História Um novo começo - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Camila Cabello, Shawn Mendes
Personagens Camila Cabello, Personagens Originais, Shawn Mendes
Tags Romance
Visualizações 9
Palavras 737
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Festa, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem

Capítulo 1 - Tudo começou assim


Fanfic / Fanfiction Um novo começo - Capítulo 1 - Tudo começou assim

Tudo começou em na festa de minha melhor amiga. Lá estava eu , toda feliz , bêbada dando em cima de um cara, quando derrepente minha best começou a gritar comigo. Pq? Bem ele era o namorado dela... Perdi uma amiga naquele dia e minha reputação....

No dia seguinte lá estava eu na escola quando veio uma pessoa do além chega em mim xingando , ignorei e fui pra sala, entrei e ninguém nem chegou perto de mim, uma porra , como minha ex melhor amiga era muito conhecida na escola , acho que falou pra fazer voto de silêncio , muita criancinhas mas fazer oq... Eu voltei pra casa com cara de cú, claro que minha mãe reparou e perguntou

Mãe (Regina) : Gabriela que cara de cú é essa ? 

Gabiih: nada

Mãe (Regina): com essa cara aí duvido 

Gabiih: tá aconteceu alguma coisa

Mãe (Regina) : então me fala

Gabiih: eu briguei com a Clara

Mãe (Regina) : oxe e o pq tá com essa cara ? E a vitoria , a Sofia e a Ana ?

Gabiih: Naum sei elas tbm pararam de falar comigo...

Mãe (Regina) : bem... Não é um bom momento pra dizer isso mas... Vamos parar aqui nessa padaria e conversar sobre algo muito sério...

Na mesma hora eu gelei. Meu cú tinha travado . Ela parou o carro na padaria entramos, pedimos nossos lanches e assim que o garçom saiu ela olhou nos meu olhos e falou

Mãe (Regina) : Filha... Não sei se vc vai gostar muito mas... Eu subi de cargo no trabalho...

Enterrompi

Gabiih: Que bom!!!! Mas pq isso seria ruim?

Mãe (Regina): é que... Eu vou ter que mudar de cidade... 

Gabiih: Que ótimo!! Vou aprender uma cultura diferente e vou fazer amigos novos !!!

Eu falo empolgada quando minha mãe enche o olho de lágrima e diz

Mãe (Regina) : você não vai poder ir

Gabiih: como assim? 

Minha expressão muda completamente

Mãe (Regina): eu vou mudar várias vezes por causa do emprego... Não tem como

Gabiih: é isso vai ser quando?

Mãe (Regina) : hoje !

Gabiih: HOJE ?!

Ela balançou a cabeça afirmando

Gabiih: mas e eu?

Mãe (Regina) : você vai morar com seu pai e sua madrasta

Gabiih: não quero morar com aquela puta!!! 

Começo a chorar , as coisas que minha madrasta fazia comigo quando passava o final de semana com ela, e agr imagina morar com ela! Não consigo imaginar minha vida longe da minha mãe, ela que sempre me deu força ela vai embora assim? 

Mãe (Regina) : vou estar sempre do seu lado não importa a distância Tabom?

Eu só balancei a cabeça afirmando , o garçom chegou, comemos , pagamos e no carro ficamos cantando igual duas retardadas mas felizes, chegamos em casa ela subiu correndo pro quarto arrumar as malas dela 

Eu subi pro meu quarto pegar minha mala, desanimada, peguei a roupa guardei , coloquei meus sapatos, maquiagem e utensílios do dia a dia e peguei uma mala separada e comecei colocar fotografias uma delas era de eu e a Clara quando pequenas, eu em cima das costas dela olhando uma pra outra , naquele momento caiu uma lágrima do meu olho , guardei e fechei a mala desci lá estava minha mãe chorando olhando a casa . Cheguei perto dela , com minha mala parei e ela se virou e me abraçou 

Mãe (Regina) : filha, prometo que volto tá? Não se preocupa , volto daqui 2 meses...

Ela beijou minha testa 

Gabiih : te amo mãe

Mãe (Regina): também te amo filha

Ficamos nesse abraço até a campainha tocar ...

Fui abrir a porta era a vadia da minha madrasta aquela filha da puta, vadia, vaca dos inferno, com aquela cara de anjo

Aline (madrasta) : olá dona Regina, vim buscar a Gabiih, bem estou com pressa tenho muito trabalho em casa...

Olho pra ela com um olhar mortal, e quando minha mãe vira pra trás pra pegar minha mala ela devolve o olhar, como eu odeio aquela mulher, mulher não aquela vadia do caralho, minha mãe volta trazendo minha mala e olha pra mim e diz

Mãe (Regina) : te amo mais que tudo na minha vida

Abraço ela muito forte e começo a chorar e ela tbm , a vadia da Aline ficou olhando com cara de impaciente

Aline (madrasta) : vamos?

Acabou o abraço , peguei a mala e fui pro carro da vadia, olhei pelo vidro do carro eu minha mãe se afastar. Quando já tinha passado umas duas ou três quadras a alivadia ( apelido que inventei pra ela) falou...


Notas Finais


E aí gostaram?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...