1. Spirit Fanfics >
  2. Um mundo de magia e escuridão >
  3. Mudanças

História Um mundo de magia e escuridão - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


Olaaa então né, voltando com essa belezinha aqui... Mas pra falar a verdade não sei bem o rumo que tomar na história da pequena Lilith 😅😅

Capítulo 4 - Mudanças


Fanfic / Fanfiction Um mundo de magia e escuridão - Capítulo 4 - Mudanças

Na manhã seguinte acordei e vendo que não tinha sido um sonho e que eu estava inteira "que bom",me sento na cama com ainda muita preguiça,olho para a cama em minha frente em que Merry estava acordada ,acho q desenhando em um tablet ,então ela olha pra mim percebendo que eu estava acordada e balançando a mão como um sinal de oi ,faço o mesmo ,me levantando e procurando minha roupas ,para poder tirar as roupas de Nylfa 

–Ela botou suas roupas pra lavar – uma voz meio robótica falou e fez eu me virar automaticamente em direção a Merry que estava com seu tablet virado pra mim em um site tradutor– podemos nos comunicar assim ,daí é só você escrever aqui e vou entender você –a voz fala novamente e eu concordo me sentando perto dela na cama para conversarmos

–Então dormiu bem?– ela escreve 

–Claro e você?

Passamos alguns minutos conversando sobre o dia anterior e de como ela ficou surpresa em dormir na casa de estranhas ,rimos e decidimos comer algo ,nos dirigimos a sala e começando a sentir um cheiro bom , percebendo a presença de Nylfa  tomando uma xícara de café no sofá ,demos bom dia para ela que responde nos duas em cada lingua ,acho que ela não estava com muito bom humor

–Senhorita Lilith ,gostaria de conversar um pouco com você – ela fala pra mim e logo pede licença para Merry mesmo que ela não nos entenda 

–Claro ,oque seria ? –pergunto nervosa ,com medo de ter feito algo

–gostaria de fazer uma proposta ,de você morar comigo ,e também logo vou voltar para os Estados Unidos – Ela pergunta com um olhar sério e meio preocupado

–Morar? Mas eu te conheci não faz nem 4 dias ,como posso do nada...–Ela me interrompe

–Eu sei ,mas me entenda , o que você vai fazer aqui ? Continuar no abrigo ? E quando você tiver que ir embora ? Vai para aonde ?sei que loucura se mudar para minha casa ,mas você vai ficar melhor comigo e com a Merry 

Penso por alguns segundos lembrando desde de quando vim para a Alemanha ,e que ela era a única que realmente havia se importado comigo,mesmo sendo loucura ,não havia mais nada que me prendesse lá e também o que poderia acontecer morando com uma completa estranha que conheço a 3 dias não é mesmo?

–E-eu... Não sei bem o que responder,sei que vou estar segurando perto de você e também tem a Merry...–Caralho o que eu to falando??– vo... Eu aceito ,pelo o menos até eu saber oque fazer da minha vida– acabo de falar e quase me arrependo do que disse e a única coisa que eu pensava era "ÓTIMO VOU SER SEQUESTRADA ,PARABÉNS LILITH ".

–Ótimo ,Merry ira partir amanhã de manhã para a Inglaterra , em duas semanas vamos para o EUA (pra facilitar) e lá iremos a encontrar de novo – Ela fala tudo com um sorriso gentil e compressível em seu rosto palido 

[...]

Depois de um dia longo ,penso se realmente foi uma boa ideia ficar com Nylfa ,mas logo meus pensamentos são interrompidos pelo site de tradução de Merry falando

–Entao você vai ficar com a Nylfa?

–Sim,mas ainda estou em dúvida –escrevo no tablet

–Não se preocupe ,Nylfa só parece ser brava ,na verdade ela  é um docinho com chifrinhos 

Rimos um pouco e acabo me virando de lado e dormindo ,penso como serão essas duas semanas

[...]

Na manhã seguinte me despeço de Merry que já estava com suas malas prontas e taxi na frente do prédio, e por alguns momentos aquela despedida parecia ser uns dos sentimentos mais genuínos que eu já havia presenciado ela não parava de braçar Nylfa e eu dizendo que iria sentir muita falta da gente nessas duas semanas até que ela realmente já estava atrasada e desceu

–Uau... –Nylfa falou olhando pra mim e rindo um pouco ,acho que ela não pensava que seria difícil se despedir de alguém – Ok senhorita Lilith ,eu irei  sair por alguns momentos ,para comprar comida você gostaria de vir ?– Ela me fala como algo realmente normal 

–Claro, mas eu preciso das minhas roupas 

Ela sai até a área de serviço e volta com minhas roupas em mãos 

–precisamos comprar roupas novas para você,oque acha ?–Ela fala me olhando de cima abaixo esperando uma resposta

–A-acho que sim, mas...

–Ótimo ,vamos ao mercado e em lojas de roupas

Depois ,de me vestir saimos em direção a garagem ,acho que nunca havia visto um carro daquele ,era grande e preto ,acho era uma lamborghini ,parecia ser bem caro,entramos e seguimos a algumas lojas .Nylfa me fez experimentar umas mil peças de roupas mas todas ela via meu rosto um pouco triste

–Senhorita ,você até agora só experimentou roupas que te deixam triste ,o que houve?

Realmente eu só estava experimentando roupas baseadas nas que minha família mandava  eu vestir

–Nada ,só nunca escolhi realmente o que vestir ... E não sei muito bem meus gostos

Ela me olhou calmamente, me analisando se levantou e decidiu pegar algumas peças , de uma sessão aleatória ,depois de um tempo voltou com algumas peças pedindo para eu experimentar

Entro na cabine e as visto calmamente ,percebendo suas cores ,na primeira combinação era uma camisa branca de abotoar com mangas curtas ,com listras laranjas verticais ,junto com uma calça de cintura alta ,azul claro e um tênis preto ,aquela era a primeira vez que me via no espelho e gostava do meu corpo,mesmo eu não estando no peso do padrão de beleza e com o meu cabelo que ai até a minha cintura , me senti como uma modelo linda ,sai da cabine com um sorriso e assim foi o resto das horas naquela loja 

[...]

Depois de sairmos Nylfa me olha e pergunta

–Por que você mexe tanto no seu cabelo? Não gosta dele?

Paro um pouco olhando nas pontas do cabelo e repenso qual foi a última vez que cortei aquela coisa

–Não,eu só acho ele sem graça e longo demais ,nada para se preocupar...

–que tal irmos cortar nossos cabelos?–Ela me pergunto olhando para as pontas de seus próprios cabelos que já eram um pouco curtos – Em ? Não é longe da para ir a pé

Concordei com ela ,vendo seu sorriso ouvindo minhas palavras.Chegando no salão a atendente  nos pergunta oque nos faríamos ,tento explicar como queria cortar 

–Eu...queria cortar acima do ombro e talvez pintar–vejo Nylfa concordando com a cabeça e traduz para a atendente que começa a falar e espero Nylfa traduzir

–que cor gostaria de pintar?–penso rapido em minhas cores favoritas e decido

–Verde em cima e azul em baixo –seu olhar de surpresa me atinge ,quase sinto um "nossa que combinação ..." Nylfa traduz novamente

Olho para Nylfa ,que esta com uma expressão calma e sorrindo para a atendente pegando um cartão preto e pagando

[...]

Quando terminamos eu me olho no espelho e quase não me reconheci ,era como se tudo a minha volta não existisse ,Nylfa percebendo minha alegria me da alguns elogios e seguimos voltando para casa ,somente depois de um tempo percebo que os cabelos dela também estavam cortados ,eram raspados atrás e somente em cima tinha cabelos maiores ,aquele corte deixava ainda mais amostra seus chifres que combinava com seus cabelos negros ,chegamos em casa e novamente tomo um banho quente me deito na cama,agora olhando para a cama vazia em meu lado e falo

–Talvez minha vida agora mude para a melhor nas proximas semanas –fechando meus olhos e dormindo





Notas Finais


MEU DEUS esse cap foi longo, ufa terminei, espero que gostem e talvez possam dar algumas sugestões dos próximos caps
Bejos e boa noite


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...