História Um Amor Inesperado - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amor, Drama, Romance, Sofrimento
Visualizações 20
Palavras 1.197
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 3 - A Cupido


Eu fui para casa tomar um banho para ir encontra Grace no shopping, tomei banho e coloquei um crooped branco, um shorts jeans azul claro e amarrei uma blusa xadrez preta que tinha perdida no meu guarda-roupa. Quando eu estravas prestes a sair eu decidi fazer um pouco de brigadeiro, não levou mais de 15 minutos, coloquei um recadinho para a Carllie comer depois do almoço e que eu iria sair.

   Eu peguei meu skate, as chaves, minha bolsa e fui para o shopping, Grace estava na entrada do shopping.

— Oi Liss- ela disse me dando um abraço

— Oi, desculpa a demora, estava fazendo brigadeiro para minha irmã- disse entrando no shopping com ela e com o skate.

— Você não está procurando emprego?- disse ela olhando as lojas

— Meu pai me da mesada pela ajuda que dou a ele com o conceito “Dona de Casa”- disse olhando as lojas também

— Grace  eu vou entrar nessa loja comprar as rodas que eu preciso- disse apontando para loja

— Tudo bem, nos encontramos na praça de alimentação.

   Eu entrei na loja peguei, as rodas que precisava e fui para o caixa pagar as rodas. Um vendedor veio falar comigo.

— Você gostaria de trocar suas rodas- disse apontando para o skate

— Claro obrigada- disse entregando o skate, depois de alguns minutos ele me entregou o skate com as rodas novas.

   Eu saio da loja e comecei a andar por outras lojas, até que me deparei com uma loja de brinquedos com um cachorrinho de pelúcia na banca da loja. Eu sei que Carllie gostaria de ter um cachorro, mas meu pai não deixou, então decidi comprar ele para Carllie e embrulhar para dar de presente para ela.

   Encontrei Grace na praça de alimentação, comemos e conversamos sobre o que seriamos no futuro, sobre garotos é claros, entre várias outras coisas. Na hora de irmos embora avistamos uma lamborghini muito familiar.

— Liss, não olha agora, mas essa lamborghini é do Ethan- disse ela eufórica.

— Era só o que me faltava, vou indo tá- disse indo saindo, mas Grace segurou meu braço.

— O que foi?- disse meio irritada

— Liss você tem que me ajudar, eu gosto do Ethan e você foi a única garota que ele conversou sem dar um fora- disse ela quase implorando

— Tudo bem, só porque você é minha amiga- disse a ela com um sorriso forçado.

— Como vamos fazer ele notar a gente?- ela disse meio pensativa

— Tive uma ideia, você confia em mim- disse a ela com um olhar sério

— Sim, o que eu faço- disse ela bem determinada

— Você vai atravessar o estacionamento e me acompanhar do outro lado, Ok?- disse ela apontando

— Tudo bem- disse ela já atravessando

   Eu peguei meu skate e passei bem rápido na frente do carro do Ethan.

— Liss você foi demais- quando Grace terminou de falar Ethan veio falar conosco.

— Oi Ethan- disse ela muito animada

— Olá Liss e...- disse ele sendo educado

— Grace Morgan- disse muito nervosa e animada

— Que coincidência encontrar vocês aqui- disse ele não parando de me olhar de cima a baixo

— Bem, Grace me chamou para me distrair um pouco, ela é uma amiga que sempre cuida de mim- disse abraçando Grace com uma mão

— É bom ter amigos bons perto de você- disse ele com um sorriso, nessa hora Grace quase cai dura no chão.

— Bom eu vou deixar vocês conversando e vou testar as novas rodas de meu skate- disse me despedindo de Grace com um abraço

— Obrigada amiga te devo uma- ela disse no meu ouvido quando nos abraçamos

— Eu vou cobrar- disse ainda abraçadas

— Até mais Ethan- disse com um sorriso leve

— Até mais Liss- disse ele com aquele olhar diferente

   Eu peguei meu skate e fui andando até chegar no meu carro, entrei no carro e fui para casa.

— Cheguei gente- disse fechando a porta, colocando a chave na bolsa em seguida e colocando meu skate no lugar dele

— Liss- disse Carllie correndo para me abraçar

— Eu comprei um presente para você- disse entregando o embrulho

— Nossa que lindo, amei. Obrigada Liss- disse ela depois de abrir e me dando um beijo na bochecha como agradecimento.

— Como estava o brigadeiro?- perguntei colocando a bolsa na cadeira da cozinha e Carllie andando junto comigo

— Estava muito gostoso. O que termos de janta- disse ela lambendo os lábios

— Eu estava pensando em fazer meu macarrão especial hoje, mas eu não consigo fazer sozinha. Você gostaria de ser minha mini chef por um dia- disse estendendo a mão.

— Sim Chef- disse ela pegando os aventais

   Colocamos os aventais e começamos a cozinhar, no fim terminamos o macarrão.

— Maninha pega o queijo ralado enquanto vou fazendo o suco no liquidificador- disse para minha irmã apontando para o saquinho que tinha.

— Claro- disse ela pegando o queijo ralado ao lado do saco de farinha

   De repente o saco de farinha caiu no chão e subiu uma nevoa de farinha na cozinha.

—Ops- disse Carllie com farinha no cabelo, no rosto e na roupa, eu simplesmente rir da situação.

— Vai se limpar lá em cima que eu limpo para você- disse pegando a vassoura e a pá

— Ei Liss, você tem um pouco de farinha na roupa- disse ela com um olhar diferente.

— Onde, não estou vendo- disse procurando onde estava sujo

— Aqui- disse ela jogando farinha na minha roupa

— Sua pestinha- disse correndo atrás dela

   Começamos corre pela cozinha até as duas escorregar na farinha do chão e cair, nos conseguimos boas risadas. Carllier subiu para se limpar enquanto  eu arrumava a bagunça e a mesa para jantar. Meu pai chegou e me viu com farinha na roupa.

— Boa noite Liss- disse  rindo discretamente

— Boa noite pai, se você parar de rir eu até penso em te servir o meu macarrão especial- disse com um olhar malvado.

— Liss- disse ele meio bravo e implorando.

— Tudo bem, vou me limpar e depois jantamos.

   Nós jantamos todos reunidos e conversando, eu subi para meu quarto, tomei banho, coloquei meu pijama e fui ler um pouco. Eu guardei o livro e desci para beber um copo de água, todos estavam dormindo, eu achava até escutar um barulho no quarto de Carllie.

Eu fui para seu quarto e vi ela brincando de pula na cama.

— Macaquinha não está na hora de dormi- perguntei olhando a situação de seu cabelo bagunçado e rindo

— Eu não consigo dormi- disse ela descendo da cama e pegando o cachorrinho de pelúcia que dei

— Vem cá que eu te ajudo a dormi- disse ajudando ela a se cobrir.

   Comecei a cantar á música que minha mãe cantava para mim quando eu não conseguia dormi, depois da música ela logo adormeceu. Dei um beijo em sua testa, fechei a porta e fui para o quarto, quando eu estava escovando os dentes para dormi meu celular tocou. Terminei de escovar os dentes e atendi.

— Alô?- disse meio curiosa para saber que estava me ligando á essa hora da noite

— Sou eu Grace, eu tenho que te contar uma coisa importante-disse ela animada e apressada

— O que foi?- disse me sentando na cama

— Eu acho que o Ethan gosta de você- disse ela quase gritando de tão animada.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...