1. Spirit Fanfics >
  2. Um amor no tempo passado >
  3. Capítulo 5 - Mulher estranha

História Um amor no tempo passado - Capítulo 5


Escrita por:


Capítulo 5 - Capítulo 5 - Mulher estranha


Fanfic / Fanfiction Um amor no tempo passado - Capítulo 5 - Capítulo 5 - Mulher estranha

Após eu vê-los sairem correndo, Historia puxa meu braço levemente me fazendo olha-la, a garota estava com uma expressão preocupada e me olhava profundamente

Victoria, oque houve? -Pergunta Historia preocupada

A-Ah, Historia... Minhas roupas estão na minha mochila, no quarto do capitão Levi, podem ir pega-las, eu preciso ir ver algo -Fala Victoria colocando sua mão por cima da mão de Historia

O-Okay, tome cuidado quando sair -Fala Historia com as bochechas rosadas

Eu dou um leve sorriso para Historia e logo corro na direção que o capitão Levi e Hange haviam ido. Eu continuo a seguir as marcas de grama pisoteadas por um campo aberto e logo posso escutar algumas pessoas gritando... Estão gritando o nome da Hange. Eu corro até uma arvore próxima ao local e me escondo atrás da mesma, eu logo olho para ver oque estava acontecendo e me deparo com um titã preso, o mesmo estava morto e aparentemente tinha 7 metro de altura, Hange estava ajoelhada em sua frente gritando desesperada enquanto o capitão Levi e diversos outros recrutas estavam ao seu lado, inclusive um deles estava tentando afasta-la do titã enquanto Levi estava surpreso com essa morte repentina

Oe, quem é você? -Pergunta uma garota de cabelos pretos e olhos verdes se apróximando de Victoria

A-Ah, bem eu sou a -Fala Victoria logo sendo interrompida por Levi que a olha surpreso

Iise deixe comigo... Victoria, oque faz aqui? -Pergunta Levi confuso se apróximando da garota

Capitão... Eu vi vocês dois sairem preocupados e me perguntei oque havia acontecido -Fala Victoria confusa passando as mãos pelo cabelo

Eu olho atentamente para Levi e tenho que admitir... Ele e baixo e nervoso mas fica extremamente sexy nessa roupa. Eu não consigo escutar uma única palavra do que e fala comigo, eu estou o secando com os olhos, isso é... Até Hange entrar no meio de nós dois, logo eu começo a olha-la de cima a baixo e dou um leve sorriso sem nem me tocar. Eu sinto Hange levantar meu queixo com seu dedo indicador e logo eu volto a realidade e a olho envergonhada

Você estava definitivamente nos secando com os olhos senhorita Narumi -Fala Hange com uma voz doce e grave enquanto olha para Victoria com um pequeno sorriso

H-Hange-san, m-me desculpe eu... Não havia percebido -Fala Victoria envergonhada desviando o olhar da morena

Eu te agradeço, graças a você, minha tristeza foi embora -Fala Hange passando seu braço por cima dos ombros de Victoria -Moblit, cuide de tudo por aqui, eu irei descançar

Hange logo começa a andar me puxando junto a si enquanto Levi nos seguia, a morena estava com um sorriso brilhante no rosto e seu braço permanecia em meu ombros

Oe, da próxima vez que você ignorar minha fala e ficar me secando com os olhos,você dormira do lado de fora -Fala Levi dando um longo suspiro em seguida

Foi divertido fazer uma pequena provocação com você enquanto nos olhava daquele jeito -Fala Hange soltando uma risada empolgada enquanto fechava os olhos

Me desculpem por aquilo -Fala Victoria abaixando a cabeça envergonhada

Nós estavamos nós dando muito melhor do que antes, não apenas Hange tentava se apróximar de mim, mas eu sentia Levi tentando se abrir mais também. Estava tudo ótimo, até Connie aparecer correndo e gritando pelo capitão Levi

CAPITÃO, Á TITÃS DENTRO DE CHLORBA -Grita Connie ofegante e completamente suado

Quantos? -Pergunta Levi indiferente

CERCA DE 11 TITÃS, ENTRE 3 E 6 METROS -Responde Connie recuperando o folego aos poucos

Vamos logo, avise a todos para pegarem os cavalos e reabastecerem os equipamentos de manobra 3D -Fala Levi começando a ficar irritado com a situação

Logo eu vejo Hange voltando para onde estava antes e Connie voltando ao campo de treinamento atrás do castelo. Eu estava confusa sobre oque fazer, mas logo sinto Levi me puxar pelo pulso e me levar para dentro do castelo

Você ainda não sabe lutar... Ficara aqui dentro, se algum estranho aparecer, mate-o -Fala Levi entregando uma espada a Victoria

Sim senhor -Responde Victoria séria

Em alguns minutos, todos logo partem, me deixando sozinha no castelo. Eu tranco a porta da frente e subo até o banheiro para tomar um outro banho. Logo quando termino, eu vou até meu quarto e começo a arruma-lo, eu varro todo o local e arrumo as camas corretamente, tanto a minha quanto a de Levi. O espelho está completamente limpo, a escrivaninha também, e eu acabei por fazer um pequeno suporte na porta para colocar minha mochila

Hum... Seria bom se eu fizesse peixe, agora que eu sei que tem as pessoas da divisão da Hange perto de nós, acho que devo fazer mais comida... -Fala Victoria pensativa

Eu posso te ajudar com isso -Fala Arim aparecendo no quarto sentada na cama de Levi

ARIM, QUE SUSTO -Fala Victoria com a mão sobre o peito e olhos fechados

Bem... Eu posso trazer algumas comidas do seu mundo as vezes, nenhum superior meu ira descobrir, oque acha? -Pergunta Arim animada

Arim... Apenas algumas roupas minha... e você pode trazer certos ingredientes -Responde Victoria com um sorriso malicioso

Eu sei que está pensando em curry... Okay, eu não irei demorar, uma amiga ajuda a outra certo? -Fala Arim sorrindo animadamente

Arim logo some assim como apareceu e eu me pego sorrindo enquanto olhava o lugar que a mesma estava sentada

Quem diria que um anjo seria meu amigo, quem diria que anjos existam na verdade -Fala Victoria rindo de sua situação

Eu saio do meu quarto e logo vou ao quarto do lado que era lugar onde Hange dormia, haviam 2 camas, porem, nunca vi Hange falar sobre seu companheiro de quarto e nunca vi mais ninguem entrar aqui. Eu entro no local e logo começo a arrumar tudo, eu estava prestes a olhar a vista da janela até ouvir alguem bater na porta. Eu pego a espada que havia largado por ali e desço para o 1° andar cautelosamente, as batidas ficam cada vez mais fracas

H-Historia -Fala uma mulher atráves da porta com uma voz fraca

Historia... Q-Quem é você, oque quer com ela? -Pergunta Victoria confusa com a situação

Logo um silencio preocupante se instala no local. Eu cautelosamente abro a porta e me deparo com uma mulher de cabelos curtos desmaiada no chão, eu analiso seu corpo e logo a vejo sem suas duas pernas. Eu entro em panico e sem pensar duas vezes eu a puxo para dentro, eu pego a mesma em meus braços e a levo para o quarto logo a colocando em cima de minha cama. Eu pego minhas roupas que estavam dentro da mochila e as amarro sobre o resto que sobrou das pernas da garota para parar o sangramento. Lentamente a mulher começa a abrir seus olhos novamente e seu sangramento vai parando aos poucos

Quem é você! -Pergunta a mulher em um tom de voz baixo



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...