notas Finais


Espero que gostem comentem se continua vai me incentivar muito amo vocês e se vc tá passando por isso acredite em você


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...