1. Spirit Fanfics >
  2. Um amor inesperado >
  3. Te odeio,mas te amo

História Um amor inesperado - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Apreciem a beleza do Issack :>
Oie,sei que era pra postar ontem(terça feira) mas acabei não tendo tempo, então caso não tenha capítulo na terça vai ter na quarta...ok?
Bora pra leitura

Capítulo 3 - Te odeio,mas te amo


Fanfic / Fanfiction Um amor inesperado - Capítulo 3 - Te odeio,mas te amo

Issack está no hospital com seu amigo Lucas que ligou pra ambulância dizendo que seu amigo tinha se cortado todo e que estava com muita perda de sangue,e eles virem muito rápido e ele foi internado

Sinto a claridade me incomodar, então acabo acordando e vejo as coisas meio embaçadas,mas eu consigo distinguir um menino de cabelos ruivos e na raiz pretos com uma parte longa e ruiva sentado na cama segurando a minha mão,e percebo que ele está chorando

~Por que? Eu deveria ter sido mais útil, deveria ter te ajudado mais, é tudo minha culpa—vejo o quanto ele está triste...minha visão começa na se ajustar e vejo que o menino era Lucas

~Lucas? Onde eu estou? Por que está chorando —tento colocar meu tronco ereto mas a dor é mais forte que eu, então apenas deixo semi-ereto...sinto uma dor de cabeça muito forte

I-issack?—fala surpreso em ouvir a minha voz—vc acordou,que bom eu estava tão preocupado—fala dando um sorriso e sacando as lágrimas—isso? Nada não, não se preocupa

Como que eu vim parar aqui?—pergunto meio curioso por não me lembrar do que aconteceu

Vc... não se lembra?—fica surpreso ao me ver fazer sim—bom,eu encontrei vc se entupindo de calmante e todo e cortado... pelo oq aconteceu com vc e ó Hide, e vc —acabou perdendo muito sangue então tive que chamar a ambulância

Hum—falo meio desanimado... não quero falei sobre isso—obrigado...eu acabei, perdendo o controle

Tudo bem...eu te entendo—ele da um sorriso,que é reconfortante e sincero...esse é o Lucas,a única pessoa que se importa comigo

Eu... só não acredito que isso está acontecendo...eu não aguento mais,eu só quero chorar mas não posso—fico surpreso quando o Lucas me abraça,um abraço muito...bom,que eu poderia morar nele e nunca mais sair

~se vc quer chorar, chore...eu sempre vou estar aqui pra te apoiar—me sento tão confortado, não me sinto mais sozinho...e sem perceber começo a chorar muito

Por que? Oq eu fiz de errado,por que eu estou me sentindo tão mal?—continuo chorando até que eu paro... é como se todo a minha tristeza fosse embora e eu só me concentrasse no abraço...me sentisse seguro e feliz mas tudo isso é cortado quando ouço a porta abrindo e o médico entrando e vendo a cena

E-eu...estou atrapalhando alguma coisa?—pergunta meio envergonhado

N-não—ele me solta vermelho e olha por médico

Ok...olha vc está bem, nós conseguimos estabilizar vc, já pode receber alta...mas pelo seu caso vamos começar a tratar você...um psicólogo vai passar na sua casa conversar com você duas vezes por semana e se isso acontecer de novo teremos que te internar—o médico fala muito sério pra mim—estamos providenciando um atestado médico pra vc ficar alguns dias sem ir pra escola pra se recuperar melhor, depois pode estudar novamente...quem é seu responsável?

Eu sou o meu responsável—falo olhando pro lado tentando evitar falar disso

Mas tem que ter alguém pra cuidar de vc ago-...—ele é interrompido pelo Lucas

Eu cuido...eu moro perto da casa dele,sou um grande amigo...posso ficar uns dias com ele sem problemas—fala sorrindo e eu deixo um leve sorriso se formar em meu rosto...ele é tão incrível, tão bom nem sei como seria minha vida sem ele

Ok... então vamos colocar isso no atestado, tenham um bom dia—ele sai e fecha a porta e nós ficamos em silêncio constrangedor



~Nossa que chato—falo pra mim mesmo, sério,odeio matemática

Então alunos,trouxeram bilhete assinado?—alguns se levantam e entregam pra professora...e eu vou com o Hide

Seus pais deixaram vc ir?—Hide pergunta pra sim e eu meio que fecho a cara

É...sim,eles não se importam mesmo—falo entregando o bilhete pra professora e ela me entrega a chave e logo a pós o Hide tbm—eai... qual é seu?

O meu é o 103—falo olhando pra chave e depois pra mim—e o seu?

Vc não acredita...103,vamos ficar juntos...toca aí—fecho a mão e nós fazemos um "toca aí"...depois nós vamos até o Yuriki —qual o seu?

O meu é o 103—fala e nós damos um sorriso

Nós vamos ficar junto—dou um sorriso bem grande até que vejo a pessoa que menos queria ver de novo e assim meu sorriso foi sumindo e a raiva veio pro meu rosto- oq vc está fazendo aqui?—falo sentindo o ódio sair do meu corpo

Primeiro Yuto,isso não te interessa por que não a minha conversa aí ser com o Yuriki,segundo pelo jeito eu vou ter que ficar no mesmo quarto que vcs—ele fala isso mostrando a chave que tem o número 103

Vc falou oq seu desgraçado?—eu já ia levantar a mão pra dar um soco nele mas sou impedido pelo Hide

Isso não vai resolver nada—fala ele e depois solta a minha mão

Isso mesmo que vc ouviu—ele já ia pra cima do Yuto mas o Yuriki entro no meio

Já deu.... não quero ver vocês brigando, estão parecendo duas crianças e se vocês não pararem com isso agora eu juro que vão se arrepender de todas as formas possíveis—fala dando arrepios em nós dois, não sabia que de baixo de tanta fofura tinha alguém tão assustador—agora sente a bunda aí pô que eu já volto...e se eu ficar sabendo que um de vcs dois deu um pio eu arranco as línguas dos dois com a mão—nós nos sentamos e ele saiu e foi até a professora

~não sabia que ele poderia ser tão cruel—falo baixinho mas Hide escuta e me belisca levando o dedo indicador a boca fazendo um sinal de silêncio...e vejo Yuriki voltando

É... não tem como trocar de quartos então vcs dois vão ter que se entender

Mas eu não quero ser amigo dele— Ryo fala quebrando o silêncio entre nós dois

Não estou dizendo que tem que serem melhores amigos e andar de mãos dadas no fim da tarde...estou falando pra pelo menos aprenderem a conviver juntos,pós agora vão ter que conviver juntos—nós dois viramos a cara pra lado oposto e fazemos um biquinho

Senhor,me de paciência—fala isso massageando as pele em cima do nariz e depois senta

Agora todos voltem aos seus lugares,a aula vai continuar—ela fala e todos obedecem

Professora...posso ir ao banheiro?— Hide pergunta e a professora analisa ele de cima a baixo—pode ir —ela fala e se vira para a lousa e Hide sai da sala

~não acredito que vou ter que ficar no mesmo quarto que esse babaca—falo com muita raiva



Ok,o atestado por favor—pede pra mim e entrego...ele lê bem rapidamente e fala—é só isso, obrigada

De nada—quando me viro pra ir pra sala vejo ele...vejo que ele vai até o banheiro e vou atrás dele e depois que nós entramos dou a primeira palavra—oi Hide—ele se assusta e quando me vê faz uma cara nada boa

Oi, Lucas—fala em um tom de deboche

Como vc sabe meu nome?—pergunto e ao mesmo tempo cruzo os braços

Eu fiquei vendo o Instagram dele,mais ou menos um ano depois de eu ter me mudado,pra ver se ele estava ficando com outro qualquer...e achei vc,te procurei e vi seu nome idade tudo—ele fala ainda com olhar de deboche

Então quer dizer que vc o stalkeando ele?

Sim...queria ver se ele me amava mesmo ou se só mentiu sobre isso também—fala em uma frieza tão grande

Por favor,perdoe ele, é a única coisa que eu te peço...ele precisa muito disso—falo,mas a expressão dele não muda

E se eu não querer? não quero ser amigo dele ou qualquer outra coisa

Não estou dizendo pra ser amigo dele e saírem todo dia a tarde pra tomar sorvete juntos...estou falando pra só perdoar ele

Não—fala rápido e sem nenhuma empatia

Ele te ama de verdade...tanto que desde que vc se mudou ele não ficou com ninguém—falo mas a expressão do rosto dele não muda

Sério? Não acredito nisso...por que está tentando me fazer acreditar que ele mudou?—pergunta tentando disfarçar a cara de surpresa por ele não ter ficado com ninguém

Pois acredite,tenho tudo no meu celular, horários com psicólogos, atividades anti-estress e até conversas dele choram por que vc não queria mais ficar com ele e como ele era um idiota por tudo oq eu fez...e eu poderia mostrar tudo isso pra vc,mas acho que não faria diferença...vc se tornam tão amargo, Hide—falo indo mais perto dele e vendo-o se amendrontar,mas logo em seguida se erguer novamente

Obrigado, não precisava mostrar mesmo,sei oq vcs dois são...vc não passa de um qualquer dele, e ele...continua a mesma fruta podre de sempre—fala olhando bem no meu olho que só me fez ter dó do Issack

Olha Hide,sendo bem sincero,a única fruta podre aqui, é vc—viro rapidamente e saio antes que ele possa ser uma resposta

•°•°•°•°•°•°•°mais tarde•°•°•°•°•°•°•°•

Finalmente cheguei—abro a porta e vejo o Issack deitado dormindo como um bebê e isso me faz abrir um sorriso no rosto...entro e fecho a porta e me direciono até ele sentando ao lado dele—~vc é tão lindo—passo a mão na bochecha dele vendo e admirando o quando ele está sereno,algumas mechas pretas estão espalhadas pelo sua testa que o faz ficar ainda mais bonito—~queria tanto que sua situação fosse diferente...que vc pudesse, gostar de mim—falo corando mais ainda meio triste,olho prós seus lábios, rosados e bonitos... não consigo resistir e me aproximo mais e dou um beijo nele...a sensação é tão boa,mas logo retiro meus lábios dele, sabendo que isso é errado e que provavelmente não vai acontecer



Estamos quase chegando—falo por Yuto

Tudo bem—fala com um sorriso no rosto

Tem certeza que está de boa vir dormir na minha casa hj?—pergunto ainda meio preocupado e intrigado com isso

Sim, não tem ninguém me esperando em casa mesmo—fala e eu fico meio triste por ele

Ok...olha chegamos—falo parando 

Nossa Hide,que casa grande—fala com brilho nos olhos

Sou rico né?—falo meio orgulhoso e nós damos uma risada...nunca me importei muito com isso...abro a porta—mãe, trouxe um amigo pra dormir aqui,ok?

Quem é—vejo uma mulher com cabelos loiros, idênticos qdo Hide,baixinha e o cabelo está amarrado em um coque, só que diferente do Hide ela tem olhos azuis...ela está um prato na mão mas quando vê o Yuto derruba o mesmo no chão

~n-não... não pode ser—ela olha pra yuto como se ele fosse o pior bandido que já tinha aparecido no mundo


•°•°•°•°•°•°•°Fim do capítulo•°•°•°•°•°•°•°•

❤️ Próximo ❤️: família?


Notas Finais


Gostaram? Espero que sim
Nossa mano,amei escrever esse beijo, sério kkkkkkkk shipo muito
A... só uma coisa,eu não estou dizendo que o Hide está sendo ruim a não querer ver mais o Issack,por que ele foi mesmo muito abusivo com ele... só estou dizendo que isso é uma das formas que ele(e algumas pessoas) fazem pra se proteger disso...oq faz com que ele seja meio egoísta...mas ele ainda tem a razão... só queria explicar isso mesmo

Até a semana que vem :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...