História Um Anjo Em Minha Vida - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Hermione Granger, Severo Snape
Visualizações 62
Palavras 677
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 14 - Bebê


Hermione estava furiosa.

Hermione: - Eu preciso de uma roupa.

Snape: - Granger você precisa de descanso se olhe no espelho, e verá que seu rosto lhe entrega,  qualquer pessoa que te ver assim saberá que passou à madrugada transando.

Hermione: - Você é um animal.

Snape: - Minutos atrás você não se importava deu ser um animal... não era eu que estava implorando para você ir rápido.

Se você voltar à dormir na hora que acordar eu já terei trazido roupas para você. - Disse Snape olhando para os seios de Hermione que estavam um pouco inchados - eles estão maiores.

Hermione viu do que Snape estava falando.

Hermione: - Porque eu preciso de descanso - Mentiu ela que sentia um pouco de dor nos seios, eles estavam assim porque já fazia horas que ela não amament,ava como ela viu que á discussão já estava perdida ela resolveu dormir mais.

Quando acordou Hermione olhou para o lado e viu que Snape não estava.

Ela se levantou e tomou um banho. Ela olhou no relógio e viu que já era mais de quatro horas da tarde, seus pensamentos estavam na filha que á essa hora já deveria estar chorando com fome.

Não demorou muito para Snape aparecer com uma sacola na mão. Ele não disse nada só à entregou para Hermione.

Ela à pegou e tirou de dentro dela uma mini saia e uma blusa de renda.

Snape: - Combina com você.

Hermione: - Isso não é roupa é um pedaço de pano, vou parecer uma...

Snape: - É só para você ir para casa. Eu não sei escolher roupa peguei essa porque vou me deliciar ver você vestida com ela.

Hermione vestiu à roupa e Snape à olhava com olhos de quem se pudesse rasgaaria à roupa.

Hermione: - Hoje já é tarde acho que não vamos trabalhar no laboratório.

Snape: - Não. Pode ir para casa, se também preferir ficar vou apreciar à sua companhia.

Hermione: - Tenho coisas à fazer.

Snape: - Então o final de semana você estará de folga.

Hermione passou o resto do dia deitada no sofá com à filha no colo, há dias que ela não conseguia ter um dia de paz ao lado da filha.

Ela notou que à filha estava estranha, um pouco quieta.

Mais achou que era normal e a filha só estava um pouco cansada.

Foi durante a madrugada que ela pode comprovar que a filha não estava bem. A menina começou a chorar sem parar. Hermione mediu sua temperatura e viu que a filha estava com febre alta. Ela resolveu dar um banho na menina para ver se assim a temperatura caia, mais a febre não passava.

Hermione levou a menina à um hospital trouxa mesmo, a médica que atendeu a filha à diagnosticou com início de pneumonia, mais disse que o tratamento era um pouco caro.

Hermione pensou e pensou só havia uma pessoa que poderia ajudar.

Hermione não se importou que ainda era madrugada. Ela aparatou no laboratório, e foi até o quarto de Snape.

Hermione entrou e viu que ele dormia profundamente.

Hermione: - Professor acorda.

Snape abriu os olhos.

Snape: - Está tão desesperada querendo mais que não me deixa nem dormir.

Hermione: - Não. Eu vim aqui porque preciso de um favor.

Snape: - Já que está aqui se deite e durma, eu estou com sono, quando amanhecer nós conversamos.

Hermione: - Não... eu preciso de dinheiro emprestado... para agora.

Snape: - Você me acorda para pedir dinheiro emprestado.

Hermione: - Eu pago.

Snape: - Você não vai conseguir, e o que você fez com aquele dinheiro.

Hermione: - Eu paguei às contas.

Snape olhou para Hermione e viu que ela estava com a aparência mais cansada do que dá última vez que à viu.

Snape: - Eu lhe empresto. Mais eu vou querer saber porque você quer.

Hermione: - Eu... eu... passei o dia jogando e fiquei devendo para... para... um bar.

Snape: - Deite- se e durma aqui comigo... quando eu me levantar eu lhe dou o dinheiro.

Hermione: - Não... eu não posso... mais prometo que amanhã eu durmo, ou se preferir fazemos mais coisas.

Dizendo isso Hermione aparatou.

Snape deu um sorriso malicioso ele sabia o que ia pedir em troca para Hermione.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...