História Um jogo sem regras-AADP - Capítulo 46


Escrita por:

Postado
Categorias As Aventuras de Poliana
Personagens Luisa D'Ávila, Otto Monteiro Pendleton (Sr. Pendleton), Poliana D'Ávila Andrade
Tags Androide, Ester, Jogo, Luisa, Pendlenton, Poliana
Visualizações 16
Palavras 752
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Policial, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Depois de muitos dias sem postar aqui está mais um capítulo.


♦Mais informações nas notas finais♦

Capítulo 46 - Capítulo 46- Ela perdoa.


Marcelo falou com um amigo advogado com isso entrou na justiça e conseguiu uma ação que proibia o Pendlenton de se aproximar da Poliana,Poliana passou mais um tempo no hospital mas quando recebeu alta e foi até a 242 para pegar as suas coisas a partir daquele momento ela não moraria mais lá,Dúrval,Marcelo e João a acompanharam até lá.

Poliana lançou um olhar cheio de tristeza para o Otto e aquilo fez com que ele se sentisse o pior homem do mundo,um monstro.

-por quê você fez isso? por quê mentiu pra mim?...eu gostava de você...na verdade talvez eu ainda goste mas... ~~(Poliana diz mas é interrompida pelas lágrimas que caem do seu rosto)~~

-se ainda gosta de mim não me deixe Poliana,eu queria que você fosse a minha filha de verdade...Poliana você sempre insistiu em dizer que todas as pessoas merecem uma segunda chance,será que eu não merece uma segunda chance? ~~(pergunta Otto a olhando nos olhos)~~


Poliana chora ao ouvir aquilo,uma parte dela queria correr para o abraçar e conviver com o homem no qual ela já tinha aceitado como pai,uma parte queria demonstrar perdão,mas outra parte estava ferida,o coração doia sempre que ela confiava em alguém a mesma saia machucada e o que mais a magoava não era se machucar,era machucar aqueles que a amavam por causa das mentiras a Luísa havia ido embora da vida dela,por causa do Otto por mais que tivesse boas intenções não media esforços para conseguir o que queria,ele pisava nos sentimentos dos outros e mesmo que quisesse ser um bom pai para a Poliana ainda sim a fazia sofrer,aquela rivalidade com a Luísa era como um jogo,um jogo sem regras e Poliana era tratada como um objeto no meio de tantas mentiras,rancor e hipocrisia.

-terá eu cometido um pecado tão grande a ponto de não ter mais o perdão de um anjo? ~~(perguntou Pendlenton olhando para a Poliana)~~


Poliana fica muito mal e está disposta a o perdoar mas o Marcelo intervém.

-você é muito sem escrúpulos mesmo depois de encher a cabeça da menina com mentiras ainda vem ser falso e apela para o emocional já que sabe que a Poliana não guarda rancor...se aproveitar da inocência da menina você vai longe demais mesmo ~~(diz Marcelo)~~

-João,ajuda a Poliana a organizar as coisas dela ~~(diz Durval)~~


João ajuda a Poliana a arrumar as malas,Poliana arruma as malas triste já que aquela mansão fez parte da vida dela por três anos,Poliana se despede da Ester com lágrimas nos olhos mas promete que não vai perder o contato,Marcelo e Durval conversavam com o Otto.

-agora você está pagando por tudo o que você nos fez ~~(diz Durval)~~

-pois todos colhem aquilo que plantam ~~(diz Marcelo)~~

Antes de sair de vez da mansão Poliana abraçou o Otto e disse algo.

-que o senhor pense bem antes de fazer alguma coisa,talvez a sua intenção seja boa mas não justifica pisar nos sentimentos das pessoas,o senhor é racional e sabe que isso é verdade os fins não devem justificar os meios,eu não vou perguntar quais os motivos do senhor ter mentido para mim...mas quero que o senhor reflita bem e veja se a mentira e a falsidade são o melhor caminho...lembre-se que o melhor caminho é o amor,a confiança e a paciência...fique bem ~~(diz Poliana o abraçando)~~

Poliana vai embora e Otto sentiu o seu mundo que era por causa da Poliana colorido perder a cor,com a saída dela daquela mansão o mundo dele voltou a ser escuro e sombrio,cheios de mágoas e culpas.



(Por Otto)

A minha ruína maior pior do que perder a 0110 foi ver a Poliana sair daqui e ter descoberto a minha mentira daquela maneira,mas o Durval e o Marcelo tinham que estragar tudo não queria que o Marcelo estivesse sempre no meu caminho,eu estava muito interessado na Luísa e queria que de fato eu,ela e a Poliana juntamente com a Ester fossemos uma família e lutei pra isso mesmo que de uma maneira errada,mas perdi tudo...perdi todas elas...elas que na verdade nunca foram minhas...perdi a filha e a esposa que eu sempre almejei em ter,perdi a empresa que estava na minha família por gerações...eu não sei ao certo quando tudo começou a desmoronar mas eu estou no fundo do posso.

-Otto,eu tenho uma notícia para você...você vai conseguir a sua empresa de volta ~~(eu estava devastado e preso a diversos pensamentos de culpa quando o Matias trajado em paletó surgiu na minha frente com uma pilha de papéis)~~



CONTINUA...


Notas Finais


Olá pessoal a quanto tempo,eu passei uns dias sem postar pois eu estava muito atarefada e o pouco tempo que eu tinha eu estava atualizando outra fanfic sobre Disney-Bia,agora eu vou poder atualizar ambas as fanfics normalmente,agradeço a paciência,compreensão e por acompanharem a fanfic. 😄
ainda vem muito drama e revelações pela frente e novamente digo não se apeguem aos casais 😉😆


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...