História Um lugar que fosse meu - Capítulo 3


Escrita por: e Devilish-Satan

Postado
Categorias Mogeko Castle, The Gray Garden, Wadanohara and The Great Blue Sea
Personagens Alela Grora, Aom, Arbus, Ater, Chelan, Cherryblod, Chlomaki, Dialo, Doloz, Dolph, Emalf, Etihw, Froze, Fukami, Greif, Helica, Hofuru, Idate, Ivlis, Kcalb, Kurotsuno, Lobco, Lowrie, Macarona, Meikai, Memoca, Met, Mogeko, Moge-ko, Old, Personagens Originais, Poemi, Princess Tosatsu, Princess Uomi, Pulmo, Raspbel Preserves, Rawberry Preserves, Reficul, Rieta, Sal, Samekichi, Sheep, Stella, Tarako, Tatsumiya, Tsuribari, Vendetto, Wadanohara, Wodahs, Yonaka Kurai, Yosafire
Tags Comedia, Deep-sea Prisoner, Drama, Eticalb, Etihw X Kcalb, Friendzone, Funamusea, Grodahs, Grora X Wodahs, Guerra, Lobco X Aom, Lobcom, Memoca X Dolphi, Memolphi, Mogeko, Okegom, Pullica, Pulmo X Helica, Romance, Samewadda, Tatsudate, Tatsumiya X Idate, Wadanohara X Samekichi, Yoge-ko, Yonaka X Moge-ko, Yosafire X Froze, Yosafroze
Visualizações 125
Palavras 1.572
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, FemmeSlash, Festa, Fluffy, LGBT, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oie dnv <3 Ta aí o 3 cap, espero que gostem ^^

Capítulo 3 - Um pouco do passado


Fanfic / Fanfiction Um lugar que fosse meu - Capítulo 3 - Um pouco do passado

POV Wadanohara

- É que é aniversário do Samekichi e eu queria fazer algo especial pra ele.

Princesa Uomi:... Ok

Mulher de poucas palavras.

Jiiya: Não há problema algum, estamos precisando mesmo nos animar, além disso, ele merece. Podem usar o palácio e convidar todos do reino.

Pulmo: Uma festa, que ótima idéia!

Tatsumiya: Concordo. Samekichi merece, ele nos salvou.

Helica: Sei não. Não confio muito em humanos.

Lollie: É... nem eu, hehe.

- Realmente agradeço muito, princesa! É só isso mesmo, estamos indo, tchau! Depois volto pra ajudar a preparar a festa.

Tatsumiya e Pulmo vieram em minha direção e me deram um abraço apertado.

Tatsumiya: Tchau querida, se cuide!

Pulmo: Até mais, Wadda!

Saímos do palácio e caminhamos de volta pra casa.

 

POV Fukami

Que tédio... Talvez eu deva andar um pouco por aí ao invés de ficar aqui o tempo todo.  Desço do barco e vejo Samekichi saindo pra algum lugar, eu só olho em silêncio e entro no mar. Acho que vou é pra casa, não posso ficar fugindo da Wadda só porque ele voltou. Isso seria muito infantil... ficar aqui sozinho também é meio deprimente. 

Mas meio que é inevitável... todos tem uma companhia melhor que a minha agora.

 

POV Samekichi

Eu estava sentado na mesma pedra de sempre pensando. Gosto desse lugar, foi aqui que eu reencontrei a Wadda. Realmente uma boa lembrança, e também tem uma boa paisagem.

Escuto um barulho, acompanhado de um cheiro forte, parecendo de cigarro e me viro pra olhar, me deparando com uma figura familiar.

- O que faz aqui?

Idate: Só dando um passeio, hehe. Gosto desse lugar.

É, acho que é a única coisa que temos em comum.

Idate: Não se preocupe, não vou brincar com você dessa vez, acho bruxa não ia gostar e a mãe dela também não. Não que eu me importe, só não quero um bando de idiotas correndo atrás de mim.

- Mãe? Wadanohara não...

Idate: Pensei que aquela moça fosse mãe dela.

- Fala da senhora Tatsumiya?

Idate: A moça que salvei de Old. Não é do meu estilo salvar donzelas, mas aquela era bonitinha.

- Bem... Wadda só foi criada por ela.

Idate: Hm, Ok. Então, o que você faz aqui a essa hora? É perigoso pra peixinhos como você.

- Peixinho? ‘-_-

Ele acende outro cigarro.

Idate: Ah, sobre o que pensava com aquela cara boba?

Sinto o meu rosto avermelhar um pouco.

- Não preciso responder.

Idate: Aposto que era na bruxinha, hehe.

- Não! Estava pensando em...

Idate: Você mente muito mal, peixinho. Bem, vou indo por aí.

Esse cara... ‘-_-

Melhor eu ir agora, já demorei muito aqui, Wadda pode ficar procupada.

 

POV Memoca

- Aaah, esse jogo ta começando a enjoar! Vamos jogar outra coisa.

Dolphi: Tipo o que?

- Sei lá, to sem ideias...

Uma coisa passa pela minha mente me dando um brilho nos olhos.

- Já sei! Verdade ou desafio >:3

Dolphi: Mas da ultima vez não deu muito certo...

- Juro que vou pegar leve com os desafios dessa vez >:3

Dolphi: Acho melhor não...

- Ah você vai sim, se não...

Dolphi: ... o-o que? 

- Vai receber meu pior ataque!

Começo a fazer cócegas na barriga dela, ela cai no chão, mas eu continuo em cima dela fazendo cócegas.

Dolphi: N- Hhahaa! Não! Para! Hahaha!

Ela continua rindo sem parar até que alguém abre a porta. É Wadda com a garota humana.

 

POV Fukami

Eu vejo Wadda entrando com a humana. Ela parece despreocupada agora, totalmente diferente de quando acordou. Estranha...

Quando chego escuto a voz dela, então, espero um pouco antes de entrar e fico ouvindo.

Wadanohara: Tenho duas boas notícias. A princesa disse que Lollie pode ficar aqui com a gente.

Memoca: Wow, agora vamos ter mais uma garota aqui, legal. E aí humana! 

Lollie: E aí.

Dolphi: Oi.

Wadanohara: A outra boa notícia é que o aniversário do Samekichi vai ser no palácio.

Memoca: Shark boy vai fazer aniversário? Dessa eu não sabia.

Dolphi: Festa ^^

Wadanohara: Temos que chamar todo mundo. Tem que ser a melhor festa!

Memoca: Consideração hein *sorriso malicioso*

Wadanohara: Claro! Afinal ele é nosso herói!

Memoca: Hehe, to sabendo.

Seu herói, huh?...

Samekichi: O que ta fazendo?

Eu me assusto um pouco ouvindo a voz dele atrás de mim de repente e me viro.

- Nada.

Finalmente abro a porta e nós entramos.

Wadanohara: Ah , oi Samekichi! Oi Fukami! Por que demoraram tanto? Estava ficando preocupada.

Samekichi: Tinha me distraído.

-...

Wadanohara: Bem, consegui convencer a princesa a deixar Lollie aqui.

Samekichi: Ah, bom...

Wadanohara: E seu aniversário vai ser no palácio!

Samekichi: O que?!

Wadanohara: E vamos convidar todo o reino.

Samekichi: M-mas...

Wadanahora: Não se preocupe eu cuido de tudo ^^

Ele solta um longo suspiro, como se aceitando e depois sorri.

Samekichi: Tudo bem.

Memoca forma um sorriso cheio de malícia nos lábios enquanto Dolphi, eu e a humana olhamos em silêncio.

Lollie:... Foi mal, mas... Vocês... vão ficar se olhando até quando...?

Wadanohara: Ah é! Jantar! Já volto... Querem me ajudar meninas?

Memoca: Claro.

Dolphi: Sim ^^

 

POV Lollie

Eu fiquei sentada na sala com o garoto tubarão e o garoto polvo num silêncio bem constrangedor. Eles nem sequer faziam contato visual um com o outro... Em toda a minha vida nunca pensei que estaria numa situação assim.

Sério mundo? O que vai mandar pra mim agora?

Vamos lá, Lollie! pensa numa pergunta...

- Éee... esses tentáculos não te incomodam quando você dorme?

O garoto polvo me olha com uma cara de “é sério isso?”

Ok perfeito Lollie, conseguiu deixar o clima mais constrangedor.

Fukami: Não.

- Ah...Curto e grosso, gostei de você cara.

Falei tentando descontrair, mas fracassei miseravelmente.

Samekichi:...

Depois dessa tentativa desastrosa de interagir socialmente com esses doidos eu fui pra cozinha deixando eles sozinhos.

Wadanohara: Oi, Lollie quer nos ajudar?

- Bem... acho que vocês não vão querer uma desastrada como eu pra isso... Posso fazer uma pergunta?

Wadanohara: Claro.

- Quem trocou minhas roupas?

Wadanohara: Fui eu.

- Aah.

Pelo menos fico um pouco aliviada de ter sido ela.

Memoca: Fica tranquila, Wadda é inocente, hehe, Ah é, você nem falou a história toda.

- História?

Memoca: Você sabe, de como você veio parar aqui.

- Bem...

Wadanohara: Não precisa contar se não quiser, mas saiba que somos amigas, então se quiser desabafar...

Memoca: É, estamos entre garotas, nada vai sair daqui é sério.

Terapia animal. Recomendada por dez a sete psicopatas. Ops, psicólogos.

 

POV Fukami

Não aguento mais ficar aqui, esse silêncio ta cada vez mais desconfortável. Eu caminho até a cozinha, mas escuto um barulho de conversa e mais uma vez não entro por medo de atrapalhar. Achei melhor não atrapalhar o "momento garotas" e esperar elas terminarem de falar.

Samekichi: Você tem um hobby por espionagem?

Denovo eu me assusto com ele.

Fukami: Não, só não quero atrapalhar.

Ficamos parados na porta.

Lollie: Tudo bem... Eu vivia em um orfanato. Ninguém nunca gostou muito de mim lá, falavam que eu era desastrada demais e só fazia besteira, o que na real não é bem mentira... Mas resumiram, umas garotas escrotas armaram pra que eu fosse embora de lá.

Memoca: Que horror! Dava na cara delas!

Dolphi: Memoca!

Wadanohara: Como elas fizeram isso?

Lollie: Me acusaram de quase matar alguém.

Wadanohara: Nossa...

Lollie: Elas me chamaram pra ir encontrar com elas e eu idiota acreditei, quando eu cheguei vi uma garota toda machucada e desmaiada no chão. No momento que eu ia ajudar uma das freiras vieram e aparentemente tinham me pego no flagra. Com certeza seria punida ou até expulsa de lá, já era a terceira vez na semana que alguma confusão envolvia meu nome ali. Eu não pensei, eu só corri... Mas nem sabia pra onde ir, acabei numa praia e o resto já sabem.

Wadanohara: Mas não tinha nenhum amigo pra pedir ajuda?

Lollie: Eu nunca tive amigos nesse inferno de orfanato. Eu tinha uma amiga na escola, mas ela sumiu faz muito tempo.

Memoca: Sumiu? Como assim?

Lollie: Não sei... Tava tudo normal, um dia ela só sumiu. Ainda me lembro um pouco... Ela tava bem animada porque ia ver o irmão dela, mas depois daquele dia ela nunca mais apareceu... E nem é só isso...

Wadanoha: O que mais aconteceu?

Lollie: Bem... depois de um tempo os policiais descobriram uma coisa horrível.

Memoca: Oque?

Olhei pra elas um pouco relutante em tocar naquele assunto.

Lollie: Tem certeza que querem saber?

Wadanohara: Diga...

Lollie: Os corpos do irmão e os pais dela espalhados pela casa... Quanto a ela, ninguém sabe o que aconteceu.

Memoca: Nossa!

Wadanohara: Que horrível...

Dolphi: C-corpos...

Wadanohara: Deve ter sido horrível pra você...

Lollie: E foi.

Wadanohara: Bem, vamos te ajudar a superar isso!

Memoca: Isso aí.

Dolphi: ^^

Lollie: Obrigada, até que vocês são bem legais.

Memoca: Awn que isso, hehe.

Wadanohara: Não tem de que ^^

Dolphi: Amiga ^^

 

Enquanto isso em outro lugar...

 

Garota 1: Oláaaa, meu prociutuzinho <3 Do que vamos brincar hoje? <3

Garota 2: *suspiro* Eu mereço... Como deixaram ela escapar?!

???- Me desculpe, Vossa Santidade, foi tudo culpa do moge-tan!

???- É mentira, Majestade, não foi culpa minha! É culpa do moge-tan!

Garota 2: Calados! *suspiro* Vocês são tão inúteis.

Garota 1: Quer que me livre deles pra você? <3

Garota 2: Tanto faz, faça o que quiser.

Garota 1: Hihihi <3

*Gritos ecoando*

 

Continua...

 


Notas Finais


Quem manja da história sabe quem são :3
Bem, foi isso. Até o próximo! Bj bye :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...