História Um amor uma paixão - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 5
Palavras 574
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Fantasia, Ficção Adolescente, Poesias, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Confessa logo parte 1


 pessoal esse texto é uma garota  que esta narrando contando,como ela queria esse cara, e como foi dificil ela conseguir um abraço-dele depois da brigas entre eles. 

ele é um rapaz do cabelos grandes e quando ele joga os cabelos, eu falo dele,na história 😧,  pq ela fica admirada por ele, sao um encontro entre os dois que mudou o jeito como ele pensava, e ela fala que queria muito ele,e meio que deixa ele confessar o seus sentimentoS. Me ajudem se não entenderem algo,favor curtam e comentem, e vai começar beijos da citygrrrl. 



O encontro entre nos dois,um frio na barriga,um desespero em querer conhecer você,um choque quando chegar a hora, finalmente chegou o dia, de poder te ver, ouvir sua voz,o seu jeito ao meu encontro,um comprimento entre eu e  você suas bochechas,macias,e o suave beijo meu em seu rosto,começamos a conversar e eu não parava de pensar em voce naquele instante,depois de todas as discussoes no começo,as intrigas,e o tempo que não nos falavamos, eu so queria ter te esquecido, mas esqueci,foi por causa de uma foto sua,que decidi,voltar atrás  mas você,tinha aquele jeito,isso me pertubava,será que  você me entendia,mas estamos aqui e agora não posso voltar atras, nosso primeiro encontro e se conhecendo pessoalmente como sou tola, iludida não sei o que me deu em te querer. 

tantos caras afim de mim, me querendo,mas eu tive que escolher logo  vocé,nao sei meu coração se entregou a esse desespero todo que senti, ao olhar você. 

 agora,estamos conversando,meu coraçao, batia  forte e eu te olhava e disfarçava,  eu admirava ele ali mesmo,eu so queria beija-lo, mas não agora  não era muito cedo.
Eu olhava o tom da sua voz, a boca carnuda,o jeito que ele jogava aqueles longos cabelos,para trás  a respiracão dele, era calma, o sorriso dele, ele ria comigo,foi algo que ficava feliz por ve, talvez ele fosse diferente,.  

Que pertubação eu estava quase salivando eu queria dizer logo que eu o queria que queria beija-lo logo e ali,me sentia mas uma garota indecisa e idiota depois de tudo que ele me fez, mas ele me pediu desculpas e agora era pessoalmente, sei que ele  tinha  problemas, mas era hora de eu ajuda -lo,ao caminhamos pela praçá, eu sentia meio cabisbaixo,um olhar de tristeza em seu rosto,como tudo aquilo que ele sentia era Pior era torturante.
Não sei, ele me confessava  todos os seus sentimentos  Mas íntimos,as folhas das árvores caíam sobre nós, eu sentia pena e do dele naquele instante, ele me contava  E eu ficava triste por ele, e me senti culPada por não  entender, ele é tão estranho, tão indiferente  comigo, Mas eu sentia que devesse curar ele dessa solidão  a angústia dor e sofrimento que ele sentia naquele momento, Queria ajuda-lo da forma mas fácil possível, não queria  ve-lo daquele jeito, eu senti no meu coração de abraça-lo e eu o abracei, era tudo que ele precisava naquele momento, carinho de alguém,depois de tanto estar cansado de tudo que o amargurava ele ficou perplexo, comigo.
Eu abracei aquele  estranho.
Sinto Muito sorri isso foi tão de repente,bem sei que não tivemos tão bem  esses últimos tempos, mas eu te abracei por sentir que você precisasse desculpe.
Mas ele veio,sorrindo  chegando perto de mim e me abraçou de volta como ele tivesse gostado daquele abraço e  eu  o abracei de volta , naquele momento eu sorri, fiquei feliz e sorri junto a ele naquela tarde de verão. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...