História Um amor quase impossivel - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amor, Homossexualidade, Lésbica, Paixão, Sexo, Vida
Visualizações 26
Palavras 960
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Orange, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Pfv comentem, tô desanimando, tô carente e a pessoa que me dava inspiração meio que me mando esquecer mas conseguir escrever esse capítulo. Bjs unicórnios

Capítulo 7 - Um péssimo dia


O sinal bateu, marcamos de nos encontrar na frente da escola, já tinha chegado quase todo mundo menos a Bruna pois ela foi no supermercado que tinha perto da escola pra poder comprar as bebida já que éramos tudo de menor e ela parecia q tinha 19 anos(mesmo tendo 16). Estavamos bem longe da escola, lembrei que tinha ido de skate.

Eu: Genteee, para tudo, meu skate fico na escola, vou lá e já volto.

Bruna: Vai com o meu, pega o seu e na volta você tras ele na mão, é pra ser mais rapido.

Eu: Ta.

Saí, cheguei na escola mas não tinha ninguem, gritei o guardinha e ele apareceu.

Eu: O tio pega meu skate lá.

Guardinha: Vou pegar mas a proxima vez vou deixar você sem ele.- Fiquei assustada e o tio começou a rir- Brincadeira menina, vai lá e pega logo.

Peguei meu skate e fui, tava chegando perto da turma mas algo me chamou a atenção, duas meninas se beijando no muro, olhei direito e parecia Sophia.

Lipe: Vamos Thaeme.

Eu: Espera ai, aquela ali é Sophia e... e..., é a Sophia e a Bruna??- Perguntei meio confusa.

Lipe: É sim, agora vamos.

Peguei o skate de Bruna e joguei perto dela, elas se assustaram e eu vi Bruna tirar a mão que estava entre as pernas de Sophia. Peguei meu Skate e sai na frente, peguei uma garrafa de vodka e virei, eu tava com tanta raiva que tirei minha touca e joguei no meio da rua, ouvi um skate chegar perto de mim.

Sophia: Ei me espera, deixa eu explicar.

Eu: Você não tem que se explicar, não temos nada, faz o que você quiser da sua vida.

Aumentei a velocidade do skate deixando Sophia e os outros para trás.- Me espera, por favor.- Sophia gritava e eu apenas virei a garrafa na boca.

Parei o skate e sentei na calçada esperando os outros chegarem mais perto, Sophia sento ao meu lado, apenas olhei pra ela e dei um sorriso, ela fico sem entender se eu estava com raiva ou não. Os outros chegaram e fomos para o lugar que tínhamos combinado, era perto de uma pista de skate, cheia de rampas maneiras. Decidir andar um pouco lá mas acabei caindo e desisti.

Eu: Bota uma musica ai.- Eu disse pegando um Black e ascendendo.

Lipe: Ta, deixe-me ir.

Chamei Gabi pra sentar ao meu lado, dei o cigarro pra ela dar uma tragada, peguei uma garrafa de catuaba e virei com tudo.

Kako: Epa, não vai ficar loucona não porque hojê não posso te levar embora.

Gabi: Eu levo.

Eu: Eu sei o caminho de casa, Lipe cadê meu presentinho.

Lipe pegou o "presentinho" que estava no bolso, boto na minha mão e eu saí, como não tinha ninguem na pista de skate fui até lá cambaleando, fiz uma carreira e cheirei. Sophia chego logo depois.

Sophia: Posso??- Diz ela apontando pra outra carreira que eu tinha feito.

Eu: Fique a vontade.- Ela se abaixo e cheiro.

Sophia: Você não ta bem Tha, vamos pra minha casa, por favor, vou te dar mais prazer que essa droga aqui.

Eu: Não muito obrigada, quero ficar com meus amigos, eu tô otima.- Digo e saio andando, ela me abraça por trás e beija meu pescoço, me viro e beijo ela.- Me solta.- Me solto dos braços de Sophia e saio.

Sophia me puxa pelo braço e fala.- Você tem certeza que quer ir??

Eu: Me solta agora.- Puxei meu braço e saí deixando Sophia sozinha.

Foi difícil recusar o convite de Sophia, tô querendo ela demais, aqueles olhos pequenos e lindos, aquela boca, os cabelos cacheados mas ela prefere a Bruna.

Sophia on

A Thaeme foi buscar o skate dela, queria poder ir lá com ela mas iria demorar muito, gosto muito dela pra falar a verdade eu amo ela, é uma sentimento novo, todas as meninas que eu namorei não foram tão importantes, eu não ligava pra nada e eu não era fiel, estava foda-se aos sentimento dos outros. Bruna me balançou pra prestar a atenção nela, ela pegou minha mão e me levou para perto de uma casa.

Bruna: Você é muito linda sabia??- Eu devo ter corado, estou sentindo minhas bochechas queimarem.

Sophia: Obrigada, você tambem é linda.

Bruna se aproxima de mim e me beija, tento me afastar dela mas ela é mais forte que eu, enfio minha mão entre os cabelos dela e puxo, ela morde meu pescoço e eu gemi baixinho, ela desceu a mão e começou a me masturbar por cima da minha calça.Fiquei com muito tesão mas fomos interrompidas quando a Thaeme chegou e jogou o skate no chão, puts, ela me viu quase transando com a Bruna, na rua ainda, peguei o skate de Bruna e fui atrás da Thaeme.

Sophia off

Thaeme on

Hojê foi um dos piores dias da minha vida, quero apenas sumir, ir pra casa e fazer uma coisa que me alivia, me cortar, estou bebada, drogada, tô ruim.

Gabi: Ei, vamos, eu vou te levar pra casa Tha.- Ela disse estendendo a mão para me levantar.

Eu: Vamos.- Peguei sua mão e ela me puxou.- Xau gente.

Lipe: Não vão se comer en.- Todos começaram a rir.

Eu: Aii vai se fuder vai. Xau.

Sophia ficou lá, a Bruna toda hora vinha abraçar ela por trás e e la deixava, estava andando ao lado da Gabi, a cada passo que eu dava, acabava esbarrando nela, não demorou muito e chegamos na minha casa, abrir a porta e antes de fechar fui me despedi.

Eu: Xau Gabi, muito obrigada e desculpa qualquer coisa.

Gabi: Tem certeza que não quer que eu fique??- Ela diz com um sorriso malicioso.

Eu: Tenho sim, não estou bem hojê.

Gabi: Então xau linda.- Ela me deu um selinho e saiu.

Subi para o meu quarto, peguei uma lâmina que ficava escondida, comecei a me cortar, chorei muito e fiquei lembrando daquela cena de Sophia e Bruna, hojê foi um péssimo dia.


Notas Finais


N sei oq escrever, então BLA BLA BLA.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...