História Um Amor Proibido (ABO) - HIATUS - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Rosé
Visualizações 15
Palavras 679
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Ficção, Hentai, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shonen-Ai, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura 🌸

Capítulo 15 - Capítulo 14


—Até parece que nunca me beijou, tira essa expressão da cara. — me deu espaço pra passar, do nada Jungkook apareceu, o que me fez tomar um susto.

—Ei, que demora... — ele me olhou dos pés a cabeça. —O que vocês estavam fazendo? — me lançou um olhar malicioso.

—Virei passivo agora.

—Taehyung virou gay? Preciso informar isso.

—Vai informar isso no seu cú garoto. Agora me deixem vestir uma roupa, obrigada. — os dois saíram.

Taehyung Off


Suga On

—Então... Suga... — começou

—Você viu não foi? — perguntei cortando sua fala

—Vi. — corou e abaixou a cabeça. —Vocês... Tão tendo alguma coisa.

—Não, eu também fiquei surpreso com isso. — chegamos na sala de aula

—Quinta-feira, 12:14

Estávamos todos no refeitório comendo, mas ainda não me saia da cabeça o fato de Taehyung ter me beijado. 

Droga o que esse garoto fez comigo?

—Terra chamando Yoongi. — Jin me chamou penssando a mão na frete de meu rosto.

—O que é?

—Até que enfim acordou do transe. — rechamou

—Nós vamos contar coisas a vocês. — falou Namjoon

—Titio Namjoon vai dizer de onde os bebês vem. — o baixinho riu.

—Deixa a gente falar. — pediu Nam.

—Acho que já sei. — Hobi deu um sorriso largo.

—Eu e Namjoon... — Jin começou.

—Estamos namorando. — Nam completou com pressa.

—Eu já sabia. — murmurei

—Eu desconfiava. — Tae disse.

Jimin ficou boquiaberto sem acreditar, Hope pulava de alegria, Jungkook estava inexpressivo.

—Ai meu deus! — Jimin gritou.

—Para de ser escândaloso Jimin. —o mais novo deu um tapa na coxa esquerda do namorado

—É sério mesmo? — indagou o menor

—Claro que sim. — Jin respondeu

—Sempre shippei Namjin. — Hoseok disse ainda com o sorriso enorme no rosto

—Yoongi posso conversar com você? — indagou Taehyung

—P-pode? — respondi

—Ixi... — chiou Jimin

Saindo do refeitório e fomos para o jardim onde tudo começou.

—Sabe, Min, eu tive uma conversa séria com a Hyun e eu descidi que ela realmente estava certa, eu não sei o que aconteceu comigo, mas eu acho que estou gostando de você.

Suga Off


Taehyung On

Flashback On

Acordei, fiz minhas higienes, tomei café e fui em direção a escola, descidi passar pela casa de Nari já que estava perto e daria tempo para não chegar atrasado. Cheguei lá e fui recebido pelos pais da garota que adoravam quando eu aparecia por lá.

—Oh Taehyung, quanto tempo. Nossa como você cresceu, entre. — Sr. Hyun me atendeu e eu fiz assim como pedirá —E então como vai? Seus pais estão bem?

—Estamos todos bem — sorri

—Tae. — a mulher disse e me abraçou. —Aceita um café, um chá?

—Hoje não. — sorri. —Eu só vim falar com a Nari, ela está?

—Ela está lá em cima, pode subir. É o terceiro quarto a direita.

—Tudo bem. — subi e segui as instruções da Srª.Hyung, bati na porta do quarto e Nari me deixou entrar.

—Ah é você praga, o que foi?

—É assim que você me trata sua ridícula?

—Aish meu amor, o que aconteceu pra você vim me procurar essa hora?

—Prefiro assim.

—Nossa. É sobre o Yoongi?

—Ele mesmo.

—Vai diz.

—Nari, acho que eu virei gay. — ela começou a gargalhar da minha cara. —Para de rir idiota!

—Se tem uma coisa que eu posso garantir é que gay você não é, no máximo bi.

—Aish, continuando, eu acho que eu estou gostando do novato.

—Hum... — fingiu pensar. —O que você sente exatamente?

—Lembra da Yun?

—Como eu ia esquecer dessa alfa desgraçada? Claro que lembro.

—É a mesma coisa que senti por ela.

—Droga Taehyung, aquela menina te iludiu pra cacete.

—E você acha que eu não sei. — suspirei. —Eu só tenho medo Nari, e se não for amor? Não quero quebrar a cara de novo, ainda mais sendo por um garoto.

—Relaxa eu conheço o Yoongi, ele só é um alfa possessivo e mal humorado às vezes.

—Eu queria arrancar meu coração.

—Aí você morre seu asno. — me deu um tapa na testa.

—Aí, você é doente? — disse levando a mão até o lugar

—Faz assim, conversa com ele, acho que ele vai entender, qualquer coisa você volta aqui e eu faço brigadeiro.

—Nossa.

Ficamos conversando por algum tempo e eu perdi a noção da hora, corri até a escola e graças aos céus o professor me deixou entrar.

Flashback Off



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...