História Um Momento Pode Mudar Tudo - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Ação, Colegial, Drama, Romance, Suspense
Visualizações 9
Palavras 428
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Ahn, voltei ksks

[📖]Boa Leitura

Capítulo 4 - ELE ESTA VIVO?


Eu não sabia o que dizer, tentei formular umas 3 frases, mas minha voz simplesmente não saia, ouvir aquela voz fez com que eu não soubesse como agir, era como se ele estivesse do meu lado novamente.

-Alice? Ta Aí!?- eu queria falar que não estava, queria cavar um buraco e simplesmente sumir.

-O...o...oi Arthur?- eu perguntei, ainda não acreditava que podia ser ele

-Eu mesmo, até que você tá boa de memória Alice- ele falou dando uma pequena risada.

Aquela voz ainda me afetava com tanta facilidade, e ele ainda conseguia fazer com que cada pelo do meu corpo se arrepiasse- O que tu quer Arthur? Afinal até onde eu me lembre ligação não era uma coisa que tu fazia frequentemente.

-pelo visto o senso de humor tá o mesmo.

-Certas coisas nunca mudam, não é mesmo- Aquela conversa estava começando a me incomodar- Da para me falar logo o que tu quer?

-Apressadinha você não!?- Eu estava pronta para desligar aquele celular e acabar de uma vez com isso- não desliga, pelo amor de Deus

- Arthur escuta aqui, até antes dessa ligação eu achava que você estava morto- na verdade eu ainda acho, isso só pode ser um trote, não é possível, eu vi ele morrendo.

-Você não vai me matar tão fácil Alice, pode até tentar mais não vai conseguir

Eu não sabia o que dizer, as minha mãos ainda estavam trêmulas, eu não conseguia fazer nada, só de lembrar todo aquele sangue no chão, os seus gritos, aquilo ainda me atormentava toda noite, eu não podia continuar com aquela conversa, afastei o telefone do meu ouvido o desligando logo em seguida, lágrimas começaram a escorrer pelo meu rosto, não era possível que ele estivesse vivo, eu vi ele morto, eu tenho ou melhor eu tinha certeza de ter visto.

Fiquei um bom tempo em choque, sem me mexer, virei minha cabeça devagar procurando o meu celular que eu tinha solto no chão o liguei logo em seguida vendo que já eram 18h e 30min-a legal além de tudo ele quase me atrasou para a minha faculdade- falei sozinha me levantando.

Me arrumei rápido peguei minhas coisas e fui em direção a porta, já chamando um uber que não demorou muito para chegar.

            Cheguei na faculdade indo rápido em direção a sala onde por sorte o professor ainda não estava, a aula passou se arrastando, eu não conseguia prestar atenção em quase nada, aquela conversa ainda não saia da minha cabeça, como é que Arthur estava vivo? Aquela pergunta não saia da minha cabeça.


Notas Finais


E então? O que vocês acharam desse Arthur? Sera que a Alice matou ele? Seria um trote? Kkkk
Aí gente, cada vez mais suspense.



[👻] não sejam leitores fantasmas

[❤] Beijinhos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...