1. Spirit Fanfics >
  2. Um Novo Olhar >
  3. Recomeços

História Um Novo Olhar - Capítulo 35


Escrita por:


Capítulo 35 - Recomeços


Fanfic / Fanfiction Um Novo Olhar - Capítulo 35 - Recomeços

EMILLY PEABODY

Tony me ligou contanto o que Jughead havia feito com o traficante, disse que ele parecia mais fora de controle que nos outros dias e que temia que ele pudesse se machucar ou machucar alguém gravemente. Disse ainda que assim que ela e Cheryl saíram para levar o cara machucado ao hospital, Juggie , Sweet Pea e Fangs partiram para Pop’s para procurar por outros criminosos. Achei melhor ir atrás dele e tentar fazê-lo desistir dessa idiotice.

Quando cheguei no Pop's encontrei Jughead aos socos com Archie Andrews.

- Juggie!!!!! Para!!!!

Vendo Fangs e Sweet Pea parados apenas olhando gritei irritada:

- O que vocês estão esperando idiotas, separem eles!!!!

Eles os separam  e levam Archie para longe do Pop's , já eu levei Juggie para dentro da lanchonete , o fiz entender o quanto estava sendo inconsequente e o convenci a ir para casa.

Já em casa, continuamos a conversa. Eu digo a ele que sei o quanto está machucado mais que ele precisa se reerguer. Ele me conta como tem se sentido desde o término e que não sabe se terá forças para voltar a ver Betty e Archie nos corredores da escola. Prometo que não o deixarei sozinho, o convenço a voltar a frequentar a escola e a fazer sua inscrição para faculdade. Continuamos conversando pela madrugada a dentro até adormecemos deitados no tapete da sala.

Com o passar dos dias, de vagar Juggie foi voltando a ser quem era. Voltou a suas atividades do cotidianas , porém a única que não havia retomado era a do Jornal , o que dado aos fatos era bem compreensível  mas, conhecendo ele como conheço sei que não demoraria a voltar para o Blue e Gold, ele jamais abriria mão da chance escrever para toda escola sobre suas opiniões e coisas nas quais acredita. Mesmo que isso levasse um tempo e que ele precisasse lidar com Betty , mais cedo ou mais tarde ele voltaria.

Naquela tarde, depois que as aulas acabaram, Juggie me pediu para esperá-lo enquanto ele ia até biblioteca devolver um livro , então me sentei na sala dos alunos para aguardá-lo.

Estou entretida olhando minhas redes sociais quando ouço Betty me chamar.

- Emilly, oi! Podemos conversar?

Fico surpresa e curiosa pra saber o que ela quer.

- Betty... Claro!

Repondo enquanto guardo o celular.

- Eu queria saber... como Juggie está? Ele não tem falado comigo e eu notei que ele está com um olho roxo. O que houve?

- Ele e Archie se esbarram no Pop’s. Não acabou muito bem.

- Meu Deus! Eu imaginei que isso aconteceria e a culpa é toda minha!

- Olha Cooper , não estou dizendo que o que você fez foi legal mas, não deveria ficar com a culpa toda pra você. Até onde eu sei Archie era o melhor amigo de Juggie e eu mesma vi ele indo te procurar.

- Quanto a isso... Emy, quero te agradecer. Você prometeu não contar e cumpriu. Obrigada.

- Não fiz por você Cooper.

- Mas manteve sua palavra e é isso que importa. Eu te julguei mal, achei que quisesse atrapalhar meu namoro, mas no fim eu mesma fiz isso.

- Você também não é uma pessoa ruim Betty, só não soube fazer boas escolhas, mas eu jamais usaria a fraqueza de alguém pra me fortalecer.

Betty me olha com tranquilidade e fala com uma certa tristeza na voz.

- Eu sei que você também ama o Jughead, e sei que agora vocês se aproximarão ainda mais. Não sou idiota te pensar que isso não aconteceria.

- Eu acho que vocês ainda podem se entender .

Ela balança a cabeça negativamente e diz:

- Talvez um dia ele me perdoe mas, definitivamente isso não acontecerá por agora, então... Fica do lado dele. Dá pra ver que você é especial pra ele e que ele curte estar com você. Só... já que ele não fala mais comigo ,me deixa saber dele de vez enquanto, saber como ele está.

Eu faço que sim com a cabeça e concluo.

- Quando quiser saber é só perguntar. Mas não se preocupe essa raiva toda vai passar.

- Não tenho tanta certeza disso.

Diz Betty com o semblante triste em seguida se vira e vai embora.

Ela e Jughead se esbarram na porta de sala dos alunos, se encaram por alguns segundos e ele passa por ela como se não a conhecesse. Eu posso sentir a dor dela do sofá onde estou sentada e confesso que como mulher presenciar a cena me entristeceu. Mas Juggie estava machucado e tinha o direito de lidar com a dor dele da forma que julgasse melhor.


Notas Finais


😘😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...