História Um Novo Começo?!? - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bleach
Personagens Aizen Sousuke, Ichigo Kurosaki, Isshin Kurosaki, Karin Kurosaki, Orihime Inoue, Rangiku Matsumoto, Rukia Kuchiki, Toushirou Hitsugaya, Yuzu Kurosaki
Tags Hitsugaya Toushiro, Hitsukarin, Kurosaki Karin
Visualizações 52
Palavras 1.167
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Festa, Ficção Adolescente, Hentai
Avisos: Álcool, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


bom pessoas esse é o capitulo de hoje, e muitos devem estar se perguntando a necessidade desses capitulos, já que estão um pouco ruins, mais eu estou postando eles desse jeito, para que possa dar mais uma enrolação, para que quando estiver "acabando" consiga ter uma reviravolta, e continuar com mais conteudo, eu sei que esta ruim, mais espero que entendam que estou fazendo isso para que a historia dure. Bom já estou enrolando demais, então vamos para o capitulo.

Capítulo 26 - De volta a escola-Parte 3


       Karin on

       -Oi Toushiro, espero que tenha um bom dia, e boa sorte em seu amável encontro com a Hinavaca no hospital.

       -Oi, como assim? O que você fez? E o que aconteceu com o seu braço? E mais uma coisa, quem é essa menina que está andando com você?

       -Preciso conversar com você, por isso me encontre na hora do intervalo no terraço, ok?

       -Ok!

       Então depois de deixar Hanahaki na sala eu, Rangiku e Yuri fomos para a sala, e falei para os dois para que eles fossem buscar a Hanahaki na sala dela, por que pelo que eu percebi a mesma não tem amigos, então não quero que ela fique sozinha, por isso eu falei para a mesma que os dois iriam andar com ela, e por incrível que pareça, ela ficou extremamente feliz, só com isso percebi que a mesma já não tinha ninguém para conversar e ser gentil, isso me deu pena, mais eu quis ficar perto dela, ela parece interessante, mesmo sendo excluída.

       E depois de tudo isso as 3 aulas passaram como se nem tivessem acontecido, e logo que eles terminaram, eu subi para o terraço, e ele logo apareceu, e quando me viu ele logo se pronunciou, desviando olhar de mim, parecia que ele estava fazendo isso tentando negar o que ele fez, mais eu não me importo, por que ele ainda vai me pagar!

       -Então como está o braço?

       -O braço o qual você apertou até trincar o osso? É ele está bem sim, tirando o fato de que mal posso usa-lo, mais tirando o meu braço e a minha mão está tudo?

       -E o que você fez na mão?

       -Eu a machuquei quando soquei a parede, algum problema?

       -Não nenhum, eu só estava curioso para saber o que você fez para que a mesma ficasse machucada também, por isso?

       -Entendo e desculpe, eu não deveria ter feito aquilo!

       -Não eu não vou te desculpar, você pode até me achar infantil ou algo do gênero, mais agora graças a você eu estou com o braço machucado, então se quer o meu perdão terá que fazer mais que isso, fui clara Toushiro?

       -Ok entendi, mais o que você fez com a Hinamore?

       -Eu espanquei ela até que ela estivesse desacordada.

       -O que? Por que você fez isso?

       -Por que ela me xingou de filha da puta, e eu acabei me exaltando, de qualquer forma, ela não vai vir a escola tão cedo!

       -O-ok, mais quem era aquela menina que estava com você?

       -O nome dela é Hanahaki, e ela é uma aluna do 2 ano, foi ele quem chamou a ambulância para aquela arrombada.

       -Mais por que estava andando com ela? Digo é que é raro você andar com alguém que mal conhece, então eu estranhei, e acabei ficando curioso.

       -Entendi, mais agora tenho ir e a resposta para essa pergunta é eu gostei dela, além dela me lembrar a Yuzu, por isso, ela demonstra uma inocência que Yuzu também tinha, e eu acabei por gostar dela por causa dessa inocência.

       -Ok obrigado por me responder!

       -Tchau, eu não quero ficar ouvindo um obrigado de você se desviando somente a mim, por que você sabe que eu odeio essas coisas, então nem começa se não quiser me ver com mais raiva de você!

       -tá, então tchau!

       Depois disso, eu desci para procurar a Hanahaki, o Yuri e a Rangiku, e a partir daí, eu resolvi que ficaria tentando esquecer os meus problemas pelo resto do dia, e quando eu finalmente a vi, percebi que a mesma estava corada, e com o olhar direcionado para o Yuri, que também estava corado desviando o olhar mais eu logo percebi que o mesmo estava envergonhado, parecia gostar dela também, mais invés de ficar com ciúme, eu achei tão fofo, ela parece tão perfeita para ele, eu acho que o que ele, especialmente ele, só sentia uma paixão passageira, mais ao invés de gostar dele como uma namorada faz, eu não me via direito como namorada dele, acho que ele estava somente iludido, achando que me amava, mais de qualquer forma, eu vou falar pra ele que seria meslhor se eu ficasse na minha, eu sei que nos começamos não tem um dia, mais eu acho que é melhor acabar com isso mais cedo para que ele não tenha tantas esperanças, por que pelo menos ele vai saber que eu não iludi ele.

       Quando finalmente cheguei perto deles a Rangiku parece que brotou do chão, por que ela apareceu como se fosse uma mágica, como eu posso explicar, parece até que ela acabou brotando do chão, e logo falei para a mesma, que tinha me abraçado por trás.

       -Rangiku, se você continuar com isso você vai levar uma na cara!

       -Claro, entendi que você não quer abraço agora.

       -De qualquer forma você está bem Karin digo é que você foi falar com o Toushioro, e você ainda estava meio zangada.

       -Meio não, eu estou extremamente brava com ele, mais só não estou demonstrando.

       -Mais Karin-senpai, o que ele fez pra você?

       -Bom como eu posso dizer ele foi um total idiota, ele foi o pior amigo que você pode conhecer, pra falar não o pior, mais sim o pior que eu já vi!

        -Mais por que?

       -É que quando a Hinaputa, desculpe digo Hinamore, ela fez com que o Toushiro gostasse dela, pra botar ciúme no Aizen, e pra fazer isso ela tinha que me afastar dele, e foi o que ela fez, ela inventou que “eu” falei mal dela , então eu acabei por ficar como uma idiota, e como ele estava apaixonado por ela, ele falou que não éramos mais amigos que “minha” atitude foi um criancice, e por ai vai.

       -Entendi.

       -Bom de qualquer forma nos temos que ir para a sala, pois o sinal vai bater daqui uns 5 minutos, então precisamos ir, tchau Hanahaki!

       -Tchau, foi bom andar com você Karin-senpai.

       Nesse momento eu sai de lá para ir a minha devida sala, então como já previsto quando a aula terminou eu finalmente sai, eu acabei por ir sem ninguém para casa, para que eu pudesse pensar, em como tudo aquilo poderia estar acontecendo, e como eu poderia falar para o Yuri que era melhor nos já nos separarmos para não dar a ele falsa esperança.

       E com isso essa semana foi passando, e como sempre tinha que chegar o fim de semana, e nós iríamos hoje para o tal lugar que a Rangiku queria nos levar, e por incrível que pareça, Yuzu me fez colocar um vestido, para ir no mesmo, e quando ela terminou de me “ajudar” com a roupa, ela finalmente disse.

       -Você está linda nee-san, eu ainda não consigo acreditar que você finalmente me deixou escolher a sua roupa.

       -É eu também não acredito, mais agora eu vejo que foi uma péssima escolha!

       -Ah nee-san, por que?

       -Por que eu não gusto de vestido? De qualquer forma vamos logo, todos estão nos esperando!

       -Ok,vamos.....


Notas Finais


Bom pessoas esse foi o capitulo, e como eu avisei ontem não poderei postar o capitulo de amanhã, então espero que entendam já que não irei parar em casa. Bjs pessoas vejo vocês nos comentários.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...