História Um amor de rivais - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Personagens Denki Kaminari, Eijirou Kirishima, Hanta Sero, Katsuki Bakugou, Kyoka Jiro, Midoriya Izuku (Deku), Shouta Aizawa (Eraserhead), Shouto Todoroki
Tags Romance Imagine
Visualizações 14
Palavras 923
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, Shounen
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


palavras chave:
(A/F)- anime favorito
(T/N)- teu nome
(C/O)- cor de olhos
(U/N)- último nome

Capítulo 4 - Capítulo 3- a carta da U.A


Alguns dias se passaram e eu não pude evitar o nervosa eu estava, eu sei que eu vou ser aceita, é claro que eu vou, não tem como eu não entrar, certo?

Ok, digamos que eu estou apavorada, tão confiante quanto tento agir, o nervosismo está me corroendo de dentro para fora e às vezes eu deixo passar isso para outras pessoas embora eu tente ser o mais discreta possível.

 Por exemplo, estamos jantando agora e os resultados deveriam ter chegado há uma hora e, por estar tão ansiosa, posso ter entrado em uma briga com meu pai  e como resultado, agora ambos estamos paralisados ​​... (Nota: lembre-se, a individualidade da sua mãe é paralisia).

* flashback para um pouco antes do jantar *

Ponto de vista da Terceira pessoa

(T / N) estava sentada no sofá assistindo alguns animes que ela esqueceu de acompanhar para que ela pudesse ficar um pouco distraída com o atraso da carta da U.A, mas o que ela não esperava era que seu pai mudasse do anime para uma série que ele também queria assistir, sem sequer perguntar.

Era a vez de (T/N) usar a TV desde que seu pai passou a maior parte do seu dia de folga (por coincidência ou pura inconveniência tinha que ser hoje) assistindo quem sabe o que enquanto você esperou pacientemente por uma boa oportunidade para assistir (Anime / favorito) nem que se fosse apenas por um pouco…

-Pessoal, o jantar está pronto um de vocês coloque a mesa para que possamos comer, ok?- (nome/mãe) disse monotonamente da cozinha.

-(T / N) você vai, eu tenho que assistir a este episódio, e amanhã eu não tenho tem...

Ele nem terminou o que tinha a dizer e você entrou impiedosamente. “Talvez eu deva terminar o que estava assistindo também, antes de mudar para o que você esteve assistindo o dia todo” (T / N) deu ênfase nas palavras certas tentando fazer com que seu pai se sentisse culpado pelo que acabara de fazer.

Vocês dois estavam em um concurso de olhar fixamente, muito envolvidos nesse evento para perceber que sua mãe já tinha te chamado para comer, já que nenhum de vocês foi capaz de ajudar por causa de vossa pequena discussão.

O jantar estava sendo contrangedoramente silencioso até que sua mãe quebrou o silêncio.

-Ok, o que há entre vocês dois que estão fazendo umas expressões e dando olhares muito estranhos um ao outro?" Ela perguntou balançando a cabeça e segurando a ponta do nariz claramente irritada.

"Pergunte ao seu querido marido!" "Pergunte à sua adorável filha!", Vocês dois disseram ao mesmo tempo.

-O meu querido progenitor mudou o que eu estava assistindo PELA PRIMEIRA VEZ HOJE para o que quer que ele esteja interessado, sem sequer se importar se estava terminado ou não!", Você disse com uma veia grossa se formando em sua testa e enviando um olhar latal para a direção do seu pai.

-Então, eu que pago pela TV, é o meu direito de assistir o que eu quiser lá, caramba, é meu dia de folga, você pode assistir o seu anime outra vez. Diga a ela, querida! - disse ele, cruzando os braços contra o peito e fazendo beicinho como uma criancinha; você apenas revira os olhos e ele fica irritado, jogando-lhe um pedaço de arroz para o seu rosto.

Você não hesitou e atira outro pedaço de volta para ele, mas seus movimentos foram repentinamente parados com um grito.

-CHEGA! MAS VOCÊS AGORA SÃO CRIANÇAS DE QUATRO ANOS OU VÃO SE SABER COMPORTAR?- Sua mãe gritou seus olhos mudando de (c / o) para vermelho escuro, um sinal de que ela ativou sua individualidade.

* fim do flashback *

Seu ponto de vista

E aqui estou eu, ainda como uma estúpida estátua por causa de uma briga estúpida com meu pai, mas só até o som glorioso da minha campainha chegar aos meus ouvidos.

-MÃE MÃE ME FAZ MOVER DE NOVO!- Eu disse entusiasmada e logo as órbitas da minha mãe voltaram ao normal e eu corri para abrir a porta.

Provavelmente o homem do correio era a pessoa que eu mais queria ver mais hoje e ele pode pensar que eu sou louca agora.

-Muito obrigado, sua aparição nesta casa foi muito apreciada, tenha uma noite cheia de felicidade, senhor!- Eu disse a ele enquanto o velho lentamente, mas com certeza, fugiu da minha casa.

Fui para a mesa novamente e abri a carta para ser saudada com toda a cara do herói numero 1.

- EEEEEH ALL MIGHT ?!- todos dissemos em sincronia, chocados ao ver o herói nº1 como um holograma, deve ser por isso que o envelope era tão pesado. …

"Parabéns (U / N) shonen, você ficou em segundo lugar no seu teste, bem-vinda à U.A" ele disse dando uma piscadela e um joinha junto com um dos seus sorrisos de marca. Meus pais celebram com felicidade enquanto eu ainda sorrio, mas um sorriso conflitante ... Melhor não ser colocada atrás daquele garoto ou minha vida será um inferno de provocações; Todas as piadas à parte, estou muito feliz com meus resultados, especialmente que eu entrei na melhor escola do mundo todo, é uma droga não ser eu no momento em que eu estou agora.

“GENTE QUE EU ENTREI EM U.A, VOU SER UMA HEROINA!” Eu abracei meus pais e saí da mesa.

Hoje é o dia que marca o início de uma nova jornada, a que eu sonhei por tanto tempo, aquela em que serei aquilo que eu sempre desejei.


Notas Finais


Obrigada por lerem mais um capítulo, espero que tenham gostado.
até mais «3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...