História "Tudo Melhorou Quando Você Surgiu" - Capítulo 13


Escrita por:

Postado
Categorias Cameron Dallas, Katherine McNamara
Visualizações 14
Palavras 620
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii
Boa leitura pra vcs😘
Eu estou pensando seriamente em começar outra Fanfic tmbb, deixem nos comentários se vcs querem!!!

Capítulo 13 - "A Minha Tentativa de Suicídio"


Eu deitei na areia chorando e cortei meus dois pulsos, a dor era imensa, mas era muito melhor do que a dor que eu estava sentindo... Naquele mesmo estante, fechei meus olhos com lágrimas escorrendo, coloquei minhas mãos em cima da minha barriga e sussurrei minhas últimas palavras:

- Eu te amo Cameron...

Meus olhos pesavam e tinha muito sangue ao meu redor, quando eu ouvi uma pessoa gritando meu nome, eu reconhecia, era o Cameron, ele me encontrou e gritou:

- Ela está aqui! - Dava pra sentir seu desespero.

- Oque você fez Kathy? Não, por favor não me deixa aqui!!! - Ele dizia me sacudindo, foi naquele momento que meus olhos fecharam.

             Cameron:

Eu a encontrei com os pulsos cortados e muito desidratada, a peguei no colo e corri para o socorro. Voltamos para a ilha, ela foi levada às pressas ao hospital mais próximo, estava esperando lá, quando recebi uma ligação, era a tia da Kathy:

- Alô? Cameron? Só liguei para saber se está tudo bem? Quando voltarem vou ter uma conversa séria com essa... - A interrompi.

- Agora não é a hora. - Contei a ela tudo oque aconteceu, quando o médico chega e fala o nome dela.

- Katherine Mcnamara

- Preciso desligar, corri e disse:

- Eu!

- Muito bem, quem seria?

- O namorado dela

- Ok - Autorizou a minha entrada.

(...)

Cheguei no quarto e Kathy estava deitada com os pulsos enfaixados, com seus lábios  e bochecha rosados, me deu uma vontade de beijar ela, foi isso mesmo que eu fiz. Deu um selinho demorado nela e sentei ao seu lado.

Comecei a falar com ela:

- Ahh Kathy, você não sabe o quão importante é pra mim, minha vida era uma merda e você chegou nela a mudando completamente, eu te amo como nunca amei ninguém! Por favor não me deixe aqui, eu não posso viver sem você... O mundo não tem graça sem você pra me fazer rir, sem o seu beijo, sem seu abraço. - Me desculpa por te deixar lá, isso tudo é culpa minha.

               Kathy:

Abri os olhos de cantinho e percebi que eu estava em um hospital, vi Cameron ali sentado, me dizendo umas coisas tão lindas, esperei ele terminar, quando ouvi:

- Me desculpa por te deixar lá, isso tudo é culpa minha. - Senti ele pegando na minha mão, eu ao mesmo tempo a apertei e disse ainda com os olhos fechados:

- Isso não é culpa sua... - Senti seu polegar em minha bochecha, e sua respiração contra a minha.

Abri os olhos e ele estava ali com aquele sorriso lindo, pensei que nunca mais o veria. Falei no seu ouvido :

- Amo ser o motivo desse seu sorriso. - O mesmo me deu um selinho demorado e disse:

- Você sempre vai ser o motivo dele! - Uma pergunta, você tava ouvindo o que eu estava falando antes??

- Foi muito fofo sabia?

- Ah eu sei.

- Convencido - Revirei os olhos, ele estava praticamente em cima de mim, mas eu não estava me importando, estávamos bem próximos e eu sentia uma vontade imensa de o beijar. Foi oque eu fiz, ele parou o beijo e eu o olhei confusa:

- Precisamos conversar sobre oque aconteceu na ilha...

- Não, não precisamos...

- Sim, eu não quero perder você Kathy, eu não quero te perder nunca!

- Cameron... Eu - ele me interrompeu.

- Só promete que nunca mais vai fazer isso.

- Prometo. - Eu disse fazendo biquinho. Ele foi lá e me mordeu.

- Ai!

- Nem vem que nem doeu - Disse revirando os olhos.

- Não mesmo, só tô fazendo drama. - Começei a rir.

- É engraçado quando você abre o berreiro assim.

- Eu n abro berreiro - disse fazendo carinho no seu cabelo.

- Abre sim. - Disse e riu. - Mas eu te amo assim mesmo.


        


Notas Finais


Mais compridinho hj pq tô com criatividade 😂
Espero que tenham gostado!
💜💜💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...