1. Spirit Fanfics >
  2. Um Dono Diferente - JunHwan (REPOSTANDO). >
  3. Capítulo onze.

História Um Dono Diferente - JunHwan (REPOSTANDO). - Capítulo 12


Escrita por:


Capítulo 12 - Capítulo onze.


- Já chega, Chanwoo! - Donghyuk gritou do banco da frente, totalmente impaciente e irritado.

No dia anterior, ficaram na casa de Junhoe, e hoje, na manhã seguinte, estão a caminho de casa, porém, Chanwoo continuou a cantar aquelas músicas irritantes, de novo, e o Donghyuk chegou ao limite.

Chanwoo encolheu-se no banco de trás e Yunhyeong suspirou ao volante.

É cada briguinha que presenciou...

- Eu só estava brincando, Donghyuk.

- É, mas eu já disse para você parar milhares de vezes! - deu continuidade ao seu tom alterado, ganhando um olhar de repreensão de Yunhyeong, no entanto, ignorando e virando o rosto em direção à janela fechada.

O silêncio dominou durante o trajeto todo, e Donghyuk, ao chegarem, foi o primeiro a sair do carro, com passos firmes e ágeis.

Chanwoo e Yunhyeong entreolharam-se, assentindo um para o outro, tendo os dois o mesmo pensamento.

Ao entrarem, procuraram por Donghyuk pelos cômodos, achando-o tomando banho no andar de cima.

Rapidamente despiram-se e entraram.

Fariam Donghyuk relaxar.

[...]

- Há mais destes parques pela cidade, June? - Jinhwan indagou, descontraidamente, enquanto tem a mão entrelaçada com a de Junhoe.

Os dois passeiam pela cidade, a pedido de Jinhwan, que muito envergonhado, fez o pedido assim que Junhoe chegou do trabalho às 19:50 da noite.

- Eu não saio muito para estes lugares, Jin, então se há mais, eu não sei. - Junhoe respondeu num tom doce.

Haviam acabado de sair do parque de diversões, e estão muito satisfeitos, principalmente Jinhwan, que relembrou um pedaço de sua infância, quando seus pais ainda eram vivos.

- Hmm... - fez um biquinho, porém, logo o desfez, questionando. - Mas, Sook conhece, não?

- Ela, sim.

- Então, ao chegarmos irei perguntar à ela! - o menor exclamou, todo alegre, o que arrancou um risada do maior. - O que foi?

- De nada! - deu de ombros, contendo o riso. A forma inocente - e até infantil - de Jinhwan faz Junhoe sorrir bobo muitas vezes, é simplesmente fofo demais e não se contêm.

Tem vezes em que se questiona como o ambiente em que Jinhwan, infelizmente, teve que viver por um bom, não afetou a sua personalidade e pureza.

Jinhwan estreitou os olhos em direção a Junhoe, em um sinal claro de desconfiança.

No entanto, decidiu deixar esse assunto de lado, voltando a sorrir e observar ao seu redor as pessoas e as lojas, ficando com água na boca ao ver uma loja de doces.

Jinhwan parou de frente para vitrine do estabelecimento, fazendo Junhoe parar também e o olhar confuso.

- O que houve, Jin?

Jinhwan não disse nada, apenas olhou de novo para os doces exibidos através do vidro, fazendo Junhoe sorrir, todo derretido.

- Ok. Já entendi! - levantou as mãos em sinal de rendição.

Em seguida, puxou Jinhwan para dentro da loja, envolvendo a cintura do mesmo, que corou, por ter pessoas ali - mesmo que poucas -, agora olhando-os - alguns parecendo ser seguidores de Junhoe nas redes sociais.

- Quer o quê, Jin? - olhou envolta, também ficando com vontade de saborear aqueles doces, aparentemente, deliciosos.

- Pode ser qualquer um?

- Claro! - respondeu e soltou a cintura de Jinhwan para que este pudesse escolher melhor o doce que desejasse.

Eram várias as opções, um mais apetitoso do que a outra aos seus olhos. Contudo, em certo momento, percebeu que um garoto está o fotografando/filmando.

Jinhwan, envergonhado, virou rosto e procurou por Junhoe, e quando o encontrou não muito longe de si, caminhou até o mesmo e permaneceu ao seu lado.

Não se sente intimidado, porém, sim, constrangido. Na boate faziam isto também, àqueles que tinham interesse em si, porém, nunca o compravam, pelo o seu preço ser muito alto.

- Já escolheu? - Junhoe questionou encarando a Jinhwan, pegando e pagando pelo o doce que escolheu.

- Err... N-Não. - mordeu o lábio inferior, olhando de canto para o garoto, e notando que o mesmo ainda está o fotografando/filmando. "Ele não iria parar?", em seus pensamentos, indagou.

Não sabia que tornando-se namorado seria filmado, fotógrafo ou encarado toda vez que saíam.

Junhoe pode até não ser um especialista em Leitura Corporal, porém, percebeu que Jinhwan está estranho.

- Algo o incomoda, Jin? - perguntou, levantando o rosto do menor, e fazendo-o o encarar.

- Não, June! É que... - pensou em uma justificava. - É que estou indeciso sobre quais escolher.

- Ah, sim! - deu um sorriso suave e assentiu. - Posso lhe ajudar nisto.

- Obrigado.

Junhoe pegou na mão de Jinhwan, levando-o à outro corredor, e mostrando-lhe doces que já havia experimentado e gostado.

No final, por insistência de Junhoe, Jinhwan pegou mais de 5 doces, muito gordurosos por sinal. Porém muitos gostosos.

Então... Não dá para competir!

- Esse parece ser bem delicioso. - Jinhwan comentou entusiasmado, cobiçando os doces em suas mãos.

Os dois estão no caixa, pagando pela compra. Quer dizer, Junhoe pagando.

E Jinhwan não percebeu, porém, o garoto ainda está o filmando/fotografando, mesmo depois de muito tempo - porém, sendo mais discreto, escondendo-se em um canto.

O menor também não sabia, porém, o maior já havia notado, ficado muito irritado. Ou melhor, enciumado.

- Pode ficar aqui com as compras por um segundo, Jin? - Jinhwan assentiu. - Então me espere aqui, já volto.

- Ok.

Junhoe fez o trajeto até o garoto com o celular, e ditou, quando chegou a frente do mesmo, demonstrando claramente o seu desagrado.

- Escuta aqui, garoto, eu sei o meu namorado é muito lindo, mas, se você continuar tirando foto ou gravando ele, você vai voltar para casa com a cara toda deformada, entendeu?

O garoto arregalou os olhos, e deu um passo para trás.

Junhoe deu de costas a ele, e voltou a Jinhwan, este que tem uma expressão curiosa no rosto.

- O que você foi falar com aquele garoto, June? Ele te conhece?

- Não, mas, se ele não me conhecia, passou a conhecer. - deu um sorrisinho e deu de ombros. - Vamos? 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...