História Um Lugar Onde Eu Não Exista - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Originais, Romance
Visualizações 6
Palavras 277
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Luta, Magia, Mistério, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


OK. Esta é a minha primeira história significante então é possível que tenha alguns erros e pontas soltas mas vamos lá!

Capítulo 1 - Prólogo : Evelyn Scycero


Fanfic / Fanfiction Um Lugar Onde Eu Não Exista - Capítulo 1 - Prólogo : Evelyn Scycero

                              I

Evelyn balançava seus pés para frente e para trás na sala de espera. Não havia nada de importante ali, ela olhava para baixo encarando uma pequena largata que passava.O sentimento de pisar no minúsculo inseto crescia desde que percebera que o mesmo estava andando em círculos.

-Vá para sua casa, inseto.

Sua "diversão" foi interrompida quando o nome da garota foi chamado.A mulher que trabalhava no local era loira e jovem.Seus cabelos estavam soltos  como sempre, o batom em seus lábios era quase nulo e suas roupas estavam amassadas.

-Senhorita Scycero?O diretor quer falar com você.

Evelyn se levantou calmamente do banco e foi com um ar ignorante para a sala atrás da mulher.Não era a primeira vez que estava ali.

                             II

Evelyn comia o mingau que sua avó preparou.Ele estava frio já que a garota passou boa parte da refeição encarando o prato e brincando com o que havia nele. O relógio fazia um irritante barulho mas preenchia o silêncio do lugar.Enquanto saboreava o mingau, ela passava os olhos correndo pelos quadros na  parede : fotografias dela e de sua mãe.Já fazia 5 meses desde a morte de Elana Scycero e ela ainda não conseguia engolir aquilo.Seu pai a havia deixado e agora sua mãe também mas de um jeito diferente.

A escola havia ficado mais difícil.Eram poucos os dias em que Evelyn voltava sem marcas, arranhões e roxos em seu corpo e quando isso acontecia ela chegava em sua casa coberta de ovos crus e farinha.

Ela só queria desaparecer.

                       III

Evelyn se perguntava como aquilo havia acontecido.Sua testemunha olhava para a mesma coisa que ela.Para o corpo jogado no chão.Não era uma fantasia ou sonho.Ela havia matado alguém e não sabia como.





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...