História Two Souls - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Visualizações 7
Palavras 943
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oi, é minha primeira fanfic oficial(Já postei outra, mas apaguei, essa eu pretendo levar pra frente)
Essa história se passará na cidade de DownsVille, cidade inventada por mim.Eu espero muito que vocês gostem dela mais do que eu gosto
Divirtam-se, criticias serão aceitas. Boa leitura ^^

Capítulo 1 - Imã


Fanfic / Fanfiction Two Souls - Capítulo 1 - Imã

-Grande Noah! - Meu treinador de natação dizia chegando perto de mim enquanto eu saía pelo grande portão de ferro de minha escola - Se continuar nesse estilo, vai virar um grande profissional...

Ele continuava falando e falando sobre o treino de hoje, e eu só assentia com a cabeça. Eu estava cansado, só queria meu quarto, minha cama e um banho quente.

Me despeço do treinador e continuo o caminho para minha casa,  caía uma tempestade na cidade, eu estava encharcado, "Leve um guarda chuva meu filho, parece que vai chover", não dei bola. As ruas estavam cheias de ambulâncias e caminhões de bombeiros passando em alta velocidade em direção a...minha rua? 

Começo a ficar preocupado e acelero os passos em direção a minha casa, e aí vejo uma cena que fez meu mundo desabar em questões de segundos. Minha casa, estava completamente em chamas, bombeiros tentavam apagar o fogo com mangueiras, os vizinhos tentavam ajudar com baldes e mais baldes de água jogados em direção a casa que, nesse tempo, já estava as pedaços

Eu morava sozinho com minha mãe, meu pai tinha se separado dela depois de uma briga boba por causa de ciúmes, infantil. Eu era a única pessoa, que estava aqui para ela

-MAMÃE, MAMÃE? - Tentava passar pelas pessoas afim de entrar na casa mas sou impedido por um policial - Moço, minha mãe, ela está bem? O que houve? - Dizia gritando em meio a multidão que gritava

Antes dele responder, paramédicos saem com um corpo em uma maca, totalmente queimado pelas chamas, colocando logo depois um saco preto naquele corpo, que era de minha mãe

 

Residência dos Foster - 06:30

 

Já se passou um mês do fatídico acidente em minha antiga casa causada por uma explosão no botijão de gás. Agora, eu moro com meu pai em uma grande mas simples casa no centro da cidade

-Noah Foster, já são 06:30 da manhã, você tem aula não mocinho? - Meu pai dizia abrindo a janela do meu quarto

Meu pai era alto, com a pele meio morena devido ao sol, tinha cabelos pretos e olhos castanhos, solteiro desde que desvorciou de minha mãe, nunca mais se apaixonou por ninguém, magro e brincalhão

-Eu não quero ir hoje, pai, deixa eu ficar em casa, estou com sono- Digo sentando na cama 

-Nada disso, já faltou muita aula esses dias. Você não esta com sono, isso é ressaca, vai tomar um banho FRIO- Dizia saindo do quarto

Me levanto e caminho até o banheiro para fazer minhas necessidades matinais e ir tomar um banho para ver se me animo

~LUKE

A luz do sol entra pela janela avisando que tinha uma nova escola para ir a partir de hoje. Me levanto e desço as escadas indo até a cozinha

-Bom dia mãe, bom dia pai, ah oi irmão-Digo dando um tapa de leve no ombro de Henri de 14 anos que se engasga com a panqueca depois do meu ato

-Pra que isso velho? Eu poderia morrer velho -Dizia Henri

-Bom dia dorminhoco, animado pra nova escola? Você já tem 17 anos, já ta bem grandinho hein-Minha mãe diz enquanto coloca ovos mexidos em meu prato

-Daqui a pouco chega com alguma garotinha ou algum garotinho aqui em casa dizendo que você namora, ano passado foram 3, né? -Dizia meu pai com uma cara de confuso, sou bissexual assumido

-Para chato, eu não sou tão assim não ta? - Minha família começa a rir - Nossa, "Apoiamos você em tudo Luke Oshverld"- Começo a comer minha comida em silêncio

 

~NOAH

Depois de tomar banho, coloco qualquer roupa que vejo em meu guarda roupas, não estava com cabeça pra ficar escolhendo para ir pra escola, né?

Vou para a cozinha e como as panquecas feitas pela empregada sozinho, já que meu pai sai para trabalhar cedo. Vou até a garagem e entro no meu carro logo dando partida em direção a DownsVille School.

Ao chegar, estaciono meu carro no estacionamento e vou falar com meus amigos na entrada

-CHEGOU O GARANHÃO, menino, eu estou sem vontade nenhuma de estudar hoje-Diz Sam, a menina mais louca dessa escola

-Eu também não, vamos cabular aula hoje? Muito melhor do que ficar aqui amor...-Diz James, nerd e focado, namorado de Sam que faz tudo pr ela, inclusive faltar aula que é o que ele mais odeia

Após isso, eles se despedem de mim e vão a caminho de uma lanchonete passar a manhã. Entro pelo portão passando pelo grande corredor da escola escutando algumas meninas chamarem por mim, mas não dei bola

Entro na minha sala e espero o professor chegar, a sala estava vazia, só havia eu e um menino, magro, branco de doer, com olhos verde claro com seus cabelos pintados de azuis, cantando baixinho enquanto escutava musica encostado na parede da sala

~LUKE

Eu tinh saído cedo de casa, as aulas começam de 07:50, não era nem 07:30 quando eu cheguei na escola, vim direto pra sala, enquanto passava pelo grande corredor a caminho da sala fui alvo de piadinhas de alguns meninos, mas nem me importei com isso

E cá estou eu, sentado olhando pela janela encostado na parede ouvindo "The Night we Met" do Lord Huron enquanto espero a aula começar. De repente entra um menino na sala, parecia estar ofegante, se sentando no outro lado da sala. Ele não para de me olhar, parece que analisa cada movimento meu, ele é estranho

~NOAH

Esse garoto, não sei como explicar, ele parece um imã, eu não consigo parar de olhar para ele. Cada movimento que ele fazia parecia que eu ia explodir, o que está havendo?


Notas Finais


Eai, o que acharam?
Críticas serão aceitas. Até o próximo ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...