1. Spirit Fanfics >
  2. Um café, bem quente e sem açúcar, por favor >
  3. DIA 1

História Um café, bem quente e sem açúcar, por favor - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Primeira fanfic de BNHA, sejam gentis hahahah

Capítulo 1 - DIA 1


— DIA 1 —

 

Era um dia anormalmente frio para a primavera, mas isso não era ruim, Todoroki sempre gostou do frio. 

Desceu do trem, junto de mais algumas dezenas de pessoas, e partiu a passadas largas até a agência, onde deveria estar em exatamente vinte e um minutos. 

Não era longe da estação, mas como o caminho lhe era desconhecido, se permitiu prestar atenção aos detalhes: um gato laranja admirava a rua da janela de um apartamento, uma árvore dava seus primeiros sinais de vida após o rigoroso inverno, anunciando flores rosadas, uma senhora saía de uma cafeteria com um pacote de rosquinhas em mãos e, por fim, a cafeteria.

Era simples e muito estreita, parecia quase espremida entre uma loja de calçados e um conjunto residencial. Era pintada de um bege sem graça, mas possuía um letreiro caprichoso próximo à porta, destacando os preços de diferentes produtos.

Lembrou-se então que não havia tomado café da manhã naquele dia, preocupado em se apressar para pegar o trem correto. Como um lembrete tardio, seu estômago remexeu, infeliz.

Conferiu o relógio, confirmando que possuía ainda dezessete minutos para chegar em sua agência. Relaxou os ombros e rumou para a cafeteria.

Abriu a porta e ouviu a típica e irritante sineta soar, indicando um novo cliente. De imediato, uma menina surgiu, devia ter aproximadamente a sua idade e, se pudesse ser descrita por uma única palavra, essa seria "comum". Tudo em seu rosto era extremamente normal, desde seus cabelos escuros até o nariz levemente achatado.

O sorriso que abriu, porém, era enorme e convidativo.

— Bom dia — ela cumprimentou, muito feliz —, do que gostaria?

— Um café, bem quente e sem açúcar, por favor — pediu o jovem, se apoiando suavemente no balcão. Lançou um olhar rápido para os bolos e tortas na vitrine, porém acreditava estar cedo demais para algo tão doce.

— Vai querer leite? — a atendente questionou gentilmente. Todoroki apenas sacudiu a cabeça negativamente — Chantilly?

— Não. Só o café mesmo — respondeu, talvez mais seco do que o planejado, uma vez que a garota comprimiu os lábios e desviou o olhar.

Ela era rápida, o que Todoroki apreciou, menos um um minuto depois ela lhe entregou o café em um copo grosso, que lhe impediria de queimar a mão.

O jovem não esperou que a moça lhe dissesse o preço, deixou sobre o balcão o valor do café e uma pequena gorjeta, e saiu para a rua fria. Sem grandes expectativas, levou o copo de café muito quente até os lábios e arregalou os olhos levemente.

— Puta merda — deixou escapar, olhando admirado para o copo.

Aquele era o melhor café que já havia tomado em sua vida.

 


Notas Finais


Comentem o que acharam, por favor, vou adorar saber a opinião de vocês!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...