1. Spirit Fanfics >
  2. Um pedido especial >
  3. Veio terminar comigo?

História Um pedido especial - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


VOLTEEEIIIII!

Estão gostando gente?
Fico muito feliz ao ler cada comentário de vocês!
Obrigada por tanto carinho!
Mil beijos!

Capítulo 8 - Veio terminar comigo?




William e Fátima foram pro hospital e conversaram com os três filhos que ficaram surpresos com a novidade envolvendo a vida profissional de seus pais.

— E quando vamos? — Vini perguntou.

— Bom filho, o Dr. Fabiano disse que é melhor irmos semana que vem. Ele quer te avaliar nesses próximos dias primeiro.

— Vamos todos? — Laura perguntou.

— Não sei filha, vocês duas querem ir? Talvez é melhor deixar o Vini ir primeiro pra se adaptar.

As meninas fizeram que sim e eles combinaram tudo. Iriam no fim de semana antes do Natal.

As meninas foram pra casa e restaram apenas Vinícius e seus pais ali.

— Tudo bem pai? Você parece tão sério, nervoso — comentou o jovem.

— Tudo sim filho. Não se preocupe comigo, o foco é você.

— Eu também já perguntei filho, ele não quer falar, mas a gente sabe que tem alguma coisa acontecendo — Fátima que lia um livro numa poltrona se intrometeu no assunto.

— Fala pai, assim como vocês estão aqui por mim eu também estou aqui por vocês.

William sorriu e se sentou na beirada da maca. Encarou o filho e sua ex-esposa que estava sentada na poltrona perto do Vinícius.

— Filho, a Natasha há três meses me pediu para fazermos o tratamento pra ela engravidar — o jovem mudou a feição, pareceu não gostar muito de ouvir o que acabou de ouvir — não fiquei muito feliz com esse pedido, mas mesmo assim resolvi refazer meus exames de fertilidade. Eu sou estéril agora, não tem mais possibilidade de eu ter filhos de novo.

—E ela não ficou feliz com isso?

— Ela está grávida — a apresentadora e o menino ficaram chocados e arregalaram os olhos totalmente surpresos com o que ouviram.

— Como? — Ele perguntou, mas logo entendeu tudo — Nossa pai, sinto muito. Como ela teve coragem? Nunca pensei que...

— Eu também não filho, mas estou tranquilo, no fundo eu sabia que esse casamento não ia mais durar muito tempo, uma pena eu ter que acrescentar traído no meu currículo de relacionamentos.

Os dois riram da brincadeira dele.

— Dedinho podre heim pai — disse Vinícius rindo.

O jovem levou um tapa da mãe no braço.

—AI MÃEE!

— Me respeita garoto. Comigo não teve dedo podre, né? — Fátima olhou pro seu ex-marido se garantindo. William assentiu sorrindo.

— Você é diferenciada mãe. É maravilhosa!

Os três ficaram conversando e depois de uns minutos Vinícius dormiu.

— Esta tudo bem mesmo?

— Sim, não se preocupe — Ela percebeu que ele não queria conversar sobre aquilo e resolveu mudar de assunto.

— William, amanhã você fica aqui com ele?

— Claro, na verdade vou fazer isso, dei o dia pra Natasha sair do apartamento.

— Pensei que fosse deixar pra ela.

— Não, comprei aquele apartamento no nome dos três.

— Entendi. Que esperto! — ela disse rindo de canto.

— Sensitivo, eu diria. Acho que já previa.

— Bobo, previa nada, se não nem tinha casado com ela.

Ele a olhou e concordou, porém mudou o assunto.

— Mas voltando ao assunto, o que vai fazer amanhã?

— Eu preciso ir assinar os documentos, Wesley me mandou uma mensagem explicando tudo. E preciso ir falar com o Tulio também.

Ele quis perguntar algo sobre como ficaria o namoro dela, mas não perguntou.

— Entendi, você pode ficar tranquila, não vou sair de perto dele.

Fátima sorriu e ficou encarando o filho. Já William ficou encarando ela. Se perguntou o que aconteceria, dali pra frente, com a vida dos dois. Não resistiu, questionou o que estava querendo saber.

— Ele vai aceitar ficar esses meses todos longe de você? Porque antes de eu ser surpreendido pela notícia da Natasha, disse a ela que ela não iria e ela detestou.

— Fiquei pensando, e o melhor é terminar com ele. Não vai dar certo, o Vinícius vai precisar de mim, da gente. Não é um tratamento fácil e eu não quero ter que ficar pensando num namorado que deixei no Brasil.

— Mas você gosta dele, tem certeza?

— Estamos mesmo tendo essa conversa? — ela estranhou, ele riu.

— Como o mundo gira. Até 5 dias atrás a gente mal conversava, agora te contei que fui traído e você me conta que vai terminar. Chocante!

Ela riu baixinho e empurrou ele.

— Mas é muito bobo mesmo. Só você pra me fazer rir.

Eles mudaram o foco da conversa e planejaram a viagem. William pegou o notebook e já comprou as passagens e disse que olharia uma casa no dia seguinte, com calma.

Depois cada um encostou em um lado do sofá e acabaram dormindo.

No outro dia, Fátima acordou com a enfermeira entrando no quarto as 5 da manhã.

— Desculpa, não queria acordar você, só vim aplicar a medicação dele.

Fátima sorriu e levantou indo ao banheiro. Estava com dor nas costas.

Pegou o celular, comprou uma passagem pra Brasília para ir depois do almoço e saiu dali sem acordar os dois. Foi resolver tudo com a Globo e na hora do almoço embarcou.

Mandou uma mensagem pra Tulio, pedindo para ele ir em casa, que ela estava lá esperando por ele.

Tulio chegou e ficou animado em ver ela. Foi logo querendo um beijo e ela se afastou.

— Tulio, não vim trazer boas notícias, nós dois precisamos conversar.

O pernambucano se afastou. Olhou pra ela já sabendo o que ela ia dizer.

— Você veio aqui pra terminar comigo?

— Sim, sinto muito — ela de nervoso derramou algumas lágrimas e enxugou logo o rosto — mas nesse momento eu não tenho cabeça para continuar com nosso relacionamento.

— Que isso amor?! Podemos continuar juntos. Não precisamos disso.

— Tulio, eu estou indo pra Boston com o Vinícius, sem previsão de volta. Estou saindo do meu trabalho, e eu não quero ter mais coisa pra pensar. Já é difícil a distância daqui até o Rio, ou Recife.

— Tem certeza Fátima?

Ela fez que sim. Ele estava inconformado.

— Se você acha que é a melhor opção, eu vou respeitar, mas quero deixar claro que não estou feliz com isso. Eu te amo, Fá. Vou sentir muito a sua falta e quem sabe nos encontramos de novo...

— Não, segue sua vida Tulio, não fique esperando por mim. Não é justo com você. Eu quero que você seja feliz.

Ela fez um carinho nos cabelos dele uma última vez e se despediu.

Chegou ao Rio à noite e resolveu postar alguma coisa pra tranquilizar as pessoas que acompanhavam o trabalho dela.

Agora que o susto passou, me senti na obrigação de agradecer aos muitos amigos e fãs que se preocuparam com meu filho, comigo e nossa família. Vinícius está bem, está se recuperando, porém requer um tratamento e reabilitação em outro país. Por isso, quero comunicar meu afastamento das minhas funções na Globo pelos próximos meses, meses esses em que dedico o meu tempo a um cuidado integral a meu filho. Agradeço a compreensão da empresa, visto que preciso e vou acompanhar meu filho no tratamento, e eles me liberaram. Isso, eu espero que seja um até breve. No mais, obrigada por tanto carinho comigo, meu filho e minha família.”

Resolveu que não enrolaria o término do namoro. Pegou uma foto antiga com Tulio, postou em preto e branco. “Com ele fui muito feliz, mas nesse momento o nosso caminho se separa. Eu sigo ao lado daquele que nesse momento precisa de mim em tempo integral. E ele segue o caminho dele. Terminamos bem, e torcendo um pelo outro. Espero que ele seja feliz, pois merece isso. Estou postando isso apenas em respeito aos muitos admiradores que conseguimos durante esses dois anos de relacionamento. Recebemos muito carinho e fico feliz com isso, agora só peço respeito. Fátima.”

Ela bloqueou os comentários das duas postagens. Não queria ter que ficar lendo nada do que seria comentado. 


Continua. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...