História Twilight - Capítulo 13


Escrita por:


Notas do Autor


Hwanwoong+ Corno


COF COF COF COF


não sei de nada!!!

Capítulo 13 - Cap 13


Fanfic / Fanfiction Twilight - Capítulo 13 - Cap 13

}Kwan{

 

 

-Senhor, ele não trará o garoto sabe muito bem disso- falou um dos caras que estavam ali reunido- Leedo sempre tem algo em mente, e proteger o sangue puro está envolvido nisso- falou e Kwan encarou o mesmo.

 

-Então não temos escolha... Ataquem-nos e peguem o garoto, eu o quero vivo- todos assentiram- Mas, também tenho planos para Geonhak, tragam-no também, vivo!- disse e assim seus aliados saíram dali- Que comece a batalha- sorriu soprado.

 

-Meu senhor, trago notícias- disse o homem se ajoelhando.

 

-Já os capturaram?- negou- imaginei, o que foi?

 

-Eles já não estão na casa, já vasculharam tudo na mesma, não pegaram nada, apenas saíram.

 

-Hm... Onde estão?

 

-Na floresta- respondeu e Kwan arqueou a sobrancelha

 

-Tolos... eles estão tramando algo, a floresta está cercada por nós.

 

-Há um problema meu senhor, nossos homens estão sendo mortos um por um dentro daquele lugar, não parece que foram eles a causa disso, temos um intruso no nosso clã- falou e logo saiu deixando seu líder pensativo, quem poderia ser, está acabando com seus planos!

 

 

}Com os meninos{

 

 

Realmente eles já não estavam na casa, quando todos estavam reunidos concordaram com o plano de Leedo de irem para a floresta, queriam acabar com isso, mas mesmo com tanta pressa precisavam ser cautelosos, e como feitos, todos estavam separados, Hwanwoong por um lado, keonhee por outro e assim sucessivamente, com Xion junto de Leedo e DongMyong com Ravn.

 

-Por enquanto está tudo calmo, não está?- falou Xion, estava nervoso com isso.

 

-Não devemos subestimar aquele desgraçado- falou cuspindo tais palavras.

 

-Se voce diz...- falou e desviou o olhar para qualquer canto, mas tudo que tinha para se ver eram árvores- Hm... Leedo..- e de repente o menor se assustara ao ouvir passos, estes que se aproximavam lentamente, Geonghak pusera o mesmo atrás de si e se concentrou a olhar de onde vinham os sons.

 

-Leedo?- o Kim saíra de posição de ataque e ficara mais calmo, era Jaehyun- O que está fazendo aqui, onde estão os outros?

 

-Não te devo informação... Mas e voce? O que faz por essa parte? Traindo seu clã?- Jae rira soprado.

 

-Não, Seoho não te contou nada? Estou no clã de Kwan para saber dos seus planos e dize-los para Jae... Hm... Esse é o garoto?- perguntou olhando para as costas de Leedo- Bom mesmo que o esteja protegendo, os planos de Kwan não são apenas ter o seu sangue- falou e Hak não ficou com um a expressão agradável.

 

-Não irão pega-lo, irei matar Kwan...

 

-Bom que esteja confiante, eu preciso ir, o mesmo descobriu que estava como intruso, tenho que mandar as ultimas informações para meu líder o mais rápido- disse e logo correra, mas após isto, a floresta ficara mais tensa, com neblinas forte, Xion se segurou em Leedo, este que ficara tenso também, eles estavam ali.

 

Passos rápidos era isso que se ouviam, o kim sabia, eles estavam cercados, não precisou ver, mais de 30 ali, Kwan o testava? Era esse seu pensamento, acabaria com todos em minutos, poderia ser algo baixo todos avançarem de uma vez só em si, sorriu soprado, pegara Xion e o deixara encostado em uma árvore.

 

-LEEDO!!-gritara pelo maior

 

-Fica ai!!- respondeu, e correra, não para longe apenas para ter uma estratégia de ataque, e assim feito, vira no chão galhos, grossos para ele parecia firme, os mesmos tinham a ponta fina, como se fossem lanças, perfeito para o Kim,  que o jogos mirando diretamente na cabeça de tres, matá-los não seria difícil, avançara em um quebrando sua costela e logo o pescoço, era mais fácil os matar desta forma, mas adorava quando o quebrava ao meio.

 

 

Com Ravn não estava diferente e nem para os outros garotos, Myeong mantinha-se em choque vendo o massacre que o Kim estava fazendo, de 30, apenas tres estavam em pé, Youngjo não estava cansado, mas iria acabar logo com isso, escondia uma adaga, a amava, em um movimento rápido os últimos já estavam no chão sangrando pelo pescoço.

 

Seoho brincava com seus rivais, podia controlá-los, não usava muito seu poder, pelo menos este, mas no momento estava sendo bastante útil, vira Keonhee chegar e logo o ajudou, amavam a tortura, mas nenhum deles estavam ali para isso, se entreolharam e sorriram, não era tempo para isso, pois mais vampiros do clã inimigo haviam chegado, Kwan ficaria uma fera ao saber que seus aliados estavam sendo massacrados, isso era o que pensavam.

 

Não esquecendo de Hwanwoong, já havia derrubado todos os rivais, até mesmo a segunda tropa que chegara para atacá-lo, ele era rápido no que fazia, odiava perder tempo, era lindo ver o caos que fizera ali, sentira a presença de Kwan, sentindo seu sangue ferver.

 

-Bravo bravo! Para um vampirinho, voce até que luta bem Hwanwoong, é um pena ve-lo lutar e acabar com meus homens, e não estar fazendo parte de meu clã- sorriu sínico, e segurou o menor pelo pescoço, apertando aquela parte- Eu vou acabar com cada um de voces, e terei aquele garoto para mim- disse e hwan riu, e logo fora lançado para longe fazendo suas costas colidirem com uma rocha enorme.

 

-WAH!!- gritou de dor, e com certeza isso alertaria seus amigos, Kwan sumira no meio da neblina densa, Hwanwoong não ficaria ali, mas aquilo havia o acabado.

 

 

Voltando a atenção para Leedo, o massacre estava feito, 134 vampiros mortos, Xion olhava para o mesmo congelado, estava sujo de sangue e seus olhos mudaram de cor, este aproximou-se de si.

 

-Temos que sair daqui Leedo- falou e o maior negou.

 

-Ele iria nos encon...- ouvira o grito de Hwanwoong, e após isso a presença do inimigo também fizera-se presente- Hm..- alguém havia chegado até ele, se levantou rápido para ver, e era Ravn junto de DongMyeong, Geonhak vira o ódio nos olhos do amigo, seja lá o que Kwan fizera com Hwan, despertou a ira do mesmo- Ravn- o chamou e recebera o olhar do mesmo- Sabia que isso ia acontecer.

 

-Exato... ele sabia- falou,  kwan estava acompanhado de dois seguidores seus, estes que arrastavam Seoho e Keonhee com eles, Xion no mesmo instante se levantou e andou para perto de Leedo, Myeong ficara atrás de Ravm- Mas que cheiro é esse? Outro sangue puro?- sorriu ladino- E eu pensando que meu dia não podia melhorar! Ah, assim que eu acabar com voces dois- ao falar isso os que seguravam SeoHee os jogaram próximos a eles, Dongju fora até os mesmos, óbvio que estava preocupado.

 

-É apenas nisso que pensa Kwan? Um exercito? Guerras sem fim e sem propósito algum?- disse Youngjo irritado.

 

-Por favor, parece Jae falando assim- falou debochado- Desde que os mundo evoluiu os humanos deixaram de acreditar em nós, passamos a ser historinhas de terror para aqueles imbecís, quando mal sabem eles o caos que causávamos antigamente...

 

-Errado... O caos que Voce causava- corrigiu Geonhak.

 

-Está certo, eu... Ah, os sangues puros era uma fonte incrível de energia para meus seguidores, ah, sentir o gosto do sangue, doce e viciante, maltrata-los, ouvi-los implorar para que eu pare, era excitante, mas ai Jae chegou acabando com tudo isso, aquele desgraçado!- esbravejou- mas... Ele não se intrometeu em nada... bom, em quase nada, e não moveu um dedo, ele é um medroso, vamos logo ao que interessa- falou e avançou para cima de Leedo o jogando para longe e depois em Ravn batendo forte em seu rosto fazendo-o cair no chão, Geonhak levantou-se do chão e avançou em Kwan, desta vez iria ganhar, estava confiante... até demais, porém o Lee estava bem mais forte desde a ultima vez que lutaram, Leedo sangrava ao seus pés- Que lástima Geonhak, eu estava esperando mais- falou e se virou olhando para os irmãos, em um piscar de olhos já estava perto dos mesmos, segurou Dongju pelo pescoço rindo ao ver sua expressão de dor- Voce é uma gracinha, eles chegaram a falar isso para ti?

 

-Xion!- Myeong gritou, um dos capangas do rival o segurou pelos braços- Me solta!!- gritava, e chutou o mesmo fazendo o cair, aproveitou e chutou seu rosto, assustou-se ao ver o outro tentar avançar para cima de si, mas fora impedido por Keonhee, que havia se levantado recuperando sua força, e no mesmo instante o cara já estava sem seus braços e pescoço.

 

-Keonhee seu tolo, fugiu para não ser um assassino como eu, voce é fraco e muito orgulhoso- disse com o menor ainda em seus braços.

 

-Kwan pare com isso!!- disse uma voz e a silhueta fora vista pelos garotos, Jae chegara...

 

-Ah, não pode mais fazer nada...- sorriu e aproximou o rosto de Dongju- Ah!

 

-Idiota... ele era só uma distração- falou Hwanwoong após enterrar sua mão nas costas do mais velho arrancando seu coração fora e o esmagando, este que soltara o Son que caiu de joelhos no chão com falta de ar, Dongmyeong se aproximou dele.

 

-Hwanwoong...- Youngjo o chamou e andou até ele- Voce...

 

-Ele só me jogou, acabe batendo a costa em uma pedra enorme... estou bem- respondeu- Obrigado Jaehyun- agradeceu ao Jung, já que fora ele que o ajudou, talvez ai possam se dar bem, Leedo se levantou e andou devagar até os irmãos, estava dolorido, mas já era acostumado com a dor, Myeong deixou este a sós.

 

-Desculpa não te-lo protegido muito bem- disse e Xion sorriu.

 

-Voce pediu desculpas... Isso é novo acho que até para Ravn... Mas eu estou bem.

 

-Todos os seguidores de Kwan foram mortos, voces podem se considerar livres de betalhas como essa- disse Jae- Voces são uma ótima equipe- falou, e fora só isto antes de sumir na neblina junto com seus aliados.

 

Os meninos riram baixo, voltaram sem pressa para casa, estavam todos exaustos, e quando chegaram, Ravn fora direto falar com Dongmyeong que fora para a cozinha.

 

-Por que veio para cá?- perguntou o kim- Por que não se juntou ao seu irmão?

 

-Hm?... Ele está ocupado com Leedo, e eu com um pouco de dor nos braços...- respondeu e abaixou a cabeça a encostando nos braços.

 

-Isso foi exaustivo, mas conseguimos- sorriu- Voce está mais do que com dor nos braços, acho melhor não esconder... Leio mentes...- ao falar isso Dong ergueu a cabeça meio incrédulo.

 

-Ah... Acho melhor  nem falar...- disse

 

-Por que?

 

-É constrangedor...- disse corando, DongMyeong não sabia o que estava acontecendo consigo, corando na frente de Ravn, e esse era o menor dos problemas

 

-Me conta- se sentou, Ravn havia gostado de conversar com o mesmo.

 

-Ah... C-contar? Melhor não...

 

-Voce decide, ou conta, ou irei descobrir de qualquer jeito- deu de ombros, fazendo Dong suspirar.

 

-Gostei de voce...- falou baixinho, porém o Kim tinha uma boa audição e sorriu- Por que está sorrindo, nem deveria estar, voce tem um namorado...- fora interrompido com um beijo, o Son arregalara os olhos assustado com o ato, mas acabou por ceder.

 

-Voce é uma graça Myeong- falou sorrindo e piscou para o mesmo logo saindo da cozinha, o garoto estava sem acreditar no que aconteceu ali, por um momento entende a situação do irmão.

 

 


Notas Finais


IRRA!! Feito... e que venham as pauladas,

Próximo capítulo provavelmente seja o Hot LeeOn... PORVAVELMENTE!!


Ps: Perdão a qualquer erro!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...