História Um Intercâmbio Nada Convencional - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Bangtan Boys (BTS)
Visualizações 30
Palavras 1.117
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, Lemon, Literatura Feminina, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


~ Espero que gostem, vamos tentar atualizar mas uma vez durante a semana.
Tenha uma boa leitura 💜

Capítulo 9 - Nem um pouco direto


Fanfic / Fanfiction Um Intercâmbio Nada Convencional - Capítulo 9 - Nem um pouco direto

Maya On:

"Droga de estante, droga de livros que estão tão alto."

MY- Aaah livros desçam. Falo arrastando a escada até a estante.

Bibliotecária- SILÊNCIO!!

MY- Sim, senhora. Faço continência para mulher, pela sua cara ela parecia realmente uma militar.

MY- Mas por que tão alto? Eu resmungava enquanto subia na escada com a intenção de pegar o livro. - O que… Comecei a ler a sinopse de outro livro, o qual estava ao lado do que eu planejava pegar antes, distraída? Nem um pouco…

Jungkook On:

Só quando cheguei na biblioteca que comecei a me perguntar o que eu realmente estava fazendo alí… eu estava alí só porquê o Taehyung tinha mandado? Ou por que eu queria estar alí… " É claro que estou aqui por escolha própria. " Pensei enquanto andava em meio aquelas várias estantes. " Taehyung não manda em mim. Eu vim pois preciso pegar um livro… é exatamente por…" Antes que eu pudesse concluir meus pensamentos me de paro com aquela baixinha fofinha de antes lendo um livro em cima de uma escada. "Quem sabe eu devesse dar um Oi? Não, não, não péssima ideia Jungkook, péssima ideia." Já estava dando meia volta… " Vai ser só um Oi Jungkook! Só um Oi, que mal tem em dizer Oi? Vai logo. " - Aish… Eu estava tendo uma briga interna comigo mesmo.

JK- Oi eu… te vi mais cedo e resolvi dar um Oi… Talvez eu tivesse falado baixo demais porquê ela nem sequer me olhou. - É… Pigarreei

" Não seja tão tímido Jungkook." Lembrei do que Taehyung sempre me dizia. - Oi Maya. Certo, agora, talvez eu tenha me emplogado ou a menina estava muito distraída no livro e quase teve um ataque cardíaco com o meu "Oi", porque assim que falei ela deu um pulo, quase desiquilibrou e caiu, por sorte ela era mais rápida do que eu e se apoiou no meu ombro, porque se dependesse de mim ela teria caído. Espera… ela tinha se apoiado em mim? Ela estava com a mão no meu ombro!?

Maya On:

" Quem foi o desgraçado que ousou me assustar desse jeito, eu vou…" Olhei para baixo prestes a começar a xingar, no entanto, parei imediatamente quando olhei para criatura vermelha igual a um tomate na qual eu estava me apoiando.

??- Desculpa, desculpa, não foi minha intenção te assustar. Ele era tão lindo, ainda mais todo vermelhinho de vergonha, era a coisa mais fofa.

MY- Tudo bem. Sorrio. Sem tirar a mão do ombro dele desci da escada cuidadosamente. Ficando frente a frente com ele, só então percebendo o quão alto ele era, já que eu ficava mais ou menos na altura de seu peito.

??- Sério, desculpa, não foi minha intenção, desculpa. Falou repentinas vezes enquanto se curvava, lentamente começou a se afastar, ainda pedindo desculpas. Assim que ele se virou para sair da biblioteca, segurei seu braço o fazendo parar.

MY- Já disse que está tudo bem. Sorrio. - Sou Maya. Falo com a mão estendida na direção dele. E você é o…?

JK- S-sou Jungkook. Ainda vermelho aperta minha mão enquanto me oferece um sorriso, um sorriso de coelhinho.

MY- Então coelhinho, que tal você fazer um tour pela faculdade comigo? Assim podemos nos conhecer melhor. Imagino que a general ali não vai permitir conversa aqui. Falo sorrindo como uma criança que acaba de aprontar.

JK- Não sei se eu seria uma boa companhia.…

MY- Nunca vamos saber se não tentar né? Antes que ele pudesse reagir puxo ele até a bibliotecária, para registrar o livro que eu peguei, e depois irmos conhecer a faculdade.

MY- Então onde você vai me levar? Temos poucos minutos, mas acho que dá para conhecer algo ou alguém.

JK- A-acho que posso mostrar as salas de prática que tem nesse prédio. Ele era tão fofinho.

MY- OK!!!! Saio pulando, mas logo paro bruscamente quando lembro que não sei para que lado ir. - Qual é o lado que vamos mesmo?

JK- Me siga. Ele parecia estar se soltando aos poucos.

Daniella On:

TH- Bom… enfim, você já sabe que eu sou Kim Taehyung e eu já sei que você é a Daniella, então vamos falar de outra coisa…

DN- Que tipo de coisa?

TH- Sei lá… qualquer coisa.

DN- Hum… Fico pensando no que falar enquanto tomo um gole de suco. Por que ele parecia tão interessado? Eu havia acabado de chegar…

TH- Quer sair comigo? Falou repentinamente me fazendo me afogar com o suco.

DN- O quê? Perguntei ainda tossindo. - Eu mal te conheço.

TH- Eu sei, bem por isso, podemos sair para algum lugar para se conhecer melhor. Deu um sorriso, seu sorriso era diferente, como posso explicar… era um sorriso quadrado que dava um charme para ele, tão lindo.

DN- Mas…

TH- Eu não aceito não como resposta. Fez um bico e cruzou os braços.

DN- Tá mas por quê?

TH- Por que o quê?

DN- Por que eu?

TH- Por que você?

DN- É, por que eu?

TH Por que você o quê?

DN- Por que você quer sair comigo e não com outra garota dessa faculdade? Eu acabei de chegar, não conheço ninguém, sou estrangeira, não tenho nada demais…. Acompanhei a risada que ele deu logo que terminei de falar.

TH- Nada demais? Você está de brincadeira né?

DN- N- não… como assim?

TH- Praticamente todos os cara da sala queriam ter tido coragem de vir falar como você…

DN- Mas...

TH- Sem perguntar o porquê de novo, você é super gata, tipo você é linda para caramba, e parece ser uma pessoa muito inteligente para ter aprendido coreano e conseguido uma bolsa em umas da melhores faculdades de Seul, sem contar que sua personalidade parece ser incrível, por isso quero te conhecer… Fiquei o encarando enquanto processava, ele realmente era direto, será que eu tinha mesmo ouvido aquilo no meu primeiro dia de faculdade? Sem reação eu abri e fechei a boca várias vezes.

TH- Amanhã depois da aula. Levantou e foi em direção a sala de aula enquanto eu fiquei parada ainda raciocinando o que havia acontecido.

DN- Ei! Fui atrás dele. - Espera… !

TH- Não pode mudar de ideia. Parou e se virou fazendo com que eu quase me chocase contra.

DN- Eu não vou mudar de ideia.

TH- Ah que bom. Então o que é?

DN- É que eu trabalho depois da aula…

TH- Entendi. Ficou pensativo. - Então no fim de semana?

DN- O- Ok.

TH- Vamos conversando. Fingiu estar digitando para que eu entendesse que ele iria me mandar mensagem.

DN- Certo… Me lançou um sorriso, antes de entrar na sala.

  Eu mal havia chego na Coréia e já conhecia dois homens lindos, "o que vai ser de mim?" Pensei enquanto me sentava e terminava de comer.


Notas Finais


# Maya adora pedir para que mostrem os lugares para ela. 😜 # Coelhinho. # TaeTae totalmente direto. # O que vai ser dessas duas loucas?
Espero que tenham gostado 💜❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...