História Um amor como o nosso - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Kakashi Hatake, Naruto Uzumaki, Sai, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Tsunade Senju
Tags Naruto
Visualizações 87
Palavras 1.206
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Capítulo 2 - Dúvidas


Ambos se despediram e cada um tomou o rumo de sua respectiva casa. No caminho, Sakura leu e releu a mensagem de Sasuke. Apertou o pergaminho contra o peito. “Sasuke está voltando”, pensou, sonhadora. E as chances deles viverem sob o mesmo teto por algum tempo eram grandes.

- Sakura! - Chamou Ino ao avistar Sakura se aproximar da porta do apartamento que costumavam dividir.

- Ino! O que faz aqui? - Indagou Sakura, girando a chave na fechadura e abrindo a porta.

- Vim buscar algumas coisas que ainda estão aqui. - Explicou ela, entrando no apartamento após Sakura lhe dar passagem.

- Fique à vontade. - Anunciou Sakura, descalçando os sapatos e deixando-os próximo a porta.

- Aliás, onde você estava? Esse não é o seu horário de almoço? Eu esperei quase uma hora por você… - Resmungou Ino, jogando-se no sofá da sala.

- É que eu fui almoçar com o Kakashi-sensei e o Naruto. - Explicou Sakura, sentando-se ao lado de Ino quando essa abriu espaço no sofá.

- Antes que Ino pudesse prosseguir com o seu questionamento, ela notou o pergaminho que Sakura distraidamente segurava próximo do peito.

- O que é isso? - Quis saber Ino, apontando para a mensagem de Sasuke.

Mais do que imediatamente Sakura corou e, mais do que isso, sentiu seu coração bater mais forte. Agora ela teria que explicar tudo para Ino e aguentar durante sete dias a melhor amiga importunando-a com essa história.

- E então? - Insistiu Ino, arqueando uma das sobrancelhas perfeitamente desenhadas.

Sakura respirou profundamente. Não havia outra saída. Mais cedo ou mais tarde Ino saberia da volta de Sasuke e se caso ela soubesse por outra fonte que não Sakura ela iria importuná-la o dobro.

- Sasuke está voltando para a vila… - Respondeu Sakura quase que em um sussurro, desviando seus olhos verdes dos azuis de Ino.

- O que disse? - Ino se inclinou em direção a Sakura e com os olhos semicerrados aproximou o ouvido dos lábios da amiga.

- Disse que Sasuke está voltando para a vila… - Repetiu Sakura sem alterar o som da sua voz.

- O QUEEEE? - Berrou Ino quando finalmente entendeu, saltando do sofá e prostrando-se diante de Sakura.

Sakura encarou Ino com seus grandes olhos verdes, não surpresa com a reação da amiga.

- SASUKE-KUN DE VOLTA NA VILA? QUANDO? COMO? - Continuou Ino em uma espécie de surto, parecendo completamente perdida.

- Essa manhã recebi uma mensagem de Sasuke trazida por um falcão que dizia que em cerca de sete dias ele estará de volta à vila. - Clarificou Sakura, depositando a mensagem em questão sobre a mesinha de café.

- Sakura… - Começou Ino, novamente se sentando ao lado de Sakura, agarrando a mão de Sakura e depositando-a sobre o seu colo, um movimento brusco que forçou Sakura a se aproximar consideravelmente de Ino.

- Sasuke-kun está voltando! - Anunciou animadamente o óbvio.

Mas Sakura sabia o que se passava na cabeça de Ino nesse exato momento. Sakura e Sasuke, juntos. Ino sempre soube do amor que Sakura nutria pelo Uchiha. Desde quando ela, Ino, corria atrás de Sasuke por conta de uma paixonite infantil. No seu caso, logo quando Sasuke deixou a vila Ino foi capaz de esquecê-lo, e eventualmente conheceu e se apaixonou por Sai. Já Sakura nunca foi capaz de abandonar esse sentimento que com o passar do tempo parecia ficar cada vez mais forte.

- Você acha que ele está diferente? - Questionou Ino, mudando seu semblante de animada para apreensiva.

- Eu não sei… - Respondeu Sakura com um dar de ombros.

De fato, não dava para saber. Há anos Sasuke partira de Konoha após ser liberto da prisão e desde então a última vez que Sakura havia tido notícias dele foi durante a cerimônia de casamento de Naruto e Hinata, quando esse mesmo falcão trouxe para Sakura uma mensagem de Sasuke felicitando os recém-casados. Depois disso, nada. Nem mesmo Naruto teve notícias do amigo. Depois de muito tempo refletindo sobre o fato de Sasuke ter se isolado completamente e por tanto tempo, Sakura chegou a conclusão mais óbvia: ele precisava estar sozinho para entender quem ele era e se perdoar pelo que havia feito.

- Bem… Você está feliz? - Perguntou Ino, esboçando um sorriso verdadeiramente sincero, o que arrancou outro de Sakura, que respondeu com um aceno positivo com a cabeça.

- Isso é tão empolgante! - Guinchou Ino, largando a mão de Sakura batendo palmas como se fosse uma criancinha que acabara de ganhar doces, o que arrancou um riso de Sakura.

- Mas nós temos que dar um jeito em você… - Sugeriu Ino, percorrendo seus olhos pelo corpo de Sakura até chegar no cabelo.

Ligeiramente ofendida, Sakura enrolou em seu dedo indicador uma mecha longa que caia sobre o seu ombro. De fato, há anos o cabelo de Sakura não via um bom corte pois ela sempre dava a desculpa de “não ter tempo para isso”, com todo o seu treinamento com a senhora Tsunade e trabalho no hospital de Konoha.

- Seu cabelo está seco e com pontas duplas… Certamente Sasuke-kun irá notar. - Provocou Ino, passando os dedos pelas mechas de Sakura. Sakura revirou os olhos. Até parece que Sasuke notaria algo assim. “Acho que o relacionamento com Sai fez com que Ino pensasse que todos os homens fazem comentários desajeitados a respeito dos atributos das mulheres”, pensou Sakura.

- Não se preocupe comigo, Ino. - Desconversou Sakura, levantando-se do sofá e dirigindo-se até a cozinha no intuito de preparar um pouco de chá para as duas.

- Ao menos deixe-me cortá-lo um pouco… Você sabe que o Sasuke-kun gosta de cabelo comprido. - Cutucou Ino, e mesmo Sakura estando de costas, enchendo o bulê de água, Ino podia ver um sorriso tímido iluminar o rosto da melhor amiga.

- Está bem… - Concordou Sakura, desistindo.

- Eba! - Comemorou Ino.

- Enquanto você preparar o chá eu vou arrumar as minhas coisas. Por sorte eu esqueci a minha tesoura aqui. - Dito isso a garota saltou para fora do sofá e se dirigiu ao seu antigo quarto.

 

- E então? - Ino entregou um espelho a Sakura para que ela pudesse ver seu reflexo. Ao ver seu cabelo, Sakura sorriu, satisfeita. Ino quase não havia mexido no comprimento e seu cabelo parecia estar com mais movimento, macio e brilhante. Ino também havia lavado sua cabeça com produtos produzidos por ela mesma. Assim como Sakura, Ino possuia um extenso conhecimento sobre ervas e, apesar de não ter se tornado uma médica ninja feito a amiga, adorava criar fórmulas, inclusive de cosméticos.

- Arigato, Ino. - Disse Sakura, levantando-se da cadeira onde Ino a sentara para cortar seu cabelo e abraçando a Yamanaka.

- Só não consegui esconder sua testa de marquise… - Provocou Ino, afastando um pouco Sakura e mostrando a língua para ela, que a encarou, claramente irritada e ofendida.

- Tchaaau! Obrigada pelo chá! - Despediu-se Ino, depositando um beijo no rosto de Sakura, agarrando sua caixa de coisas e correndo porta a fora.

Não houve tempo de dizer qualquer coisa, então Sakura simplesmente riu ao passo que observava a amiga de infância partir.

 


Notas Finais


Adorei retratar a Ino e vocês podem apostar que terá mais dela por aqui. E vocês, o que acharam? :*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...