1. Spirit Fanfics >
  2. Um plano um tanto Hinata >
  3. Único;; Nós que lute!

História Um plano um tanto Hinata - Capítulo 1


Escrita por: e projetoallhina


Notas do Autor


Bom dia, preparados para uma oneshort crossover? Bom, aqui vamos para a fic praticamente Hinahina kkkkk ♥

Boa Leitura.

Capítulo 1 - Único;; Nós que lute!


Fanfic / Fanfiction Um plano um tanto Hinata - Capítulo 1 - Único;; Nós que lute!

Único, por Dattebassa.

O alarme que finalizava o final das aulas soou por toda escola. E nesse momento, dois amigos “charás” caminhavam preguiçosamente pelo colégio.

— Você vai pro’ do treino de vôlei hoje, Hina? — Indagou o ruivo, curioso.

— Só pra’ olhar né? Porque não tem condições de jogar com aqueles dois brigando o tempo todo. — A Hyūga bufou, com raiva.

Aff, é verdade! Aqueles dois não mudam! — Shouyou ficou pensativo. — Mas quer saber? Eu tive uma ideia!

— Aé? Pois espero que não seja uma daquelas ideias de girico que você tinha no quinto ano. — Ergueu as sombrancelhas.

— Ah para, não eram tão ruins assim! — Fez biquinho. — Mas enfim, vamos fazer o seguinte: vamos trancar esses dois no ginásio.

— Credo que clichê! Não tem uma ideia melhor não? — A morena fez uma careta.

— E o que você sugere então, gênia? — Debochou o ruivo.

— Bom, tem um site muito bom de dicas para juntar pessoas! — Retrucou certeira.

***

— Tá’, vamos começar pelo básico... — A Hyūga começou, atraindo a atenção do ruivo que apenas assendiu. — Existe algo... Que o Kageyama e o Sasuke tenham em comum? — Indagou, logo vendo o garoto abrir um sorriso e abrir a boca para falar. — Que não seja vôlei. — Repreendeu fazendo a expressão do garoto muchar e ele resolveu voltar a pensar.

— Bom, o Kageyama ama doces, é apaixonado por gatos com pelos... — O ruivo começou a citar.

— Isso é ruim... — Ela mordeu o lábio. — Sasuke odeia doces e até gosta de gatos mas... O gato dele é um sphynx¹... 

— Aí, que merda... — Shouyou pareceu se desesperar.

— Uma coisa oculta do Sasuke... Ele é apaixonado por animes e mangá. — Disse a Hyūga, simplista.

— É mesmo é?... Pera’... EITA PORRA! O KAGEYAMA TAMBÉM GOSTA! — Quase berrou de excitação.

— AÍ MEU DEUS, SÉRIO?! HINATA NÃO BRINCA COMIGO! — A morena estava tão eufórica como o mesmo.

— NÃO TÔ’ BRINCANDO CARA! — Os dois se olharam sorrindo um para o outro.

***

Hinata rodou a escola inteira, desesperada atrás do amigo. Até que finalmente o visualizou próximo ao refeitório, e não poupou o Uchiha da gritaria.

— SASUKEEEEE! — Gritou Hinata animada, correndo na direção do amigo.

— HINATAAAAAA! — O Uchiha gritou de volta, em tom de brincadeira.

Os dois se abraçaram com força, e o garoto a tirou do chão, rodopiando a amiga.

— Qual o motivo da animação? — Perguntou o moreno, sorrindo.

— Bom, eu queria te convidar para ir na sorveteria após a escola com o Shoyou e Kageyama-kun, o que acha? — O sorriso do Uchiha se desmanchou ao vê-la pronunciar o nome do moreno.

— Sinto muito Hina, você sabe que eu odeio aquele cara!

Aff Sasuke! — A garota bufou fazendo biquinho. — Eu sei que você não gosta dele, mas é só pra’ você ir comigo... Por favor, por favor, por favor! — Disse com um olhar pidão, e de cachorro sem dono.

Sasuke suspirou, massageando as têmporas. Ele já sabia que não tinha muita escolha.

— Aí, o que você não me pede sorrindo que eu não faço chorando? — Revirou os olhos, fazendo a Hyūga mudar sua expressão para um sorriso radiante.

— EEEBAAAA! — Ela pulou no moreno, muito feliz.

***

Shoyou fez o mesmo ao preocurar por Tobio, e o encontrou na quadra, completamente sozinho praticando vôlei.

— O que você quer? — O moreno perguntou sem paciência, com uma expressão de pura raiva, antes mesmo do ruivo começar a falar.

— Nossa, você é feio assim ou chupou limão? — Hinata provocou, fazendo Kageyama tremer em tique nervoso com o tamanho ódio que estava sentindo. — Enfim, eu e a Hina vamos com o Sasuke para a sorveteria, e você vai também.

Puff, até parece! Não iria se fosse apenas com vocês dois, imagina com esse idiota no meio! — Deu um sorriso debochado, rebatendo a bola para o outro lado da quadra deserta.

— Ah mas você vai! Ôh se vai! — O ruivo começou balançando a cabeça. — Porque se não for, vou contar pra’ tia Yoshido que em vez de estudar você pulou a janela e foi p’ro bailão com o Tsukishima e ainda colou em todas as provas. — Provocou, vendo Kageyama gelar dos pés a cabeça.

Humpf... Tudo bem... — Resmungou baixo o suficiente para apenas o ruivo ouvir.

Shoyou comemorou vitorioso.

***

Os dois estavam impacientes na frente da sorveteria, se perguntando quando os dois chegariam.

— Será que eles nos enganaram? — Hinata mordeu o lábio, preocupada.

— Eles não seriam malucos de fazer isso! — Rosnou Shoyou.

Logo os charás puderam notar no final da rua dois morenos brigando e se empurrando.

— É, eles não mudaram nada mesmo. — Hinata Hyūga disse em tom de reprovação.

Nós que lute para suportar esses dois na sorveteria. — O ruivo balançou a cabeça em negação.

Amado? Já tô’ sentindo que isso vai dar uma merda... — Hinata suspirou, um tanto hesitante com aquele plano.

***

Dito e feito, não deu um minuto de passeio e os dois já estavam quase destruído a sorveteria.

— O QUE VOCÊ DISSE EMO BAITOLA?! — Gritou Kageyama, com a voz embargada de puro ódio.

— Isso mesmo que você ouviu, carniça! — O outro moreno debochou gloriasamente, vendo Tobio trincar os dentes de raiva.

— E agora? O que a gente faz? — Shoyou tremeu, morrendo de medo.

— Agora?! Agora a merda já tá’ feita! — Rosnou a Hyūga, inconformada. — Vamos ter uma conversinha com os dois!

Logo os charás puxaram seus respectivos morenos pela orelha, os arrastando até um canto reservado.

— Qual o seu problema urubu rei?! Não consegue segurar esse seu fogo no cu nem por um dia?! — Não dava para negar que o ruivo estava irado.

— E você Sasuke?! Eu não esperava isso do herdeiro dos Uchihas! — Não muito diferente de Shoyou, Hinata bufou.

— A culpa é de vocês! Dá onde saiu essa ideia de girino de me levar para sair com esse... Esse... Esse desgraçado?! — Kageyama urrou de ódio na direção dos dois amigos.

— Isso não é óbvio?! Por que vocês dois não podem simplesmente se entender?! — Indagou a Hyūga, no mesmo tom do moreno.

— Simplesmente porque esse idiota nunca presta atenção em mim! — Os dois gritaram ao mesmo tempo, logo depois ficaram em choque por ambas as frases ditas.

Hinata e Shoyou se encararam, logo constatando a realidade.

— Ah, agora podemos entender finalmente! — A morena gargalhou, recebendo uma risada igual de Shoyou.

— Parece que os dois queriam a atenção um do outro no fim, e por isso viviam brigando. — O ruivo disse sorrindo, fazendo ambos corarem.

— É cara... Você sempre foi minha inspiração, eu só queria que você parasse de me ignorar... — Sasuke disse baixo, atraindo a atenção de Tobio.

— Bom mano... Você era o único que não parecia ficar impressionado com minhas habilidades então... Eu meio que também queria sua atenção... — Kageyama falou tímido, pela primeira vez. — Mas então, o que acha de ir no próximo evento anime comigo?

— Você gosta de anime?! — Os olhos de Sasuke brilharam com essa afirmação.

Shoyou e Hinata sorriram um para o outro.

— Pois é! Missão Hinata comprida! — Os dois comemoraram com um toque de mãos.

***

Os charás sorriram vendo os morenos conversando e rindo pacificamente enquanto iam para casa.

No fim, só faltava uma coisa: Shoyou criar coragem para chamar a Hyūga para sair, já que tinha se apaixonado por ela.

Eai Hina... Vamos pra’ minha casa maratonar série? — Shoyou disse tímido, fazendo a Hyūga olhar para ele.

— E você ainda pergunta? É claro! — Hinata sorriu, pegando na mão do ruivo e andando com ele no caminho de casa.



Notas Finais


Essa é uma oneshort bem levinha que tinha guardado no meu bloco de anotações. Fiz algumas correções e bom, tá aí. Espero que tenham gostado <3

Antes que eu me esqueça:

Sphynx¹ - É uma raça de gato sem pelo.
Ex: https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn%3AANd9GcQm0EKG8lAowcXwWcbJ7IGU-qX-HmfhM-DBmfw7tnaUAUdPC1iU


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...