História Um amor do sobrenatural (Imagine Ikon) - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Black Pink, CL (Chaelin Lee), EXO, Got7, IKON, Stray Kids, TWICE
Personagens B.I, Baekhyun, BamBam, Bang Chan, Bobby, Chaeyoung, Chanwoo, Chanyeol, Chen, D.O, Dahyun, D-Lite (Daesung), Donghyuk, G-Dragon, Han Ji-sung, Hwang Hyun-jin, Jackson, JB, Jennie, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jihyo, Jinhwan, Jinyoung, Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Jungyeon, Junhoe, Kai, Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Seung-min, Kim Taehyung (V), Kim Woo-jin, Kris Wu, Lay, Lee Chaelin "CL", Lee Felix, Lee Min-ho, Lisa, Lu Han, Mark, Min Yoongi (Suga), Mina, Momo, Nayeon, Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Rosé, Sana, Sehun, Seo Chang-bin, Seungri, Suho, T.O.P, Taeyang, Tao, Tzuyu, Xiumin, Yang Jeong-in, Youngjae, Yugyeom, Yunhyeong
Tags Bts, Exo, Got7, Hibridos, Ikon, Lobisomens, Sereias, Sobrenatural, Stray Kids, Twice, Vampiros
Visualizações 10
Palavras 1.741
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Policial, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi meus amores! Voltei com mais capitulo!!!! Espero que gostem e tenha uma boa leitura ❤️ desculpa os erros❤️

Capítulo 5 - Cap.4 (Akira)


Fanfic / Fanfiction Um amor do sobrenatural (Imagine Ikon) - Capítulo 5 - Cap.4 (Akira)

Estava andando pelo corredor, com Kai que me ajudava, ele disse que era pra mim pegar minhas coisas, que hoje eu ficaria em casa. Já que é dia de semana e temos que fingir sermos "normais".

K- Onde está suas coisas?

- Vestiário feminino.

fomos até o vestiário que não estava muito longe. Pego minhas coisas enquanto Kai me esperava do lado de fora. Eu não posso sair e arriscar que realmente eles apareçam de novo, então eu pego minha segunda espada, que eu guardo em um compartimento secreto e Saiu com as coisas.

K- Isso na sua mão esquerda é o que eu penso que é?

- Se você está pensando em uma espada, você acertou.

K- Você é louca? Não pode usar isso!

- Eu sei, mais você é meu primo deveria me conhecer o suficiente para saber que, independente da situação eu andarei preparada, mesmo que seje só com uma simples agulha, que em minhas mãos se tornam fatal.

K- Esse é o problema, eu te conheço, e sei que se você vê-los é possível alguém sair morto. Mais quem você ou eles? Lembre-se que está feriada fazendo com que fique mais difícil para você vencer.

- Eu já disse Kai, foi um vacilo meu com o Desgraçado do Tao.

K- Eu sei, mais Promete que não vai usar a espada, só se for a última opção.

- Eu prometo Kai. - vejo o mais novo solta um sorriso.

K- vamos?

- sim. - ele nos teletransportou até a sala da minha casa, e escuto alguém desce a escada.

Cy- Mana? - olho o mais velho que estava com seus olhos inchados.

- Oi Chanyeol! - ele vem correndo me abraçar, deixo minhas coisas cair e o abraço só com o braço esquerdo, começamos a chorar igual criançinhas, parecia que não nos víamos a anos.

Cy- Eu fiquei preucupado! - ele me apertou, nesse momento eu não me importei se meu braço estava ponteado ou não.

- Me desculpa Chanyeol. Eu não queria ter preucupado você. - começo a chorar mais.

Cy- Eu sei, mais tenha cuidado na próxima vez, eu tive medo do que poderia ter acontecido. - Ele me solta e me encara. - Eu não quero que aconteça o mesmo que aconteceu com a omma! - ele deixa mais lágrimas saírem.

- Isso tudo por minha causa! - falo me lamentando.

Cy- Não se culpe! - ele enchuga minhas lágrimas. - Isso foi um erro do passado não vamos se lamentar okay? - enchuga as próprias lágrimas

- E-está bem. - Dou sorriso fraco.

Cy- Já se alimentou?

- Ainda não.

K- T.O.P mandou ela comer isso. - ele joga o pacote que T.o.p me deu mais cedo.

Cy- Ração? - ele começou a rir

- Yah!! Não ria, ele disse que era bom, pra poder recompor meu sangue.

Cy- Agora você vai ter que explicar isso a alguém.

- Quem?- pergunto sem intender.

Xx- RAÇÃO!!!! - olho pra Chanyeol.

- Não me diga que....- ele assenti, e vejo um ser de quatro patas vir correndo

Xx- EU QUERO RAÇÃO!!!- era akira (A- é nome masculino) um filho de uma Akita. Ele faz parte da nossa matilha de cães, onde a maioria são Malamutes do Alasca e lobos checoslovaco, porém seus pais morreram restando só ele na alcatéia.

- Olá Akira! - olho para o cachorro.

Akira: _______! Fiquei sabendo do que aconteceu! - fala se sentando e começa a se coçar. - Como você está?

- Estou bem, só meu braço que teve que ser ponteado.

Akira- Até quando?

- Não sei.

K- Sem que ela ouvisse t.o.p me falou, que quando o braço estivesse cem por cento curado, a linha iria sai por conta própria.

Akira- Interessante.

K- Bom agora tenho que ir, e Chanyeol Hyung.

Cy- Sim?

K- Ela não pode, usar os utensílios dela durante três dias, e nada de treinar e pilotar por uma semana, ela trouxe uma espada mais me prometeu que usaria só se fosse a última opção.

Cy- Está bem! Obrigado Kai.

K- De nada, agora tenho que ir. Tchau e se cuida noona.

- Tchau Kai eu irei me cuidar. - dou um sorriso fraco e vejo o mais novo sumir.

Cy- Então quer dizer que você, não poderá, fazer esforço no geral.

- Aish.

Cy- Nada de Aish, e saiba que sua espada ficará guardada comigo. - vejo o mais velho pegar minha espada que estava no chão.

Akira- (risos) parece que alguém vai ficar sem a espada preferida.

- Não comece Akira, e desça do sofá.

Akira- Aish, não posso mais nem deitar em paz! - o cachorro desce.

Cy- vá tomar um banho, e venha comer. - apensas assenti, peguei minha bolsa e subi para o meu quarto.

Tomo um banho, com bastante cuidado, e visto minhas peças íntimas, um short confortável e tento vistir mais foi em vão, então decido chamar Chanyeol para me ajudar.

- CHANYEOL!!! - escuto alguém subi as escadas.

Xx- Ele está ocupado e mandou eu vir. - pela voz só podia ser o JB. - posso entrar?

- Entre.

Jb- Oque foi? - me olha.

- Não consigo vestir a minha camisa. - reviro os olhos.

Jb- Vem aqui anã.

- Yah! Eu não sou anã.- bato o pé no chão.

Jb- Está bem então. (Risos) - vou até ele com a camisa na mão, ele me ajuda a vestir com cuidado - eu reconheço essa camisa!

- Eu sei (risos) mais agora é minha!

Jb- como eu sou bondoso deixarei com você. (Risos) você está bem?

- Tô, só foi alguns ferimentos.

Jb- E nove pontos no braço?- assenti- vem seu irmão tá com sua comida pronta.

Estava indo para a cozinha mais JB, disse que eu não podia fazer esforço e muito menos descer escadas e me levou nas costas, tentei ir andando mais foi em vão. Quando cheguei na cozinha ele me colocou no chão, então me sentei na cadeira.

Cy- Aqui está sua refeição. - ele coloca uma bandeija em minha frente e pude sentir o cheiro forte de ração, um pouco de carne, arroz é um pouco de suco, que cheirava a beterraba. (Sim, todos os meus sentidos estão recuperados)

- Agradeço pela carne e o arroz! - empurro a ração e o suco.

JB- nananinanao, você vai comer tudo. - empurra de volta.

Cy- Isso mesmo, você perdeu muito sangue que eu vi.

- Aish, eu como.

Akira- Eu também quero ração! - faz cara de choro.

Cy- Nada de ração para você! - ele olha sério para Akira que abaixou a cabeça, olho para o cachorro e pisco, que o animou mais. - e você moça pode começar a comer.

- Okay.

pego o hashi com a mão esquerda e começo a comer, as vezes soltava o objeto em minhas mãos e pegava ração, sem "querer" deixava cair ração no chão e Akira comia.

O resto do dia foi calmo, Ficou eu  e o Chanyeol, mais tarde JB foi embora, mais Rosé veio, fui dormir em volta das 21:00 precisava descansar.

Dia seguinte......

Acordo com um akita deitado do meu lado, na matilha de cães, cada lobo tem um é esse era o meu, por isso que ele dorme comigo (as vezes, melhor raramente, só quando a um caso como esse ou semelhante). Faço minhas higienes tomo um banho com cuidado visto minhas peças íntimas e logo depois rosé vem em meu quarto.

Rs- A Tia me mandou essa magia aqui pra você. - fala me mostrando um saquinho, que supostamente era o por que mudaria minha aparência.

- Okay então! Qual é o estilo de hoje?

Rs- Ela disse que era uma blusa, um moleton e calça jeans branca rasgada.

- Finalmente algo que eu goste! - bato palmas com cuidado.

Rs- Imaginei (risos), ela falou que queria te deixar confortável.

- então ela acertou.

Rs- Entendo, agora fique quieta para que eu possa aplicar o pó. - fico quieta e a mais nova aplica.

Roupas comecam a surgir em meu corpo, em alguns segundos estava pronta, o cabelo e olhos mudados, maquiagem simples ( detesto) e roupa confortável.

Rs- Pronto. Estou lá embaixo tomando café, estou te esperando pra ir pra faculdade.

- Você vai pilotar hoje? - ela assentiu sorridente.- já desço. - a mais nova sai, pego minha bolsa coloco sobre a cama, pego com cautela, uma caixinha na minha gaveta, abro e desenrolo, no pano havia várias agulhas presas, enrolo tudo, guardo na caixa escondo na bolsa e coloco sobre meu ombro esquerdo, pego meu celular é desço. Vou para cozinha e vejo todos tomando café até o Akira.

- Bom dia! - fala colocando a bolsa em uma cadeira ao lado da que eu sento.

Tds- Bom dia!- pego um pouco da comida e coloco no prato, Chanyeol por sua vez colocou ração pra mim, tive que comer tudo, quando terminei, subi para escovar os dentes e desci, pegando minha bolsa e indo para o lado de fora onde Rosé me esperava na moto, com o meu capacete.

Na universidade...

Já estava na aula de matemática, e algo me encomodava, não sei se é impressão minha, ou se os alunos que chegaram ontem são estranhos, eu realmente não sei...

_________ off

JinHwan on

Você deve está se perguntando que eu sou, não? Prazer me chamo JinHwan, sou o filho do líder dos vampiros. Meu clã teve que se mudar recentemente para Seul, morávamos na ilha de jeju. Mais tudo mudou a anos atrás, onde o Clã do lobos, aquáticos e Híbridos, partiram dali. Mais eu não me importo em relação a isso, se eles se mudaram problema deles, não tenho nada haver.

Tenho a obrigação de ter que fazer uma faculdade, meus pais me colocaram em um curso qualquer, acho que é de administração, não faço a menor ideia.

Estava sentando em uma terrível aula de matemática, odeio. Mais na realidade parecia que alguém me comia com os olhos. Talvez seja uma garota chamada SunHee, des dê quando eu cheguei (ontem) essa garota não tira os olhos de mim, deve ser mais uma daquelas garotas "ousadas" que tentam ser sexy mais n passam de burras. Mais ela será um bom passatempo em dias cheios de tedios ou talvez em noites que eu esteje faminto. Só em pensar nisso passo a língua pelos meus lábios, imagino um gosto delicioso.

B.I - No que tanto pensa? - B.I fala me cutucando

- Em nada. Só no quão essa aula está chata. - viro para ele e dou um sorriso forçado

B.i- hm, só fui eu que percebi ou aquela garota tá tentando te devorar com os olhos? - o mais novo solta uma leve risada já que se referia a tal SunHee

- Não, mais eu tô achando que ela que será devorada. - dou um sorriso malicioso.

B.I- Pobre garota.- ele começou a rir baixo mas logo voltou sua atenção a aula.

Continua......


Notas Finais


Genti eu não sei, mais se alguém tiver dúvida por que eu coloquei um Akita, Malamutes do Alasca e lobos checoslovaco ao invés de Husky siberiano. Essas raças são todas semelhante aos lobos então achei melhor misturar um pouco as raças para não haver só um tipo.

Obs: Os husky e Malamutes do Alasca são bem semelhantes uns aos outros.

Bom espero que eu tenha ajudado caso vocês ficassem em duvidas sem saber que raças são essas. Espero que tenham gostado, me disculpem os erros. Obrigada por lerem!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...