1. Spirit Fanfics >
  2. "Um Motivo Para Viver" >
  3. O começo

História "Um Motivo Para Viver" - Capítulo 1


Escrita por: e keyonhatake0


Notas do Autor


GENTEEEE, essa é uma fanfic que eu e a @Keyonhatake0 estamos criando juntas com muito amor, esperamos que vocês gostem, estamos colocando toda nossa criatividade e carinho por vocês nessa história, esperamos muito que vocês gostem e nos apóiem nessa história, obrigada a todos desde já, um grande beijo meus bombons 😍❤️😘

Capítulo 1 - O começo


Fanfic / Fanfiction "Um Motivo Para Viver" - Capítulo 1 - O começo

Sara on

Olá, meu nome é Sara, tenho 17 anos e minha vida é uma droga, só estou viva pela misericórdia de Kami. Minha mãe morreu quando eu nasci e meu pai, nunca foi um pai, ele sempre voltava bêbado pra casa depois da morte dela, ele abusa de mim toda noite e me bate sempre que quer e eu não posso fazer nada, só o que posso fazer e me cortar pra distrair da dor emocional e focar na dor física, tentar me matar de todas as formas que der, mas eu nunca morro, aquele desgraçado não deixa e sempre me impede. Eu entrei em um grupo no Facebook e conheci 3 garotas, Keyon da minha idade, sou 8 meses mais velha, Ayame de 15 e Isabella também de 15 que faz 2 meses depois da Ayame. Viramos amigas porque temos muita coisa em comum, sofremos em nossas casas com nossas famílias, mas pra mim minha família são elas, elas são como minhas irmãs, são meu conforto, é com elas que eu converso quando algo ruim acontece comigo e elas também sempre vem conversar comigo quando algo ruim acontece com elas. Eu e a Keyon somos estupradas diariamente pelos nossos parentes e a Ayame e a Isabella sofrem bullying na escola porque de tragédias que nem são culpa delas, mas temos coisas boas em comum também. Amamos animes, séries, mangás, e games e nosso anime preferido? Naruto certamente. Nosso sonho é fugir para aquele universo e viver com as pessoas que conquistaram nossos corações, mesmo que não sejam reais. Me pergunto se isso seria possível um dia. 

Eu estava deitada na cama quando ouço sons de mensagens chegando no meu celular, vejo que é as meninas on no nosso grupo e mando mensagem

Sara: Eai minhas garotas?

Keyon: Sah-chan, oi, senti saudades de vocês hoje

Sara: Também senti de vocês 

Ayame: Eu também senti minhas musas

Isabella: Nossa, nem acredito que finalmente estou em casa, a saudade que eu tava de vocês estava me matando e o dia foi infernal

Ayame: Nem me diga

Keyon: Perseguiram vocês na escola de novo? -_-

Isabella: Sim T-T

Sara: Oh meninas, sinto muito por isso

Ayame: Não se preocupe, tá tudo bem

Keyon: Difícil, Sah sempre se preocupa com a gente

Sara: Como se você não se preocupasse

Isabella: Certamente você é a que se preocupa mais, está sempre cuidando de nós

Ayame: E a gente mal pode fazer algo pra ajudar

Sara: Vocês não tem que se preocupar comigo meninas

Keyon: Ele te atacou hoje?

Sara: Graças a Deus não, ele sumiu, já estou me preparando pra sofrer hoje, quando ele sai assim, eu acabo sofrendo as consequências da bebedeira dele

Ayame: Eu queria matar seu pai

Isabella: Todas nós queríamos

Keyon: Nem me fala, maldito escroto

Sara: Mas e você Keyon? Foi tudo bem pra você hoje minha princesa?

Keyon on

Olá sou Keyon, vou contar um pouco de mim, tenho 17 anos. Sete anos atrás perdi meus pais num acidente de carro e o único parente que tinha era meu tio, ele era bem estranho, quando ele nós visitava, ficava com abraços muito longos e falava como eu ria ser uma moça linda, depois da morte dos meus pais fui morar com ele e foi ai que o inferno começou. Meu tio era nojento, me estuprava diariamente e dizia pra eu obedece-lo como uma boa cadelinha, depois de anos não suportei e tentei cometer suicídio , me encontraram no banheiro da escola quase morta pelas pilulas que tomei, depois disso a diretora me indicou pra um psicólogo, não adiantou e ele me disse pra procurar ajuda com pessoas parecidas comigo, que passavam pelas mesmas situações que eu, então fui atrás e num grupo de facebook conheci elas. Sara a mesma tinha uma historia parecida com a minha, ela era protetora e sempre quando conversávamos me sentia mais leve, ela se preocupa muito comigo e as meninas e sempre me sinto segura com ela. Ayame menina louca que carrega uma grande dor em seu peito, Isabella tão doce, mas eram tão jugadas injustamente elas, elas eram um motivo pra eu continuar de pé. Pego meu celular indo até nosso grupo e começo a conversar com as meninas e quando Sara me pergunta, fico com pé atrás de responder porque odeio preocupa-la, mas não consigo mentir pra ela 

Keyon- E se eu falar que não estou em casa?

Sara- Como assim Keyon? Aonde você está?

Keyon- Não se preocupa 

Ayame- Acabou de deixar ela desesperada 

Sara- Keyon!

Keyon- É que o desgraçado chegou me chamando de cadelinha de novo, eu fugi pela janela e to num predio abandonando 

Isa- O predio fantasma?

Sara- Aí é perigoso, você ta louca!?

Keyon- To num lugar que não podem me ver 

Sara- Toma cuidado 

Keyon- Eu sempre tomo

Ayame- Meninas ja volto, meus pais terminaram de comer, tenho que arrumar a bagunça 

Isabella- Eles deixaram comida pra você hoje?

Ayame- Tomara

Sara- Desgraçados, se eu pego eles eu mato

Isabella: Eu te entendo Sah-chan. Bom, tenho que ir também, beijo meninas

Sara: Eu também, beijos minhas meninas

Keyon: Beijos lindonas

Ayame: Bye T-T

 

Quando esse inferno vai acabar, será que um dia poderemos ser felizes? Sonhamos com isso todo dia, melhor eu arrumar as coisas e ir dormir porque amanhã vai ser pesado..


Notas Finais


Esperamos que tenham gostado meus bombons, um beijo da tia Pan e da @Key-chan (@keyonhatake0)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...