1. Spirit Fanfics >
  2. Um amor quase inocente!!! (Vkook) >
  3. Capítulo 7

História Um amor quase inocente!!! (Vkook) - Capítulo 9


Escrita por:


Notas do Autor


Oi gnt, não demorei tanto como da última vez!! Ebaaaa!!

Desculpa ter demoradi. É um cap pela visão do Jungkook, espero que gostem!!

obrigada por quem visualizou e favoritou, muito obrigada de vdd, mesmo eu n merecendo.

Obrigada.

Capítulo 9 - Capítulo 7


Pov autora

“16:00 da tarde, o sol já transmitia suas luzes laranjas misturada ao azul anil do céu, Jungkook estava sentado no banco do jardim com um pratinho de bolo na mão. Seu pai acabará de casar e no momento estava aproveitando a festa junto a sua nova esposa. Distraído do mundo ao seu redor e da festa que acontecia uns metros longe de si, ele imagina como será morar com sua nova madrasta e seu novo irmão, dois anos mais novo que ele e que ainda não conheceu.

Relapso a tudo, não notou um pequeno ser se aproximar de si com curiosidade e sentar ao seu lado.

- Co-Com Lincença?! – o menor se manifestou, assustando o maior distraído, esse que olhou em sua direção. Jeon desligou por um momento depois de ter visto aquele rosto que em sua visão era simplesmente único. Os olhos do garoto sentado ao seu lado transmitiam um brilho inocente. Piscou algumas vezes para voltar a si, antes que parecesse um estranho.

-Sim?!- verbalizou. O menor parecia tímido ao falar, tocava a ponta de seus dedos com ansiedade. O mais alto ainda estava se recuperando do apagão que aconteceu em sua mente depois de ter visualizado aquele rosto tão especial.

- Você é Jeon Jungkook, não é? – perguntou com os olhinhos esbugalhados de curiosidade. Jeon estranhou aquela formalidade, mas assentiu. Os olhos do pequeno brilharam com mais intensidade.

- E-eu sou Kim Taehyung – verbalizou. – Acho que nós seremos irmãos a parti de agora. –

Jungkook se surpreendeu. Então ele era seu novo irmão. Tão pequeno, tão fofo.

- Sério? – falou impressionado pela expressão singular que o menor transmitia. – Então, você tem 6 anos?! – perguntou para confirmar. O mesmo assentiu envergonhado. Jungkook se viu sorrindo com a timidez do mais novo. Então ele seria o hyung a partir de agora.

Taehyung voltou seus olhos para o chão, a fim de não ruborizar ainda mais com o sorriso que estava sendo lhe direcionado. Jeon percebeu aquele movimento e depositou sua mão no queixo do mais novo na intenção de fazer com que o mesmo lhe fitasse.

- Não tenha vergonha Taetae – disse com um sorriso infantil na face. – A parti de agora, serei seu hyung, então você deve me respeitar e obedecer. – falou convencido, olhando para o mais novo com cumplicidade. O menor estava desorientado com o recente apelido, mesmo assim assentiu obediente. Jeon deixou seu pratinho de lado e se levantou, estendendo a mão para o mais novo.

– E como seu hyung, estou te mandando ir brincar comigo. – ordenou sorrindo convencido. Taehyung sorriu junto e segurou na mão do mais velho. E foram juntos brincar longe daquela festa que não os interessava.”

=(º-º)=

O alarme não parava de tocar, e Jungkook praguejava ofensa por ter colocado o som naquele volume. Desligou-o, vendo pelo visor marcar 6 horas. É segunda e hoje terá prova. Mas ele não estava nem um pouco animado, principalmente por ontem. Chegou mais tarde do que pretendia. Estava acabado. E o sonho que teve agora a pouco também não o ajudou em nada. Se levantou para fazer sua higiene matinal, escolhendo uma roupa bem simples. Realmente sem vontade.

Saiu do quarto, e ao fechar sua porta, olhou para a do quarto do irmão. Estava fechada. Ponderou um pouco se devia ou não chamar o irmão, mas lembranças da noite passada o fizeram escolhe em ir apenas tomar café. Iria ignorar o mais novo totalmente.

Após tomar café da manhã, saiu rumo a escola. O motorista de seu pai ainda estava ali, sendo assim, ele usaria o carro do pai em vez de pegar carona com seus amigos.

Quando chegou na escola, encontrou alguém que ele realmente não queria ver ali. Lisa, que estava no portão da frente da escola, propositalmente se aproximou de Jeon, quando o mesmo saiu do carro, e lhe abraçou. Jungkook ficou pasmo com a atitude da menina. Educadamente a afastou de si, para não chamar mais atenção do que já estava chamando.

- O que pensa que está fazendo? – perguntou ainda surpreso pelo o ocorrido agora a pouco. Lisa o olhou debochada. Revirando os olhos com a atitude do outro.

-Estou abraçando meu noivo. – falou convicta com um sorriso na face. Jungkook a encarou seriamente, não crendo que ela teve a audácia de verbalizar aquilo em público, principalmente na frente da escola, onde os alunos da manhã estava recém chegando.

-E você como um bom noivo, deveria retribuir. – Terminou convencida, com um olhar zombeteiro, fingindo inocência. Jeon respirou profundamente, coçou seus olhos e antes de responder aquilo, se calou ao ver que seu irmão já estava chegando com os amigos. O mesmo já tinha visto o casal de longe, mas decidiu não dar bola e continua a andar para dentro da escola. Jungkook visualizou o grupo de amigos de seu irmão entrar e só depois que não viu mais nenhum aluno, decidiu voltar sua atenção para a garota a sua frente, que faltava fazer um buraco no chão de tanto bater o pé em espera do maior se manifestar.

-Ok Lisa, agora que estamos sozinhos, vou colocar um limite entre a gente – começou a falar cautelosamente. – Nunca mais chegue em mim assim aqui na frente da escola e em nenhum outro lugar. – Ditou gravemente. Lisa o olhou escarnia. – Outra coisa, não somos noivos, só saímos uma vez e eu nunca disse que vamos sair de novo, eu não aceitei a proposta de meu pai e nem irei, então, já coloque isso na sua cabeça – Finalizou franco. O mesmo, após ter terminado, a ignorou totalmente e seguiu para dentro da escola, estava atrasado para a prova que aconteceria daqui a pouco.

Lisa não falou nada, estava irada com a atitude do maior. Foi embora, antes que fizesse um escanda-lo. Mas não se deixaria por vencida assim, iria ter volta, Jungkook irá se arrepender de ter a humilhado daquela forma.

(0º0)/

Após duas aulas de prova, Jungkook foi junto de seus amigos para o refeitório. A terceira aula não aconteceria pois o professor faltou. Junto dos amigos, Jeon estava melhor que antes de entrar na escola, quando teve aquela presença não bem-vinda de Lisa. Ainda estava com os pensamentos voltados para ontem e para o sonho que teve. Por que diabos teve aquele sonho afinal? depois de tanto tempo, para quer sonhar aquilo. Está tentando se convencer que aquele beijo entre Tae e Chany não o afetaram, mas o afetaram, e muito.

O sinal bateu, e o intervalo começou. Os alunos estavam fazendo fila para o lanche. E Jungkook fitou seu olhar naquele grupo que seu irmão acompanhava. Tae estava lindo, como sempre, como em todas as manhãs. Jeon não entendia como seu irmão se tornará tão lindo desde que se conheceram. Enquanto se distraia com a beleza pura de seu irmão, Jackson, que estava sentado a seu lado, percebeu o amigo avoado. Olhou na mesma direção que o mesmo e não se surpreendeu ao ver Tae rindo com os amigos.

De uns tempos pra cá, ele já tinha notado o interesse do amigo sobre o irmão, mas o mesmo não queria admitir que estava gostando do mais novo. Jackson suspirou. Estava cansado de ver que o amigo não tinha jeito, uma hora ou outra, ele vai tomar uma atitude e escancaria na cara de Jeon que o mesmo está apaixonado, e quando esse dia chegar, ele finalmente vai ficar em paz. 

continua ?


Notas Finais


Espero não ter deixado vcs confusos!! Espero de vdd!!!

obrigada por terem lido, fico feliz apenas com as visualizações. (claro com o favorito tmb, mas vcs me entenderam)

obg, até a próxima

p.s: fazendo algo de útil nessa quarentena


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...