História Tudo Pode Mudar (PARADA TEMPORARIAMENTE) - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Armin, Castiel, Debrah, Dimitry, Kentin, Lysandre, Nathaniel, Nina, Personagens Originais, Rosalya, Violette
Visualizações 64
Palavras 1.235
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


OIII MEU POVO LINDOOO😍❤😍!
Olha quem apareceu aqui de novo em menos de 24 HORAS!!!! Pois é eu mesma! Kkkkk... Eu deveria estar fazendo a lição de geografia que é pra AMANHÃ 😲, mas como eu ODEIO geografia dei uma de rebelde e resolvi acabar o capítulo que eu já tinha deixado pronto pela metade.... Resumindo eu vim trazer mais um capítulo pra dar-lhes um mini ataque cardíaco (bom ao menos é a minha intenção kkkk).... Sem mais delongas...
OBS: Me desculpem pelos erros😊

BOA LEITURA!!!📖💛

Capítulo 11 - Marrento e Esquentadinha


Fanfic / Fanfiction Tudo Pode Mudar (PARADA TEMPORARIAMENTE) - Capítulo 11 - Marrento e Esquentadinha

SARA ON

Sara: Aceito!- disse por fim. Que mal tem?

Castiel: Ok...- diz ele dando um leve sorriso e logo se virou pra ir embora.

Sara: Espera!- disse segurando o seu braço.- Onde nos vamos?

Castiel: Surpresa...- diz ele sorrindo.Esse garoto em?!

Alexy: Demoro em?!- diz ele assim que me aproximo.

Sara: A fila estava grande!- disse.

Rosa: Meninas eu estava pensando em irmos ao shopping comprar as roupas pro baile. O que acham?- pergunta ela animada.

Maiter: Pode ser!- diz ela.

[...]

Sara: Tchau gente!- disse me despedindo de todos.

Rosa: Tchau Flor- diz ela sorrindo e me dando um abraço.

Alexy: Tchau Diva- diz ele me dando um beijo na bochecha.

Maiter: Tchau povo!- diz ela.

Clarisse: Tchau pra vocês!- diz ela acenando.

Maiter: Vamos meninas?- pergunta ela.

Sara: Espera! Tem como você ficar com a Luna pra mim?- perguntei sem jeito.

Maiter: Tem, mas você vai sair?- pergunta ela.

Sara: Sim.- disse.

Maiter: Com quem?-pergunta ela me olhando.

Sara: Com o Castiel...- disse desviando o olhar. Ela fica com cara de espanto.

Maiter: Juízo em!- diz ela rindo.

Sara: Tá bom Mamãe!- disse revirando os olhos.

Fui pro estacionamento onde Castiel se encontrava do lado de uma Kawasaki Vulcan 900 Classic  vermelha e preta.

Sara: Linda Kawasaki!- disse admirando a moto.

Castiel: Uau! A garotinha conhece de moto...- diz ele impressionado.

Sara: Primeiro, eu não sou "garotinha"! - disse o olhando e fazendo aspas- e segundo, sim eu conheço um pouco.

Castiel: Ok garotinha- diz ele me provocando.- Vamos?

Sara: Com você pilotando?- ele faz que sim com a cabeça.- Não mesmo!

Castiel: Deixa de ser medrosa e vamos logo!- diz ele já montado na moto.

Sara: Tá!- disse por fim vencida. Me apoiei em seu ombro para subir na moto.

Castiel: Toma!- diz ele me entregando o capacete.

Sara: Sabe que capacete e cabelo cacheado não combinam né?!- perguntei pegando o capacete.

Assim que coloquei o capacete ele deu partida me fazendo automaticamente agarrar sua cintura.

Sara: Tá doido?!- perguntei indignada.

Castiel: Rsrsrs... Se segura!- diz ele acelerando.

Sara: Castiel eu te mato!- disse apertando sua cintura.

Alguns minutos depois eu me acostumei com a velocidade. Logo Castiel estaciona a moto em frente a cafetaria Starbucks.

Sara: Na volta eu vou a pé!- disse descendo da moto e arrumando meus cachos.

Castiel: Você que sabe!- diz ele também descendo da moto.

Castiel vai caminhando em direção a porta.

Castiel: Primeiro as damas!- diz ele sorrindo ao abrir a porta da cafeteria e me dando passagem.

Sara: Obrigada nobre senhor!- disse sorrindo.

A cafeteria estava cheia. Não havia mais mesas vazias.

Castiel: Está cheio aqui. Quer ir pra outro lugar?- pergunta ele  me olhando.

Sara: Não precisa! Podemos sentar naquela bancada, está vazia.- disse indo em direção aos altos bancos em frente a bancada da cafeteria.

Castiel: Vai pedir o que?- pergunta ele se sentando em um dos bancos ao meu lado.

Sara: Acho que um milkshake e um cupcake.- disse olhando o cardápio.- E você?

Castiel: Um cappuccino e um cupcake também.- diz ele.

Atendente: O que vão querer?- pergunta ela sorrindo e olhando fixamente para Castiel. Não sei porque, mas isso me incomodava.

Sara: Nós vamos querer um milkshake de Ferrero Roche, um cappuccino e dois cupcakes de chocolate.- disse a olhando desafiadora.

Atendente: Sim.- diz ela que sai e nem se quer me deu confiança.

Sara: Viu isso?!- perguntei olhando Castiel.

Castiel: Viu o que?- pergunta ele cínico.

Sara: A atendente te "comendo" com os olhos!- disse indignada.

Castiel: A  única coisa que eu vi foi a tua cara de ciúmes. Hahaha- diz ele caindo na gargalhada.

Sara: Puf... Eu? Com ciumes de você?!- perguntei desviando o olhar. Será que tá tão na cara?

Alguns minutos depois a atendente voltou com nosso pedido.

Atendente: Aqui está o seu pedido.- diz ela entregando para Castiel. 

Conversando com Castiel descobri que ele tem uma banda com o Lysandre e um tal de Nathiel, que ele tem um cachorro chamado Dragon, que é emancipado, que vê os pais de vez em nunca, entre outras coisas.

Castiel: Você é  daqui de São Francisco mesmo?- pergunta ele bebendo seu cappuccino.

Sara: Sim, mas depois da morte dos meus pais fui morar com meus avós no interior, numa cidade chamada Venice.- falei bebendo meu milkshake.

Castiel: Meus pêsames...- diz ele sem jeito- eu tenho uns tios que também moram em Venice. Eu ia pra lá passar as férias de verão.

Sara: Sem problemas... Será que já nos esbarramos por lá?- perguntei sorrindo.

Castiel: Bom eu frequentava bastante a praia Venice Beach, sabe a principal?!- pergunta ele.

Sara: Eu também!... Eu frequentava bastante os luais e em um desse eu até fiquei com um cara que nem se quer perguntei o nome... Por ele ser bem marrentinho eu dei-lhe o apelido de Marrento, mas apesar disso ele era uma cara bacana... Foi o melhor luau  da minha vida, mas eu nunca mais tive notícias dele.- disse sorrindo. Castiel ficou calado olhando pro nada e com cara de quem viu um fantasma.

Sara: Castiel? Você tá bem?! Eu disse alguma coisa de errado?- perguntei assustada.

Castiel: Esse cara te chamava de Esquentadinha ou Baixinha?- ele pergunta me olhando fixamente.

Sara: Sim...- disse sorrindo- Espera! Como você sabe?!- perguntei espantada.

Castiel: Eu sou o cara do luau, o Marrento!- diz ele passando a mão no rosto. 

Sara: Por isso eu tinha a impressão de já ter te conhecido- disse parando pra pensar.

SARA OFF

AUTORA ON

Ambos estavam chocados com a descoberta. Sara não acreditava que Castiel poderia ser o seu Marrento.

Já Castiel estava espantado com o que acabará de constatar, pois Sara até então era apenas uma nova amiga e não a Esquentadinha. A garota que Castiel nunca conseguiu esquecer mesmo sendo apenas mais uma na sua lista de ficantes. Pra Castiel a Esquentadinha era diferente... Tinha um beijo inesquecível, o toque viciante como droga e a personalidade mais marcante que tudo.

O clima ficou tenso. Sara estava com medo de falar alguma coisa inapropriada e Castiel então nem se fala.

Sara: Bom eu só queria dizer que foi realmente bom aquele luau, mas águas passadas e espero que não fique um clima chato entre a gente...- diz ela por fim quebrando o silêncio.

Castiel: Ok.- diz ele, mas por dentro estava uma bagunça só.

Sara: Bom acho melhor eu ir...- diz ela se levantando do banco e pegando dinheiro na bolsa.

Castiel: Pode deixar! Eu que convidei então eu pago!- diz ele colocando a mão em cima da mão de Sara que o olha fixamente.

Sara não contesta apenas desvia o olhar e foi seguindo para saída da cafeteria. 

Sara estava tão confusa que nem se quer esperou Castiel. Saiu caminhando sem rumo. 

A tarde estava fria o que fez Sara se arrepiar de frio e como estava sem roupa adequada para ocasião abraçou o próprio corpo numa tentativa falha de se  esquentar.

Castiel saiu correndo atrás de Sara. Ao perceber que a mesma estava abraçada ao próprio corpo deduziu que ela estava com frio. Sem pensar duas vezes ou em si mesmo retirou a jaqueta preta de couro e colocou por cima do ombro de Sara.

Sara: Hã?!... Não precisa! Você vai ficar com frio- diz ela preocupada.

Castiel: Não estou com frio!- mentiu.- Vamos! Eu te levo de moto.

Sara não disse nada apenas seguiu Castiel. O trajeto todo foi em completo silêncio. Castiel estava confuso e Sara estava com medo de como ficaria a relação entre os dois daqui pra frente. Alguns minutos depois Castiel estaciona em frente a casa de Maiter.

Sara: Obrigada pela tarde...- diz ela  assim que desce da moto e tirando o capacete assim como Castiel.

Castiel: Não foi nada...- diz ele passando a mão na nuca.

Sara: Então a gente se vê amanhã?!- pergunta ela dando um leve sorriso.

Castiel: Até!- diz ele.

Sara foi dar um beijo na bochecha de Castiel, mas....


Notas Finais


Bom meu povo foi isso...

Moto de Castiel: https://br.pinterest.com/pin/37084396904401481/

Look da Sara: https://br.pinterest.com/pin/692287773939633956/

Look e Jaqueta de Castiel: https://br.pinterest.com/pin/572731277601632721/

Bye, Bjs e até o próximo!❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...