História Um amor esquecido(jikook) - Capítulo 31


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Jikook, Jikook Flex, Jimin, Jungkook, Kookmin, Namjin
Visualizações 13
Palavras 3.545
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura e perdoem qualquer erro 💖

Capítulo 31 - Entardecer



                    _Jungkook_



Cinco horas. Esse foi o tempo que dormi , o que foi muito considerando meus dias de insônia. Me sentia revigorado,  talvez seja consequência da animação que sentia por saber que iria passar o dia perto de jimin , não que não passasse sempre,  mas agora era diferente. Diferente porque ele já não se retraia tanto ao meu lado. Diferente porque ele gostava do lugar para onde iríamos. Diferente porque era ele ali , e tudo era diferente se tratando de Park jimin.

- nosso esforço valeu a pena - ele sorriu enquanto me ajudava a fechar mais uma vasilha , a colocando junto às outras sob o balcão logo depois. Era seis da manhã,  a luz solar que entrava pela janela estava iluminado todo o apartamento enquanto eu e jimin arrumavamos tudo para sair às dez , mesmo ele não sabendo o destino do nosso passeio ainda , eu até tentei arrumar tudo sozinho para fazer um piquenique surpresa para ele,  mas por algum motivo maligno jimin acordou na hora e me obrigou a deixá-lo me ajudar até que tudo estivesse pronto na noite anterior mesmo.

- sim , ainda bem que terminamos tudo a tempo... - murmurei olhando o horário no celular.

- para onde vamos ? - ele estava insistindo nessa mesma pergunta desde que começou a me ajudar a arrumar tudo naquela manhã , e conhecendo ele como conhecia sabia que ele não iria desistir fácil.

- é uma surpresa - sorri para o mesmo vendo ele inflar as bochechas contrariado e , sem hesitar , apertei sua bochecha direita que ficou num tom rosado rapidamente. - tão fofo!

- para com isso ! - ralhou afastando minha mão , o que só me fez rir mais e bagunçar seus cabelos,  me desviando de seus tapas irritadiços digno de uma criança de três anos. Jimin é só um bebê e eu tenho provas.

- tudo bem , tudo bem - levantei as mãos em sinal de rendição enquanto riamos. Após me ajudar a guardar tudo numa bolsa jimin foi se arrumar , e enquanto eu aguardava ele voltar liguei para Somin confirmando minha volta ao trabalho na semana que vem e garantindo a ela que eu sabia como chegar ao destino da viagem de hoje.

- eu não vou me perder somin ! - garanti pela quinta vez

(- , mas e aquela vez que você errou a rua e quase capotou com o carro numa valeta ?)

- mas foi você que estava cuidando do GPS naquele dia ! Eu só segui a rua que você me falou !

(- você que estava no volante ! Nem vem ! Eu lembro claramente de ter dito direita...)

- " vire a esquerda jungkook... não, não, a direita  ! Siga reto ! "  - imitei de forma fina sua voz , a ouvindo bufar do outro lado da linha na mesma hora que um jimin já vestido se sentou meu lado com os cabelos completamente molhados - tenho que desligar agora Somin , posso ligar depois ?

(- sim sim - ouvi o sino da loja ao fundo e um " bom dia" logo depois - aproveite o dia , e diga á jimin que mandei um beijo !)

E então a ligação foi encerrada.

- você não vai se arrumar ? - a pergunta de jimin ao meu lado me tirou de meus devaneios . Me levantei com um sorriso fechado no rosto, enquanto pegava uma toalha que estava no sofá e me aproximava,  começando a secar seus fios molhados de forma despreocupada.

- agora mesmo - sorri quando ele fechou os olhos, enquanto eu continuava a secar seus fios negros , até que eles estivessem mais secos - já deixei seu café pronto na bancada , hum ? Não esqueça de comer algo também.

Ele assentiu sorrindo , enquanto eu me afastava e ia até o banheiro após dizer que não iria demorar , o que foi verdade já que alguns minutos depois sai do banho já pronto, me certificando de que jimin havia tomado seu café e remédio. Ele costumava ficar enjoado em viagens longas , não queria que ele passasse mal ou coisa do tipo dessa vez.

- chaves ? - perguntei.

- confere ! - ele respondeu de batepronto enquanto esperava na porta , pronto para sair.

- alimentos para nossa sobrevivência ?

- confere !

- água para nos manter hidratados ? E playlist pra viagem ?

- confere ! Confere ! - disse animado.

- acho que estamos prontos então - sorri para ele , dando passagem na porta - vamos ?

Ele assentiu , passando pela porta enquanto eu me encarregava de fechar tudo. A comida e água de min-min já estavam no lugar , enquanto ele descansava no tapete da entrada.

- já já voltamos min-min - acariciei sua cabeça , o que só o fez me olhar irritado e se levantar do tapete , indo dormir em outro lugar - também te amo !

E então,  após me certificar de que estava tudo pronto,  fechei a porta indo até o elevador que havia acabado de abrir , não demorando muito para chegarmos no estacionamento.

- colocou o cinto ? - perguntei enquanto me sentava no banco do motorista.

- sim - jimin assentiu , afastando as mãos para que eu visse que ele o havia feito mesmo.

- certo então - balancei a cabeça, respirando fundo.

E então engatei a marcha , saindo do estacionamento e seguindo pela avenida principal.

- jungkook ?

- sim ? - murmurei sem tirar os olhos do sinal,  que agora estava laranja.

- por que você sempre fala do cinto quando entramos no carro ?

- porque é o certo a se fazer - respondi tombando a cabeça levemente para o lado,  confuso pela sua pergunta.

- eu sei disso - ele riu sacudindo os ombros,  olhando para a rua enquanto eu avançava quando o sinal saiu do vermelho e foi para o verde. - é que você sempre parece estar com medo...

Batuquei meus dedos no volante,  respirando fundo. Ok , aquela era a primeira vez que conversávamos sobre algo assim.

- hum... e eu estou - respondi em baixo tom , dando de ombros - quero ter a certeza de que você está seguro. Sempre.

Notei ele morder os lábios e assentir , parecendo ter sanado sua curiosidade. Por hora.

- obrigado...

O olhei surpreso , logo voltando a prestar atenção na rua.

- pelo quê ? - perguntei confuso de novo , sem realmente entender o motivo do agradecimento.

- por se preocupar comigo - ele sorriu,  eu sei que sorriu .

isso me faz sentir bem de uma forma inexplicável e me faz o olhar na mesma hora , mas sua atenção estava voltada para o que acontecia do lado de fora da janela,  de forma que eu só pudesse ver seus cabelos escuros cobrindo o rosto.  Sem saber o que falar e sentindo meu rosto mais quente que o normal eu apenas deixo uma risada escapar , voltando a acelerar assim que o sinal se abre.

- isso é... - jimin murmurou ao meu lado, se ajeitando para olhar pela janela assim que o nosso destino já podia ser visto - aí meu deus...

Sorri largo enquanto parava o carro na passarela que nos dividia da areia.

- eu estava pensando em fazer você descer vendado e coisa do tipo... - confessei coçando a nuca , envergonhado - mas não deu certo da primeira vez então achei melhor não...

- já viemos aqui antes ? - ele perguntou surpreso,  alternando seu olhar entre mim e a imensidão salgada a nossa frente.

Assenti.

- você gostava muito daqui , sempre foi um lugar bem especial pra você - olhei para o mar também,  respirando fundo e sorrindo ao sentir o cheiro de maresia - da primeira vez que viemos você estava vendado...

- vendado ?! - soltou ele surpreso enquanto descíamos da passarela,  pisando na areia quentinha.

- sim - ri assentindo- estava indo tudo bem... até que você levou uma topada na passarela e caiu de cara na areia...

Jimin me olhou chocado , prestando atenção enquanto andava.

- você ficou muito , muito irritado comigo - continuei , rindo de olhos fechados ao lembrar de tudo - até me deu um chute e disse que ia embora...

Jimin levou as mãos a boca , segurando uma risada.

- isso é sério mesmo ? - seu tom era de quem se divertia com a situação.

- muitíssimo - ri junto a ele - mas aí você se acalmou quando olhou a vista daqui , exatamente da onde estamos.

E finquei meus pés já descalços na areia , olhando para a linha que parecia dividir mar e céu.

- é realmente linda... - murmurou ao meu lado , parecendo perdido. A praia estava incrivelmente vazia hoje , provavelmente por ser um dia de semana.

- fica mais linda ainda ao entardecer - sorri enquanto voltava para o carro , pegando a bolsa com as coisas no banco de trás, logo após voltando para a areia - vamos achar um lugar para sentar , jimin

Ele concordou tirando os sapatos dos pés, o levando nas mãos enquanto caminhávamos pela areia morna , e assim que achei um local sombreado por um coqueiro coloquei tudo sobre um pano na areia e me sentei de frente para o mar.

- eu quero ir até lá.  - Jimin quebrou o silêncio e então se levantou , olhando decidido para a água - vem comigo ?

Ele me olhou dali de cima , parecendo ansioso por uma resposta. O dia era do jimin, então não podia deixar que medos bobos estragassem isso.

- vou ! - me levantei com determinação sabendo que fiz a coisa certa quando ele sorriu para mim - mas já aviso que deve estar um gelo...

- não tem problema ! - ele riu animado , e com uma mão segurando meu pulso passou a me puxar pela areia agora um pouco quente demais até a água. Olhar para aquela imensidão era desnorteante. Tão lindo mas tão assustador e sufocante.

- yah, Jungkook ! - pisquei algumas vezes,  notando que jimin ainda me puxava até a água.

- hum ? O que houve ? - perguntei confuso.

- o que ? - jimin parou de andar assim que chegamos na parte nivelada da areia , onde a água ia e vinha - do que você está falando ?

Tombei a cabeça de lado , o cenho franzido.

- você acabou de me chamar , jimin

Quem franziu o cenho dessa vez foi ele.

- eu não te chamei...- riu parecendo um pouco afetado - você fica dizendo isso com muita frequência ultimamente...

Sacudi a cabeça,  respirando fundo e o puxando até onde a água chegava aos nossos pés.

- deve ser coisa da minha cabeça - ri para descontrair - esqueça isso.

Ele concordou parecendo de fato deixar isso de lado no mesmo instante.

- tudo be- wahhh que frio ! - ele deu um  pulo ao meu lado assim que a água ricocheteou em suas pernas , que estavam expostas já que ele usava uma bermuda.

- eu avisei ! - ri alto mas estremecendo também ao sentir o quão gelada a água estava , me fazendo arrepiar - u-uh ! V-vamos sair daqui jimin !!!

Ele gargalhou alto concordando enquanto fugiamos da água na ponta dos pés,  sendo castigados pela areia agora escaldante. Permanecemos sentados por muito tempo observando o mar a nossa frente em silêncio.

- por que ?  - de repente jimin murmurou, tomando minha atenção para si.

- hum ? Por que o que ? - esperei pacientemente sua resposta , que demorou a vir.

- tenho muitas perguntas que quero que você responda , Jungkook- ele suspirou , calmamente - por que ... você se apaixonou por mim ?

Resfoleguei um tanto quanto surpreso , piscando algum vezes para assimilar.

- hum... você... - fitei meus pés ao lado dos seus - você sempre foi gentil e paciente com todos e... mesmo eu te tratando mal antigamente , na época de escola você nunca revidou de nenhuma forma as minhas provocações , o que me deixava muito irritado - arqueei as sobrancelhas de forma engraçada,  fazendo jimin rir.

- era essa cara que você fazia ? - perguntou rindo , cobrindo a boca com a mão.

- era essa mesma ! - respondi rindo de volta - acho que com o passar do tempo toda implicância boba que eu tinha por você só me fez perceber o quanto você era especial , e o quanto eu te queria comigo pra sempre...

Silêncio.

Então resolvi continuar.

- quando eu tentei falar com você sobre meus sentimentos você se afastou... estava muito irritado comigo e com razão - fechei os olhos ao lembrar , sentindo meu peito apertar - não queria me ver de forma nenhuma nem falar comigo , até ameaçou de me jogar no lago...

Mais uma vez nos rimos , deixando jamais que o clima pesasse como era de costume algum tempo atrás.

- mas depois de muito pedir desculpas e tentar me aproximar de todas as formas você aceitou sair comigo... apesar de ter me deixado plantado muitas vezes - fingi uma expressão ressentida , vendo ele sorrir de volta - e então meses depois você aceitou namorar comigo , foi meio complicado no começo mas depois tudo se resolveu.

Novamente o silêncio se instalou sobre nós , jimin estava olhando para o céu de forma pensativa.

- e planos ? - ele de repente murmurou. Meus olhos pousaram nele , e fiquei observando seus fios negros serem mudados de lugar por conta do vento com cheiro de maresia.


- hum ?


- me conte nossos planos - ele então me olhou,  sorrindo de lado - os planos que nos tínhamos pro futuro.


Demorei algumas passadas de vento no meu rosto para organizar tudo na minha cabeça,  e então raciocinar.


- a-ah ! Planos... - murmurei deixando meus ombros penderem para baixo , e então eu que estava olhando o céu , sem o enxergar de fato - bom... Você pretentendia terminar sua faculdade de dança,  e então abrir um estúdio só seu... 


- um estúdio só meu ? - ele repetiu surpreso , e eu assenti.


- isso , um estúdio perto dessa praia - sorri comigo mesmo ao lembrar - " meu estúdio vai ser um dos mais conhecidos de toda Seul " você dizia...


De canto de olho pude notar sua respiração profunda,  já que ele prestava muita atenção.


- também tinha uma viagem- sorri ao lembrar - uma viagem para a Antártida.


- Antártida ?


Fechei os olhos com uma nova brisa , rindo baixo.


- você queria abraçar pinguins - de repente jimin irrompeu em mais uma risada , parecendo desacreditado. - " eu preciso fazer isso antes de morrer , ou eu não me chamo Park Jimin "


Ele riu mais,  seu corpo indo para frente enquanto ele tomava fôlego.


- por Deus Jungkook , que tipo de pessoa eu era ? - perguntou num tom divertido.


- a melhor possível - sorri de canto para ele - ainda é


Ele então pigarreou , voltando a se sentar normalmente.


- e você ?


- eu ? - o olhei,  recebendo uma cotovelada brincalhona dele.


- seus planos para o futuro - ele me olhou - quais são ?


Franzi os lábios diante dessa pergunta , meus planos... os planos que eu já havia deixado de lado a tanto tempo.


- ahm... não era bem um plano que eu tinha... era mais algo como um sonho - cocei a nuca sem jeito - eu queria abrir um estúdio de fotografia...


Ele arqueeou as sobrancelhas,  surpreso.


- fotografia ?


Concordei devagar.


- mas isso foi algo que já ficou pra trás... - tentei sorrir para ele , mas dessa vez não consegui.


- mas por quê? Pela forma que você fala parece que era algo que você gostava de fazer...


Umideci os lábios,  me sentindo tenso repentinamente.


- era só um hobby bobo... - suspirei afastando meus pensamentos para longe e então sorri novamente - coisa do passado.


- mas-


- eu pretendo abrir uma cafeteria futuramente - mudei o rumo da conversa rapidamente.


- oh - ele pareceu se entreter no novo assunto rapidamente , jimin era só uma criança de três anos... - isso parece ser muito legal !


- sim ! - respondi no mesmo tom animado - você teria desenhos de coração infinitos em seus cafés ! - soltei animado , vendo ele estancar no lugar surpreso.


- ah... - ele começou a ficar vermelho , e consequentemente eu também.


- q-quer dizer... e-eu...


- eu ia adorar ,  Jungkook - um sorriso se formou em seu rosto gordinho, todo vermelho ainda.


Meu. Deus. Do. Céu.


- ah... s-sério ? - sentia meu rosto e pescoço tão quentes que podia ver a fumaça passar diante dos meus olhos.


- é claro - ele riu com os ombros encolhidos.


Meu coração batia tão desenfreadamente que eu me sentia um louco , louco de amor por Park jimin. Completamente boiola por ele. Meu medo atual era que algum carro de manicômio aparecesse e me levasse para longe , alegando em meu laudo que fiquei louco de amor.


- vou garantir que isso se realize então... - sussurei para mim mesmo , pegando a bolsa ao meu lado - fome ?


E após jimin assentir animado organizamos todas os potinhos em nossa frente,  comendo calmamente enquanto falávamos sobre coisas bobas ou comentavamos sobre o mar. Após um bom tempo sentados resolvemos enfrentar a água gelada novamente , dessa vez para pegar conchinhas.


- achei mais uma jimin ! - gritei erguendo uma concha vazia em minhas mãos - é da cor que você queria !


Observei seus tufos negros aparecendo por detrás de uma pedra , logo depois revelando um jimin surpreso e com a boca formando um " 0 "  ao ver minha descoberta.


- vem pra cá Jungkook ! - ele gritou sacudindo as mãos - eu achei um carangueijinho , ele pegou meu dedão !


ri alto correndo pela areia até ele , que estava com as mãos em concha , segurando um serizinho.


- wah, que pequenininho - comentei ao olhar para ele - cabe direitinho na sua mão...


Senti a água sendo chapiscada em mim por um jimin irritado , enquanto ele se abaixava na água , abrindo a palma para que o bichinho nadasse.


- tchauuu - jimin acenou com uma vozinha fininha ( a que ele só usava com min-min ) para se despedir do bichinho.


- aqui jimin - chamei sua atenção enquanto enfiava minha mão nos bolsos e indicava para ele formar uma concha com as mãos , e assim que ele o fez despejei as conchinhas em sua mão , vendo seus olhos se iluminar como uma criança que acabou de ganhar o melhor presente de todos.


- você é bom em achar conchinhas... - ele murmurou olhando para elas - eu só achei um e o serizinho que beliscou meu pé...


Me segurei para não sorrir diante de tamanha fofura , mas não me aguentei.


- você só estava num lugar ruim - tentei amenizar sua chateação - queria ter achado um carangueijinho...


Ele sorriu de forma mínima.


- não queira , doeu a beliscada - ele confessou - pensei que fosse uma enguia querendo me arrancar um pedaço...


Neguei desacreditado enquanto ria de sua fala , logo saindo da água junto com o mesmo. Estava na hora.


- está pronto ? - perguntei enquanto mantinha minhas mãos sobre os olhos de jimin,  sentindo seus cílios inquietos fazerem cócegas em minha palma. Já havíamos voltado para a areia , guardado tudo e agora estávamos sentados sobre a toalha.


- sim ! - ele respondeu tentando desviar das minhas mãos,  mas eu apenas ri enquanto assoprava sua nuca , para que ele ficasse quieto.


- espera só mais um pouquinho.... - avisei suavemente olhando para o céu - e... agora.


Retirei minhas mãos de seus olhos , esperando sua reação , que veio de forma sutil , com seus ombros relaxando e seu corpo se ajeitando para observar melhor o céu.


- é tão...bonito - ele suspirou a última parte , parecendo encantado com a cena em sua frente. O sol estava de encontro com a linha que parecia dividir céu e mar , aquele encontro causando uma explosão de rosa e amarelo no céu , dando um ar fictício aquilo tudo.


- o céu estava assim... - murmurei em voz alta , mais uma vez perdido em lembranças.


- hum ?


- o céu estava assim - voltei a repetir , direcionando meu olhar para ele - quando eu me declarei para você a primeira vez , também estava assim quando te pedi em namoro aqui , e sempre está assim quando estamos aqui.


Ele permaneceu me encarando , sem saber o que dizer eu apenas deixei uma risada baixa escapar , o único som presente sendo o da água do mar apagando as nossas pegadas.



Notas Finais


Tudo bem com vocês ? O que acharam desse capítulo ? Particularmente esse foi um dos meus preferidos, fiquei toda boiola escrevendo ele 😔💖
Me desculpem a demora para atualizar ! Estou pensando em deixar a história em Hiatus por um período determinado de tempo e voltar quando tiver vários capítulos prontos, mas ainda não sei... se puderem comentem o que acharam porque isso me ajuda muito ! Obrigada por ler até aqui e até o próximo 💜 ( ps: chegamos a 4K de views aaaaaaaaa , muito obrigada !!! )


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...