História Um amor quase impossível - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Blackpink, Chungha, EXO, K.A.R.D, Neo Culture Technology (NCT), Stray Kids, Weki Meki (WEME)
Personagens Do Kyung-soo (D.O), G-Dragon, Han Ji-sung, Hwang Hyun-jin, Jennie, Jeon Jungkook (Jungkook), Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Chung-ha (Chungha), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Seung-min, Kim Taehyung (V), Lua, Mark, Min Yoongi (Suga), Oh Se-hun (Sehun), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Somin, Suyeon, Yoojung
Tags Jungkook, Taehyung, Yoongi
Visualizações 14
Palavras 2.243
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Não faça isso... - 002


S/N ON

No outro dia de manhã, Yuna foi ate a cozinha para tomar seu café da manhã. Seu rosto inchado era fácil de se notar de longe, suas olheiras então... ela deve ter passado a noite chorando.

- Vai ficar tudo bem filha *Minha mãe diz olhando para ela

- Não, mãe! *Diz quase chorando* - Não está nada bem e não vai ficar nada bem!

O que eu podia dizer em um momento desses?

- Bem feito! *Digo

- Está vendo mãe? *Yuna diz

- S/n...

- Não me venha com discursos! *Me levanto de meu lugar* - Yuna é uma coisa a sua frente, mas por trás...

- Mesmo assim, você não tinha o direito de...

- Bom, se você não tem nada pra fazer, eu tenho! *Dito isso, subi para o meu quarto

Estou no meu último ano na escola, assim que terminar os estudos pretendo ir embora daqui.

Peguei minha mochila e sai de casa.

Enquanto caminhava rapidamente para não chegar atrasada, pude ver Taehyung passando. Ele já estava indo para seu trabalho... caramba, que ser mais lindo!

KIM TAEHYUNG ON

Enquanto dirigia meu celular tirava minha concentração por conta das mensagens que Yuna estava enviando... aish... o pior é que nem sei como resolver nossa situação, não sei se é melhor terminar mesmo, ou, tentar dar uma nova chance para ela.

" - Meu amor, me desculpe!"

" - Taehyung, por favor me responde!" " - Eu não quero me separar de você... eu gosto muito de você Kim Taehyung!"


Mensagem on

- Agora não dá pra conversar Yuna!

- Por favor, só me perdoa! ~Yuna

-...

- Eu te amo ~Yuna

Mensagem off

E agora? E agora Kim Taehyung?!

Pelo menos vou poder ocupar minha cabeça com outra coisa...

- Bom dia *A secretaria Hee diz

- Bom dia Hee!

Passei direto para minha sala. Geralmente, todo o santo dia ao chegar na empresa eu passo na sala de meu pai para pelo menos desejar um Bom dia.
Meia hora depois, meu pai entrou em minha sala.

- Bom dia filho *Ele sorri* - Estranhei que não foi até minha sala *Diz se sentando

- Ah pai, hoje eu não estou com cabeça pra nada... Só quero trabalhar e trabalhar!

- Entendo... você deve ter brigado com a namorada para estar assim

- Na verdade, eu disse as seguintes palavras na nossa última discussão "- Então ok, nós terminamos aqui, cada um segue seu caminho e é isso!"

- Você não gosta mais dessa moça? *Ele pergunta de um jeito calmo

- Gosto... ahh, não sei... eu simplesmente não sei

- Eu acho que... tem alguma coisa ou alguém atrapalhando o relacionamento de vocês *Diz ele* - Pode ser que você já esteja gostando de outro alguém e ainda não percebeu isso

Desde o começo do meu namoro com Yuna meu pai dizia que aquele namoro não iria muito além. Porque...

- Eu sei que você não gosta dela tanto assim!

Fiquei quieto... eu não estou entendendo nada do que se passa pela minha cabeça!
Meu celular começou a vibrar e a foto de Yuna apareceu na tela.

- Não vai atender? *Meu pai pergunta

Respirei fundo e depois peguei o celular, enquanto isso, meu pai saiu correndo de dentro da sala, parecia até uma criança.

Ligação on

- Yuna, eu estou trabalhando! *Chamo sua atenção

- Eu sei mas... não consigo parar de pensar em você!

- Depois conversamos sobre iss...

- Tae, nós vamos ter outra chance? Podemos recomeçar do zero!

Ela parecia estar chorando.

- Eu não sei... agora eu... eu tenho que focar no serviço, até mais tarde!

Ligação off

O dia passou rápido, no meu horário de almoço acabei encontrando S/n voltando da escola, eu não falei com ela... apenas fiquei observando a mais nova se afastar. Agora são exatamente 21:00h e... aish, tem alguém tocando a campainha!

- Yuna *Digo desanimado

- Eu precisava vi aqui conversar com você, desculpe o horário Tae *Ela diz num tom baixo

- Tudo bem, entre *Digo liberando a passagem

A garota entrou e eu fiquei encostado na porta a olhando.

- Eu vim pedir d-desculpas *Ela diz me olhando de uma forma triste

Suspirei.

- Eu tive que escutar coisas que me magoaram profundamente, suas desconfianças... e mais algumas coisas me magoraram muito e... eu não quero passar por tudo isso de novo Yuna!

- Tae... vamos recomeçar *Ela diz chorando

- E-Eu tomei minha decisão... quero me afastar de você, cansei de me machucar!

Ela abaixa a cabeça e assenti. Será que está se conformando?

- Eu só quero que saiba que eu te amo *Ela diz chorando

De repente Yuna se aproximou de mim e me abraçou. Eu não esbocei reação alguma... apenas fiquei quieto.

- Tchau *Ela me solta e sai de cabeça baixa

S/N ON

Yuna saiu de casa já tarde da noite e não avisou onde iria.

- Parabéns *Yuna diz chorando* - pode ir atrás de Taehyung!

Eu não tinha nem percebido que ela havia chegado.

- Yuna...

- Eu não quero conversar com você!

A mais velha então subiu as escadas correndo.

*

- Você está atrasada! *Minha mãe diz

Apenas peguei minha mochila e sai correndo.

KIM TAEHYUNG ON


Vi S/n correndo de manhã... Ela deve estar atrasada para a aula.

- S/n! *Grito

A mais nova parou de correr e começou a procurar quem tinha a chamado.

- Aqui! *Acenei

Ela veio até a mim.

- Oi Taehyung *Ela diz ofegante* - Desculpa eu não tenho muito tempo

- Entra! *Digo

Mesmo sem entender ela entrou no carro.

- Você está atrasada e eu vou te levar para escola *Digo sorrindo

- Sério?! *Ela me olha com os olhos arregalados

Assenti.

- Muito obrigada

Nós conversamos pouco durante o caminho, eu estava prestando atenção nas expressões fofas que S/n fazia.

- Ya, não faça isso! *Digo

- Hu? *Ela me olha sem entender

Droga Taehyung, fique quieto!

- N-Não é nada S/a

- S/a? *Ela diz

Eu fiquei a encarando, não tinha uma resposta para aquela pergunta.
De repente S/n sorriu.

- Não se assuste, só não estou acostumada a escutar você me chamando assim

- Ah... ok *Sorrio

Ela abriu a porta e me agradeceu novamente antes de sair do carro.

S/N ON

Assim que entrei na escola, Irene veio me fazer uma pergunta.

- Aquele não é o namorado da sua irmã? *Ela pergunta confusa

- Sim, porém Taehyung e Yuna não estão mais juntos

Irene ficou surpresa na hora.

- Então quer dizer que esse ser está solteiro na pista?!

Assenti.

- Vai que é seu! *Ela diz

- O que?

- S/a, eu sei muito bem que você gosta dele!

O que? Como? Eu raramente falo sobre meus sentimentos para alguém... apenas Yoongi sabe do que acontece em minha vida e...

- Foi o Yoongi, não foi? *Pergunto

- O que?

- Foi o Yoongi quem te contou isso, não foi Irene?

- Pensei que você confiasse em mim *Ela diz

- Sim, eu confio

Irene é minha única amiga por aqui, e eu não tenho nenhum motivo para desconfiar dela.

- E sim, foi Yoongi quem me contou!

- Bom dia *Sinto alguém envolver minha cintura me abraçando

- Bom dia Yoongi *Sorrio

- Bom dia Irene *Ele me solta e para ao meu lado

- Sabe, eu shippo muito vocês dois mais...

- S/n gosta de Taehyung! *Yoongi diz interrompendo Irene

O sinal então bate.

- Vamos gente!

Depois de todas as aulas, Yoongi e Irene me acampanharam até minha casa.

- S/a, que tal darmos uma volta essa tarde? *Yoongi diz

Assenti.

- Ok, mais tarde eu passo aqui para te buscar!

Percebi que Yuna estava me vigiando da janela da sala.

- Yoongi, eu tenho que entrar, até *Digo dando um abraço nele

Ao entrar em casa, Yuna veio falar comigo.

- Depois de acabar com meu namoro você partiu pra outra S/a? *Ela debocha

- Eu não acabei com seu namoro, Taehyung não te largou por mim!

- Será?

- Se está duvidando tanto porque não pergunta para o próprio Taehyung? *Digo sorrindo

As horas passaram rápido, Yoongi me mandou uma mensagem dizendo o horário que passaria em casa e eu fui me arrumar. Yuna tentou mesmo falar com Taehyung, porém, ele não atendeu... é, as coisas entre eles estão feias mesmo.

- S/n, aquele garoto está na sala te esperando *Yuna diz invadindo meu quarto

Quando desci para sala vi que Yoongi estava concentrado mexendo em seu celular.

- Yoon?

- Ah S/a *Ele diz sorrindo e se levantando rapidamente

Sorri.

- Ahn... vamos?

Percebi que ele tinha desviado seu olhar, ele estava olhando para o topo da escadaria. Quando me virei, vi Yuna encarando Yoongi.

- Vamos Yoon! *Digo o puxando para a saida

- Na vai me dizer que ainda está brigada com sua irmã?! *Min diz assim que saimos completamente de casa

- Estou e... mudando de assunto, onde vamos?

- Na casa de Soyeon, a aluna do 2 anos!

O olhei confusa.

- O que vamos fazer lá?

- Soyeon vai dar uma festinha

A garota mais popular da escola vai dar uma festa? Isso não está cheirando bem!
Yoongi e eu encontramos vários alunos no caminho, alguns até conhecidos.

- Irene vai vir? *Pergunto

- Nem todos foram convidados, você está aqui porque veio comigo! *Yoongi diz de um jeito frio

As vezes eu não entendo sua mudança de humor!

- Yoon, porque me respondeu friamente? *Pergunto

- Me desculpe S/a... você me conhece!

Assenti.
Quando chegamos na casa de Soyeon a festa já estava rolando, até ai tudo ok, o problema foi quando Yoongi e eu resolvemos começar a beber.

- Y-Yoongi, já chega! *Digo

- Relaxa S/a, só curte a festa! *Ele sorri

Quero muito voltar para casa mas não posso deixar Yoongi aqui sozinho.

- S-Soyeon?

Soyeon estava deitada no sofá, ela estava muito bêbada.

- Está gostando da festa? *Ela diz com dificuldade

Assenti desconfiada.

- Yoongi, vamos embora por favor! *Digo puxando seu braço

Eu tinha bebido também mas... não tinha exagerado tanto igual Yoongi.

- S/a...

- Por favor Yoongi *Digo quase chorando

- Não chora *Ele passa a mão por meu rosto* - Vamos embora, ok?

Min estava falando tudo embolado mas ainda assim eu conseguia entender o que ele estava dizendo.

- Se apoia em mim *Digo o olhando

Ainda bem que a casa de Yoongi não fica muito longe daqui.

- M-Me desculpe por e-estar dando trabalho... e-eu não queria! *Ele diz com um tom de voz estranho

- Yoongi, não chora!

O que está passando pela cabeça dele? Porque ele está chorando?

*

Yoongi estava sentado em um sofá e eu no outro, o mais velho de repente começou a me olhar sorrindo, isso é estranho pois ele havia parado de chorar quase agora.

- Sabe de uma coisa? *Ele pergunta sorrindo

- Hu?

- Eu te amo!

Minha expressão mudou na hora... eu estava olhando para Yoongi seriamente.

- Y-Yonngi...

- E você só tem olhos para o Taehyung *Mesmo com os olhos marejados ele continuava a sorrir* - Isso acaba comigo!

- V-Você está brincando, não é?

Ele nega.

- G-Guardei esse sentimento só pra mim...

O teimoso resolveu se levantar e eu tive que segura-lo para não cair.

- Você é tão... perfeita *Ele diz olhando em meus olhos

Eu não sei o que deu em mim... acabei deixando Yoongi se aproximar de mais e iniciar um beijo, eu correspondi por um tempo mas quando me dei conta que aquilo estava totalmente errado empurrei ele.

- N-Não faça isso... nunca mais, me ouviu?!

- S/a me desculpa!

- Quer saber? Descansa... nós conversamos quando você estiver realmente bem!

Eu havia passado a tarde toda com ele, fiquei por um bom tempo naquela festa e depois mais um tempão cuidando de Yoongi. Como pode um bêbado cuidar do outro? Eu não sei, mesmo estando um pouco bêbada eu ainda sabia o que estava fazendo.

21:00 horas...


Essa foi a hora que encontrei Taehyung andando a pé na rua. Talvez ele só esteja dando uma volta, esfriando a cabeça...

- O que você está fazendo à essa hora na rua? *Taehyung pergunta

- E-Eu estava com Yoongi

- Não está com frio?

Realmente a temperatura caiu de uma hora para outra, deve ser por que o inverno está próximo.

KIM TAEHYUNG ON


- E essas bochechas coradas? Você andou bebendo?

Ela assenti.
Eu não sei o quanto ela bebeu e nem a que horas foi isso mais... agora que os efeitos da bebida começaram!
Entreguei a ela o meu casaco e a abracei para me esquentar um pouco.

- Porque bebeu? *Pergunto

- Eu passei a tarde em uma festa

- Não devia ter bebido S/n!

- Eu sei *Ela abaixa a cabeça* - Yoongi está mais bebado que eu... eu estava cuidando dele

- Um bêbado cuidando de outro? Que coisa, não?! *Sorrio

Quase não conversamos, estava mais preocupado em deixa-la em casa em segurança e que alguém cuide dela por lá. S/n não está tão bêbada assim mas... também não está sóbria.

- Chegamos *Digo

- ah, o seu casaco...

- Relaxa, entra e descanse *Digo a olhando* - Só saia da cama quando realmente estiver se sentindo bem!

Ela assenti.

- Boa noite *Sorrio

- Boa noite TaeTae! *Ela sorriu e seus olhos brilharam

TaeTae?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...