1. Spirit Fanfics >
  2. Um amor em 24 horas >
  3. Não pago!

História Um amor em 24 horas - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Não pago!


Por Emma,

( O despertador toca, e Emma houve ao longe, mas abre os olhos)

Acordo mais uma tarde, na intenção de dormir um pouco mais depois dee passar uma movimentada noite acordada.

Me arrasto ainda sonolenta até o banheiro, mas logo sou despertada pela ducha gelada em contato com meu corpo... ainda resmungando a Deus sobre essa vida que é a minha, me assusto ao olhar o relógio na cabeceira da cama. - Merda! Mas uma noite atrasada para o trabalho.

Me visto o mais rápido que posso, opto por um lindo vestido rosa e curto, que fica colado ao meu corpo, poucas vezes usado, que eu gostava de chama-lo de meu vestido da sorte! Nos pés um salto alto preto, meu ando batom vermelho, e uma bolsinha de ombro..

Saio do meu apartamento correndo, por estar atrasada.. e na avenida principal, algumas quadra próximo ao meu apartamento, encontro minha amiga Serena, que me cumprimenta com um beijo na bochecha, e nos demos Boa Sorte!

- Por falar em sorte.. - disse Serena olhando pra trás de mim - Olha ali aquele carrão que está virando a esquina!

Eu e Serena observavamos aquela BMW.

- Serena, esse carro deve ser roubado, está parado no meio da avenida, e com os faróis desligados..- eu disse estranhando.

Nos assustando quando o carro começou a andar, e do nada deu uma freada brusca. Eu me perguntava qual era o problema daquele cara, pois se ele continuasse correria o risco do carro cair e restar apenas a lataria em Serena me dando uma piscadinha..

- Mas Serena, ele pode estar apenas perdido..- Serena me fuzilou com olhos e me disse sorrindo:

Olha Emma, quando te encontrei naquele dia, debruçada naquela mesa daquela lanchonete, você me disse que tinha sonhos, e depois que eu enxuguei as suas lágrimas, mesmo que você tenha acabado de me conhecer, você me prometeu que faria de tudo para realizar cada um, e naquela BMW pode estar tudo que um dia você sonhou pra sua vida.

- Verdade, Ok?! - confirmei dando razão a ela.. - Como estou? - perguntei insegura.

- Como sempre está linda do bonita Emma! - Serena respondeu sorridente.

Criei coragem e andei confiante em direção ao carro, e para minha surpresa lá estava uma mulher.. aliás, uma mulher não, uma Bela Mulher, reclamando e bufando de algo que eu não fazia idéia do que seria, mas que a deixava bem sexy..depois de reclamar de algo a mais, seus lábios formaram o bico mais lindo que eu já vi.. - Ok Emma foco?! - pedi a mim mesma.

Debrucei na janela do carro, e percebi que ela ainda não havia me notado. Para chamar sua atenção: - Boa Noite?! - mostrei meu melhor sorriso. -Precisa de ajuda Madame?!

- Olá! Pode me informar onde fica o hotel Santa Taresa?! - Ela foi bem seca e direta.

- R$ 50,00! - respondi

- R$ 50,00 por uma informação?? - Ela perguntou-me incrédula. - Não pago! - respondeu ríspida. - Pode deixar que eu encontro o caminho!

- Hum.. Tudo bem! - respondi me afastando. Mas em minha narina tinha um cheiro tão bom, aquela Morena tinha um rosto tão perfeito, e aqueles olhos.. sai sorrindo e balançando a cabeça, na intenção de afastar aqueles pensamentos,quando ouvi aquela voz rouca e marcante dizer:

- Ei Loira, aceito sua informação! - me virei para ela sorrindo, porque seria os 50,00 mais fáceis de toda a minha vida.

- Então aonde fica? - Ela me perguntou.

- Primeiro meu dinheiro! - fui firme, e ela revirou os olhos.

- Tem troco pra 100,00? - Ela me perguntou debochando.

- Não. Mas por esse valor eu mesma te levo lá! - disse pegando a nota de sua mão.

Sem pensar duas vezes, dei a volta no carro e sentei no banco carona, com ela me olhando incrédula e eu nem me importei. - Então Madame, sabe pilotar essa máquina? - Ela me olhou diretamente nos olhos e respondeu:

- Mas é claro! Ou acha que ele chegou aqui como? Voando? - respondeu dando uma gargalhada irônica.

- WooL.. - respondi com as mãos para cima, em sinal de redenção. - Não era minha intenção lhe afrontar Madame! Desculpe -Me? - pedi sincera.

- Desculpe -Me?! Mas na verdade não sei dirigir um carro manual, e meus saltos estão me matando! - Ela respondeu parecendo baixar a guarda.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...