1. Spirit Fanfics >
  2. Um Omega Um Pouco Diferente - ABO >
  3. Cap.1

História Um Omega Um Pouco Diferente - ABO - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Cap.1


P.O.V Min Yoongi| Manhã em Daegu 

Acordo com a merda do despertador, com muita indisposição levanto indo pro banheiro. Minha aparência estava ótima, cabelo todo bagunçado, uma cara toda amassada; lavo o rosto, pra tentar acordar, escovo os dentes e passo uma escova no meio cabelo, só pra tentar abaixar. 

- Filho -- minha omma fala me tirando dos pensamentos e entrando no banheiro-- Seus amigos estão lá embaixo. 

Bom, meus amigos se constavam em Kim S/N e  Park Jimin todos sendo omegas. Eles são os meus melhores amigos omegas, e meus melhores amigos alfa é apenas o Chan-yeol. Só ele, porque ele é de confiança. Meus pais só confiam nele pois é filho da nossa governanta, a Suzzy. 

- Hum -- termino de enxaguar minha boca-- pede pra eles subirem. 

 - Você sabe que seu pai não gosta que o irmão da S/N suba até o seu quarto. É melhor deixar eles esperando lá embaixo. 

- Aish, tá. Mas só tem ele?! Creio que não, então os que estão com ele pedem pra subir, por favorzinho -- faço um beicinho.

- Não, agora anda que está atrasado -- deixa um selar na minha testa e sai do banheiro, logo saindo do quarto. 

Saio do banheiro, tranco a porta do quarto e troco de roupa. Passo um  lápis preto pra tentar realçar meus olhos, destranco a porta e saio correndo do quarto, tentando colocar a mochila nas costas. 

- Sem correr meu  filho -- papai alerta e apenas confirmo. -- como meu bebe está? Dormiu bem? -- pergunta enquanto sendo ao lado da omma

- Seu bebe dormiu bem sim, senhor Jae. Agora para de me chamar assim porque meu amigos estão aqui. -- por incrível que pareça S/N, Jimin e Taehyung estavam sentados na mesa tomando café. Pego um copo de suco e tomo numa golada só

- Toma o suco devagar, meu filho -- omma alerta -- Vai passar mal se continuar tomando assim.

- Estamos atrasados, né gente? -- falo levantando da mesa. -- Vamos meninos -- S/N e Taehyung levantam e o Park continua sentando enchendo o cú com a comida da Suzzy.

- Agora?! A comida tá tão boa. -- fala terminando de engolir a comida

- Anda Park, não me faça te puxar pelos cabelos! -- falo totalmente irritado

- Tá bom-- se rende e levanta.

Dou um beijo na bochecha dos mais velhos e grito um "tchau" pra Suzzy, e arrasto os três pra fora de casa. Toda segunda a Kim e o irmão sempre vem me buscar com o Park, eu sempre falo que não precisa porque a escola é alguns quarteirões da minha casa mas parece que o Senhor Min Jae concordou com a ideia mas depois se arrependeu quando descobriu que seria o Taehyung que passaria aqui toda segunda de manhã. Minha omma aceitou de primeira, mas ela não surtou como o meu appa. 

Enquanto falo isso pra vocês, não percebi que já tinha chegado na escola. Como eu cheguei tão rápido? Vamos para duas  opções

1º O Taehyung não quis saber de regra de transito alguma, então meteu o pé no acelerador 

Ou

2º O prédio da escola é apenas quatro quadras da minha humilde casa?

Saímos do carro do Taehyung, este que tratou de trancar rápido e sair sem falar um piu. Ninguém desse inferno, quer dizer escola, sabe que ele e a S/N são irmãos apenas eu e o Jimin. Mas achamos que mais gente saiba disso, tipo os dois alfas que sempre estão com o Kim. 

Todo dia é a mesma coisa, passar no corredor com uma saia minuscula rende bastante olhares pra mim, mas especial minha bunda. O uniforme constava em uma saia para as meninas ou os omegas que gostavam de se vestir com roupas nesse estilo - nesse caso eu gosto, mas gosto também de usar calça -  e calça para os meninos, uma blusa branca um pouco transparente e um blazer, que era pra todos.  

Cada olhada que, não só eu recebia mas o Jimin e a S/N também ninguém mandou temos bastante bunda principalmente o Jimin, recebia e cada comentário, tipo :"Queria ter esse bunda e esse corpo só pra mim" ou " Esses omegas não me escapam". Comentários e olhadas vinham de alfas, betas e até mesmo dos omegas.

Mas vocês devem tá se perguntando: "Yoon, por que você não tem um alfa ou por que não é marcado?". Se conhecessem os senhores Min Jae e Soo Min vocês entenderiam, mas minha omma sempre quis que eu encontrasse um alfa que me faz bem. E eu entendo ela, é meio difícil encontrar um alfa que preste agora. 

(KTH: Eu presto senhor Yoongi.// Chan: Eu também. Poxaaaa Yooongiiiiii)

Entro o mais rápido na sala, que infelizmente ficava no segundo andar, e vou direto pro meu lugar que era na última carteira no canto perto na janela. Jimin senta na minha frente e S/N na frente dele, mas isso nunca impediu dela ficar conversando nas aulas comigo ou com o Jimin.

- Minha omma está convidando vocês para ir lá em casa pra comer, ele alega está com saudades de vocês -- S/N começa a falar

- Se Yoon for, eu vou também. -- Park fala dando o famoso sorriso,que só ele tem. 

- Mas isso não depende de mim, Park -- vejo o sorriso dele murchar -- se o irmão dela não estiver em casa, eu vou poder ir. -- bagunço um pouco o cabelo do Park, que só resmunga.

- Eu faço com que ele não apareça. Mas agora falando sobre crush's -   Lá vem   -- Fiquei sabendo que nosso inocente Park está pegando o alfa mais cobiçado da escola -- olha pro baixinho maliciosamente, e só vejo as bochechas dele ganhar rubor.

- Então quer dizer que  o Park Inocente Virgem Jimin não existe mais?! -- pergunto chocada. -- Posso saber o nome desse misterioso alfa que ganhou o coraçãozinho do meu bebe?! 

- J.jeon J.jungkook -- fala baixinho, mas como essa serzinho aqui está bem atrás dele escutei muito bem.

Como posso explicar, eu nunca gostei do grupinho que o Taehyung tem, que é Jeon Jungkook ( um alfa lúpus) e Jung Hoseok ( outro alfa lúpus). Tenho uma leve rixa com esse grupo, quando descobrir que a S/N passou o cio com o Hoseok eu gritei com ela e depois com ele, e isso resultou um namoro de dois anos e meio, mês que vem eles completam três anos juntos. Mas isso foi graças a mim, eu sabia que ela tinha um crush por ele e ele por ela, então apenas fiz com que eles se juntassem.

E a minha história com o Jeon é quase a mesma do que a do Hoseok, Jeon tá pegando  o Jimin (Apenas pegando, beijos nada de Mais!Só isso, mas se ele ultrapassar isso ele pode se considerar um alfa morto). 

- OQUE JIMIN?! -- grito, e o baixinho se encolhe. Eu nunca aprovei com que o Jeon ficasse com o Jimin, mas o baixinho fala que é apaixonado por ele e vice-versa. 

- Calma Yoon, isso não é o fim do mundo não. -- S/N fala tentando me acalmar e acalmar  o menor que poderia chorar a qualquer momento.

- Se aquele alfa estragar o meu bebe, eu mato ele! -- bato na mesa forte, causando um barulho bem alto -- Oque ele fez com você? 

- E.ele me levou pra conhecer a casa dele e me apresentou aos pais deles.-- deu um sorriso, que se desfez quando viu minha cara que não era nada boa. -- Eu dormir lá na casa dele. -- Ook, isso ultrapassou dos limites.

 

Meu sangue ferveu, e a única coisa que fiz foi sair em disparada atrás do alfa que acabava com a inocência do meu bebe. Pisando bem forte, paro em frente do grupinho do alfa, que ria com os amigos e tento me acalmar pra não dar na cara do lúpus.

- Você,  -- aponto o dedo bem na cara dele -- se estragar a inocência do meu bebe, eu acabo com você.

Vocês não devem está entendendo nada né?! Bom, desde que me conheço como gente cuido do Jimin como se fosse um boneco de porcelana. Eu não era assim com a S/N, mas cuidava e protegia ela, quando o Jimin entrou nessa escola, na sexta série, alguns alfas ficavam rodeando ele porque o cheiro dele, que é de morango, podia sentir de longe. Foi aí que não me controlei e dei um soco na cara de um alfa que estava quase comendo o pobrezinho, mas vocês devem tá tipo: "Como uma omega tem uma força dessa?". Desde que tinha uns 7 ou 8 anos pedi pra fazer aulas de lutas, daí minha força.

Desde então não deixo nenhum alfa chegar perto do Jimin, mas parece que o coração dele está se apaixonando por aquele Jeon. Jimin fora assim, ingenuo/inocente, doce e principalmente fofo . Mas agora ficando com aquele alfa, toda inocência e ingenuidade vai por água abaixo.

- Calma, omegazinho -- debocha. -- Eu pretendo deixar o Minnie assim por um longo tempo, só até você arranjar um alfa e esquecer dele.

- Se você fizer alguma coisa com meu bebe, pode ter certeza Jeon Jungkook que acabo com sua vida.

- Eu não irei fazer nada com ele, eu sou completamente apaixonado por ele. -- Ele realmente disse essas palavras? Ok, eu não esperava isso dele. -- Como eu sei que o Jimin te acha muito importante e você tem um enorme carinho por ele, eu vou pedir o seu consentimento pra  namorar com ele. 

Em um momento minha raiva foi embora, esse alfa está realmente falando sério? Meu bebe vai ficar super feliz com isso, já imagino oque ele vai fazer.

- Vocês estão se pegando durante um ano, certo?

- Dois anos -- corrige. COMO ASSIM ESTÃO DOIS ANOS? O Jimin me deve uma explicação

- Tá, dois anos, está mais na hora de pedir ele em namoro. Eu devia te obrigar a casar com ele, mas eu infelizmente não sou a mãe dele. -- seco uma lágrima imaginária.-- Agora você, Hoseok, eu devia te matar mas não faço isso porque o besta do irmão da Kim que devia fazer.  -- fito Taehyung.-

 - E oque eu tenho haver com isso?! -- pergunta indignado 

- Você está transando com minha melhor amiga, que estão juntos a quase três anos e até agora não oque o Jeon aí acabou de fazer. Devia ter pedido o meu consentimento pra  ficar com minha Rapunzel, mas acho que o idiota e besta do irmão dela aceitou isso numa boa. -- Eu só xingo o Taehyung porque sei que ele não faria isso comigo, mas as vezes gosto de atentar o alfa.

- Hum.-- "Hum" Hoseok, você vai ver o "hum" daqui a pouco!

- Eu vou voltar pra  minha sala, mas quando for pra tá no refeitório vocês não encostam um dedo nos meus omegas, entenderam? -- Eles não respondem -- ENTENDERAM? -- grito e ele confirmam com a cabeça. 

Volto pra sala, que já se encontrava habituada por todos os alunos e o professor, ele não brigou comigo então posso dizer que esta de bom humor. Sento no meu lugar e o professor inicia a aula, ele só estava me esperando?

[...]

 Todas as aulas, que foram sucessivamente quatro, foram um inferno, mas não foi tão ruim assim. Eu e a Kim causamos um pequenos caos na aula de química, uma fumaça verde cobriu a sala inteira, tivemos que evacuar rapidamente. Eu e ela só conseguíamos rir, até o diretor - cujo é o meu padrinho - nos chamou até a sala dele. Sempre que tenho oportunidade, eu faço alguma coisa que acaba parando na sala do diretor. 

Isso resultou uma advertência pra cada uma, era a minha sexta só esse mês. E ele provavelmente irá ligar pros meus pais e falar oque eu fiz, então tenho que me preparar pra um surto vindo do Jae e da Soo Min.

(A.:Você ainda não se apresentou, faça isso logo! )

Como eu ai dizer, Sou a Min Yoongi, um omega original - um pouco diferente dos omegas que conheço. Tenho dois amigos omegas e um alfa - A Kim e o Park, Chan-yeol -, minha vida é normal - eu acho ;--;.  Meus pais são super protetores comigo, pelo fato de eu ser um omega bem difícil de achar. 

Eu não tenho oque contar muito sobre mim, só que tenho uma paixonite pelo KTH. Eu me apaixonei por ele quando fui a primeira vez na casa da S/N, Ele estava descendo as escadas olhei diretamente pra ele e meu coração errou até as batidas. 

Mas parando de falar sobre ele, eu já tive meu primeiro cio e passei sozinho por escolha dos meus pais. Sabe qual é o meu sonho?! Ser marcado pelo KTH, casar com ele e viver felizes pra sempre!

Mentira! Apenas o fato de ser marcado por ele, meus pais sempre tentam jogar algum alfa pra cima de mim e como não sou besta eu acabo com todas as esperanças que ele tem comigo.

A.||Que tal irmos pro Taetae?Acho que ele está esperando pra ser apresentado

P.O.V Kim Taehyung

Kim Taehyung, alfa lúpus como meus amados amigos e tenho uma paixonite pelo Yoongi. Como aquele omega conseguiu me deixar louco? Quando estou perto dele, tento me controlar pra não agarrar ele ali mesmo.  

Eu me apaixonei por ele quando finalmente conheci o famoso melhor amigo da S/N.

P.O.V Flash Black  

Hoje o amigo da S/N vai vir aqui e ela me pediu pra estar arrumado. Não entendi muito bem o motivo, mas quem sou pra contrariar Kim S/N. 

Quando terminei o banho escutei S/N gritar do primeiro andar pra me descer. E foi oque fiz, trajando uma calça moletom, chinelos nos pés, desci as escadas secando meu cabelo. E lá conheci o amor da minha vida.

— Taehy, esse é o Yoongi. Yoon esse é o Taehyung, meu irmão. - eu não prestei muita atenção no que ela falava, apenas olhava pra ele. Pelo cheiro doce dele, era um omega. — .... Então Tae, agora voce pode ir vestir uma blusa porque o gatinho aqui está com vergonha de ver seu abs.

— Ah-  eu  não percebi que está só de calça - tá bom. Qualquer coisa só chamar!

Com  muita 'vergonha' subi correndo pro quarto. Tranquei a porta e comecei a pensar no Yoongi, na boca dele, no corpo, em tudo! Foi ai que estava com uma ereção, e me aliviei pensando e gemendo o nome dele.

E cá estou eu pensando nele novamente, POR QUE YOONGI? POR QUE TIVE QUE ME APAIXONAR POR VOCÊ?!

Bateu o sinal, eu e os meninos fomos os primeiros a sair. Fomos até o refeitório - que estava cheio - pegamos nos lanches e advinham onde sentamos. EXATAMENTE! Na mesa onde está Yoongi, S/N e Jimin. Eles estavam rindo, pareciam que o assunto era bom.

Jhope sentou ao lado de S/N que já lascou um beijão nele, Jungkook ao lado de Jimin que deu uma leve corada, e sentei ao lado dele. 

— Estamos sobrando Taehyung. - Yoongi falou fazendo uma careta.

— Não, meu bem. - olho pro mesmo, que entendeu oque eu quis dizer. 

—  Ah Taehyung como te amo! - abriu os braços e se jogou em mim. 

— Voces estão juntos? - S/N pergunta chocada. Oque acontecerá se eu falar que sim?!

— Estamos, por que?  - Yoongi respondeu.

— MEU DEUS! -aumenta o tom e recebe alguns olhares, povo fofoqueiro —  Meu shippe é real!! 

E passamos o resto do intervalo assim, comendo rindo e brigando. Por insistência da SN, estamos acompanhando eles até a sala. 

No meio do corredor, um cheiro doce simplesmente invadiu minhas narinas e eu sabia muito bem de quem era aquele cheiro doce. Ele não pode, não nesse lugar cheio de alfas. 

— Y.yoongi. - tento me controlar, não posso atacar o garoto ali mesmo. 

— T.tae, me ajuda por favor. - fala sofrido e se pendura no meu pescoço. Arrepiei em sentir o nariz dele passando pelo meu pescoço.

— Eu não posso. 

— P.por favor. - geme.

 

 

 

 

 

Foda-se se os pais deles não gostem de mim, tenho que ajudar ele! Pego ele estilo noiva e saio em disparada da escola, esse alfas não podem mexer com ele.

 

 

 

 

 

 

Ele é meu !

 


Notas Finais


Aprovado pra continuar??

Gostaram?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...