1. Spirit Fanfics >
  2. Um amor secreto_ larry stylinson. >
  3. Three.

História Um amor secreto_ larry stylinson. - Capítulo 4


Escrita por: TomaEssaKandall

Notas do Autor


Quer saber? Vou postar sempre que me der na teia, pq fiquei apaixonada por essa fic♥
Espero que gostem do cap.
Quem viu Kpop hoje ao vivo no encontro com Fátima Bernardes? ? Eu! ( o )

Capítulo 4 - Three.


Fanfic / Fanfiction Um amor secreto_ larry stylinson. - Capítulo 4 - Three.

27 de dezembro, 2008.

PO.VS. TOMLINSON.

Ainda não acredito que Hazza foi embora, não acredito que beijei ele, nem que ele foi embora sem se despedir. 

Ele é muito ingrato, depois de tudo qie fiz por ele, tudo que passamos juntos. Ele prometeu nunca me abandonar, e eu prometi sempre estar quando ele precisasse, mas parece que nenhum de nós somos bons em nossas próprias promessas. 

Estavamos sentados na macieira assombrada de Cleswin, um velhote que morrera ao pé da macieira anos atrás,  rumores saiam das bicas de alguns moleques, diziam que se você ficasse sentado ao pé da macieira até as seis da tarde, alguma coisa de ruim acontecia, e, nos piores casos, você poderia se deparar com o espirito do próprio Cleswin. É claro, Hary e eu não podiamos perder essa. 

As quatro da tarde, já estávamos lá,  sentados ao pé da macieira comendo algumas maçãs. 

Não sei se aconteceria algo de verdade, parte de mim acreditava, mas a outra parte não. - acha que é verdade?- perguntei, minha voz medrosa de doze anos de idade entregava todo o meu medo, o que eu não queria, já que era o mais velho dali, tinha que me mostrar corajoso.

- não. - restondeu Hary jogando longe dali o pequeno miolo da maçã.  Como ele conseguia ser tão corajoso?

Passadas duas horas e meia, já estavamos decidindo se iriamos embora ou não,  era meio escuro, ouvimos um barulhos, e atraquei a mão de Hary pronto para sair correndo dali sem olhar pra trás. 

- Hazz, nós temos que voltar.- falei. Pela quinta vez.

- Boo, não se preocupe, eu estou aqui com voce.- disse, e no escuro, pude ver seu par de esmeraldas brilhando no escuro.- olha pra mim: eu prometo que nunca, nunca vou te abandonar. Entendeu? Pode confiar em mim...

Ele não fez a sua palavra valer, porque era um mentiroso. Tudo que um dia senti por ele _ os sentimentos que me fizeram te-lo beijado_ haviam se apagado dentro de mim, como se em um sopro só,  ele conseguisse apagar as velinhas do meu coração. 

01 de Janeiro, 2009.

- peguei!- gritei enquanto dava um susto em Eleanor, que estava agaixada do lado da cama com os olhos fechados e um sorriso no rosto.

- o que vamos fazer agora? - perguntou.

Eu estava tendo um lançe com Ella, (apelidinho carinhoso) faz mais ou menos um mês,  desde que alguém saiu de minha vida. Eu ainda não tinha nada sério com ela, mas teria em breve, ela é linda, fifa, carinhosa, adoro ela, meus pais adoram ela... acho que é motivo o suficiente.

- que tal brincarmos de caça ao tesouro? Escondi um no meu quarto.

- O.k. qual é o truque dessa vez, senhor Tomilinson?- perguntou fingindo irritação. 

- nenhum, é só uma brincadeira.

Subimos as escadas e ela começou a fuçar o quarto, quando esbarrou em uma caixinha de presente minuscula, olhou pra mim como se perguntasse "é isto?" E acenti.

Ela abriu a caixa e se deparou com um anel, era prata e tinha um diamantezinho azul minúsculo no centro,  ela olhou em meus olhos com uma expressão maravilhada e confusa, chameia pra mais perto e peguei o anel de sua mão. 

- Eleanos, voce quer oficialmente, ser minha namorada?- perguntei ajoelhando e colocando o anel em sua mão sem esperar a resposta.

- sim.- disse. Puxei- a para um beijo e gritamos para a casa inteira as nossas boas novas.


Notas Finais


Sem notas finais hj...
Bjs <3<3<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...