História Two Loves - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Ámbar Benson, Benício, Luna Valente, Matteo, Nina
Tags Lunicio, Lutteo
Visualizações 47
Palavras 1.036
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Capítulo 2


Luna estava em seu quarto em frente ao seu espelho penteando seu cabelo, pois a morena teria um "compromisso".

A loira terminou de se arrumar deu uma última olhada no espelho e pegou seu celular vendo algumas mensagens. Logo lembrou que Benício havia lhe dito para ir na empresa dele naquele exato momento.

Luna: Merda!

Exclamou Valente um pouco irritada consigo mesma.

"Como fui esquecer isso?" Pensou Luna olhando pro seu celular. Logo pensou em ligar para Benicio mas não tinha seu número, valente pensa um pouco e lembra que âmbar trabalha pra ele

Luna: Âmbar deve ter o número dele.

Valente saio de seu quarto e foi em direção ao quarto da prima q ficaca bem próximo ao seu, logo ela abriu a porta bem devagarinho e entrou, deu graças a deus por âmbar estar tomando banho e começou a caçar o celular da prima. Ela olha para o lado e ver o celular de Âmbar em cima da cômoda perto da cama.

Valente vai até a cômoda e pega o celular desbroqueando-o, Âmbar não gostava de senhas então ficou mais fácil para Luna. Ela anota o número em seu celular e sai do quarto da prima de presa.

A loira volta pro seu quarto e liga pra o número que provavelmente é de Benício. Depois de alguns segundos a secretaria atende.

Secretaria: Benicio Pasquali, Carolina falando, o que deseja?

Luna: bom.....er....eu queria falar com Benicio

Carolina: quem o procura?

Luna: Luna Valente

Carolina: esperr um pouco.

Depois de alguns segundos nna linha Benicio finalmente atente

Benício: Oi princesa, taça com saudade

Luna: Oi Ben....

Luna é interrompida

Benício: então....eu estou te esperando, vai demorar muito? Luna: Então era exatamente isso que eu queria falar

Benicio: humm..

Luna: Eu não vou poder ir, me desculpa

Benicio: O que? Por que?

Benicio parecia indignado, e irritado

Luna: E que eu tenho que resolver umas coisas

Benício: que coisas?

Luna relmente não queria mentir, mas o iria fazer? Iria se encontrar com um cara com quem tinha um "caso" e ela sabia que o moreno não ia gostar de saber disso.

Luna: Eu vou fazer uns trabalhos da escola com algumas amigas, é sério me desculpa

Benicio: bom...tudo bem então

Falou ele um pouco desanimado

Luna: Depois eu te compenso

Falou a jovem com um sorriso malicioso nos lábios

Benicio: com certeza

Falou ele dando uma risada no telefone

Luna: ben eu tenho que ir

Benicio: Tudo bem, se cuida Tchau

Luna: Tchau

Luna desliga seu celular e sai de seu quarto em direção as escadas

(...)

Matteo estava em seu apartamento tomando banho tranquilamente, quando ouviu a porta do seu quarto sendo aberta, o moreno já sabia quem era, mas quis terminar seu banho.

Depois de uns minutos ele sai sorrateiramente do banheiro sem fazer nenhum barulho, pra fazer uma surpresa, mas quem é pego de surpresa é ele.

O moreno ver deitada em sua cama uma loira de olhos verdes sexy e completamente no mundo da lua, a garota olhava fixamente pro seu celular enquanto soltava algumas risadas baixas. Matteo aproximou-se da jovem, pegando em suas coxas grossas perfeitas, a morena se assusta e olha pro rapaz com os olhos arregalados

Luna: Seu louco!!! Me a sustou, filho da puta

Matteo sorri de lado e deposita um beijo na testa da morena

Matteo: Sempre tão educada

Luna revira os olhos e fixa sua atenção novamente eu seu celular

Matteo: O que você está vendo?

Pergunta com certa curiosidade

Luna olha de relance pra ele e solta um sorriso

Luna: Nada que te interesse

Matteo: Tá bom então

Matteo se afasta da cama e vai em direção ao seu guarda-roupa. Ele abre o abre e fica revirando algumas coisas até encontrar o que iria vestir, logo ele desenrola a toalha da cintura deixando a cair no chão

Luna tira sua atenção do celular e olha pro moreno, e percebe sua "atitude" Valente sabia que ele tinha feito isso só pra provocar, e conseguio, A loira olhou para a Bunda do homem e mordeu o lábio inferior. Matteo estava de costas pra ela mas sabia que ela estava o olhando, ele não a olhou apenas ficou lá olhando pra dentro do guarda-roupa

Luna se levanta da cama vai em direção ao moreno e chega atrás dele passando as mãos na cintura do rapaz.

Matteo sorriu e segurou uma das mãos dela, luna percorreu a outra mão até o membro de Matteo e o apertou, fazendo o moreno abrir a boca.

Matteo se vira e empurra luna contra a porta do guarda-roupa brutalmente

Luna segura a nuca do moreno e o puxa para um beijo quente, Matteo com uma mão segurava uma mão de luna e a outra passava na coxa de valente, logo o ar se fez necessário e eles pararam o beijo ofegantes

Matteo: Resolveu me dar atenção agora?

Matteo pergunta com um sorriso de lado nos lábios

Luna apenas empurrou o moreno fazendo ele se sentar na cama e sentou nas pernas dele ficando com as pernas em volta de sua cintura. Ele passa as mãos na cintura da morena e morde o lábio inferior dela fazendo Luna arfar


Pov's Matteo

Tinha coisa melhor do veruna daquele jeito? Não, não tinha. Ela ali dormindo em meus braços parece um anjo, mas de anjo ela não tem nada.

Era boa a sensação de ter ela em meus braços, mesmo que seja por pouco tempo. Eu e luna tínhamos um "caso" a alguns meses, e nesses meses percebi que ela era mais que um rostinho bonito, luna é muito especial pra mim. Me sinto como se tivesse que protege-la. Era como se ela fosse uma bola de vidro que com qualquer coisa posso quebrar, Entendi? Talvez não, mas tentei explicar

Luna era perfeita em todos os sentidos. Bom eu sabia que nosso "relacionamento" não passava de sexo, ela sempre deixou isso muito bem claro pra mim, mais como não gostar dela? Era como um macaco recusar banana (comparação orrivel eu sei)

Nos primeiros dias eu também queria só sexo nada mais, mas nesses últimos dias me peguei pensando nela milhares de vezes e creio que isso não é normal. Enfim estou completamente apaixonada por ela, então chegamos ao ponto, talvez eu seja um "pouco" mais velho que ela, e esse é o problema, não sei se ela não quer nada comigo por não gostar de mim ou por causa da nossa diferença de idade, isso estava me perturbando de uns dias pra cá, e eu simplesmente não posso fazer nada, não quero pressiona-lá



Notas Finais


Até o próximo capítulo amores


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...