História UM NOVO AMOR - (Ji Hoo - Boys Over Flowers) - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Boys Before Flowers (Boys Over Flowers)
Personagens Chu Ga Eul, Geum Jan Di, Goo Jun Pyo, Personagens Originais, So Yi Jung, Song Woo Bin, Yoon Ji Hoo
Tags Boys Before Flowers, Boys Over Flowers, Dorama, Gu Jun Pyo, Hyun Joong, Jan Di, Ji Hoo, Personagem Altenativo
Visualizações 68
Palavras 1.414
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi gente. AHHHHH TO TÃO FELIZ QUE VCS ESTÃO COMENTANDO E ACOMPANHANDO A FIC.
Ontem foi meu aniversário e isso foi um excelente presente. Obrigada minhas lindas.
Como presente pra vcs vou atualizar mais cedo dessa vez.
Espero que gostem, pq ta cheio de emoções. kk

Capítulo 11 - Capítulo 11


Fanfic / Fanfiction UM NOVO AMOR - (Ji Hoo - Boys Over Flowers) - Capítulo 11 - Capítulo 11

JESSIKA POV’S ON

_Ji Hoo seu Nappun nom pabo.- Xingo-o pela décima vez.

Eu estava tão irritada com que ele fez. Como ele pode brincar assim comigo? Porque ele faz isso?

Estávamos tendo uma conversa tão boa e as coisas estavam fluindo tão bem. E o pior, ou seria, o melhor? Enfim, nós quase, mas foi quase mesmo, que nos beijamos. E o melhor é que a iniciativa nem foi de minha parte.

_Mas será mesmo que ele ia me beijar? Aish. - Digo frustrada.

Vindo do Ji Hoo eu não duvido nada. Acho que não, no fim ele não ia fazer nada. Por que ele não se importa comigo. Para ele é só Jan Di, Jan Di e Jan Di. Ele não esta nem ai para mim. Só brinca com o que sinto. Ele nem se importou de como vim embora. Ele se quer veio atrás de mim quando sai de sua casa irritada. Para ele eu não sou nada. Então não, provavelmente aquilo não foi um possível beijo.

_Aish. Por que eu fechei os olhos. - Digo irritada ao lembrar o quanto fiquei empolgada.

_Sua tonta. - Me xingo.

_Ele deve achar que sou assim tão fácil. Aish. – Digo irritada

Eu fiquei assim a noite toda, nem consegui dormir direito pensando no dia anterior. Ji Hoo parecia mesmo não ligar para mim, ele nem ao menos me ligou perguntando se cheguei em casa bem. Ele era bastante insensível quanto queria.

_Mas agora chega de pensar nisso Jessika. Você tem que ir para aula. - Digo balançando minha cabeça tentando afastar essa frustração.

Após isso me arrumei e segui para escola. Na sala eu encontro Hanna e Jan Di. Passamos o dia juntas e Hanna era a mais animada. Estava empolgada contando como foi seu primeiro dia dos namorados com Woo Bin. Já Jan Di estava com uma cara péssima. E eu?... Bom nem preciso falar né. Eu estava me corroendo por dentro, estava com inveja de Hanna, com um pouquinho de raiva de Jan Di, e xingando Ji Hoo em pensamentos.

_Meninas eu vou indo agora. Quero nadar um pouco antes de ir trabalhar. - Jan Di nos diz logo após chegar o final da aula.

_Esta bem Jan Di. - Hanna diz sorrindo.

_Tudo bem. Aproveite. - Eu digo sorrindo. Por mais que eu estivesse com raiva dela ser o motivo de Ji Hoo ter saído daquela maneira, no fim. eu não conseguia odiá-la de verdade. Eu sabia que Jan Di era um boa garota e uma boa amiga. Até porque ela nem se quer sabe dos meus sentimentos por Ji Hoo. Não posso ficar culpando-a por ter sido assim menosprezada.

_Annyeong unnies.- Ela diz e sai.

_Anda vamos embora. - Diz Hanna me puxando.

Quando estávamos na frente da escola Hanna vê Woo Bin e sai correndo.

_OPPA. - Ela grita pulando em suas costas. Ele apenas ri e em seguida a abraça e lhe dá um selinho.

“Merda de vida, como se não bastasse ainda tenho que ficar segurando vela.” Penso irritada.

_Noona?- Nos ouvimos alguém chamar ao nosso lado.

Nos nós viramos confusos sem entender e então vimos um garoto do nosso colégio parado (FOTO CAPA). Ele tinha uma caixa nas mãos.  Não vou negar, o garoto era bem bonito. Novamente nos três nos olhamos confusos.

_Noona eu posso falar com você?- O garoto pergunta olhando para mim e se aproximando um pouco mais.

_Comigo?- Eu pergunto confusa apontando para mim mesma.

_Huhum. - Ele afirma balançando a cabeça timidamente.

Vejo Hanna e Woo Bin me olharem surpresos e então Hanna faz um gesto para eu ir.

_Esta bem. - Eu digo envergonhada.

Eu então o sigo, até que ele para. Percebi então que ele apenas tomou uma distância de Hanna e Woo Bin, provavelmente ele não queria que fôssemos ouvidos.

_E então?- Eu pergunto confusa assim que ficamos frente a frente.

_Noona pra você. - Ele diz tímido e de cabeça baixa me entregando a caixa.

_Hãm? - Eu digo confusa.

JESSIKA POV’S OFF

_____________________________________________________

JI HOO POV’S ON

Ainda estou pensando no que Jun Pyo me disse na noite anterior. Ele veio falar comigo e estava assustado que algo pudesse acontecer com Jan Di. Eu tentei confortá-lo, mas confesso que nem mesmo eu tinha certeza. Mas independente do que fosse eu protegeria Jan Di.

_Oh é o Woo Bin e a Hanna ali. - Eu digo olhando os dois parados.

Eu tinha acabado de sair da sala do F4, passei o dia lá pensativo que mal falei com Woo Bin.

“Acho que devo pelo menos cumprimentá-los.” Penso e sigo para junto deles.

Só então quando me aproximo, vejo que eles estavam concentrados olhando em um ponto fixo. Resolvi guiar meu olhar até o local e então vejo Jessika. Ela estava conversando com um menino do colégio e ele parecia bastante tímido.

_O que está acontecendo?- Pergunto confuso me aproximando ainda olhando os dois.

_Oh... Ji Hoo. - Woo Bin diz surpreso.

_Sunbae. - Hanna diz.

_O que está acontecendo?- Pergunto novamente.

_Ah, isso. - Ele diz apontando para Jessika.

_A unnie esta recebendo uma declaração. Ele esta se declarando pra ela. Ai meu Deus, a unnie é tão sortuda ele é uma gracinha. – Hanna diz empolgada.

_Declaração? - Digo surpreso e olho para Jessika e o garoto.

Ele parecia todo tímido e Jessika estava toda tímida e sorrindo feito boba.

“Sorrindo feito boba? Por que você está sorrindo assim? Não vai me dizer que já caiu na conversa de qualquer um?” Penso olhando intrigado.

_Ao que parece ele é um dongsaeng apaixonado por sua noona. - Woo Bin diz rindo.

“Dongsaeng?... É serio que você está assim por um simples dongsaeng?” Penso frustrado.

_Ele é muito bonito. Ao menos ela teve sorte. - Hanna diz.

“Bonito?... Não sei da onde?... O que esses meninos novos pensam hoje em dia? Eles acham mesmo que podem sair por ai se declarando assim para suas noonas?” Penso bufando até que vejo ele segurar em sua mão.

Aquilo me subiu o sangue a cabeça. Dei um passo indo a sua direção, mas paro ao escutar Woo Bin.

_O que foi?- Ele diz rindo.

_Nada. – Respondo me segurando para não ir até lá.

“Esse moleque. O que ele acha que está fazendo tocando nela dessa maneira? Eu preciso descobrir quem é esse garoto.” Penso irritado. Até que então vejo ela aceitar o presente e então ela se retira com um sorriso enorme nos lábios.

_Ahh e então unnie?- Hanna pergunta animada.

_Ele... Ele se declarou pra mim. Disse que é apaixonado por mim desde o primeiro momento que me viu. – Ela diz tímida colocando o cabelo atrás da orelha e mordendo o inferior dos lábios, como sempre faz quando nervosa ou timida.

_Omo. Não posso acreditar. AHHHHH. Ele é muito lindo e tão fofinho. - Hanna diz empolgada.

“Bonito? Até parece.” Penso irritado.

_Mas e então? O que foi que você disse?- Diz Woo Bin.

Ainda bem que ele perguntou isso, pois eu estava curioso.

_Eu disse que estava feliz por saber que alguém como ele gostava de mim, mas... - Ela faz uma pausa.

“Como você pode estar feliz por um garoto desses?” Penso irritado.

_Mas?- Pergunta Hanna.

_Mas eu lhe disse que não poderia correspondê-lo, pois já tem outra pessoa de quem eu goste. –Ela diz timida.

“Outra pessoa? Você gosta de alguém? Quem? E desde quando?” Me pergunto surpreso imaginando quem seria o idiota.

_Você gosta de alguém?- Acabo deixando escapar.

_Sim. – Ela afirma tímida e me olhando.

_Quem?- Pergunto não segurando a curiosidade.

Após isso um pequeno silêncio se manteve até que Hanna responde.

_Ah isso não interessa agora, mas me conta porque você aceitou o presente então?- Hanna pergunta.

“Não importa? É claro que importa. Eu preciso saber quem é esse idiota e se ele não vai brincar com os sentimentos dela.” Penso irritado.

_Bom ele disse que comprou os chocolates para mim e que eles eram meus de qualquer forma. Ele insistiu para que eu ficasse. - Ela diz tímida.

_Ele te deu chocolates?- Hanna pergunta.

_Sim. Ele disse que queria ter me dado ontem no dia dos namorados, mas como ontem não teve aula, ele resolveu entregar hoje. Ele disse que ia me pedir em namoro também. – Ela diz extremamente corada e de forma fofa.

_AHHHH. - Grita Hanna empolgada.

“Eu juro que mato esse moleque.” Penso tentando respirar e acalmar a raiva que eu estava sentindo nesse momento.

JI HOO POV’S OFF

_______________________________________________________


Notas Finais


Kkkkk e ai gente o que acaharam?
Gostaram dessa dor de cotovelo do Ji Hoo? Pq eu amei kkkkkk.
Esse cap ta mais curto, mas como eu disse cheio de emoções. kkk
Não esqueçam de continuar comentando como presente d eniver e deixar a unnie feliz, ok.
Bjusss
________________
Kure: De acordo, certo.
Aish: Merda, Que droga.
Anyeo: Não
Ottoke?: O que eu faço?
Komaweo: Obrigado informal
Komapseumnida: Obrigado formal.
Dongsaeng: Usado para menino ou menina mais novo. Pode ser usado para irmãos mais novos.
formal e respeitosa.
Halabeoji: avô
Halmeoni: avó
Abeoji/Appa: Pai
Eomeoni/ omma: Mãe
Choesong-hamnida: Desculpa
Yŏboseyo: Alô
Isekiya: Filho da p***
Nappun nom: Bastardo
Pabo: Idiota
Chugul-le?: Quer morrer?
Kwaenchaneyo: Esta tudo bem.
Mianhae: Desculpa


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...