História Um novo pai - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Harry Potter, Severo Snape
Tags Snape Pai De Harry
Visualizações 410
Palavras 1.251
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Famí­lia, Fantasia, Ficção Adolescente, Magia, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiiii. Pra quem achou q esse cap só ia sair no natal de verdade se enganou kkkkkkk desculpa •-•
Boa leitura.

Capítulo 24 - Natal- parte 2


Fanfic / Fanfiction Um novo pai - Capítulo 24 - Natal- parte 2

Harry dormia tranquilamente em sua cama, calmo, respiração normal, abraçado a um traveceiro e com um pequenino fio de baba escorendo pela sua boca. E pela primeira vez em muito tempo, conseguiu ter um bom sonho, sonhou que era fim de ano e ele finamente contou aos amigos seu segredo, todos o aceitaram e ele não estava mais de mal com o Rony e a Mione, era tanta a felicidade, que ele tinha um leve e delicado sorriso na face.

Severus passou um bom tempo ainda acordado, andou pela casa toda mudando algumas coisinhas... Depois foi dormir, de manhã tomou um banho e agora estava na se dirijindo ao quarto de Harry.

Entrando no quarto do garoto, o viu dormindo tranquilamente. Caminhou cuidosamente e se abaixou dando um beijinho na testa do garoto.

Harry se mecheu um pouco e comessou a acordar, olhou para Severus com os olhos entre abertos, depois sorriu.

-Bom dia...-  falou Snape docemente.

-Bom dia papai...- respondeu Harry esfregando os olhinhos.

-Eu vou preparar o café, você gosta de ovos com bacon?

-Humhum!- falou afirmando com a cabeça

-Hihihi, que bom, tome um banho, depois dessa, vou estar te esperando.- falou dando outro beijinho na testa do garoto.

Harry terminou de se espreguiçar, depois se dirijiu ao banheiro onde tomou um banho, vestiu uma roupa velha do Duda, ( já que era uma das poucas que possuia), depois desceu as escadas com os óculos nas mãos.

-Harry, por que não está de óculos?- perguntou Snape.

-Eu estou enchergando sem eles!- respondeu saltitante.

-S-sério?- perguntou Severus surpreso.

-Sim! E-eu tava tomando banho e quando coloquei os óculos eu encherguei tudo embaçado, então eu os limpei e quando ví, estava enchergando sem eles.- explicou andando de um lado para o outro e gesticulando.

-Bem... Acho que isso indica que a sua transformação já acabou.- respondeu Severus se aproximando de Harry e se ajoelhando em sua frente.

Harry estava totalmente diferente de antes, os cabelos se tornaram completamente negros, o queixo e as maçãs do rosto estavam iguaisinhos as feisões de Severus quando criança e a boca um pouco mais parecida com a do homem. Apenas os olhos e o naris continuavam sendo iguais aos de Lily.

-Já?

-É... Você usava óculos porque tinha "erdado" a milpia de James, mas nem eu nem a sua mãe temos problemas de vista, não faria sentido você usar óculos. Mas, que explicação você dará para seus colegas?

Harry pensou um pouco e disse:

-Eu falo que o diretor ficou com pena de eu ter que passar o natal com os meus tios e me mandou um presente, dentro tinha uma poção que curou a minha milpia.

-Olha... Pode dar serto, muito bem pensado. Agora vamos tomar café, depois troque as roupas, vamos sair.

-Pra onde vamos?

-É surpresa! Você vai ver, vai gostar.

-Se o senhor diz...

-Venha, estou acabando de preparar o café.

-Pai...

-Sim?

-Onde estão aquelas fotos que estavam espalhadas pela casa?

-Eu guardei, o que você me falou ontem me fez pensar e eu tomei uma decisão. Se queremos comessar uma vida nova, não podemos deixar fotos do passado espalhadas pela casa não é?

A casa estava diferente mesmo, todas as fotos de infancia de Severus não estavam mais lá, principalmente as com Lily ( ou de Lily). Na lareira por exemplo, tinha uma foto de Severus e Lucius bem no cantinho, os dois ainda estavam em Hogwarts e o loiro apoiava o braço na cabeça do moreno. Em outra foto estava retratada uma mulher alta e magra com cabelos negros lisos e longos. Também haviam fotos de Snape com Draco e uma com Severus, Draco, Lúcius e Narcisa. Mas bem no meio havia uma moudura grande e vazia.

-E aquela moldura vazia na sala?

-Eu ainda não sei que fotografia devo colocar lá. Vemos isso depois.

Ambos tomaram um delicioso café da manhã  com tudo que haviam direito, ovos com bacon torradas com geleia, café, suco... Enfim, muitas coisas que Harry achou deliciosas.  Depois o garoto foi para seu quarto procurar algo para vestir, e infelismente tudo o que tinha eram roupas dadas de presente pela Senhora  Weasley. Mas não tinha escolha mesmo né? As vestiu e desceu as escadas.

-Pronto?- perguntou Snape no pé de escada.

-Sim.- respondeu  Harry descendo as escadas e parando bem na frete de Severus.

-Ótimo. Só presiso ajeitar uma coisinha...- respondeu ajeitando a franja de Harry para que cobrisse a cicatriz.- Pronto, agora podemos ir.

Os dois sairam da casa e andaram muito até chegarem a uma loja de tecidos, onde o próprio Snape comprava alguns panos para fazer suas roupas trouxas. O homem tinha que fazer esforços para se lembrar que estava comprando roupas para uma CRIANÇA, e não para se próprio.

Escolheram juntos alguns poucos tecidos claros ou estampados, essas seriam roupas mais casuais, as outras peças eles iriam comprar nas em lojas.

-Escolha mais algum tecido querido.- insistiu a mulher da loja.

-Não, obrigado dona.

-Se tem certeza, aqui estão os tecidos.

-Obrigado. Aqui está o dinheiro- disse Snape saindo sa loja com Harry.

-Volte sempre!- falou a mulher voltando a arrumar os tecidos em seus devidos lugares.

-Eu gostei daquela moça.- falou Harry.- Ela é souteira?

-Harry...

-Ok, parei...

-Agora nós temos que ir no Shopping. Depois no beco diagonal.

E assim se passou o resto da manhã. Eles fizeram muitas compras, não somente roupas como também decorações para o quarto de Harry. Quando estavam numa loja de tecidos bruxa, Severus se assustou quando Harry escolheu um tecido negro identico as suas vestes, e quando perguntou o motivo, teve como resposta:

-É pra gente ficar combinando.

Agora eles estavam voltando para casa pois estava perto da hora do almoço e Severus tinha muito o que fazer, quando Harry para de andar e olha pro lado.

-Qual o problema?- perguntou Snape.

-Eu ouvi um miado.- respondeu Harry indo em direção a lata de lixo, a empurrando e vendo um gatinho que não aparentava ter mais de 3 meses saindo de traz dela.- Ai que fofinho!!!

-Nem pense nisso. Eu não quero um gato em casa, já me basta você.

Alguns minutos depois:

-Harry, lembre-se: só vamos ficar com esse gato até acharmos o dono entendeu? Agora me ajude a guardar essas coisas

-Sim senhor- respondeu Harry sorrindo alegre e vitorioso.

Depois de Harry e Severus guardarem os novos pertences do garoto e de Edwiges quase matar o podre do gatinho, por conta da inveja, Severus desceu as escadas e foi para a cosinha para preparar o almoço. Quando quase tudo estava pronto, a campainha tocou.

Harry abriu a porta e ficou muito feliz em ver as vizitas.

-Padrinho! Draco! E... A senhora é...?

-Narcisa, esposa de Lúcius, prazer em conhece-lo.

-O prazer é meu.- respondeu Harry fofo.

-Harry, quem está...?- perguntou Severus entrando na sala.- Ah, vocês, entrem!

-Severus.- comprimentaram o casal.

-Lúcius, Narcisa.

-Padrinho!- falou Draco abraçando o mestre de poções.

-Oi Draco.- falou retribuindo o carinho do menino.

-Harry!-  Draco foi e abraçou o moreno forte e ele retribui sorrindo.- Cadê seus óculos?

-Eu não preciso mais deles.- respondeu o menino.

-É impreção minha, ou vocês só vem na minha casa na hora das refeições?- brincou Severus.

-É impreção sua.- responderam a familia de loiros juntamente.

O pequeno gatinho comessou a se esfregar nas pernas de Draco e Harry o explicou como havia o achado, então ambos concordaram em chama-lo de Príncipe.

Lúcius, Narcisa, Draco e Harry ficaram na sala comversando até Severus servir o almoço.

Continua...


Notas Finais


Iai, gostaram? Terá parte 3.
Pra quem não conhece esse é o link da minha outra fanfic:
Mhttps://spiritfanfics.com/historia/duplo-harry-10059955

Beijinhos 😘😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...