História Um amor suicida - Imagine Chanyeol (EXO) - Capítulo 22


Escrita por: e magcultdopoder

Postado
Categorias EXO
Personagens Byun Baek-hyun (Baekhyun), Do Kyung-soo (D.O), Huang Zitao (Tao), Kim Jong-dae (Chen), Kim Jong-in (Kai), Kim Jun-myeon (Suho), Kim Min-seok (Xiumin), Lu Han (Luhan), Oh Se-hun (Sehun), Park Chan-yeol (Chanyeol), Personagens Originais, Wu Yifan (Kris Wu), Zhang Yixing (Lay)
Tags Chanyeol
Visualizações 175
Palavras 2.179
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura ❤❤

Capítulo 22 - Capítulo 21


Fanfic / Fanfiction Um amor suicida - Imagine Chanyeol (EXO) - Capítulo 22 - Capítulo 21

~~(s/n) on~~

**Nem nos meus maiores delírios pensei em encontrar o Chanyeol assim perdido no meu quarto, sem camisa...

ascendo a luz e me aproximo dele devagar, vejo que seu lábio inferior está um pouco inchado, assim como seu olho direito e noto também algumas escoriações pelo corpo dele **

(S/n): o que aconteceu?? - tento tocar seu rosto e ele segura minha mão

Chany: eu estou com muita dor... - desvia o olhar

(S/n): vamos para o hospital agora!! - tento me mexer e ele continua segurando minha mão - Chany!! - o encaro irritada - você bebeu??

Chany: eu tentei machucar o lado de fora pra diminuir a dor do lado de dentro, mas não para de doer!! - me ignora chorando e se ajoelha aos meus pés - fica comigo... - abraça minhas pernas

(S/n): mas Chany... - acaricio se cabelo preocupada - precisamos ver esses machucados

Chany: você vai curar essa dor ?? - me olha choroso

(S/n): eu não sei se consigo...

Chany: você precisa se lembrar de mim, de nós dois e vamos ir embora juntos daqui - diz meio embolado devido ao álcool

(S/n): ok... a gente vai, mas antes você precisa deixar eu cuidar dos seus machucados - levanto seu queixo devagar - vai me deixar cuidar de você ??

Chany: vou sim...

**com dificuldade, consigo dar um banho no Chany, depois o coloco sentado na minha cama e começo a cuidar de seus machucados...

Ele tem muitos arranhões nos braços e costas, suas costelas tem hematomas, assim como seu olho direito

Coloco uma compressa com gelo no olho dele e em seu lábio inferior, mesmo inchado, seu rosto continua sendo lindo **

Chany: isso dói - resmunga manhoso

(S/n): já vai melhorar...

**Assim que o Chany pega no sono, coloco um cobertor em cima dele e resolvo ir pra casa do Baek...

O que eu sinto pelo Chany é muito forte, mas se precisamos ficar separados, que seja de vez !!**

Baek: (s/n) ?! - abre a porta ainda surpreso

(S/n): oi, se importa se eu ficar aqui ??

Baek: vai ser um prazer... - sorri me dando espaço para entrar - quer comer alguma coisa??

(S/n): eu preciso de um banho

Baek: então vou encher a banheira pra você, tudo bem ??

(S/n): ok

**Enquanto Baek foi encher a banheira, fico olhando para algumas fotos na instante da sala dele... em uma delas, Baek está sem camisa usando suas luvas de boxe e sorrindo pra câmera. Ainda na instante, consigo ver algumas medalhas de ouro penduradas e dois troféus, ambos na modalidade do boxe **

Baek: já está tudo pronto - sorri se aproximando

(S/n): eu conheço essa mulher... - aponto para a mesma no porta retrato do Baek

Baek: é a minha mãe

(S/n): ah... - forço um sorriso - aonde fica o banheiro ??

Baek: na última porta do corredor

(S/n): obrigada

Baek: deixei algumas peças minhas no banheiro, caso queira usar... elas estão novinhas e eu nem as usei ainda !!

(S/n): não precisava - sorri tímida

**o banheiro é grande e a água está morninha, ouço meu celular tocar, mas uma preguiça me domina fazendo eu continuar relaxando na banheira

Alguns minutos depois, saio do banheira enrolada na toalha e encontro as roupas do Baek, pego uma camisa cinza de algodão e coloco um shortinho novo de dormir dele, que fica um pouco largo em mim **

Baek: você tá parecendo uma miniatura minha !! - debocha ao me ver entrando na sala

(S/n): uma miniatura fofinha - faço um beicinho fofo

Baek: vem cá - me puxa para um abraço - o que aconteceu??

(S/n): o Chany apareceu lá em casa e eu decidi que vou ficar com você... não acho justo dormir na mesma cama que ele

Baek: vai realmente ficar comigo?? - me olha confuso

(S/n): vou... - suspirei - eu não lembro de muitas coisas do meu relacionamento com o Chany, mas sei que é algo que ninguém concorda porque de alguma forma é ruim pra nós dois e eu não quero ser o motivo de atraso na vida de alguém que eu sinto ser tão importante pra mim...

Baek: você não vai se arrepender de ter me escolhido - levanta meu queixo devagar e sela nossos lábios

**Depois do Baek insistir em preferir dormir no sofá para não me deixar desconfortável na cama, resolvi aceitar e assim passamos a noite, eu na cama e ele no sofá...

No dia seguinte, acordo cedo e encontro Baek na cozinha fazendo nosso café da manhã **

(S/n): bom dia - sorri me aproximando

Baek: bom dia - rouba um selinho meu - acordou cedo, tá tudo bem??

(S/n): está sim, é que eu tenho consulta com o Dr Kyungsoo hoje e preciso muito falar com ele - digo me sentando a mesa

Baek: posso te dar uma carona - coloca um prato fundo a minha frente - gosta de cereal com leite??

(S/n): gosto sim !!

**Dr Kyungsoo combinou de me encontrar no parque próximo ao hospital e Baek me deu carona de carro antes de ir para o seu treino que aliás, ele terá uma luta em breve **

Baek: a Sandara disse que vai vir te buscar depois da consulta, tudo bem ??

(S/n): ok - sorri lhe dando um último selinho

**Começo a andar pelo o parque em busca do Dr Kyungsoo e vejo vários casais caminhando juntos, felizes e de mãos dadas

Hoje o dia está lindo, céu claro sem nuvens, a temperatura está agradável e o ventinho refrescante deixa o clima ainda mais gostoso...

vejo o Dr Kyungsoo sentado em um banco lendo algumas coisas no meu prontuário e então me aproximo devagar **

(S/n): bom dia, doutor!! - o mesmo sorri ao me ver

D.O: bom dia, (s/n) !! - arruma suas coisas dando espaço para eu me sentar ao seu lado - como foi sua semana ??

(S/n): foi boa...

D.O: pode enumerar os acontecimentos em ordem pra mim??

(S/n): Bem, eu conheci a família do Chen e passei uma vergonha horrível lá... - sinto meu rosto corar

D.O: o que você fez ?? - me olha curioso

(S/n): eu derrubei um vaso chinês caríssimo que foi dado de presente ao pai do Chen

D.O: e como isso aconteceu ??

(S/n): uma barata voadora veio em minha direção - vejo o Dr controlar o riso - é sério!! - sorri sem graça - ela veio na minha direção, como se fosse roer a minha cara!! Então saí correndo sem olhar pra frente e caí em cima do vaso

D.O: eu acredito em você - sorri debochado - mas fora a barata voadora, algo mais tirou sua paz ??

(S/n): não que eles tenham tirado a minha paz, mas meu pai e meu padrasto apareceram na porta do meu apartamento e resolveram passar uns dias comigo

D.O: isso te irritou ??

(S/n): não até eles começarem a falar do Chanyeol...

D.O: e por que eles falaram do Chanyeol??

(S/n): porque eles acham que ainda somos namorados 

D.O: e você não disse a verdade ??

(S/n): eu não sei porque eu não contei, então simplesmente fui com eles ver a luta do Chany... - suspirei chateada - acho que ele me viu na torcida e por isso perdeu a luta

D.O: e depois disso ??

(S/n): eu saí com o Baek - respondo tímida - antes do meu pai e o Marcos chegarem, eu e Baek estávamos nos acertando e tínhamos combinado de sair no mesmo dia da luta

D.O: então você e o Baekhyun estão juntos ??

(S/n): sim, mas...

D.O: mas o que ??

(S/n): Chany apareceu lá em casa todo machucado e eu entendi que foi por minha causa... - lágrimas caem dos meus olhos - eu cuidei dele, mas não tive coragem de ficar vendo o Chany dormir naquele estado e por isso fui pra casa do Baek...

D.O: esse é o verdadeiro motivo??

(S/n): eu não sei...

D.O: bem, eu acho que você não contou a verdade pro seu pai porque no fundo você queria sentir essa sensação de ainda ter algo com o Chanyeol... e não deixou ele sozinho ontem por causa do Baekhyun ou porque ele estava machucado e sim porque no fundo você sabe que está em um conflito interno, fugir é mais fácil do que encarar

(S/n): eu não sei se quero que minha memória volte...

D.O: mas por que diz isso ??


(S/n): porque algo me diz que se eu relembrar de tudo, eu vou me magoar em relação as pessoas, principalmente a família e ao Chany... se eu realmente quis cometer o suicídio que as testemunhas disseram, é porque eu deveria estar muito mal - sinto algumas lágrimas caírem - o mundo deveria estar desabando em cima de mim e eu não quero ter que passar por isso... acho que esquecer é a melhor solução

D.O: sabe - me oferece um lenço para secar minhas lágrimas - eu trabalho com neurologia há um bom tempo e o cérebro humano na minha opinião, é a coisa mais fascinante que existe... ele controla tudo que existe em nós!! Acredito que sua memória já deveria ter voltado, mas você reluta em deixá-la desligada... talvez essas pequenas informações sem contexto sejam o seu cérebro indicando que está pronto para voltar a funcionar novamente

(S/n): então acha que assim que eu quiser que ela volte, ela irá voltar??

D.O: creio que sim, mas não é algo que eu possa afirmar

**No final da consulta, Sandara estava me esperando para irmos na agência, afinal, eu ainda preciso trabalhar

As palavras do Dr Kyungsoo estão martelando na minha mente... Será que minha memória não volta porque eu não quero ?? **

Sandara: oi !! - estala os dedos na minha frente para chamar atenção - você está há um século encarando o teto da agência !! O que tá acontecendo ??

(S/n): nada - minto - estou apenas distraída mesmo

Lara: (s/n) !! - a pequena entra com tudo na sala

(S/n): oi meu amor - a abraço forte - senti sua falta !!

Lara: o appa me levou pra passear com uma mulher muito chata - revira os olhos rabugenta - ela se acha só porque é médica

(S/n): eu sinto muito... - acaricio o rosto da menina

Lara: tudo bem - sorri - vamos comer doce ??

(S/n): eu preciso conferir a roupa das modelos e já volto pra gente sair, tudo bem ??

**Deixei a pequena com a Sandara e fui até a cabine conferir as peças da nova coleção de primavera...

Estava saindo da cabine quando ouvi uma discussão vinda da sala da Sra Leemão **

Sra Leemão: eu não quero minha filha andando com essa tal de Megan!!

Sehun: então a Lara pode sair com o seu namorado, mas com a minha namorada ela não pode??

Sra Leemão: o Kyungsoo é tio da menina !!

Sehun: mais um motivo para essa relação de vocês ser um nojo !!

Sra Leemão: essa Dra Megan é amiga da mãe da (s/n) e todo mundo sabe que as duas não prestam !!

Sehun: todo mundo quem ?? você e o Kyungsoo?? - debochou

Sra Leemão: faça o que você quiser, mas deixe minha filha longe disso !!

**como assim minha mãe não presta ?? minha vontade a princípio, foi de confrontar a minha chefe, mas resolvi que chamá-la para uma conversa esclarecida é o mais certo a ser feito, até porque, estou curiosa em saber o motivo dessa acusação contra a minha mãe... **

~~Chanyeol on~~

**Sei que perdi o foco da luta no momento em que vi a (s/n) torcendo por mim na arquibancada, foi um erro meu muito principiante, mas fiquei perdido ao vê-la...

No final da luta, me senti um lixo !! Virei um perdedor por completo, sou um fracassado no amor e no esporte... é claro que a minha única saída foi virar copos e copos de bebidas alcoólicas até perder a total noção da realidade

Lembro de ter me envolvido em uma briga de bar, no momento eu não me lembro o motivo, mas pelo meu estado a coisa foi feia...

Na manhã seguinte, acordei totalmente desnorteado na cama da (s/n) !! Como vim parar aqui?? É claro que ela não dormiu aqui porque sempre que dormimos juntos, a (s/n) fica em meus braços até eu acordar...

Meu coração está partido e eu me sinto mais órfão do que nunca!! O que será que aconteceu ontem depois da briga no bar ??

Com dores, volto para a academia e todos ficam surpresos em ver os arranhões e o inchaço no meu rosto **

Kris: eu iria perguntar o que aconteceu, mas acho que você não lembra... - diz encarando meu olho roxo

Tao: apanhou feio!! - debochou

Chany: nem me fale...

**Sei que preciso procurar a (s/n) para nos acertarmos, mas no momento eu só consigo pensar nas minhas dores físicas**



Notas Finais


Tadinho do Chany, ficou todo machucado 😢💔
Baek, eu te amo muito, mas vc e a s/n n têm química 😢💔 mas se quiser, estou disponível pra vc 😏🔥
Será q a teoria do Soo está certa e a s/n n se lembrou de tudo pq n quer?? 🤔🤔
Sehun saindo com a Megan?! Acho q isso n é uma boa ideia 😑😑
Acho q a Sra Leemão tá sabendo de algum podre da mãe da s/n, será q ela vai contar oq é?? 🙊🙊
Obrigada por lerem ❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...