1. Spirit Fanfics >
  2. Two in one (tododeku) >
  3. Cap 3- e la vem o monoma de novo

História Two in one (tododeku) - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - Cap 3- e la vem o monoma de novo


Deu a hora do intervalo, e todos deram glória a deus pela aula de inglês do professor Mic ter acabado, não levem a mau, a aula é boa, só que ele grita de mais.


Os alunos foram se dispersando aos poucos, até que um certo garoto de cabelos vermelhos vai pra perto de um certo esverdeado.


-- Podemos comer com você Izu-kun? - ele pega uma cadeira e coloca do lado do pequeno Izuku.


-- Não o irrite, ele ja se preocupou o bastante ontem e acordou mais cedo hoje pra ir nos ver, deixe ele descansar Honõ - Kõri disse ao irmão, esse que apenas o ignorou e sentou do lado de Midorya.


-- Não tem problema Kõri-kun, eu gosto da companhia de vocês - Midorya da um sorriso gentil que fez as bochechas do albino ganharem uma pequena coloração rosada - se junte a nós também, eu trouxe bastante comida e uns dangos se você quiser - diz com sua gentileza habitual.


Honõ apenas da um sorriso de lado e Kõri se senta do outro lado de Midorya, esse que apenas abre o bentõ dele e pega uns hashis a mais.


O ruivo pega um pouco da comida e põe na boca, ficando maravilhado pelo incrível sabor da comida.


-- Foi você que fez Izu-kun? - fala pegando um dango e pondo na boca.


-- Fui eu sim, talvez não esteja tão bom mas geralmente sou eu que como, então ja to acostumado - o esverdeado diz coçando a nuca um pouco corado.


-- Na verdade está muito bom, você sabe cozinhar muito bem Midorya - Kõri fala sorrindo um pouco para o de cabelos verdes.


Midorya cora um pouco com o elogio mas agradece.


Eles ficaram conversando um pouco até que a Uraraka chega na sala junto com o Iida, a Tsuyu, Kaminari e Mina


-- Ah vocês estão aí - diz a garota sorrindo - nós estamos lá no pátio, por que vocês não ficam lá com nós também?


-- Vamos sim! Você vai também né Izu-kun? - o avermelhado se vira para Midorya sorrindo.


-- Vou sim, deixa só eu arrumar minhas coisas - diz fechando o bentõ, esse que estava praticamente vazio.


-- Então estamos indo na frente - Kaminari fala animado e assim todo o grupo sai da sala.


Sobrando somente Izuku e os gêmeos, o de cabelos verdes termina de arrumar sua mesa e as cadeiras que estavam ao lado de seu lugar.


-- Ja izuku? - Kõri pergunta e recebe em troca um aceno de cabeça - então vamos.


Eles saem da sala, um de cada lado do esverdeado conversando entre si, até que no meio do caminho eles encontram Monoma da turma B.


-- Ha, olha só se não é a turma A, sempre achando um jeito de chamar atenção, agora dividiram seu amiguinho em dois? - diz com um ar de superioridade e sarcasmo ao mesmo tempo.


Honõ iria partir pra cima do garoto, até que Kõri coloca um braço na frente do mesmo fazendo sinal de negativo com a cabeça, o ruivo então só cerra o punho e deixa o Irmão cuidar disso.


-- Desculpe Monoma, mas não fizemos isso de propósito, na verdade foi um acidente, não queriamos "chamar toda a atenção" - faz aspas - na verdade nem queriamos que isso acontecesse, então por favor você pode nos dar licença? - ele diz mantendo a calma.


Monoma só da um sorriso convencido até que Kendo aparece e lhe acerta um soco na cabeça.


-- Desculpe por ele - ela sorri e coça a nuca.


-- Tudo bem, obrigada por aparecer -- o ruivo pega a mão da garota e beija as costas da mão.


A ruiva cora com esse ato e os três garotos voltam a andar em direção ao pátio. Chegando lá eles se sentam no chão junto aos amigos.


-- Vocês demoraram - diz Denki que estava carregando o celular de alguns amigos.


-- Encontramos o Monoma no caminho - Midorya diz e coça a nuca.


-- Tch, odeio esse cara - Bakugou fala apoiado em um murinho ali perto.


-- Ele não é tão ruim assim Kacchan, ele só quer que a sua sala ganhe mais visibilidade - Deku diz e sorri olhando pro céu.


-- Mas pra isso ele não precisa ficar nos criticando de 5 em 5 minutos - Kaminari fala devolvendo os celulares ja carregados aos amigos.


-- Achei ele folgado - Honõ fala cruzando os braços.


-- Nunca achei que ouviria o Todoroki-kun chamando alguém de folgado - Uraraka diz apoiada na mina.


-- Levando em conta que um dia ele chamou um policial de cachorro.... Se bem que ele era literalmente um cachorro - Deku coça o queixo e ri um pouco com os amigos o acompanhando.


-- Realmente isso é algo que eu não esperava - Sero diz rindo e se levantando.


-- Eu sou foda pode falar a verdade - Honõ fala estufando o peito enquanto o irmão só balança a cabeça em negação.


Na hora em que ele soltou esse palavrão todos ficaram quietos, e impressionados que aquele garoto quieto e frio falasse palavrão.


-- Que foi? Parece que viram um fantasma - o ruivo fala confuso.


-- É que eles nunca viram a gente falando palavrão.


-- Também, era você que mais "controlava" o Shoto! - Honõ cruza os braços e faz biquinho.


-- Controlava? Como assim Honõ-kun? - Ochako pergunta saindo do transe.


-- Ue, nós somos estivemos ali dentro do Shoto, ele só preferia não se expressar tanto, por isso esse bobão - aponta para o gêmeo - assumia mais a personalidade dele, mas teve alguns momentos em que ele estava com raiva, frustrado ou até ansioso eu assumia mais ou menos.


-- Por isso sabemos tudo o que se passa aqui fora, nós sempre estivemos aqui, ele só preferia não nos mostrar tanto, sentimos tudo o que ele sentia, a tristeza, os traumas, a alegria, a raiva e.... - o esbranquiçado passa o olho rápido por Midorya, esse que assim como os outros estavam prestando bastante atenção no que os gêmeos falavam - o amor, sentiamos tudo.


-- Isso....foi profundo - Uraraka fala sorrindo um pouco - você falou que ele amava alguém certo? Quem? - ela diz curiosa tentando aliviar mais o clima.


-- Pelo--


-- Pelos irmãos, amigos, a mãe e etc - Kõri interrompe o irmão que ia revelar algo para os outros.


-- Mas e sentimentos românticos? - Mina que estava até agora tentando decorar uma coreografia, pergunta interessada.


-- Isso não podemos dizer ainda - Honõ fala piscando o olho pra eles e em seguida olhando pro irmão.


-- Vaaii só uma dica! Por favooor - Ela e a Uraraka falam mais interessadas.


-- Desculpa garotas, mas não vai ser hoje, mas....quem sabe não vamos dando dicas, ou até o próprio Shoto pode tomar coragem e falar - Honõ da de ombros enquanto o irmão só da um tapa na própria testa.


-- Aah - a rosada cruza os braços - ei Kirishima-kun, vamos buscar uns doces naquela máquina perto da cantina?


-- Claro, vamos sim mina! - ele sorri e se levanta junto com ela.


-- Eu vou com vocês - Sero diz e segue os amigos.


-- Ei Todoroki-kun, vamos no final da aula falar com o Aizawa-sensei sobre o vilão? Eles podem ter conseguido alguma pista - o esverdeado se vira para os gêmeos enquanto os outros amigos conversavam entre si.


-- Desculpe Midorya, terei que terminar algumas lições, mas qualquer coisa você me fala depois ok - Kõri diz fazendo um pequeno cafuné na cabeça do outro garoto.


-- Eu posso ir com você Izu-kun - Honõ passa o braço pelos ombros do esverdeado e sorri.


-- Hai, vamos um pouco depois do término das aulas, para não atrapalhar eles - Deku sorri também e o ruivo assente com a cabeça.


O sinal toca e todos se levantam voltando pra sala.


....



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...