História Um herói entre fadas - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Fairy Tail, Naruto
Personagens Akamaru, Cana Alberona, Erza Scarlet, Gray Fullbuster, Jiraiya, Juvia Lockser, Levy McGarden, Lucy Heartfilia, Makarov Dreyar, Mirajane Strauss, Nagato, Naruto Uzumaki, Natsu Dragneel, Nikora "Plue", Pain, Personagens Originais, Sasuke Uchiha, Ultear Milkovich, Virgo, Wendy Marvell, Yahiko
Tags Ecchi, Fairy Tail, Harem, Hentai, Narucana, Naruerza, Naruharem, Narujuvia, Narulucy, Narumira, Naruto
Visualizações 311
Palavras 3.436
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Festa, Ficção, Harem, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Vcs devem estar se perguntando. Como assim o Akamaru tá na fic? Bom, digamos que o Naruto roubou ele do Kiba, a cor do cabelo do Ichigo e a personalidade de ambos os dois.

- Naruto: Eu sou ladrão rapaz! Não gosto de trabalhar não. Eu sou ladrão.

Pois é. Enfim, bora pra fic, vlw, flw, sanduba e boa leitura.

Capítulo 1 - Cão e mago


Fanfic / Fanfiction Um herói entre fadas - Capítulo 1 - Cão e mago

--× Estação de Magnólia ×--

O trem havia acabado de chegar na famosa cidade de Magnólia. Os passageiros desembarcavam alegres, com a vida que se prosseguia. Em meio a esses passageiros, desembarcou um jovem de cabelos espetados laranjas com um cãozinho branco sobre a cabeça e uma faixa preta estilo gennin amarrada na testa, carregando uma mochila em um ombro apenas. Seu nome era Uzumaki Naruto e seu cachorro Akamaru.

- Eeehhh... Então essa é a famosa Magnólia? É bem maior do que eu pensava.- disse o Uzumaki normalmente.

- Grh-Au-Au!- latiu Akamaru.

- Tem razão Akamaru!- disse Naruto com um sorrisinho selvagem.- Temos que conhecer a cidade como a palma da mão, assim como em todas as outras cidades por onde passamos. Acho que podemos adiar pra falar com aquele velho, mais tarde.- comentou pondo as mãos nos bolsos e caminhando.

--× Fairy Tail ×--

Makarov estava em sua sala conferindo alguns papéis, com a maioria sendo de reclamação sobre a guilda. Mas o que realmente lhe prendia a atenção, era uma carta.

- Mestre...- disse Mirajane abrindo uma fresta da porta.

- Pode entrar Mirajane.- disse o velho sem tirar os olhos da carta, e assim a jovem albina fez adentrando com um copo cheio de cerveja.

- Mais reclamações mestre?- perguntou Mira com um sorrisinho constrangido deixando a caneca na mesa do velho.

- Nada fora do comum, mas... Não posso dizer o mesmo disso.- disse o velho com um sorrisinho se referindo a carta deixando a albina curiosa.

- Do que está falando mestre?- perguntou Mira confusa, e então Makarov largou a carta na mesa pegando sua caneca.

- Bem, digamos que... Todos conhecerão um membro da guilda que ninguém nunca viu. Ninguém além de mim.- respondeu Makarov bebendo sua cerveja e Mira piscou confusa.

- Não está falando daquele mago?...- deduziu Mira surpresa.

- Não. Não é ele.- disse o velho deixando Mira confusa novamente.- É alguém que conheci a um tempo atrás. Ele ainda não é um mago oficial da guilda, por isso, está chegando hoje na cidade pra conhecer a guilda e se oficializar de vez.

Mira ficou em silêncio. Pelo jeito que Makarov falava, gostava desse tal mago.

- Bem... Eu vou sair agora mestre, mas volto mais tarde!- disse Mira gentilmente com um lindo sorriso se retirando.

- Ok, Mira.- disse Makarov e bebeu um gole de seu maravilhoso Sakê.

--× Na Cidade ×--

Erza e Lucy saiam da Fairy Hills. Ambas haviam acordado um pouco mais tarde que o normal.

- *Bocejo*... Não acredito que as meninas nos deixaram pra trás.- resmungou Lucy enquanto andava.- ... Bem, acho que eu também acabei exagerando na hora ontem a noite. *Bocejo*

- Idem. Fiquei até tarde treinando.- disse Erza um pouco mais firme que a loira.

- Mas ainda assim você está mais disposta que eu.- disse a loira com um sorrisinho constrangido.

- Não é verdade....- respondeu Erza e logo avistou sua loja de bolos, fazendo seus olhos brilharem e soltar um sorriso de criança no rosto.

- Erza?...- chamou Lucy confusa, até que viu o mesmo que sua amiga ruiva.

- Gomen Lucy, mas eu tenho que ir. Nos vemos na guilda!- falou já indo para a bolaria animada.

- *Suspiro* Erza sendo Erza.- disse Lucy com um sorrisinho constrangido.- ... Bem, acho que vou ver se chegou algum romance novo na livraria da cidade.- falou pra si mesma tomando outro rumo na rua com um pequeno sorriso contente.

--× Próximo dali ×--

Naruto andava pela cidade tranquilamente com as mãos nos bolsos. As pessoas que o viam, estranhavam o fato do mesmo andar com um cachorrinho na cabeça. Logo a barriga do ruivo começa a roncar, com o mesmo tendo uma cara de peixe morto com a mão na barriga.

- Droga!... Estou morrendo de fome...- resmungou Naruto, e então escutou a barriga de seu companheiro roncar ferozmente também.- *Suspiro* Precisamos de algo pra comer, mas o dinheiro foi todo na viajem até aqui...- então uma lâmpada se acendeu em sua mente.- É mesmo!...

Naruto se sentou de pernas cruzadas em frente a um estabelecimento qualquer, onde passou a procurar algo em sua mochila, até que retirou um pergaminho e o esticou no chão.

- Por sorte guardei alguns pro caso de emergência...- disse Naruto com um sorrisinho selvagem, e então espalmou a mão em cima do pergaminho onde em seguida formou 8 círculos mágicos um ao lado do outro.

Deles explodiram fumaça, dando lugar a 6 tigelas de Lamen e 2 garrafas de Sakê. O Uzumaki soltou um sorriso ainda maior mas selvagem, com um Hashi na mão, enquanto Akamaru abanava o rabo com a língua pra fora.

- Três! Dois! Um!... Atacar!- disse Naruto separando os Hashis e então começou a comer seu maravilhoso Lamen, junto de Akamaru.

Enquanto comiam as pessoas que passavam olhavam estranho, cochichando que eles seria mendigos e coisas do tipo por comerem na rua, mas o ruivo e seu companheiro nem ligavam.

- Lamen a comida dos deuses é melhor de todas!- disse Naruto enquanto comia, e então pegou uma das garrafas de Sakê.- E juntando com o melhor Sakê de todos vira o banquete dos deuses!- afirmou virando a garrafa pra baixo, fazendo assim o mesmo secar o garrafa em menos de 1 minuto.

Assim o Uzumaki passou a comer o Lamen das outras duas tigelas, e junto de Akamaru rapidamente terminaram de comer.

- Gōchisou-sama!- Naruto agradeceu pela comida, ao colocar a tigela no chão com um leve rubor por causa da última bebida.

Akamaru já estava deitado no chão, com suas 3 tigelas vazias, que explodiram junto com as do Uzumaki e suas garrafas assim sumindo.

- Esse foi o último estoque de comida! Agora precisamos ir logo até o velho e entrar pra aquela guilda de uma vez, senão vamos ter que pedir esmolas na rua.- disse Naruto.

Naruto guardou o pergaminho de volta na mochila e se levantou, com Akamaru ao seu lado.

- LADRÃO!!!- exclamou um homem de dentro de uma loja chamando a atenção do Uzumaki.

De uma loja qualquer um homem saiu correndo com uma bolsa nas mãos, logo atrás uma senhora saiu junto do dono da loja.

- Minha bolsa! Ele roubou a minha bolsa!- exclamou a senhora com preocupação, e alguns soldados sopraram um apito pro ladrão parar e alertar as pessoas.

Naruto olhou para Akamaru ao seu lado que dava leves rosnadas e então o ruivo sorriu de canto selvagem, voltando a olhar na direção do ladrão.

- Que tal brincarmos de pega-ladrão, Akamaru?- perguntou Naruto.

- Grrhhh-Au! Au!- latiu Akamaru com irritação, e então um círculo mágico se formou abaixo do cãozinho o fazendo ficar bem maior.- Au! Au!- latiu mais grosso que antes.

Naruto em seguida apoiou sua mão nas costas do grande cão branco como se fosse saltar pro outro lado, mas então montou no mesmo.

- Yosh'! Vamos pegá-lo, Akamaru!- exclamou Naruto com um sorriso selvagem e Akamaru passou a correr atrás do ladrão.

(...)

O ladrão corria desviando de algumas pessoas que entravam no caminho, e então virou pra rua ao lado.

- Humpf! Pegar a bolsa daquela coroa foi fácil de mais!- disse sorrindo sarcástico enquanto corria.- Parece que hoje é meu dia de sorte.

- PARADO AÍ TEMEEE!!!- gritou Naruto meio irritado, com Akamaru vindo correndo em velocidade razoável.

As pessoas saíam da frente quase sendo atropeladas pelo grande cão, e o olhavam abismados. O ladrão olhou pra trás enquanto corria vendo estar sendo perseguido.

- Droga!...- reclamou o ladrão pra si mesmo começando a correr mais rápido.

- Humpf! Ladrões nunca param.- raciocinou Naruto enquanto Akamaru perseguia o homem.- Bem, não temos escolha...- disse ficando agachado em cima de Akamaru enquanto tinha a mão em cima da cabeça do mesmo.- Ikusō, Akamaru!!!

Enquanto corriam um círculo mágico azul claro se formou abaixo dos pés do grande cão, e então Naruto saltou de Akamaru formando um redemoinho enquanto o cão formou outro.

- TSUGAAA!!! (Canino Destruidor)- exclamou Naruto, e os Tsugas foram em direção do ladrão que ficou incrédulo ao ver.

Quando os Tsugas estavam próximos, o homem nervoso por estar prestes a ser atingido, acabou dando um passo falso, tropeçou no chão e caiu, sentindo o vento bem próximo dos redemoinhos passando pelo mesmo.

Os dois tornados acabaram por entrar com tudo numa loja de bolos, onde se desfizeram mostrando Naruto e Akamaru voando sem controle na direção das encomendas de bolo.

- Hã?...- se perguntou uma ruiva e arregalou os olhos ao ver uma dupla dando cambalhotas sem parar em sua direção, e então PLOFT!!!

- Itai...- resmungou Erza se sentando com a mão na cabeça.

Ao abrir os olhos Erza viu o ruivo desconhecido com a cara por baixo da sua saia. A mesma com os olhos arregalados começou a sentir seu rosto corar ao extremo, ao ponto de competir com seu cabelo. O Uzumaki começou a se mexer um pouco fazendo Erza ficar com mais vergonha ainda, e tirou seu rosto de entre as pernas da ruiva.

- Tch! Ite...- resmungou Naruto irritado com a mão na cabeça.- Hã?...- se perguntou ao ver a jovem ruiva a sua frente paralisada e vermelha quem nem pimentão.- Ôe! Seu rosto tá vermelho. Está com febre? - perguntou pondo a mão na testa da ruiva.

- PERVERTIDO!!!- gritou Erza dando um soco na cara do Uzumaki que voou contra uma parede.

- PORQUE FEZ ISSO TEMEEE?!!!- gritou Naruto comicamente irritado com uma cruz vermelha pulsante sobre a cabeça.

- E ainda pergunta?!!! Como pode ser tão cara de pau?!!!- perguntava Erza corada com uma mão segurando a barra da saia como se não quisesse que um vento a levantasse, enquanto com a outra apontava pro ruivo que tinha pontos de interrogação sobre a cabeça.- Você invadiu a loja e caiu em cima de mim metendo a cara onde não devia! Sei que muitos homens tem curiosidade sobre meu corpo por causa da armadura, mas receber esse tipo de assédio é inadmissível!!!...

- Au!!!- latiu Akamaru já na porta da loja de bolos e Naruto o olhou entendendo o recado, deixando a ruiva reclamando aos ventos.

- Eu não tenho tempo pra discussões!!!- disse Naruto irritado e saiu correndo, assim o Uzumaki e Akamaru saíram da loja lado a lado, deixando Erza confusa.

-... Que cara estranho...- disse Erza pra si mesma, com os vestígios do rubor.

(...)

- Aquele desgraçado onde foi que ele se meteu?!- se perguntou Naruto irritado correndo pela rua, vasculhando cada canto, até que escutou o som de um apito.

- Parado aí ladrão!!!- exclamou um dois soldados correndo atrás de um cara na rua do outro lado.

Com uma ótima audição, Naruto e Akamaru escutaram e então correram em direção da mesma.

- Você não vai escapar!!!- exclamou outro soldado.

- Isso é o que veremos!!!- exclamou o ladrão correndo enquanto olhava pra trás com um sorriso sarcástico.

- TOMA ESSA FILHO DA PUTA!!!!- gritou Naruto puto dando uma voadora a todo vapor no ladrão que ao se virar assustado levou uma pesada na cara sendo arremessado com tudo pra dentro de uma loja.

O homem bateu com tudo numa parede de dentro da loja de livros, assustando a várias pessoas. O mesmo levantou os olhos meio atordoado e viu um Uzumaki vindo em sua direção feito um touro raivoso.

- QUERO VER FUGIR AGORA LADRÃOZINHO DE MERDA!!!- gritou Naruto furioso correndo em sua direção, passando pelo meio de uma estande de livros.

Infelizmente ou felizmente, uma garota loira com uma pilha de livros surgiu passando em frente a Naruto do nada, não dando tempo para o ruivo brecar. A loira olhou pro lado e então se assustou até que PLOFT!!!

- Itai-tai!...- resmungou Lucy com a mão na testa e uma careta de dor, até que abriu os olhos irritada.- Não olha por onde anda?!- perguntou, mas ficou corada e surpresa logo em seguida.

Lucy estava caída encostada numa estante, com Naruto por cima, com a cara enterrada entre seus grandes seios, e suas pernas entrelaçadas.

- De novo...- resmungou Naruto irritado, retirando a cara entre o par de mamilos, com a mão na nuca, e então percebeu que a loira o olhava muito corada, o mesmo piscou confuso e acabou por focar a visão nos grandes seios da garota.

- Pe-PERVERTIDO!!!- gritou Lucy dando um tapa na cara do ruivo o fazendo bater na estande de livros ao seu lado e então cair alguns livros na cabeça do mesmo, formando um galo latejante.

- Grrhhh... Temeee...- rosnou Naruto putasso da vida com uma sombra nos olhos, tentando se conter na ira, deixando Lucy confusa e assustada.

O ladrão então saiu correndo da livraria chamando a atenção da loira. Assim que o ladrão saiu da livraria passou a correr em desespero mas Akamaru pulou em cima do mesmo o derrubando de costas no chão e ficando com as patas no peito do homem o impossibilitando de se levantar e então se render de vez. O grande cão branco rosnava ameaçadoramente fazendo o cara engolir seco.

- Já chega Akamaru!- disse Naruto andando até ambos com uma sombra nos olhos, e estralando o punho ameaçadoramente.- Esse cara aí... é meu!- falou ao levantar o olhar o mostrando psicopata junto de um sorriso.

(...)

Mirajane estava andando pela cidade calmamente cumprimentando alguns civis que acenavam pra mesma.

- Kyaahhh! É a Mirajane-san!- disse uma garota.

- Ela é tão linda.- disse outra, vendo a albina passar.

Mira sorria gentil para todos que acenava, enquanto passava, até que uma voz chamou sua atenção.

- Pronto! Missão cumprida!- disse um ruivo com um sorrisinho travesso, mas satisfeito, com um cãozinho pequeno sobre sua cabeça.

- Au-Au!- latiu Akamaru feliz, o que acabou por chamar a atenção de Mira e a mesma ficar surpresa por ter um cara amarrado pelado ali, com certeza obra daquele ruivo.

- Agora só falta devolver a bolsa pra aquela senhora, mas vamos deixar esse trabalho pros soldados fazerem.- disse Naruto com um sorriso sarcástico.

- Anō... O que significa isso?...- perguntou Mira.

- Hã?...- se perguntou Naruto confuso ao olha-la.- Como assim? Eu prendi o ladrão ué.- respondeu meio mau humorado.

- Ladrão? Ele só parece um cara que foi espancado por um valentão.- disse Mira inocentemente, deixando o ruivo irritado.

- Mas ele é um ladrão! Eu vi ele roubar a bolsa de uma senhora! Essa bolsa aqui!- disse o Uzumaki mostrando a bolsa pra albina.

- Mas isso é trabalho dos soldados, não de um civil.- disse Mira.

- E quem disse que eu sou civil?- perguntou o Uzumaki mau humorado, deixando a albina confusa, mas então seu pulso foi algemado, e o mesmo ficou sem entender nada.

- Você está preso ladrão!!!- disse o soldado naturalmente.

- Quê?! Como assim?! Ele é que é o ladrão!!!- exclamou o Uzumaki irritado apontando pro cara amarrado.

- E além de tudo espancou um civil... Essas infrações vão te custar pelo menos um ano de cadeia!- disse o soldado, puxando o Uzumaki que reclamava irritado.

- Hum... Será que isso foi culpa minha?...- Mira se perguntou.

--× Começo Da Noite/ Fairy Tail ×--

Makarov estava sentado em sua cadeira vendo uma foto que tinha guardado. Nela estava o próprio Makarov com um grande sorriso, um outro velho bem maior de longos cabelos espetados brancos também com um grande sorriso, e um jovem de cabelos espetados laranjas com uma faixa negra amarrada na testa e um cãozinho branco sobre a cabeça, este tinha um sorrisinho de canto sarcástico.

- *suspiro*...- Makarov soltou o ar de forma pesada e olhou pro relógio vendo o horário.- Parece que aquele moleque não vai aparecer. Humpf! Nada menos esperado de um aluno daquele Baka!...

- Falando sozinho velho?- perguntou alguém seguido por um latido e Makarov no mesmo instante abriu os olhos surpreso, dando de cara com um rosto familiar mas um pouco mais velho, bem próximo com uma expressão curiosa e com um cachorro sobre a cabeça.

-- GAH-HAAAAAHHHH!!!- gritou o velho se afastando quase tendo um Treco e quase caindo da mesa.- COMO?... QUANDO CHEGOU AQUI?!!!- perguntou o velho berrando, ainda comicamente assustado.

- Ah, acabei de entrar pela janela há um minuto atrás.- disse Naruto naturalmente apontando com o dedão pra janela aberta da sala do velho, e Makarov teve uma enorme gota atrás da cabeça.

- Poderia ter entrado pela porta, como alguém civilizado.- alfinetou Makarov ao se recuperar.

- Aí eu teria que passar por toda a guilda. Prefiro saltar logo pra janela, é mais rápido.- afirmou o Uzumaki normalmente.

- E fácil de matar um velho do coração.- disse Makarov com um olhar acusador.

- Bem, mais um pouco e eu conseguia.- disse Naruto com um sorriso travesso, e então o silêncio pairou no ar.

- Gahaha...- riu Makarov de leve.- É bom vê-lo novamente Naruto, e você também Akamaru.

- Au!- latiu Akamaru feliz.

- É bom te ver também, velho.- respondeu Naruto com um pequeno sorriso selvagem.

- O que aconteceu com vocês, pra chegarem aqui a essa hora?- perguntou Makarov curioso.

- Bom, resumindo tudo, a gente pegou um ladrão, mas nós é que acabamos presos.- respondeu Naruto coçando a nuca.

- Nani?!...- perguntou Makarov descrente.

- Pois é! Com sorte uma garota encontrou a vítima do roubo e a levou junto do ladrão lá na cadeia. Isso provou que nós éramos inocentes, e fez com que aqueles soldados Bakas nos soltassem.

- *suspiro* Aqueles soldados não servem pra nada mesmo! Mas pelo menos vocês foram soltos, e estão aqui!- disse Makarov ficando animado, saltando da mesa e andando em direção da porta.

- Velho!...- Naruto confuso, chamou a atenção do mesmo.- É impressão minha ou você diminui mais do que naquela época?- perguntou comicamente confuso, com um ponto de interrogação sobre a cabeça e segurando a ponta do queixo com uma expressão analisadora.

- É CLARO QUE NÃO!!! VOCÊ QUE CRESCEU MAIS SEU BAKA!!!- gritou o velho irritado.

- QUEM VOCÊ TÁ CHAMANDO DE BAKA?! VELHO NANICO!!!- rebateu Naruto também irritado.

- EU TE CHAMO COMO EU QUISER, TOCHA HUMANA!!!- gritou Makarov.

- TOCHA HUMANA É O CARALHO!!! ANÃOZINHO!!!- gritou Naruto mais irritado, e continuaram a discutir.

(...)

No andar de baixo da guilda Fairy Tail, como sempre, o pau comia solto. Brigas pra todo lado, Cana bebia suas cachaças de barril, Levy estava sentada ao lado, Lucy ao lado da azulada e Erza ao lado da loira, enquanto Mira as servia.

- Eles nunca tomam jeito.- disse Erza observando a briga.

- O QUE DISSE PICOLÉ NUDISTA?!- exclamou Natsu irritado.

-É ISSO QUE OUVIU CHURRASQUEIRA AMBULANTE!!!- respondeu Gray irritado só de cueca box azul escuro, e ambos colaram suas cabeças uma na outra emanando suas auras quente e gelada.

- LUTAR É COISA DE HOMEM!!!- se pronunciou Elfman, batendo a cabeça de dois uma na outra.

- Aff! Não dá nem pra beber com toda essa confusão.- comentou Cana olhando entediada pra zona.

- O pior é que todo dia é assim...- comentou Levy.

- Pior seria se eles fossem pervertido.- disse Lucy deixando as outras confusas.

- Como assim?- perguntou Mira confusa.

- Bem... É que hoje mais cedo, eu acabei esbarrando com um pervertido.- respondeu Lucy.

- Ah! Que coincidência, eu também.- disse Erza deixando as outras surpresas, e então a mesma ficou corada.- Ele praticamente invadiu a loja de bolos e caiu em cima de mim, com a cara no lugar mais imoral possível.- falou juntando ainda mais as pernas enquanto desviava o olhar.

- Comigo aconteceu a mesma coisa, mas ele afundou a cara nos meus seios e depois ainda encarou eles.- disse Lucy se auto abraçando por baixo dos seios os dando um volume a mais, enquanto desviava o olhar corada.

- Um pervertido a solta na cidade?...- perguntou Mira preocupada.

- Vamos ter que tomar cuidado, vai que ele resolve tirar a virgindade de todas as garotas.- brincou Cana com um pequeno sorriso, e Mira sorriu enquanto as outras estavam envergonhadas.

- ATENÇÃO SEUS PASPALHOS!!!- gritou Makarov do andar de cima na visão de todos, fazendo todos os magos pararem no mesmo instante e o observarem.- QUERO QUE DEÊM BOAS VINDAS AOS NOVOS MEMBROS DA GUILDA, UZUMAKI NARUTO E AKAMARU!!!

O velho tinha ao lado um jovem com um cãozinho sobre a cabeça, o mesmo tinha um olhar neutro e despreocupado.

- RÁÁÁHHHH???!!!... O-O pervertido?!...- gritaram Lucy e Erza comicamente incrédulas.

- O QUE ESTÃO ESPERANDO BANDO DE BAKAS???!!! É FESTAAAA!!!!- gritou Makarov animado levantando a mão com o símbolo da guilda.

- WOOOAAAAHHHH!!!- gritaram todos o membros animados.

          Continua...


Notas Finais


O que acharam? O que preciso melhorar?

Obrigado pela leitura, e até o próximo cap.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...