História O filho do rei dragão - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Fairy Tail, Naruto
Personagens Akamaru, Cana Alberona, Erza Scarlet, Gray Fullbuster, Jiraiya, Juvia Lockser, Levy McGarden, Lucy Heartfilia, Makarov Dreyar, Mirajane Strauss, Nagato, Naruto Uzumaki, Natsu Dragneel, Nikora "Plue", Pain, Personagens Originais, Sasuke Uchiha, Ultear Milkovich, Virgo, Wendy Marvell, Yahiko
Tags Ecchi, Fairy Tail, Harem, Hentai, Narucana, Naruerza, Naruharem, Narujuvia, Narulucy, Narumira, Naruto
Visualizações 58
Palavras 4.037
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Festa, Ficção, Harem, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Gomen! Gomen! Gomen!
Eu sei q se passaram meses. Não vou mentir, foram preguiça e falta de criatividade.
Maaasss agora são férias, e eu estou com essa nova ideia para a fic q eu achei muito melhor q a outra.
O cap pode estar meio parecido com o do anime, mas esperem até o segudo, para julgarem a história. Ok!

E antes q eu me esqueça, as roupas do Naruto são iguais as do Ace de One Piece, assim como na imagem. Outra coisa é q o Naruto tem uma cicatriz na sombrancelha esquerda, anda quase sempre com um palito no canto da boca e é Cachaceiro. E o Neko amarelo é o Ikki. (Exceed q eu inventei)

Agora Bora Ler!

*Leiam as notas finais*

Capítulo 1 - O mago de nome Hokage


Fanfic / Fanfiction O filho do rei dragão - Capítulo 1 - O mago de nome Hokage

  * Estação / Cidade Hargeon *

_ Naruto! Chegamos em Hargeon! Acorda! Acorda! – disse um Neko amarelo com branco animado.

_ Ele está bem? – perguntou um funcionário do trem.

_ Hai! Ele sempre fica assim! – respondeu o Exceed com uma pata levantada.

_ Não dá!... Essa é a última vez que ando de trem. Hugh!... – resmungou Naruto caído no chão enjoado.

_ Se não estivermos errados, o Salamander deve estar por aqui. Vamos! – disse o Neko.

_ Me dá um tempinho... – falou Naruto ainda se recuperando.

O Exceed saiu do trem e logo os maquinistas deram partida no mesmo.

_ Socorro!!!... – disse Naruto chorando lágrima de anime, sendo levando embora pelo trem.

_ ... Foi embora. – disse o Exceed amarelo pra si mesmo.

(...)

_ Como é? Só tem uma loja de feitiços na cidade? – perguntou Lucy surpresa.

_ Lógico! Metsuri é a cidade pesqueira não vivemos de magia. – disse o dono da loja. – Nem um décimo das pessoas aqui usam magia, por isso, nossa especialidade é negociar com magos itinerantes.

_ Então, eu me dei mal? – disse a loira mais pra si mesma.

_ Ora, não diga isso. Veja aqui! Chegou muita coisa nova. – disse o dono da loja pegando um objeto. – As meninas amam a ColorS Mágica. Dá pra trocar a cor da roupa como bem enteder.

_ Já tenho esse. – disse a loira.

_ É? – perguntou o velho.

_ Eeh (sim). Eu queria umas chaves de portões legais como essa. – disse a loira.

_ Portões?... Essa aqui é rara. – disse o dono da loja, mostrando uma caixinha com uma chave prateada.

_ Essa é a do cãozinho branco! – disse Lucy animada.

_ Não tem nenhum poder nela. – avisou o velho.

_ E daí! Eu quero... Quanto é? – perguntou a loira feliz como uma criança.

_ 20.000 Jewels. – respondeu o velho.

_ Quanto? – pergunto a loira pra saber se tinha ouvido direito.

_ Eu disse 20.000 Jewels. – respondeu o velho novamente.

_ Ora, quanto é de verdade, meu querido senhor? – perguntou Lucy se sentando sobre a mesa com uma pose sedutora.

(...)

_ Tch! Aquele velho só abaixou 2.000 Jewels?! Ele por acaso estava me insultando?! É só isso que minha beleza vele?!... – reclamava Lucy irritada andando por uma rua sem movimento, até trombar o ombro com um jovem mais velho.

_ Ei! Não vai pedir desculpas?! – perguntou o jovem fazendo a loira parar seu caminho e o olhar confusa.

_ Foi você que trombou comigo! – afirmou Lucy.

_ Além de tudo é mal educada! Que tal darmos uma lição nela? – perguntou o jovem a seus dois companheiros.

Lucy no mesmo instante, por instinto de perigo, direcionou sua mão em direção da suas chaves celestiais, mas não as encontrou o que a deixou surpresa na hora.

_ Procurando por isso? – perguntou o jovem mostrando as chaves da maga celestial.

_ Minhas chaves?... Devolva! – disse Lucy séria, cercada pelos 3 jovens pouco mais velhos que ela.

_ Porquê? Essas chaves de ouro devem valer uma boa grana. – disse o jovem que segurava as chaves.

_ Já disse pra me devolverem! – ordenou a loira firme.

_ Que tal assim? Você nos dá as chaves e nós oferecemos seu punimento em troca. – disse o jovem.

_ Do quê você tá falando? – perguntou Lucy, e o jovem sorriu maquiavélico soltando a chave, que caiu no chão.

Lucy tentou pegar suas cheves mas os outros dois a agarraram, cada um segurando um braço, e assim o chefe do trio se aproximou. Ele passou a mão pela coxa da mesma, a causando arrepio e nojo.

_ Pare! – disse Lucy, com nojo.

Logo ele começou a enfiar as mãos por debaixo da regata rosa que a loira usava, subindo em direção de seus seios.

_ Não precisa ter medo. Você vai gostar... – disse o jovem e assim os outros dois começaram a rir.

...

_ Droga... Maldito trem! – resmungou Naruto irritado, se recuperando do ocorrido a pouco, caminhando por uma rua com sua mochila nas costas em um ombro apenas.

_ Você sempre passa mal nos transportes. – falou o Neko animado.

_ Eu já disse Ikki! Um dia, eu acabo com todos eles. – disse Naruto.

_ Você sempre diz isso! – argumentou Ikki.

O ruivo suspirou pesadamente, e então percebeu uma garota loira chorando, enquanto era segurada por dois jovens e apalpada por um terceiro que sorria feito um maníaco.

_ Droga! Não aguento mais... – disse o jovem líder abrindo o zíper de sua calça, Lucy arregalou os olhos em desespero. – Itadakimasu!

_ Não! – exclamou a loira, fechando os olhos com lágrimas, esperando pelo pior.

Neste momento, o som de uma mochila caindo no chão se fez presente, chamando a atenção de todos e fazendo três pararem. Naruto estava com os braços cruzados em uma expressão séria, assim como Ikki ao seu lado.

_ Atrapalho? – perguntou Naruto sério.

_ Sim! Cai fora daqui, idiota! – disse o jovem líder do trio.

Naruto logo olhou pra loira que o encarava com um olhar suplicante, lágrimas escorriam de seus olhos. O ruivo apenas descruzou os braço caminhando até o líder.

_ Eu disse pra cair fora, não me ouviu?!... – retrucou o líder irritado, recebendo em seguida um soco direto na cara do ruivo.

Perdendo o equilibrio ele caiu de bunda no chão. Pondo a mão em seu nariz que escorria muito sangue.

_ K-Kou-chan!... – disse um dos comparças, em choque.

_ Soltem a garota. – disse Naruto com um tom ameaçador, acompanhado de um olhar frio e mortal.

_ Ha-Hai!!! – disseram os dois imediatamente soltando a loira, mas receberam um chute na cara vindo do ruivo, caindo ambos de costa no chão.

_ Escutem aqui!... Se eu ver vocês mexendo com uma garota denovo, vou fazer com que recebam flores em seus túmulos mais cedo do que imaginam! Entenderam?! – disse Naruto com uma cômica carranca, enquanto havia chamas atrás do mesmo, indicando sua ira.

_ Si-Sim senhor!!! – disseram os três saindo correndo de medo.

_ Bakas... – disse Naruto de braços cruzados. – Oē! Você está bem? – perguntou se virando pra loira, mas foi surpreendido por um abraço da mesma, um abraço forte por sinal.

_ Arigatō! Hontoni Arigatō! (muito obrigada) – disse a loira, visivelmente mais baixa que o ruivo, com um leve rubor e lágrimas presas aos olhos.

_ “Talvez ela não saiba disso mas... Os peitos dela!...” – pensou Naruto com uma cômica cara incomodada, enquanto corava de leve, em sentir os seios da loira praticamente se esmagando contra seu corpo.

_ Olha! Achei umas chaves! – disse Ikki chamando a atenção dos dois. – Elas são suas?

_ Eeh (sim)... Arigatō. – disse a loira se agachado frente ao Exceed dando um lindo sorriso.

* Navio na costa da cidade *

No convés do navio, estava um homem sentado a uma mesa, com uma esfera que mostrava imagens sobre Naruto.

_ Finalmente chegou na cidade... Hokage. – disse um homem, fumando um cigarro, enquanto sorria sarcástico.

_ O falso rumor sobre o Salamander que espalhamos, parece te-lo enganado. Né chefe? – perguntou um de seus capangas a frente da mesa.

_ Mas e quanto a garota? Ela é uma maga da Fairy Tail. – disse outro capanga, reparando na marca rosa na mão da loira. – Não acha que ela poderia nos atrapalhar?

_ Não! Pra falar a verdade, ela vai nos ajudar. – respondeu Assuma, aumentando seu sorriso, e deixando seus homens confusos.

* Num restaurante *

Naruto e Lucy estavam num restaurante qualquer da cidade. O ruivo já tinha comido uma porção um tanto grande de comida, já que tinham várias tigelas de Lamen empilhadas, ossos de carne e pratos vazios. Agora tudo o que o ruivo fazia era beber garrafas de Sakê enquanto Ikki comia seus peixes.

_ Ettō... Naruto e Ikki, certo? – perguntou a loira e sorriu. – Eu sou Lucy Heartifilia, maga celestial da Fairy Tail.

_ Você é uma maga? – perguntou Naruto surpreso.

_ Hai! Porquê? – perguntou a loira confusa.

_ Porquê... – disse Naruto fazendo uma cômica expressão acusadora. – Você podia ter se defendido sozinha daqueles caras, a menos que seja muito fraca. – analisou a última parte meio pensativo, fazendo uma cruz vermelha surgir na testa da loira.

_ Eu não sou fraca! – exclamou Lucy comicamente irritada. – Acontece que eles pegaram as minhas chaves. Sem suas chaves um mago celestial é vulnerável como uma pessoa normal. – explicou a loira tentando se manter séria mas o rubor não ajudava.

_ Então é fraca. – concluiu Naruto com cara de peixe.

_ Hai. – concordou Ikki, da mesma forma, fazendo Lucy ter uma novem de depressão pairando sobre si. – Ah! Você disse que era de uma tal Fairy Tail? O que é isso?... – perguntou Ikki fazendo uma cara confusa.

_ Hã? Vocês não conhecem a Fairy Tail? A guilda mais famosa do reino? – perguntou Lucy realmente surpresa, enquanto Naruto bebia.

_ Ieh! (não). – respondeu Ikki.

_ Nós viemos do interior. Não conhecemos nada dessa região, mas já posso dizer que o Sakê daqui é uma delícia. – disse Naruto, após parar de beber, com um rubor alcoólico evidente e um sorriso sedutor.

_ Você está bêbado... – perguntou Lucy com uma enorme gota atrás da cabeça.

...

Lucy colocou o dinheiro sobre a mesa, após se levantar pronta para seguir seu caminho.

_ Bem... Agradeço por ter me salvado, mas agora eu tenho que ir. Até mais. – disse a loira indo em direção da saída.

_ Volte sempre! – disse uma mulher com roupa de empregada, até ficar comicamente chocada, assim como Lucy ao olhar por cima do ombro.

_ Muito obrigado pela refeição! – disse Naruto de joelhos com a cabeça tocando o chão em reverênciea.

_ Você é muito gentil! – disse Ikki da mesma forma.

_ Parem com isso! Que vergonha! – disse a loira em desespero por todos estarem olhando. – Está tudo bem! Vocês me salvaram, então agora estamos quites.

_ Qualquer um poderia ter feito aquilo. Não precisava pagar. – disse Naruto, se levantando.

_ Hai! – concordou Ikki, fazendo Lucy soltar um ar de forma pesada.

_ Tive uma ideia! – disse Naruto se aproximando da loira, que ficou curiosa. – Talvez isso a compense.

O ruivo segurou com gentileza no queixo da loira lhe dando um beijo na testa. Lucy ficou surpresa com tal ato, e em seguida uma vermelhidão subiu por seu corpo.

_ KYAAAAHHHHH!!! – gritou a loira, dando pra escutar até fora do estabelecimento.

* Mais Tarde *

Numa praça da cidade estava Lucy, sozinha, sentada num banco. A loira estava pensativa, com suas bochechas ainda cobertas pela tonalidade avermelhada.

_ O-o quê foi aquilo?... – se perguntou Lucy, sem tirar da sua cabeça o ocorrido. – Porquê ele me beijou na testa? Nenhum garoto tinha feito isso comigo antes. Mas... foi tão Kawaii da parte dele... Espera! Porque eu estou pensando nisso?!... – se repreendeu.

_ Ora, ora, se não é uma maga da Fairy Tail. – disse um homem, com um cigarro na boca.

_ Quem é você? – perguntou Lucy se levantando e ficando frente a frente com o homem.

_ Assuma. – respondeu o homem.

_ Assumir o que? – perguntou Lucy confusa, fazendo o homem ter uma veia saltada na testa.

_ Assuma! É o meu nome! – gritou ele comicamente irritado.

_ Hēēē... – disse a loira.

_ Enfim. Você esteve com um rapaz chamado Naruto mais cedo, estou certo? – perguntou Assuma.

_ Eeh (sim). Porque? – perguntou Lucy, corando levemente e cruzando os braços.

_ Porquê você será a minha isca para atraí-lo. – disse Assuma esboçando um sorriso maníaco, deixando a loira surpresa.

_ Nani?... – indagou a loira, mas começou a sentir seus olhos se cansarem.

_ Não é nada com você e sim com ele. Seu amigo tem incomodado muito a nós, os Dark Magos. – disse Assuma.

_ “O que é isso?... Eu estou me sentindo cansada...” – pensou a loira, até desmaiar.

_ Essa é minha magia de sono. – disse Assuma, e estreitou o olhar, sorrindo maníaco. – Hora de colocar o plano em ação...

* A noite *

Naruto estava sentado sobre um telhado, segurando uma garrafa de Sakê. Ikki estava ao seu lado.

_ Gh-haha! Que refeição! – disse Naruto.

_ Lucy, foi muito gentil. – disse Ikki.

_ Isso é verdade. – concordou Naruto, bebendo mais um gole de sua bebida, enquanto Ikki fez uma cara pervertida.

_ Mas aquele seu beijo deixou ela toda vermelha. Parecia um pimentão. E depois ela saiu correndo. – disse Ikki segurando uma risada.

_ Acha que eu fiz alguma coisa errada? – perguntou Naruto confuso.

_ Ieh (Não). Mulheres são sempre assim. – disse Ikki balançando a pata.

_ Tem razão. – disse Naruto.

Quando o ruivo ia beber mais um gole de seu Sakê, ele percebeu um pássaro ao seu lado, ele carregava uma carta em seu bico. Naruto a pegou e assim o pássaro voou novamente.

_ O que é isso? – perguntou Ikki curioso.

_ Não sei. – respondeu Naruto e um círculo mágico se formou sobre a carta, mostrando um holograma de um homem.

_ Saudações, Naruto... Ou devo dizer..., Hokage. – disse Assuma, fazendo Naruto estreitar os olhos. – Você certamente não me conhece, mas considere que somos inimigos. Afinal, eu sou um Dark Mago e você é um problema para mim e todas as Dark Guildas. – disse enquanto o ruivo se mantinha neutro. – Bem, eu não ficarei explicando, mas solicito a sua presença em meu navio. É aquele que está partindo para o mar. – disse e Naruto olhou para o transporte realmente partindo para o mar, fazendo uma leve careta de enjôo. – Ah, saiba que eu estou com uma amiguinha sua aqui comigo, então, se você recusar, eu mato a maga da Fairy Tail que estava com você mais cedo...

_ Lucy?... – se perguntou Naruto surpreso.

_ Seu tempo será até o navio sair da costa. Estarei esperando. – terminou o holograma e assim a carta pegou fogo até virar cinzas.

_ O que faremos? – perguntou Ikki, enquanto exitante, Naruto encarava o navio, sentindo um leve enjôo.

(...)

_ Ei! Me solta! O que você quer comigo?! – dizia Lucy, tentando se soltar da cadeira em que estava amarrada, no convés do navio.

_ Não é nada com você! – respondeu Assuma. – Seu amiguinho Naruto, é que é meu alvo.

_ Como assim? – perguntou Lucy curiosa.

_ Oh! Você não sabe? – perguntou Assuma fazendo uma cara de surpresa. – Naruto, é um famoso mago conhecido como Hokage.

_ Hokage?... – se perguntou Lucy pensativa, até ficar surpresa. – Hokage, o mago que já destruiu várias Dark Guildas? E que dizem usar uma magia de fogo única?! Ele é, o Naruto?!

_ Isso mesmo. – respondeu Assuma.

_ Mas... Se você está atrás dele, o que eu tenho haver com isso? – disse Lucy pensativa.

_ Você é minha isca!... – falou Assuma surpreendendo a loira. – Em alguns momentos o Hokage deve aparecer para tentar te salvar. Daí eu darei um fim a ele e receberei minha recompensa!

_ E porquê você acha que ele vai me salvar? Nós nem nos conhecemos. Ele me salvou por acaso. Que motivos ele teria pra fazer isso de denovo? – perguntou Lucy, até o teto ser quebrado, caindo um jovem ruivo ali, a deixando surpresa. – Naruto?...

_ Finalmente chegou... – disse Assuma sorrindo, até ver o ruivo caído no chão.

_ Eu odeio... Transportes. – disse Naruto enjoado.

_ O que deu nele?... – perguntaram Assuma e Lucy com uma gota atrás da cabeça.

_ Lucy! O que tá fazendo aí? – perguntou Ikki, sobre o buraco aberto no teto do convés.

_ Ikki?... Esse cara me sequestrou. Espera! Desde quando você voa? – perguntou Lucy.

_ Explico depois! – disse Ikki passando suas garras nas cordas que prendiam a loira, e enrolando sua calda na mesma a levando do local. – Agora temos que ir!

_ Não vão fugir! – exclamou Assuma.

_ Espera! E o Naruto? – perguntou Lucy.

_ Só consigo carregar uma pessoa. – respondeu Ikki.

_ HOUSENKA!!! (Flor de fênix) – exclamou Assuma, formando um círculo mágico, mandando várias bolas de fogo, em direção do Neko que explodiram, mas o mesmo desviou de todas. – Droga!

_ Oē... – disse Naruto agachado na porta, chamando a atenção de Assuma.

O ruivo começou a se levantar com dificuldade devido a sua doença sobre os transportes, e então os olhos em fenda de Naruto brilharam em azul quase branco.

_ Eu tenho que salvar o Naruto! – disse Lucy.

_ ‘Nós’ é que estamos te salvando! – afirmou Ikki, dando enfase no nós referindo-se a ele e Naruto.

_ Não! Dessa vez, eu quero ajudar o Naruto! – exclamou Lucy determinada, e então escutou uma explosão vinda do navio.

_ ... O que pretende fazer? – perguntou Ikki mais sério, deixando Lucy levemente surpresa.

_ Irei invocar um dos meus espíritos celestiais. – afirmou a loira retirando as chaves de seu cinto com um sorriso. – Mas pra isso, preciso estar na água.

_ Entendido! – falou Ikki soltando a loira.

_ Neko Baka!!! – gritou Lucy caindo, comicamente sem entender.

Ikki desceu seu vôo até próximo da água, onde Lucy colocou a cabeça pra fora, pegando fôlego.

_ Porque você me soltou?! – perguntou Lucy comicamente irritada.

_ Você disse que precisava estar na água. – respondeu o Neko sorrindo sinico.

_ Mas não precisava me soltar daquele jeito! – gritou a loira com cruzes latejando sobre a cabeça.

_ Para de reclamar e faz logo sua magia! – disse Ikki cansadamente, fazendo a loira soltar um ar de forma pesada.

_ Certo... Aqui vou eu! – disse Lucy soltando um sorrisinho determinado. – Portão da guardiã da água, abra-te! Aquarius! – exclamou girando a chave na água, fazendo surgir a sereia azulada.

_ Um peixe! – disse Ikki animado, com os olhos brilhando.

_ Não! – repreendeu Lucy.

_ Incrível! – afirmou Ikki.

_ Sou uma maga celestial! Eu uso minhas chaves para invocar espíritos de outras dimensões. – explicou Lucy orgulhosa de si. – Aquarius, use seu poder e leve aquele navio para a margem! – ordenou Lucy apontando para o navio.

_ Tch! – disse Aquarius sem humor.

_ você fez Tch, pra mim?! – perguntou Lucy com cruzes sobre a cabeça.

_ Não devia reclamar assim! – repreendeu Ikki, com uma gota atrás da cabeça.

_ Que garota irritante! – falou Aquarius.

_ Como é?! – gritou Lucy irritada.

A sereia começou a acumular a água em seu vaso e com um giro formou um vórtex de água, manipulando as águas da costa do porto. O navio foi mandado com velocidade em direção da margem, fazendo todos do navio se desesperarem e Naruto se enjoar mais. Lucy e Ikki foram levados juntos, comicamente desesperados.

_ O que deu em você? Acha normal fazer isso comigo também? – perguntou Lucy irritada.

_ Droga, errei! Acabei levando o navio junto. – disse Aquarius.

_ Você estava mirando em mim?! – gritou Lucy comicamente irritada.

_ Não quero mais saber de você. Adeus! – disse Aquarius sumindo.

_ Ei, Lucy! O que você fez pra ela ficar tão irritada? – perguntou Ikki.

_ Eu não fiz nada!!! – gritou Lucy irritada.

....

_ O que foi isso?

_ Um navio foi jogado no porto. – comentaram as pessoas.

_ Droga! Mas o que... – resmungou Assuma e olhou para cima do navio tombado, onde um jovem de cabelos alaranjados se levantou.

_ Naruto!!! – chamou Lucy correndo para perto do navio, com Ikki em seu ombro, mas parou para observa-lo.

_ Você... Ameaçou matar a Lucy, por minha causa... – disse Naruto sério, com um olhar frio.

_ E daí?! Eu sou Dark Mago! É como agimos! – retrucou Assuma, e sorriu diabólico. – Além disso... A garota não foi a única coisa que usei para atrai-lo!... Também teve o falso boato sobre o Salamander estar nessa cidade! – disse fazendo Naruto serrar o olhar.

_ Salamander?... – perguntou Lucy atônita, mais pra si mesma.

_ Isso fez você vir até aqui e cair na minha armadilha feito um patinho!... Hokage?! Será que você é mesmo o mago que destruiu tantas Dark guildas, pra ser pego tão facilmente?! Você não passa de uma piada! E agora morrerá por mim! O Titã do fogo! – exclamou Assuma sorrindo diabólico, enquando Naruto tinha uma sombra nos olhos.

_ Então... – disse Naruto e sorriu sarcástico. – Porquê não caia dentro, otário?! – a afirmação deixou o mago muito irritado.

_ DAI ENDAN (Bomba de chama gigante) – exclamou Assuma esticando sua mão pra frente, formando um circulo magico alaranjado e disparando uma rajada de fogo, acertando Naruto em cheio.

_ Naruto!!! – gritou Lucy, pronta para correr até o ruivo.

_ Apenas observe, Lucy. – disse Ikki, fazendo Lucy parar antes de começar a correr.

Ao olhar na direção do fogo, Lucy arregalou os olhos pois viu o fogo se dispersando, indo em direção da boca do mago de cabelos laranjas.

_ Que fogo horrível! – disse Naruto entediado.

_ Na-Nani?! – indagou Assuma chocado.

_ O que diabos é ele?! – perguntou um dos capangas do Dark Mago.

_ Fogo não funciona com o Naruto. – disse Ikki.

_ E-ele comeu as chamas?! – perguntou Lucy também chocada.

Naruto socou um punho no outro e foi-se ouvido o rugido de um dragão enquanto um circulo mágico de chamas azuis se formava, com o simbolo de um dragão no centro. O ruivo abriu seus olhos em fenda que brilharam azul bem claro quase branco, seguido de outro rugido. O mago puxou o máximo de ar para seus pulmões, colocando as mãos na frente da boca.

_ KARYU NO HOUKOU!!! – exclamou Naruto cuspindo uma rajada de chamas azuis.

As chamas colidiram contra as coisas, causando uma grande explosão no local.

_ Assuma-sama, esse cara é muito forte! Sozinhos não temos chance! – disse um dos capangas do mago, enquanto Naruto se levantava com seu colar e olhos brilhando azul nas sombras dos escombros.

_ Cala a boca!!! – ordenou Assuma irritado.

_ Escute bem Idiota... – disse Naruto inflamando suas mãos de chamas azuis. – Nunca mais ameace pessoas inocentes, por minha causa!!! – exclamou avançando, travando trocas de golpes contra o Dark Mago.

_ Chamas azuis? Ele usa chamas azuis? – se perguntou Lucy, observando a luta.

_ Hai! Essas são as chamas do imperador Dragão. As chamas mais quentes de todas! – afirmou Ikki animado.

_ Imperador... dragão? – perguntou Lucy confusa, e Ikki confirmou com a cabeça.

_ Naruto, foi criado pelo rei dos dragões. Albion! O único dragão a usar as chamas divinas azuis! – disse Ikki.

_ Nossa... – disse Lucy meio atordoada com tal revelação.

_ DESGRAÇADOOO!!! – gritou Assuma irritado, lançando uma linha de fogo que destruiu um parte da cidade mais a frente.

_ Ei, Ikki. O que aquele mago quis dizer com o falso boato sobre o Salamander? – perguntou Lucy.

_ Naruto está procurando essa pessoa a algum tempo, mas não sabemos onde ele está. Foi então que ouvimos rumores sobre ele, numa cidade vizinha... Mas tudo não passava de uma armadilha. – respondeu Ikki sério e de braços cruzados, deixando Lucy surpresa com esse lado do Neko. – A propósito! Gomen por te envolver em nossos problemas Lucy! – disse animado novamente.

_ “Que mudança de humor...” – pensou Lucy comicamente desnorteada.

_ GOUKAKYUU!!! (Grande bola de fogo) – berrou Assuma formando uma grande esfera de fogo, e a jogando no ruivo, mas Naruto a pegou, comendo as chamas.

_ Isso já é o suficiente! – disse Naruto sorrindo sarcástico com os olhos brilhando em magia, e socou um punho no outro formando seu círculo mágico azul. – KARYU NO HIKEN!!! (Punho de fogo do dragão) – exclamou Naruto revestindo ao seu redor e do punho ao cotovelo de fogo, assim lançando toda a chama em única coluna em direção do homem.

Assuma sem ter pra onde fugir, foi acertado em cheio, explodindo e sendo arremeçado contra as casas as destruindo, até se colidir contra uma igreja, e ficar ali desmaiado.

_ Isso foi incrível mas... Não acha que exagerou?! – perguntou Lucy, vendo a destruição do local.

_ Hai! – respondeu Ikki.

_ Hai, uma ova! – disse Lucy, e então percebeu os soldados chegando. – Soldados... – falou e foi puxada do nada.

_ Droga! Vamos dar o fora! – disse Naruto correndo, puxando a loira que era levada feito papel.

_ E porquê eu tenho que ir junto? – perguntou Lucy.

_ Eu já te envolvi em meus problemas. Não quero que seja presa, por minha causa agora! – respondeu Naruto, deixando a loira surpresa.

_ Pr-presa?!... – perguntou Lucy indignada.

_ É isso o que acontece com quem destrói as cidades! – disse Naruto.

_ Mas foi você que destruiu a cidade! – retrucou a loira.

_ E você que lançou o navio no porto! – acusou Naruto divertido.

_ Isso foi... – disse Lucy sem ter argumentos, se sentindo derrotada.

_ Gh-haha! Agora estamos quites! – disse Naruto divertido.

_ Bem... Acho que sim. – disse a loira derrotada.


Notas Finais


Acho q o cap, ficou grande. Digam c está bom grande assim, ou c querem q eu diminua.

Comentem aí o q acharam do cap.

Arigatō por ter lido!

Até o próximo cap. Previsto para o meio ou fim da semana. Fiquem ligados!

*E NÃO ME PERGUNTEM SE OS CAP, VÃO SER IGUAIS DO ANIME, PQ NÃO VÃO SER!!! *


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...