História Tumblr boy - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Chanyeol, D.O
Tags Chansoo, Kyungyeol, Reino Chansoo, Reinochansoo, Tumblr Boy
Visualizações 478
Palavras 2.384
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Fluffy
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Boy(friend)


Kyungsoo passava o dedo sobre as imagens até achar uma de seu gosto.

Ele suspirava apaixonado em cada imagem que via. Não era a toa. Park Chanyeol era estupidamente lindo. E isso chateava Do. Por que diabos alguém podia ser tão bonito? Ele pensava consigo mesmo.

Seu amigo de quarto e melhor amigo já era sua tormenta por muito tempo. Kyungsoo não se lembrava mais quando foi a primeira vez que passou a olhar para aquele gigante catarrento que era seu amigo com outros olhos. Ele se praguejava tanto, não acreditava ter se apaixonado por uma pessoa tão idiota quanto o Park. Mas como a saudosa vozinha de Kyungsoo dizia. “O amor não escolhe cara, ele te fode de todas as maneiras, e ainda arranca sua alma.” Ah, como Do sentia saudades de sua avó. Porque ela realmente estava completa de razão. Porque Chanyeol havia fodido com a vida dele. E não no bom sentido da palavra.

Kyungsoo tinha certos problemas quando o quesito era Park Chanyeol. Eram anos de amizade. E ¼ deles tendo uma paixonite não correspondida pelo gigante.

Mas como Do Kyungsoo era uma pessoa nada comum. No momento em que os dois entram na faculdade. Cada um cursando seu curso. Do Fotografia, e Park Música. Foi então que Do passou a fazer certas coisas que não eram do conhecimento de seu amigo.

Do vivia com uma câmera pendurada em seu pescoço. Não por causa de seu curso. Mas porque amava fotografar qualquer coisa que via pela frente. E também amava fotografar Chanyeol. E foi em uma dessas fotografias que Kyungsoo percebeu que Chanyeol fazia muito o tipo de boyfriend. Daqueles que as garotas tiram e postam. Fazendo coisas aleatórias do cotidiano.

Kyungsoo se sentia a pessoa mais estúpida por fazer aquilo. Mas ele não perdeu tempo. Foi logo criando um Tumblr e estava disposto a postar as fotos do seu “namorado”. Como ele dizia na descrição de cada foto. Em algum momento estava Chanyeol tocando violão, em outro eles estavam jantando em um lugar romântico. Teve até a vez que os dois estavam dormindo juntos e Kyungsoo capturou o namorado ressonando baixinho.

“I love when bae sleeps with me”, dizia a descrição da foto.

As fotos eram tão boas e tão reais - porque ninguém precisava saber que eles eram só amigos, - que Do passou a ganhar vários seguidores. Muitos deles eram garotas surtando em cada foto. Comentários do tipo: gostaria de ter um namorado assim, ahhh como ele é fofo, que romântico. Deixavam Kyungsoo com uma dorzinha no estômago por estar enganando não as garota, mas a si próprio com aquela fantasia, mas ele nada podia fazer. Pois era viciado em fotografar Park Chanyeol.

E nessas fotografias que ele se encontrava vendo as fotos do amigo que havia tirado para logo postar uma.

Enquanto seu amigo estava no banho ele deslizava o dedo sobre o screen do celular.

- Kyungsoo-ah - Chanyeol saiu do banheiro apenas com uma toalha na cintura resmungando. - A água quente acabou.

- Quem manda você passar horas debaixo do chuveiro - disse bufando. - Tava fazendo o que. Tirando a sujeira?

- Tava batendo uma.

Kyungsoo tossiu com força o que fez seu celular voar longe. Ah como ele odiava essa sinceridade do amigo.

- Muita informação Park Chanyeol. Muita informação - falou se levantando em busca de seu celular.

- E você tá vermelho por quê? - Chanyeol correu na frente do Do e pegou seu celular. - Você não faz isso também não?

- Isso não é da sua conta - é claro que ele fazia. E todos seus orgamos e gemidos eram dedicados ao Park. - Agora me devolve meu celular que eu preciso fazer algo.

Chanyeol devolveu o celular do menor e fez um pequeno bico o que fez o estômago de Do se revirar.

- Você já passou minhas fotos pro celular? - era óbvio que Chanyeol sabia que Do tirava fotos dele. Mas Claro que ele não sabia para que propósito.

- Passei sim - resmungou voltando a se deitar na cama e averiguando se o celular havia quebrado, para sua alegria, ele tinha saído intacto da queda. - Mais tarde eu te envio.

- Ótimo. Você acredita que uma garota hoje veio me dizer que já tinha me visto no Tumblr.

E mais uma vez o celular do pequeno Kyungsoo havia voado de sua mão.

- Porra - se levantou  praguejando. - E o que mais ela disse?

- Nada. Eu falei pra ela que tinha me confundido e sai correndo - Chanyeol falou um tanto confuso com a reação do amigo. - Guria louca.

Kyungsoo agradecia aos deuses por seu amigo ser tão lerdo e não ter pedido para a garota lhe mostrar alguma foto. Novamente pegou seu celular e percebeu que dessa vez ele não havia saído intacto do susto. Também como Chanyeol jogava uma bomba dessas. Ele deslizou o dedo sobre a tela e viu que o mesmo ainda funcionava. Só teria que ficar com aquela tela quebrada até que seus pais lhe enviassem dinheiro. Vida de universitário não era fácil.

Do espiava seu amigo se trocar com o celular em mãos. Seria apenas uma fotinha. Claro que não seria do tipo profissional como as que ele tirava. Mas era de Park Chanyeol que estávamos falando. Ele conseguia ficar lindo de qualquer forma.

Quando Chanyeol ia subindo sua cuequinha do Bob esponja que na opinião de Kyungsoo ficava linda naquela bunda branca e pequena do gigante.

Kyungsoo desceu o dedo no celular. Só que ele não esperava algo. O flash. Kyungsoo tirava fotos com sua câmera de alta resolução e com o consentimento do amigo. Mas eles nunca haviam concordado em fazer nu artístico.

- Kyungie - Chanyeol se virou para o amigo já com a cueca vestida. - Tu tá tirando foto minha?

Puta que o pariu. Era o que vinha a mente de Do Kyungsoo. Ele tava ferrado.

Tossiu algumas vezes pensando em dar uma desculpa convincente mas nada legal veio a mente. Pensou em falar que sem querer a câmera abriu e disparou. Ou que ligou a lanterna para ajudar seu amigo a vestir o seu amiguinho. Mas Kyungsoo sabia que Chanyeol não era tão idiota. E como o conhecia bem, sabia que o maior iria levar aquilo na malícia.

- Se você quiser um nude meu - disse se aproximando. - É só pedir.

- Que porra de nude o que Chanyeol - Kyungsoo praticamente gritou. - Mas sério?

Chanyeol riu. Riu de se jogar ao chão e lágrimas saíssem de seus olhos. Seu estômago doía de tanto sorrir.

- O negócio é o seguinte - falou se levantando e se recuperando do ataques de risos. - Eu só mando se me mandarem.

- A vai tomar no cu Chanyeol.

Kyungsoo se levantou e correu em disparada para o banheiro. Seu rosto queimando e seu estômago borbulhando. 

- Kyungie-ah - ouviu Chanyeol resmungar antes de bater a porta com força.

Chanyeol suspirou alto e passou a olhar a cama do pequeno, o amassado do lençol que ele tinha deixado. Chanyeol sorriu com aquele pensamento estúpido.

Seus olhos passaram por toda a cama do amigo. Até ele avistar um objeto. Seu celular. Chanyeol abriu um sorriso sacana e foi de encontro ao celular o pegando e se jogando sobre a cama de Kyungsoo.

Kyungsoo era tão previsível. A senha do pequeno era a data em que os dois se conheceram.

O Park passou a fuçar no celular do amigo. Ele mexia em todos os aplicativos. Até que o celular vibrou e uma notificação apareceu

Kyungsoo havia recebido uma mensagem de um tal Baekhyunnie. Chanyeol nunca ouvira seu amigo tocar naquele nome. Então ele que não tinha nem um pouco de curiosidade foi prontamente abrindo o aplicativo e vendo a mensagem.

O tal cara. Chanyeol descobrir depois ser homem por stalkear o mesmo. Havia comentado um dos posts de Kyungsoo. Que Chanyeol não fazia ideia que Kyungsoo mexia com aquele tipo de aplicativo.

“Seu namorado é tão lindo. Invejinha. Tão romântico.”

Chanyeol ficou encarando aqueles dizeres por bastante tempo.

Kyungsoo tinha um namorado. Chanyeol tentava entender aquilo. Tentava entender o porquê de seu melhor amigo não o contar que tinha um namorado. Ou pior. Por que diabos ele não era o namorado de Kyungsoo. Porque vamos relevar. Chanyeol tinha um abismo por Kyungsoo. E isso desde que ele se entendia por gente. Na verdade, tudo começou quando Chanyeol colocou os olhos no Do, com aquela fantasia de pinguim. Chanyeol se encantou pelo pinguim e fez de tudo para conhecê-lo. Até que sua mãe o levou na casa da vizinha.

Chanyeol com seu corpinho rechonchudo morreu de felicidades por aquilo. Tanto que levou seu furão junto. O que causou uma grande confusão. Já que o furão mordeu Kyungsoo e o fez chorar.

Chanyeol ficou tão triste que se ajoelhou na frente do pequeno. O que o comoveu Kyungsoo, até que chamou Chanyeol para brincar.

E eles estavam juntos desde então.

Chanyeol já havia beijado várias bocas depois que passou pela a adolescência. Mas a que ele mais queria e sonhava ele nem tinha nem tocado.

Chanyeol ficou tão frustrado que já estava mexendo no aplicativo a procura do tal namorado de Kyungsoo. O que ele tinha que Chanyeol não tinha? Era o que matutava em sua cabeça.

Chanyeol correu os dedos pelo celular e se surpreendeu com o que viu.  Seu coração disparou e ele abriu um grande sorriso.

Tinham sim fotos de um cara que se intitulava namorado do Kyungsoo. Mas as fotos eram dele.

Tinham centenas de fotos de Chanyeol, comendo, dormindo, olhando o céu, fazendo compras.

E cada foto tinha uma legenda diferente. De acordo com a foto.

“Mozaum decidicu cozinhar pra mim” - isso na foto que ele inutilmente tentava fritar um ovo.

“ I love when bae plays guitar for me.” - essa na foto que ele tocava uma melodia para Kyungsoo.

Chanyeol ficou abismado e surpreso com a criatividade de Kyungsoo.

Seu coração começou a bater forte e seu sangue parecia ferver correndo pelas veias. Era recíproco. Ele só pensava isso. Era recíproco. Do Kyungsoo realmente o amava.

Chanyeol não conseguiu esconder o sorriso no rosto quando viu seu amigo sair do banheiro.

Ele o olhou  e não conseguiu tirar os olhos deles.

- Que porra de sorriso sádico é esse - Do disse olhando aquele sorriso. - E sai da minha cama seu nojento.

- Kyungie-ah - Chanyeol disse com a voz manhosa. - Eu meio que tive uma ideia.

- E qual é? - Kyungsoo perguntou confuso quando o amigo saiu da cama e se aproximou de si.

Chanyeol apenas de cueca foi empurrando Do até que as costas dele se chocassem contra a parede.

- O que você acha de tirar uns nudes meus - praticamente sussurrou no ouvido do amigo, fazendo o mesmo se arrepiar e arregalar os olhos. - Aí você coloca a legenda falando o quanto seu namorado é gostoso.

Kyungsoo estremeceu. Seu corpo estava colado com o do Park. Seu coração parecia explodir, suas mãos suavam de tanto nervoso. Ele olhou para baixo tentando fugir do olhar do mais velho e viu algo na mão do amigo. Seu celular.

- Seu filho da mãe - disse empurrando o amigo que caiu de bunda no chão. - Me dá essa porra.

Chanyeol passava a mão na bunda e olhava com um olhar manhoso para Do.

- Nós nem somos namorados e você já tá fodendo com a minha bunda.

- Eu te odeio - Kyungsoo gritou. - Te odeio. Como você tem coragem de brincar com o sentimentos de uma pessoa assim.

Aí estava o que Chanyeol queria. Do confessando que gostava de si.

- O que você disse? - falou se levantando e se voltando para o amigo que jazia encostado na parede com as mãos sobre os olhos.

- Eu gosto de você - novamente ele gritou. - Eu gosto pra caralho de ti. Talvez esteja até apaixonado. E eu sou um porra de um iludido que fica postando essas fotos de merda.

- E quem disse que não é recíproco? - Chanyeol sussurrou em seu ouvido.

Kyungsoo levantou os olhos para seu amigo.

- Eu só acertei a sua senha no celular porque é a mesma que a minha - Disse coçando a nuca meio que envergonhado. - Eu te amo Kyungsoo. Eu te amo desde que bati os olhos em você.

Kyungsoo tinha os olhos arregalados. Ele olhava seu amigo confuso. Como assim era recíproco? Ele não sabia lidar com reciprocidade. E logo de sua paixonite.

- Mas nós éramos crianças - Kyungsoo mais sussurrou que falou abaixando o rosto.

- Como não se apaixonar por um pinguim como você - disse levantando o queixo do amigo e o olhando nos olhos. - Você era tão lindo. Que eu prometi a mim mesmo que se não casasse com você. Eu morreria sozinho.

- Sempre dramático - Kyungsoo falou balançando a cabeça negativamente.

- Eu mesmo, drama queen - falou inflando o peito. - Mas que você ama.

Kyungsoo sorriu aquele sorriso que fazia Chanyeol suspirar desde seus doze anos de idade.

- Soo - Chanyeol o chamou por aquele apelido que só usava quando queria algo. - Eu quero te beijar.

- E desde quando Park Chanyeol precisa de permissão pra fazer algo.

- Eu sei lá - disse olhando mais profundamente pro amigo. - Vai que você mudou de ideia.

- Só me beija logo.

E foi o que ele fez. Tascou lhe um beijo no seu melhor amigo/crush ultimate.

No início o beijo era confuso, eles tentavam se conhecer, moviam a boca em algo desengonçado. Como a vida deles. Até que eles foram se encaixando. Foram juntando partes aqui. Partes ali. As mãos de Chanyeol passaram a explorar o corpo do amigo. Querendo conhecer cada parte do seu melhor amigo. E Kyungsoo não estava perdendo. Ele arranhava e apertava todo o corpo do mais velho.

- Soo - Chanyeol separou o ósculo. - Vamos tornar seu Tumblr real?

- É o que? - Kyungsoo perguntou confuso.

- Namora comigo?

Kyungsoo ficou sem ar e sem fala por um instante. Ele respirou fundo fechando e abrindo os olhos, sua boca foi se abrindo em um sorriso tão enorme que fez o coração de Chanyeol bater mais forte. Ele agarrou nuca do maior e o beijou. O beijou com uma paixão enorme. E foi ali que Chanyeol recebeu sua resposta.

Ele se sentia tão feliz. Finalmente tinha quem sempre sonhou. E Kyungsoo não era pra menos. Ele agora tinha um namoradinho Tumblr boy. 


Notas Finais


Eu não sei o que eu tô fazendo da minha vida.
Eu juro que não sou uma pessoa iludida com Do - ata Ellen.
Pra mais informações e mais de Chanyeol boyfriend deem uma passadinha aqui. ;) @e11enjacob


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...