História UM AMOR DE OBSTÁCULOS ( Imagine Rap Monster) - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Kim Namjoon, Romance
Visualizações 168
Palavras 828
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Luta, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii meus bbs ❤️💙😆
Titia trouxe mais um capítulo pra vcs lerem

Capítulo 6 - Namjoon não é inocente???


Aqui estou eu levando bronca do Sr Kim pela noite passada. Sim ele descobriu.. E me deixou afastada do Nam por um tempo. 

Tudo culpa minha.. Se eu não tivesse bebido além da conta, eu não estaria nesse estado...


Flashback on


04:12 AM


— Tem serteza de que ele não vai descobrir? — nam me olha preocupado. 

— Ele não vai Nam.. — acariciei suas bochechas que logo se formaram covinhas fofas. 

— Te amo muito.. — me beijou. 

— Também te amo — falei entre o beijo — lhe dei um selinho — Tenho que ir bebê.. 

— Tem que ir mesmo? — fez bico. 

— Sim. Tchau Nam.— abri a porta do carro e sai. Olhei para trás e vi Namjoon com uma cara triste. 

Fui atrás da casa para entrar por trás. Cheguei na porta e tirei meus saldos para não fazer barulho. 

Andei pala casa até ver algo coisa parada em minha frente. Como estava escuro eu não pude ver nada. Espera ai.. Era só um demônio, gente.. 

— Eu estava te esperando...Por que saio de casa??

— Não é da sua conta, Hyury! 

— Vou contar tudo para meu pai! 

— Você não... 

— PAAAAAAIIIIII!!!!!!!!!! 

— Sua cobra! 

A orca veio quase caindo de tanto correr. Só faltava cair da escada e sair rolando. 

— Onde você está mocinha?! Quem te deu permissão para sair??! — olhou para minha cara com raiva. 


Flashback off 


— EU NÃO AVIA TE PROIBIDO DE SAIR DE CASA?!! PORQUE ME DESOBEDECEU??? — não  respondi suas perguntas e continuei com a cabeça baixa sem olhar em sua cara. — Se pelo menos vocês tivesse saído para a festa, não iria me preucupar tanto. Mas você transou com aquele... Aquele vagabundo do Namjoon!! 

— Não fala assim dele! ele é diferente de você que anda dando o CÚ pra todas, e depois abandoná como lixo!! Você nunca me amou, só me usa como brinquedo sexual, só para se satisfazer. VOCÊ SIM, É UM VAGABUNDO!!! — depois da minha frase, senti minha bochecha arder, e percebi que ele me deu um tapa forte.  

— Você me respeita vadia!! —Em minhas bochechas aviam lágrimas  que saiam quentes. Corri para fora de casa e fui até o jardin. Me deixei levar pela raiva e as lágrimas.


*Sn off

               Taehyung on*


Na boate, eu não tirava os olhos da Sn. Sempre a protegendo de longe..Mas nunca de perto... 

Eu a amava muito... 

Já era hora de agir.. Ir atrás. Tela pra mim. 

MAS! parece que tem gente tomando meu lugar. O meu irmão Kim Namjoon. 

Ontem eu o vi puchado a Sn para fora da boate. Na hora eu fiquei com muita raiva. Ele não poderia rouba-lá de mim... 

Eles ficaram a noite toda fora. Pelo visto rolou algo a mais...

Tsc.. A Sn não pode amar ele.. Neh? Meu irmão é um idiota iludido... Um grande otário. Ela NUNCA ficaria com ele. 

Inventei uma boa e má mentira de meu irmão.. E eu contaria pessoalmente para Sn. 

 

*Taehyung off

        Hyury on*


Foi bem feito para Sn. Ninguém mandou ela sair de casa. Mas olhando o lado bom foi que ela e o Namjoon não vão se ver por um bom tempo. 

Agora posso me mais aproximar do Nam. E no final terei ele só pra mim.. 

Eu gostava muito dele.. 

Eu sempre desejei ter ele dentro de mim me fazendo gemer como uma putinha. Só de imaginar fico molhada... 

Já até sei como me aproximar do meu querido irmãozinho.

 

*Hyury off

                   Taehyung on*


Me arrumei todo para encontrar Sn e contar minha "mintira". Fui à pé mesmo até sua casa. 

Cheguei em frente ao portal e apertei a campainha. Logo uma das empregadas veio me atender. 

— Oh!, Taehyung! — dei meu famoso sorriso quadrado — Entre  por favor — destrancou o portão. Segui ela até a sala. 

— A Sn está, Hee Yong? 

— Sim. Lá no jardim. 

Sai de dentro da casa e fui até o jardim, como Hee Yong avia me informado. 

Sn estava sentada em uma mesinha branca com banquinhos. Me sentei ao seu lado e cutuquei a mesma. 

— Sn, Sn...? 

— Oi Tae! — ergueu a cabeça — Não esperava você. É uma ótima companhia! 

— Eu vim te informar de uma coisa bem seria. Eu fiquei sabendo o que aconteceu ontem a noite.. — ele ficou corada — Você sabia que.. — olhei para os lados — O Namjoon já fez garotas perderem a virgindade — sussurei. 

Sn estava com os olhos arregalados. Acho que ela ficou emprecionada e confusa. 

— Como assim Taehyung? 

— Não acredita em mim? ele saia para boates com os meninos, no último ano quando você saiu, ele pegava as meninas e levava para as salas vazias e a salinha  do zelador. Não sabia disso Sn? 

— Não.. 

— Só não contei para você antes porque Namjoon me proibiu,  e deixou como um segredo entre agente.. Namjoon não é inocente. 

— Não acredito.. Namjoon não pode ser assim! 


 Continua... 


Notas Finais


Esse ciumes do Taehyung..N sei n, viu
Até o próximo capítulo 👋

Me perdoem se ficou pequeno


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...