História Um inesperado anjo - Segunda temporada - Capítulo 30


Escrita por: ~

Postado
Categorias Luan Santana
Personagens Luan Santana, Personagens Originais
Tags Luan Santana, Romance, Traição
Visualizações 64
Palavras 514
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 30 - Paradise's vision


Fanfic / Fanfiction Um inesperado anjo - Segunda temporada - Capítulo 30 - Paradise's vision

  P.O.V. Luan

 

  Acordei sem sentir Ana do meu lado. Abri os olhos e sorri, ao ter a verdadeira visão do paraíso: Ana completamente nua, abaixada, fuçando algo em uma das gavetas. Encontrou um sutiã preto e sorriu vitoriosa, deu mais alguma procurada e achou uma calcinha de mesma cor... Preto não Ana, aí você me tortura.  Quando ia vesti-los, me atrevi a falar.

- Põe não! – ataquei – Está ótimo assim! – minha voz saiu rouca, devido ao recente despertar. Minha mulher me olhou assustada e escondeu o corpo com a palma das mãos.

- LUAN! – me repreendeu e eu gargalhei.

- Não há nada que eu não tenha visto aí, meu bem – ela olhou-me ruborizada e balançou a cabeça, afastando os pensamentos.

- Cala a boca e me ajuda a atacar esse sutiã!.

- Opa! Pode deixar. -  me aproximei de suas cortas nuas.

 Senti seu arrepio por meus dedos quentes entrarem em contato com sua pele fria. Logo que prendi o sutiã, beijei sua nuca lentamente e agarrei sua cintura.

- Eu troco minha paz por um beijo seu, eu troco meu destino pra viver o seu. Eu troco minha cama pra dormir na sua, eu troco mil estrelas pra te dar a lua... E tudo que você quiser, e se você quiser, te dou meu sobrenome... – cantarolei e pude ver ela sorrindo.

- Eu já tenho seu sobrenome... – virou-se e passou os braços por minha nuca.

- Essa música eu fiz pra você, sabia? – beijei seu nariz, depois sua bochecha direita, depois a esquerda. Ela riu pelo nariz e eu finalmente encaixei nossos lábios – Eu te amo.

- E eu te amo! Amo infinito... – sorriu e me abraçou forte -  Que saudades que eu estava do seu abraço pela manhã... – disse-me – Mesmo me fazendo de difícil, eu sempre queria estar com você. Eu esperava pra ter você assim, juntinho de mim.

- Também estava meu amor! – sorri e  minha barriga roncou – Entretanto, eu estou morrendo de fome, então... Vamos descer? – ela gargalhou e eu acabei me contagiando. – O que foi? É verdade!

- Você não muda nunca, né? Meu Deus amor, você estragou momento fofinho! – se fez de brava depois riu – Só vou colocar um shorts, aí descemos.

  Nos separamos e eu coloquei minha calça que estava no chão. Preciso trazer minhas roupas de volta, logo! Espera, Ana me aceitou de volta em casa também?

- Amor? – a chamei e ela me olhou – Estou de volta em casa? – cocei a nuca.

- Claro que sim! – deu de ombros – Se você quiser...

- E o ‘’Vamos com calma’’? – ri e ela me acompanhou.

- Lembra do ‘’Vamos viver o hoje’’? – caminhou até mim já vestida e sorriu mordendo os lábios – Que vontade de não sair desse quarto nunca mais!

- Então não sai! – dei de ombros e a coloquei de pernas entrelaçadas na minha cintura. Apoiando minhas mãos em sua bunda.

- Tira a mão daí! – apertou os olhos depois riu – Você anda mais assanhadinho que o normal desde ontem Senhor Santana.

- São seus efeitos, Senhora Santana! – selei nossos lábios – Eu te amo.


Notas Finais


Já terminei de escrever o cap. 42 kkkkkkkkkkk Vocês não perdem por esperar... Menos a ~hjjnnn que já sabe por cauda dos spoilers kkkkkkk Amo vxs!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...