História Turning Page - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Allysson Brooke, Camila Cabello, Camren, Camren G!p, Dinah G!p, Dinah Jane, Lauren G!p, Lauren Jauregui, Normani Kordei, Norminah G!p, Wesley Tucker
Visualizações 401
Palavras 1.002
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Festa, LGBT, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Heyyyy guys... Wazzap!!!

I'm back Sweets...

Me perdoe pelo capítulo pequeno, mas o segundo semestre da faculdade está puxado e eu não estou tendo tempo. Espero que gostem 😊

Capítulo 3 - Three


Fanfic / Fanfiction Turning Page - Capítulo 3 - Three

@LawrenceJauregui She's an angel, only angel. My only angel...

.....................................................

POV LAWRENCE


Eu estava terminando de me arrumar, hoje iria ser o jantar de boas-vindas pra mim e para minha princesinha. Ela estava eufórica que teria um jantar pra ela. Termino de abotoar os botões do meu colete social e coloco o palito em seguida. Me olho no espelho ajeitando meu terno, uma coisa que eu amo são meus ternos. Eu tenho paixão em ternos. Mas isso não quer dizer que não usou outras roupas, quando não estou usando meus ternos, estou com minhas jaquetas de couro, minha calça preta com rasgos. Sou um hipster amante de Harley-Davidson e carros antigos. Saio do meu quarto pegando meu celular sigo até o quarto da minha filha e bato na porta e ouço sua ela falar um pode entrar. Abro a porta e vejo minha filha com um vestido branco rodado, linda. 

- Está uma verdadeira princesa, meu bebê (digo indo até ela e me abaixando e passando minhas mãos por seus cabelos negros longos e vejo suas bochechas alvas ganhando coloração avermelhada me fazendo sorrir e beijar sua testa)

- Obrigada, papai. Você para um rei com esses ternos. (Diz ela colocando seus dedos pequenos em meu bigode e arrumando, ela fazia isso desde que eu comecei a usar e nunca mais tirei por causa dela)

- Eu sou o rei e você é minha princesinha. (Digo pegando ela no colo e me levantando com ela em meus braços) pronta ?

- Sim, papai. (Diz sorrindo, e beija minha bochecha)

Desço as escadas e pego o vinho que tinha separado da minha coleção da adega e saio de casa, coloco Luna no chão e pego sua mão. Fomos andando até a casa de Ally e Vitor e assim que chegamos fomos em direção a varanda e toco a campainha, logo vejo meu amigo abrir a porta com um grande sorriso.

- Hey, Branquelo. (Diz me abraçando e se abaixa e Luna pula em seu colo abraçando seu pescoço.) Floquinho... 

- cadê a dinda ? (Pergunta a procura da baixinha)

- Está na cozinha, bebê. Vamos entrando, Law. Fica a vontade, Gaspar. (Diz e eu dou um leve tapa em sua cabeça e ele coloca Luna no chão e a mesma vai até a cozinha a procura da madrinha)

- Trouxe um ótimo vinho para tomarmos. (Digo entregando o saco para ele que pega e olha o vinho me olhando sorrindo)

- Château Margaux Premier Grande Cru Classé ? (Pergunta olhando a garrafa e me olha sorrindo) 

- Comemorar... (Digo rindo e ele concorda animada)

Entramos e ele nos guiou até a cozinha e vejo Ally conversando com Luna e ela se vira vindo até mim. 

- Hey baixinha... (Digo abraçando seu pequeno corpo e levantando do chão a fazendo rir)

- Grandão...(diz e eu lhe coloco no chão)

- A4, sabe o que eu tenho aqui ? (Pergunta Vitor me olhando e tira uma caixa de charutos cubano de trás das costas) 

- Esses são ótimos. (Digo pegando a caixa e tirando um vendo a textura e o cheiro)

Eu fui com Vitor para a sala de estar e nos sentamos conversando sobre a empresa onde ele é meu vice-presidente. Depois de uns 40 minutos a campainha tocar e Vitor se levanta indo atender a porta. Vejo um homem da idade do meu pai entrar junto a uma mulher que deve ser sua esposa, em seguida entra uma garota junto a um menino novo, um homem alto e um mulher mulata e logo atrás vejo o lindo anjo completamente linda. Na verdade ela era linda e conseguia ficar mais ainda. Ela levanta o olhar notando que estava lhe olhando e eu sorrio grande e ela sorri envergonhado me fazendo querer abraça-lá.

- Gente, esse é meu melhor amigo, Lawrence Jauregui. Lawrence esses são Alejandro, Sinuhe, Dylan, Normani, Sofi e Wesley. E Camila você já conhece.(diz apresentando cada um e eu lhes comprimento todos e logo chego em Camila)

- Camila. (Digo sorrindo olhando para seu lindo rosto e ela sorri junto)

- Lawrence. (Diz ela sorrindo e eu pego sua mão deixando um beijo e sorrio para ela que estava corada)

- A Ally está na cozinha com Luna. (Diz Vitor e as mulheres vão até a cozinha)  O que acham de um bom whisky e um charuto cubano, senhores ? (Pergunta sorrindo e nós nos sentamos na sala)

Pego um charuto, tiro a ponta do mesmo e levo o mesmo a boca pegando o isqueiro e acendendo o charuto e puxando sentindo o gosto relaxando e soltando em seguida.

- Ouvir falar muito bem de você. (Diz Alejandro me olhando e soltando a fumaça sorrindo)

- Eu ouvi falar do escritório do senhor. O melhor dos Estados Unidos. (Digo olhando para ele e iniciamos uma conversa sobre nossos trabalhos)

- o Jantar está pronto... (Ouvimos a voz de Camila e me viro com o charuto na boca e vejo ela me olhando atentamente, solto a fumaça e vejo ela morder o lábio inferior e sorrio de lado me levantando)

Nos seguimos e vejo que Luna estava sentada ao lado de Sofi e tinha um lugar vazio entre minha filha e Camila. Me sento ali e começo a servir o prato para minha bebê e logo me servo. Começamos a comer em meio a conversas animadas e logo eu e Dylan estava conversando como se fossemos velhos amigos. Depois de comermo ainda tinha a sobremesa e depois nos juntamos na sala de estar conversando enquanto tomava o vinho. E Mani e Luna um suco de laranja.

A todo momento eu e Camila ficávamos nos olhando sorrindo e só de ver o lindo sorriso era como se iluminasse meu dia. Tão linda. 

Uma coisa tinha que admitir e estava mais do que na cara. Ela me atraia, não só pela sua beleza, mas é como se tivesse algo a mais e isso era extremamente forte. Mas eu tinha receios. Eu sou um homem viúvo com uma filha de 6 anos. Mas uma coisa que eu tenho certeza é que Camila vai ser muito especial em nossas vidas...


TO BE CONTINUED...



Notas Finais


Isu ai galeura... espero que tenham gostado.
Comente 💬
Favorite 💟
...and see u soon childrens 🙃💙
Bjos do tio Lorenzo 😊

https://br.pinterest.com/pin/201043570846350367/ - terno do Lolo

https://br.pinterest.com/pin/461126449336685426/ - roupa da Luna

https://br.pinterest.com/pin/352758583296814014/ - vestido da Camz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...